daily menu » rate the banner | guess the city | one on oneforums map | privacy policy | DMCA | news magazine

Go Back   SkyscraperCity > Latin American & Caribbean Forums > Fóruns Brasileiros > Fóruns Gerais > Arquitetura e Discussões Urbanas



Reply

 
Thread Tools Rate Thread
Old April 7th, 2011, 04:27 PM   #1
longopr
Registered User
 
Join Date: Nov 2009
Posts: 14
Likes (Received): 0

[Curitiba] Demolição da Fábrica do Matte Leão

Teve início nesta semana a demolição da sede histórica da Matte Leão S.A, indústria que ocupava mais de um quarteirão na altura das avenidas Getúlio Vargas com João Negrão, no bairro Rebouças, em Curitiba. O terreno de 16,3 mil metros quadrados foi vendido pela família Leão para a Igreja Universal do Reino de Deus, no início de 2010. O valor estimado da transação foi de R$ 32 mi**lhões. No local será construída uma nova Catedral da Fé – a exemplo da erguida pela instituição na Avenida Sete de Setembro.

Desde seu fim anunciado, a derrubada da fábrica causa impressão entre arquitetos, historiadores e ex-funcionários da “Leão Júnior”. Para os experts em gestão de patrimônio, a liberação das picaretas vai na contramão das políticas mundiais de preservação da memória fabril, impulsionadas com o crescimento das cidades, diminuição de grandes áreas e ameaças contínuas de especulação imobiliária.

O espaço símbolo de “reciclagem” no Brasil é o Sesc Pompeia, em São Paulo, endereço operário transformado pela arquiteta Lina Bo Bardi em um dos entrepostos culturais da capital. A Matte Leão não teve a mesma sorte, à revelia de ter sido criada em 1901 e do lugar que ocupa no imaginário paranaense. Foi graças ao ciclo da erva-mate que o estado conheceu a pujança econômica e cultural no século 20, do qual os Leão eram símbolos incontestes.

O superintendente estadual do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, o Iphan, José La Pastina, lembra dos atentados em série à memória fabril em Curitiba, do qual o episódio Matte Leão, reconhece, é um dos mais lastimáveis. Ele cita o desaparecimento das fábricas de massas, como a Todeschini; e as de móveis, como a Cimo. E se confessa pouco otimista. “Eu diria que a proteção fabril estagnou.” A seu ver, uma saída seria manter uma parte das fábricas antigas funcionando, de forma subsidiada e artesanal, a exemplo da que ainda produz o uísque Jack Daniel’s, nos EUA.

Culpa de quem?

O não reconhecimento da Matte como patrimônio é demanda da fragilidade das políticas de preservação no município. Em vez de tombamento, o Ippuc aplica “alertas” na documentação de imóveis importantes ou os cadastra como “unidades de interesse”, as UIPs. Prédios dessa categoria podem ser alterados, o que não acontece nos tombamentos, desde que com acompanhamento.

É uma prática moderna. Na última década, porém, o Ippuc reduziu o poder de fogo e se tornou mais econômico na escolha de novas unidades – hoje perto de 700. Boa notícia, apenas, é o Iphan ter ganhado a custódia da paisagem ferroviária local – o que é uma garantia – e dois editais de pesquisa, um fabril e outro ferroviário, lançados pela Fundação Cultural.

Mas não foi o bastante. A venda da Matte Leão para a Coca-Cola e a transferência da empresa para Fazenda Rio Grande deixou o prédio centenário desprotegido. Ao ser vendido para a Universal, não era unidade de preservação, o que apressou seu destino.

A demolição, por ironia, frustra um projeto da própria prefeitura, pondo à mostra uma contradição do poder público. No início dos anos 2000, a Fundação Cultural (FCC) se mudou para um antigo moinho da Rua Piquiri, como modo de dar impulso ao SoHo Rebouças – projeto de revitalização da área. Incluir a Matte fazia parte dos planos.

Em meio aos impasses, a FCC se manifestou contra a demolição e avalizou o valor arquitetônico de pelo menos parte do prédio, com o qual a igreja poderia conviver sem penitência. Além da fachada da Getúlio Vargas, o historiador Marcelo Sutil, da FCC, destaca os trilhos de trem internos, as estruturas de madeira e os telhados – entre outros elementos passíveis de preservação. O parecer levou o Ippuc a carimbar um alerta na papelada ano passado, mas já era tarde.

O supervisor de Pla**nejamento do Ippuc, Ricardo Antônio Bin*do, admite que a decisão sobre o destino da Matte Leão “mexeu com os nervos” de seu gabinete. Mas que se trata de um impasse antigo, sobre o qual teve de fazer uma escolha de Minerva. Desde a década de 1970, com a criação da CIC e transferência de muitas empresas do Rebouças para lá, a prefeitura passou a ver no bairro operário um ponto estratégico para o desenvolvimento do Centro.

Ao pagar R$ 7 milhões a mais do que o avaliado, a Universal ficou com o terreno e com o poder de demolir a fábrica. É o que está fazendo. Incluindo a única parte que o Ippuc recomendou preservar – dois sobrados adendos, na esquina da Piquiri, com influência da arquitetura art déco. A igreja poderia usar dos benefícios dados a quem preserva. Até onde se sabe, dispensou a esmola.

Fonte: http://www.gazetadopovo.com.br/vidae...a-ser-demolida


Então, é uma pena que isso vai acontecer... tanta coisa boa poderia ser feita ali e ao invés disso vão construir mais uma aberração arquitetônica da IURD...
lamentável.
longopr no está en línea   Reply With Quote

Sponsored Links
 
Old April 7th, 2011, 04:53 PM   #2
Jdolci
JDolci
 
Jdolci's Avatar
 
Join Date: Nov 2008
Location: Curitiba - Brasil
Posts: 9,825
Likes (Received): 7302

A IURD não está nem um pouco interessada em benefícios fiscais e deduçoes.. mais do que ela já tem? ahaha

Nao sei também o que pensar sobre a idéia de se manter barracões industriais como um patrimônio histórico. Porque essa fábrica da Matte Leao por exemplo, nao tem nada de bonito ou interessante .. é um barracao igual a milhares de outros, e da rua só se ve uma grande parede tomando toda a quadra. Nao sei até que ponto isso é interessante do ponto de vista urbanistico.

Quanto ao terreno, é um desperdício enorme, tinha-se um projeto de construir um grande centro residencial/comercial no local que mudaria o perfil do bairro, mas a Igreja apareceu com milhoes a mais e levou o terreno.. É dureza competir com uma "organização" sem fins lucrativos e cheio de incentivos fiscais.

A fábrica que vai ser demolida é essa:

crédito

E esse é o projeto da nova igreja...


crédito
Jdolci no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 05:01 PM   #3
PauloLescaut
Registered User
 
PauloLescaut's Avatar
 
Join Date: Apr 2008
Location: Niterói
Posts: 11,951
Likes (Received): 2712

"Fim" exprime tudo.

Deveria haver uma comissão pública em todas as cidades contra esses atentados arquitetônicos.
PauloLescaut no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 05:18 PM   #4
brunosaqueti15
Mais de R$300,00
 
brunosaqueti15's Avatar
 
Join Date: Jan 2011
Location: Umuarama PR
Posts: 4,166
Likes (Received): 1913

Horrorosa, desculpe meu Deus!
brunosaqueti15 no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 05:24 PM   #5
Jdolci
JDolci
 
Jdolci's Avatar
 
Join Date: Nov 2008
Location: Curitiba - Brasil
Posts: 9,825
Likes (Received): 7302

hahaha nem tinha me atentado ao detalhe do fim ... ahaha mas é bem isso mesmo..
O assunto já anda mexendo com os brios de arquitetos da cidade, mas é como diz a reportagem, a prefeitura nao tem como obrigar a mudar o projeto ..

Para prefeitura, novo templo “não existe”
Grandiosidade


A contar pelas outras construções da Iurd no Brasil, o quarteirão do Rebouças será ocupado por uma espécie de “arquitetura de franquia”. Os edifícios religiosos da instituição seguem um mesmo padrão: estrutura simples, porém monumental, com acabamento em material nobre, como mármore, e detalhes que lembram castelos dos contos de fada.

O ecletismo de culto da Iurd – corrente neopentecostal que mescla elementos do protestantismo, catolicismo, crendices populares e cultos afros – se reflete nas construções, como se pode comprovar nos bancos de imagens da rede.

O supervisor do Ippuc, Ricardo Antônio Bindo, informa que a prefeitura não pode fazer quaisquer apreciações de juízo estético, por serem subjetivas, apenas dá orientações de caráter técnico, como recuo e altura. E que o projeto do novo templo da Universal, para o poder público, sequer existe. “Só o conhecemos extraoficialmente. Pode ter sido mudado”, frisa.

É justamente a estética grandiloquente da Iurd o que mais assusta profissionais do urbanismo. Como vai se instalar em uma quadra inteira – com folga a melhor de todo o bairro – tudo indica que a igreja vai ser uma atração em Curitiba, para o bem ou para o mal.

Vale lembrar que a arquitetura e arte pública kitsch se transformaram numa marca da cidade que ficou famosa pelo Cal*çadão da XV – quando ali havia o ousado equipamento urbano “roxo” de Abrão Assad. Depois vieram a Estátua da Liberdade da Havan, o David do Café Maria – hoje desaparecido – e a Travessa da Lapa, pelo conjunto da obra. A aposta é que a nova obra da esquina da Getúlio Vargas com a João Negrão vá se somar nessa lista imodesta.


--------

Mais imagens do local:




fonte e crédito
Jdolci no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 05:34 PM   #6
rpl
Cidadão do Mundo
 
rpl's Avatar
 
Join Date: Jun 2010
Location: Recife-PE
Posts: 1,566
Likes (Received): 1673

Por menor arquitetônico que os barracões da Matte Leão tivessem, ainda seriam melhores do que esse monstrengo kitsch saído do pesadelo de algum arquiteto de Miami. Curitiba não merecia isso.
rpl está en línea ahora   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 07:05 PM   #7
Danieldd
∂αη
 
Danieldd's Avatar
 
Join Date: Jul 2009
Location: Foz do Iguaçu
Posts: 2,599
Likes (Received): 118

Eu hein!!!Não tenho nada contra a igreja,más ela devia se adequar e fazer um projeto que combine com a cidade,e não fazer essa coisa gigante e horrivel!
__________________
Num é Nicole???
Próxima estação:Bonocô - MetroSal

Do Pólo Naval ao Cassino.Um voo inesquecivel na cidade do Rio Grande!

Escritório Green Hatch Foz do Iguaçu
Danieldd no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 07:22 PM   #8
renansanson
Registered User
 
renansanson's Avatar
 
Join Date: Dec 2008
Location: Curitiba-PR/Aventura-FL
Posts: 3,111
Likes (Received): 5163

Podia até ser um mero galpão, mas era uma construção com um potêncial arquitetônico enorme.

Agora vai dar espaço a uma outra construção que não representa ABSOLUTAMENTE NADA para a arquitetura. Ótima troca, hein?
renansanson no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 08:38 PM   #9
FloripaNation
Não creio no que não vejo
 
FloripaNation's Avatar
 
Join Date: Mar 2011
Location: Planeta Terra
Posts: 9,503
Likes (Received): 2543

Mas que troço medonho gente
FloripaNation no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 09:06 PM   #10
brunosaqueti15
Mais de R$300,00
 
brunosaqueti15's Avatar
 
Join Date: Jan 2011
Location: Umuarama PR
Posts: 4,166
Likes (Received): 1913

A igreja tem até heliponto!
brunosaqueti15 no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 09:37 PM   #11
fewg
MEA AUTEM BRASILIÆ MAGNI
 
fewg's Avatar
 
Join Date: Jun 2009
Location: A maior cidade pequena do mundo, SC
Posts: 6,022
Likes (Received): 1127

Assustador! Me sentiria mais longe de Deus entrando nisso.
__________________
Brasil, conserte-o ou deixe-o!
fewg no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 09:49 PM   #12
Leo Spaghetti
Registered User
 
Join Date: Nov 2010
Posts: 172
Likes (Received): 0

Gente, aqui em São Lepoldo RS os alunos das duas universidades de arquitetura da região se uniram e fizeram um abaixo assinado contra o novo predio que seria em "estilo enxaimel".

Depois com ajuda de grupos como IAB, ICOMUS, CREA, o DCE da Unisinos, começaram a publicar uma serie de artigos nos meios de comunicação, protestando contra a falsa arquitetura e explicando porque ela seria ruim para cidade.

Todo o material produzido foi protocolado na camara de vereadores que convocou uma adiencia publica para debater o tema.

Por fim todo esse material foi encaminhado a promotoria do meio ambiente, que não cuida só do meio ambiente como natureza, ecologia, mas cuida tambem do meio ambiente paisagistico, a imagem da cidade.

Diante disso a prefeitura recuou e alterou o projeto, chegando a uma solução que se não é o primor da arquitetura, pelo menos não é o ridículo.





Enfim gente, com mobilização, dedicação, dá pra conseguir ganhos significativos...A gente pode não mudar o mundo, mas a gente pode mudar o nosso bairro!

Last edited by Leo Spaghetti; April 7th, 2011 at 09:56 PM. Reason: imagens
Leo Spaghetti no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 10:01 PM   #13
Jdolci
JDolci
 
Jdolci's Avatar
 
Join Date: Nov 2008
Location: Curitiba - Brasil
Posts: 9,825
Likes (Received): 7302

Pois é...
isso é algo que sempre me questionei.. Os profissionais de Arquitetura estão sempre entre os primeiros a criticar os projetos nacionais, com argumentos altamente convincentes ..
Também depois de muita luta os arquitetos conseguiram se separar do CREA e ter sua propria entidade representativa.
Se é assim, porque eles nao se organizam em prol da defesa de sua profissão em casos como esses, mais grave?
Faça-se como fizeram aí em sua cidade, mostrem com argumentos porque tal projeto poderia prejudicar o urbanismo, a qualidade visual da cidade.. entrem com abaixo assinado na Camara de vereadores, ou dêem assessoria de modo que possa se conciliar o desejo da pessoa que banca a obra com noções estéticas agradáveis... sei lá.. to chutando mil opções..
Mas os arquitetos nao conseguem sequer chegar a um acordo entre si... cansei de ver debates entre eles sobre o que é bonito e o que é feio.. entao.. se nem os profissionais que estudam anos sobre o assunto conseguem reagir contra esse movimento de "bregalização" de nosso país .. acho que nao podemos reclamar se tais absurdos proliferarem em nossas cidades.
Jdolci no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 10:03 PM   #14
Osmar Carioca
Registered User
 
Osmar Carioca's Avatar
 
Join Date: Sep 2008
Location: Rio de Janeiro
Posts: 23,192
Likes (Received): 6401

Que projeto medonho! Curitiba vai ficar mais feia depois da construção do novo "templo" do IURD.
Osmar Carioca está en línea ahora   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 11:17 PM   #15
Joseluis32
BANNED
 
Join Date: Mar 2010
Location: Cascavel
Posts: 6,256
Likes (Received): 6

A fábrica vai continuar em Curitiba ou vai para outra cidade?
Joseluis32 no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 11:26 PM   #16
Tiago Domiciano
Avatar compacto
 
Tiago Domiciano's Avatar
 
Join Date: Feb 2011
Location: Curitiba, PR
Posts: 3,977
Likes (Received): 4752


Segundo a reportagem, a empresa foi comprada pela Coca-Cola e instalada em Fazenda Rio Grande.

Sinceramente, é lamentável. Os líderes da IURD são tão simples que adquiriram um patrimônio histórico na melhor região do Rebouças para a construção da "catedral" - que terá até heliponto - sendo que já existe uma bem na Sete de Setembro. Não é questão de julgar: qualquer um observa isso, claramente.
Tiago Domiciano no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 11:30 PM   #17
Tiago Domiciano
Avatar compacto
 
Tiago Domiciano's Avatar
 
Join Date: Feb 2011
Location: Curitiba, PR
Posts: 3,977
Likes (Received): 4752

Quote:
Originally Posted by PauloLescaut View Post
"Fim" exprime tudo.

Deveria haver uma comissão pública em todas as cidades contra esses atentados arquitetônicos.
A cada dia acho que isso é necessário. Evitaria a construção muitos neos aqui em Curitiba (ou não).
Mas como a "apreciação de juízo estético é subjetiva"...Enfim, a Havan terá um "primo arquitetônico".
Tiago Domiciano no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 11:40 PM   #18
Leo Spaghetti
Registered User
 
Join Date: Nov 2010
Posts: 172
Likes (Received): 0

"apreciação de juízo estético é subjetiva"
Sim é verdade, na real nós estudantes de arquitetura perdemos na justiça, o juiz disse o seguinte: "arquitetura é que nem o ditado popular, gosto não se discute"

Entretanto a publicidade negativa gerada nos meios de comuniação por várias classes representativas terem se posicionado contra ao projeto motivou que os proprios autores recuassem.

Enfim, eles decidiram mudar pq naum queriam ter o edificio deles marcado como algo que gerou protesto popular e mesmo assim foi feito...

Eu acho q vcs deveriam entrar em contato com os Das das universidades de arquitetura de curitiba, com o IAB, e começar a escrever artigos pros jornais, jornalista ADORA um barraco, hehehehe

Enfim, sorte pra vcs!
Sabe, fora do brasil existem paises que tem conselhos de estética, q que avaliam ate o revestimento que vai ser usado, se ele naum danifica a paisagem...
Leo Spaghetti no está en línea   Reply With Quote
Old April 7th, 2011, 11:46 PM   #19
eduardoazul
Embaixador de Castelo.
 
eduardoazul's Avatar
 
Join Date: Aug 2007
Location: Rio de Janeiro/Castelo
Posts: 8,747
Likes (Received): 4175

Eça igreja universal de arrecadassão de dinheiro usando lavagem cerebál sempre faz essas picaretagens, já perdí as contas de cinemas maneros que ela transformô em comercio(dafé) com a complacência do poder púbico.
Ainda bem que aquí nurríu ela não pode + fazê isso por uma belalei que criaram para impedir que continuaçe a farra do maiscedo!!!
__________________
************************
Castelo em Milhares de Fotos!
eduardoazul no está en línea   Reply With Quote
Old April 8th, 2011, 01:23 AM   #20
aleochi
carioca
 
aleochi's Avatar
 
Join Date: Jun 2008
Location: Rio [ ] Maceió [x]
Posts: 6,748
Likes (Received): 764

Eu nao entendo uma coisa: A sede da IURD, no Rio, que é a maior de todas e deveria servir como base e inspiração para todas as outras que fossem construídadas (Como é na igreja católica, por exemplo), é COMPLETAMENTE diferente, única, distante de qualquer outro templo da Universal.
Esse projeto pra Curitiba praticamente é o mesmo usado em todas as outras cidades do Brasil, só mudaram alguns detalhes.

"Templo Maior", sede da Universal, no bairro de Del Castilho, zona norte do Rio:



Se forem usar esse troço aqui em cima para comparar, ele se torna até bonitinho.
Ps.: Sempre ao ver esse templo maior tenho medo que se um dia a Universal continuar crescendo nesse ritmo, vai chegar o dia em que eles vão ampliar o templo e "finalizar a bola", que por enquanto está na metade. Vao comprar tudo e até mudar o traçado da linha férrea (ou quem sabe comprar a supervia e transfirir a Central do Brasil pra là)...
__________________
RIO
DE
JANEIRO

Last edited by aleochi; April 8th, 2011 at 01:29 AM.
aleochi no está en línea   Reply With Quote


Reply

Thread Tools
Rate This Thread
Rate This Thread:

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off



All times are GMT +2. The time now is 03:42 PM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.8 Beta 1
Copyright ©2000 - 2014, vBulletin Solutions, Inc.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like v3.2.5 (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

vBulletin Optimisation provided by vB Optimise (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us | privacy policy | DMCA policy

Hosted by Blacksun, dedicated to this site too!
Forum server management by DaiTengu