daily menu » rate the banner | guess the city | one on oneforums map | privacy policy (aug.2, 2013) | DMCA policy | flipboard magazine
Old May 23rd, 2012, 08:39 PM   #2521
Skybord
Registered User
 
Join Date: Jun 2007
Location: Toledo / Curitiba
Posts: 1,547
Likes (Received): 717

Quote:
Originally Posted by Barba View Post
Hahahaha não né.

Mas o que todo mundo reclama e há razão é que estamos cada vez mais egoístas, ou seja, se incomodar a nossa casa, reclama. Se for na casa do vizinho, se for na rua de trás, se for onde nem moro, daí que se dane, eles que reclamem.... e assim continua...

Enquanto o povo inteiro não dar valor a tudo que tem, vai ficar assim. Países com povos que tem essa consciência lutaram pela sua terra, por isso valorizam...
E como, uma das coisas que mais me deixa p... aqui é que mesmo aqueles que consideramos inteligentes e pessoas boas estão ficando assim, "cagando" e cegos.

Ano passado meus pais compraram um carro novo, importado, e eu também estava querendo comprar um, até que o governo decidiu aumentar o IPI, fiquei p... da cara sai reclamando e meu pai pediu pq. Falei para os meus pais que era sacanagem, que o mesmo carro que eles pagaram 57 mil agora ia para 65. Eles responderam assim: "Oba, agora então o nosso carro vale mais" Quase tive um treco!!!
Skybord no está en línea  
Old May 23rd, 2012, 08:45 PM   #2522
Squibb
freiheit über alles
 
Join Date: Mar 2006
Location: Francisco Beltrão/PR
Posts: 15,238
Likes (Received): 29194

agora nosso carro vale mais. hahahaha

isso me lembra o povo q tem uma casa e ficou feliz pq valorizou td os imóveis nos últimos 10 anos. a casinha que valia 100 pila em 2004, agora vale 400.

o coitado acha que enricou.

huahuahua

EDIT:

pra aproveitar o mesmo post e não poluir tanto apágina, vou deixar a leitura economica do dia, pra qm tiver interesse.

http://blogs.estadao.com.br/ethevald...istro/#respond
http://blogs.estadao.com.br/celso-mi...rbina-pibinho/

http://www.economist.com/node/21555588 < interessante. very very very fking int.
__________________
"Economic growth is produced when a society saves money and invests the savings wisely. It is not quantity of investment that matters most, but quality. Government is capable neither of saving nor investing, much less investing wisely"
Francisco Beltrão - Paraná [2007] -=-=- Francisco Beltrão - Paraná [2010].

Last edited by Squibb; May 24th, 2012 at 12:15 AM.
Squibb no está en línea  
Old May 24th, 2012, 01:02 AM   #2523
Skybord
Registered User
 
Join Date: Jun 2007
Location: Toledo / Curitiba
Posts: 1,547
Likes (Received): 717


Valeu pelos textos Squibb, são muito bons.
Skybord no está en línea  
Old May 24th, 2012, 01:37 AM   #2524
[email protected]_Cwb
Guarapuava | Curitiba
 
P@ssageiro_Cwb's Avatar
 
Join Date: Jun 2008
Posts: 11,386
Likes (Received): 11614

Opa, gostei da idéia. Segue minhas recomendações de leitura:

BC Admite preocupação com instabilidade do dólar

Custo de trabalhador é de até 183% do salário

Boletim regional do BC indica inadimplência crescente

Brasileiros usam até 45% da renda para pagar dívidas

E o telefone do CVV: 141.

Edit: no jornal da Band, Joelmir Beting afirma que governo inverteu a biruta e agora a ordem é baixar o dólar porque "descobriram" que o dólar alto causa mais estragos que dólar baixo portanto se espera que a partir de junho, o dólar opere abaixo de R$1,90... Agora falta só "descobrirem" o resto.

Last edited by [email protected]_Cwb; May 24th, 2012 at 02:00 AM.
P@ssageiro_Cwb no está en línea  
Old May 24th, 2012, 01:39 AM   #2525
[email protected]_Cwb
Guarapuava | Curitiba
 
P@ssageiro_Cwb's Avatar
 
Join Date: Jun 2008
Posts: 11,386
Likes (Received): 11614

Região Sudoeste do Paraná terá R$ 130 milhões em investimentos em obras rodoviárias

A região Sudoeste será contemplada com investimentos de R$ 130 milhões em obras rodoviárias. O Programa Estadual de Recuperação e Conservação de Estradas (PERC), executado pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER), vai investir R$ 110 milhões para atender toda a malha viária da região. O restante dos recursos – R$ 16 milhões para obras de pavimentação poliédrica e R$ 4 milhões em massa asfáltica – será aplicado pelos municípios por meio de convênio com o Estado.

O primeiro segmento do programa está voltado para a conservação de pavimentos, com investimento de R$ 291 milhões. O segundo refere-se à conservação e recuperação descontínua, com investimento de R$ 410 milhões na melhoria do estado do pavimento. E a terceira parte está destinada à conservação da faixa de domínio, com investimento de R$ 140 milhões.

Outros recursos, da ordem de R$ 19,5 milhões, serão aplicados em programas de recuperação e modernização da malha estadual, dirigidos especificamente para o setor de segurança e sinalização rodoviária, informa o diretor do DER.

Também estão previstos recursos para a recuperação de pontes, patrulhas rodoviárias e outros projetos para atender situações particulares das estradas paranaenses. O investimento em todos os programas chega a R$ 1,253 bilhão

http://www.bemparana.com.br/noticia/...-investimentos
P@ssageiro_Cwb no está en línea  
Old May 24th, 2012, 01:47 AM   #2526
[email protected]_Cwb
Guarapuava | Curitiba
 
P@ssageiro_Cwb's Avatar
 
Join Date: Jun 2008
Posts: 11,386
Likes (Received): 11614

Paraná começa abrir nova fronteira agrícola

A tecnologia de integração lavoura-pecuária e floresta pode recuperar 2 milhões de hectares de pastos degradados no arenito Caiuá, abrindo uma nova fronteira agrícola no Paraná. Fazendas que adotaram o sistema conseguiram aumentar a lotação média nos pastos de um para até quatro animais por hectare, reduzindo o tempo de abate de 42 para 24 meses. Ouça comentário no CBN Agronegócio aqui

http://colunas.globorural.globo.com/...eira-agricola/
P@ssageiro_Cwb no está en línea  
Old May 24th, 2012, 02:55 AM   #2527
rbma
Rodrigo
 
rbma's Avatar
 
Join Date: Dec 2010
Location: Foz do Iguaçu
Posts: 4,675
Likes (Received): 7283

Gostei muito da discussão político-econômica aqui no fórum. Irretocável o comentário do pessoal, muito bom!

Vai aqui uma reflexão sobre a construção de usinas hidrelétricas ao longo do Rio Iguaçu, o que vem afetando sobremaneira a vazão das cataratas em períodos de seca:











A boa notícia é que aqui está chovendo desde cedo, mas não sei ao longo do Rio Iguaçu. Desenvolvimento econômico x meio ambiente, é questão a ser pensada...

http://www.h2foz.com.br/fotos/seca-n...atas-do-iguacu
__________________
rbma no está en línea  
Old May 24th, 2012, 03:00 AM   #2528
rbma
Rodrigo
 
rbma's Avatar
 
Join Date: Dec 2010
Location: Foz do Iguaçu
Posts: 4,675
Likes (Received): 7283

Quote:
Originally Posted by josinei View Post
E a nova crasse média, que teve acesso ao carnê mas ainda não aprendeu a fazer conta, ta enrascada.
Na hora lembrei de uma reportagem que vi ontem, via link do site de um consórcio. Nem o gestor de patrimônio salvou a guria! Traduz bem o que vc falou:

http://g1.globo.com/autoesporte/vide...carro/1935127/
__________________
rbma no está en línea  
Old May 24th, 2012, 03:40 AM   #2529
Squibb
freiheit über alles
 
Join Date: Mar 2006
Location: Francisco Beltrão/PR
Posts: 15,238
Likes (Received): 29194

me perdoe discordar rbma, mas mesmo desconsiderando os infindáveis benefícios das hidrelétricas ao longo do iguaçu, elas servem muito mais pra regular a vazão do rio, do que pra secá-lo.

não fossem as hidrelétricas, o iguaçu já tava seco há tempos, pois a água que tá vindo agora, é o que tá passando nos geradores.
__________________
"Economic growth is produced when a society saves money and invests the savings wisely. It is not quantity of investment that matters most, but quality. Government is capable neither of saving nor investing, much less investing wisely"
Francisco Beltrão - Paraná [2007] -=-=- Francisco Beltrão - Paraná [2010].
Squibb no está en línea  
Old May 24th, 2012, 03:58 AM   #2530
josinei
Registered User
 
Join Date: Jan 2010
Location: Curitiba
Posts: 12,222
Likes (Received): 20361

Quote:
Originally Posted by [email protected]_Cwb View Post
Paraná começa abrir nova fronteira agrícola

A tecnologia de integração lavoura-pecuária e floresta pode recuperar 2 milhões de hectares de pastos degradados no arenito Caiuá, abrindo uma nova fronteira agrícola no Paraná. Fazendas que adotaram o sistema conseguiram aumentar a lotação média nos pastos de um para até quatro animais por hectare, reduzindo o tempo de abate de 42 para 24 meses. Ouça comentário no CBN Agronegócio aqui

http://colunas.globorural.globo.com/...eira-agricola/
15 anos atrás teve uma capa da Gazeta com o mesmo título. De lá pra cá quase nada mudou. Essa tentativa de tornar o arenito caiuá mais produtivo começou por volta de 96/97.

A tecnologia foi desenvolvida. A questão é que os proprietários ainda são os mesmo velhinhos que não são muito abertos a novas tecnologias. E nas propriedades cujos velhinhos já morreram, os filhos arrendaram as terras para as usinas de álcool e açúcar.

As reportagens de 96/97 não, mas achei uma da gazetona de 2008.

Nova esperança para a última fronteira
josinei no está en línea  
Old May 24th, 2012, 04:17 AM   #2531
josinei
Registered User
 
Join Date: Jan 2010
Location: Curitiba
Posts: 12,222
Likes (Received): 20361

Quote:
Originally Posted by Squibb View Post
me perdoe discordar rbma, mas mesmo desconsiderando os infindáveis benefícios das hidrelétricas ao longo do iguaçu, elas servem muito mais pra regular a vazão do rio, do que pra secá-lo.

não fossem as hidrelétricas, o iguaçu já tava seco há tempos, pois a água que tá vindo agora, é o que tá passando nos geradores.
Mas faz algum sentido o que ele disse Squibb.

O nível dos reservatórios das usinas do Iguaçu estava baixíssimo, pois o verão foi muito seco. As usinas estavam trabalhando inclusive com várias turbinas desativadas, o que faz passar uma vazão menor para a foz.

Quando dá uma chuvarada no alto iguaçu (região de Curitiba), como deu há algumas semanas uma de 100mm em um dia, essa água é praticamente toda represada em Foz do Areia (que fica um pouco à jusante de União da Vitória) para recomposição do reservatório.

Se não houvesse nenhuma barragem, esse aguaçero ia direto pras cataratas. O mesmo aconteceria se os reservatórios estivessem quase cheios, pois teriam que abrir os vertedouros. 100mm em um dia numa área grande é água pra cassete.

E a partir de Foz do Areia eles vão regulando a vazão para manter os reservatórios das usinas à jusante numa posição confortável. Como agora os resevatórios estão vazios, ta passando nas cataratas praticamente somente a vazão das turbinas da última usina, que é Salto Caxias.

Resumindo: deu uma chuva em Curitiba, mesmo que não muito significativa, a água fica represada e continua indo pras cataratas só o mijinho que passa pelas turbinas.
josinei no está en línea  
Old May 24th, 2012, 04:41 AM   #2532
Squibb
freiheit über alles
 
Join Date: Mar 2006
Location: Francisco Beltrão/PR
Posts: 15,238
Likes (Received): 29194

sim. é uma tese. mas pela lógica é errada

se não houvessem usinas, em períodos de seca prolongada, as cataratas secariam, do mesmo modo, quando chovesse, as cataratas atingiriam valores muito maiores que os até 10 milhoes de m³ que atingem atualmente.

atualmente, quando chove muito, enche os reservatorios. se parar de chover por 1 ano, mas os reservatorios estiverem cheios, ainda continuará a ter água nas cataratas. se não houvesse a usina, não haveria água. simples assim.

as usinas são indiscutivelmente reguladoras da vazao. quando chove muito elas retem água. quando chove pouco elas continuam a liberar água.

se marcassemos a vazao diaria das cataratas, veriamos com toda certeza que o desvio padrao seria muito menor com usinas, q sem elas.
__________________
"Economic growth is produced when a society saves money and invests the savings wisely. It is not quantity of investment that matters most, but quality. Government is capable neither of saving nor investing, much less investing wisely"
Francisco Beltrão - Paraná [2007] -=-=- Francisco Beltrão - Paraná [2010].
Squibb no está en línea  
Old May 24th, 2012, 05:21 AM   #2533
josinei
Registered User
 
Join Date: Jan 2010
Location: Curitiba
Posts: 12,222
Likes (Received): 20361

Com certeza essa sua teoria faz sentido.

A questão é numa época como a que estamos agora, que sucede uma seca.
As chuvas que caem vez ou outra na bacia do iguaçu não estão chegando nas cataratas. Ela fica sempre com aquela vazão mirradinha.

Mas com certeza, analisando um período mais longo, as barragens tendem a regular a vazão do rio.
josinei no está en línea  
Old May 24th, 2012, 02:54 PM   #2534
Barba
Registered User
 
Barba's Avatar
 
Join Date: Dec 2011
Location: Curitiba
Posts: 9,464
Likes (Received): 8870

Quote:
Originally Posted by [email protected]_Cwb View Post
Opa, gostei da idéia. Segue minhas recomendações de leitura:

BC Admite preocupação com instabilidade do dólar

Custo de trabalhador é de até 183% do salário

Boletim regional do BC indica inadimplência crescente

Brasileiros usam até 45% da renda para pagar dívidas

E o telefone do CVV: 141.

Edit: no jornal da Band, Joelmir Beting afirma que governo inverteu a biruta e agora a ordem é baixar o dólar porque "descobriram" que o dólar alto causa mais estragos que dólar baixo portanto se espera que a partir de junho, o dólar opere abaixo de R$1,90... Agora falta só "descobrirem" o resto.
Essa questão que eu pus em negrito é algo que deve ser mudado. Não é possível ainda que haja um custo tão grande em um funcionário. Daí esses 83% a mais que o cara não recebe vão para onde?

Quote:
Originally Posted by josinei View Post
Com certeza essa sua teoria faz sentido.

A questão é numa época como a que estamos agora, que sucede uma seca.
As chuvas que caem vez ou outra na bacia do iguaçu não estão chegando nas cataratas. Ela fica sempre com aquela vazão mirradinha.

Mas com certeza, analisando um período mais longo, as barragens tendem a regular a vazão do rio.
Olhando no período longo, talvez as barragens sejam um bode expiatório de algo natural. Secas e cheias são algo que sempre ocorreram, desde o tempo quando só tinha índio correndo pelas matas paranaenses.
Barba no está en línea  
Old May 24th, 2012, 04:18 PM   #2535
vilarecife
Humildade
 
vilarecife's Avatar
 
Join Date: Dec 2010
Location: PR
Posts: 1,176
Likes (Received): 403

Paraná gera mais de 20.923 empregos em abril e tem o melhor desempenho da Região Sul

Centro Sul – O Paraná gerou em 20.923 empregos com carteira assinada em abril, um crescimento de 0.82% em relação ao estoque de assalariados no mês anterior, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) divulgados nesta quinta-feira (17). É o terceiro estado brasileiro que mais abriu empregos formais no mês, depois de São Paulo (85.346) e Minas Gerais ( 28.886).

O Paraná também se mantém líder da Região Sul. Santa Catarina gerou 7.919 postos de trabalho no mês e o Rio Grande do Sul, 14.163 empregos. A Região Metropolitana de Curitiba registrou acréscimo de 6.100 empregos formais com um crescimento de 0,59% em relação a março.

Nos quatro primeiros meses do no, houve acréscimo de 68.025 postos de trabalho, aumento de 2,72%. Nos últimos 12 meses, houve um crescimento de 4,82% no nível de emprego com a geração de 118.156 postos de trabalho.

SETORES – A Indústria de Transformação foi o setor que mais contratou em abril com um saldo de 6.147 postos de trabalho Em seguida, aparece o setor de Serviços com 5.249. O setor Agropecuário gerou 3.969 postos, enquanto o Comércio criou 3.207 vagas e a Construção Civil, 1.794 postos.

Segundo o secretário do Trabalho, Emprego e Economia Solidária, Luiz Claudio Romanelli os números mostram que o Paraná melhorou o desempenho registrado nos meses anteriores, passando da quarta posição na geração de empregos em março, para a terceira colocação no ranking dos estados, em abril e o primeiro entre os três estados do Sul. “ Há confiança dos empresários e segurança institucional, graças ao bom ambiente de negócios implantado no governo Beto Richa ”, analisa.

Para Romanelli, os números do IBGE sobre o emprego industrial também revelam que enquanto no país houve retração na produção industrial em março, o índice do Paraná foi o melhor do Brasil. “ A economia paranaenses vai bem. Os dados do Caged revelam a geração de quase 21 mil empregos no mês de abril, com crescimento significativo na geração de empregos nos setores da indústria de transformação e na agropecuária. A pesquisa do IBGE, divulgada dias atrás já havia mostrado que o Paraná foi o estado que mais cresceu na geração de empregos no setor industrial do país, em março, com crescimento de 3,2% em relação ao mesmo período do ano passado. Enquanto a maioria dos estados apresenta resultados negativos, no Paraná o crescimento do parque industrial nos três primeiros meses do ano foi de 4%”, analisa.

BRASIL – Em todo o País, o Caged registrou em abril a criação de 216.974 empregos formais, o que corresponde ao crescimento de 0,57% em relação ao estoque do mês anterior. O saldo é o maior de 2012 e demonstra a manutenção da trajetória de expansão dos postos de trabalho formais. Pela primeira vez no ano foi verificado crescimento em todos os oito setores da economia.

No acumulado do ano, há um acréscimo de 702.059 postos de trabalho, ou a expansão de 1,85% no estoque de empregos. Nos últimos doze meses, o crescimento foi de 4,64%, equivalente à criação de 1.713.410 postos de trabalho. No período de janeiro de 2011 a abril de 2012, foi registrado um saldo de 2.706.201 novos postos de trabalho, o que significa um aumento de 7,54%.

Texto: Ascom SETS

http://www.hojecentrosul.com.br/cida...da-regiao-sul/
vilarecife no está en línea  
Old May 25th, 2012, 01:57 AM   #2536
shiroshima
Paranavaiense/Curitibano
 
shiroshima's Avatar
 
Join Date: Nov 2010
Location: Curitiba
Posts: 3,949
Likes (Received): 572

Bares e restaurantes do PR reduzem preços em protesto contra impostos
Refeições serão isentas de tributos e vão custar 32% a menos, na sexta (25).
Mobilização marca Dia de Respeito ao Contribuinte; veja lista.

Dezessete bares e restaurantes de Curitiba vão reduzir os preços de alguns pratos nesta sexta-feira (25), em protesto contra incidência de impostos no Brasil. As refeições ficarão isentas de tributos e custarão 32% a menos.
A manifestação marca o Dia Nacional de Respeito ao Contribuinte, comemorado na data.

O impostômetro da Associação Comercial do Paraná (ACP) indica que o brasileiro pagou mais quase R$ 600 bilhões, de janeiro a maio deste ano.

“O objetivo da ação é conscientizar a sociedade para a alta carga tributária presente em todos os produtos que consumimos, já que não temos serviços públicos de qualidade que justifiquem os altos impostos”, explicou o vice-presidente da ACP Monroe Olsen.
Cada restaurante parceiro irá disponibilizar uma refeição com preços menores. “Alguns deles vão inclusive descontar os impostos das bebidas, que são ainda maiores”, acrescentou o vice-presidente. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT) a carga tributária da água mineral chega a 44,55% do preço do produto.

ara Délio Canabrava, proprietário de quatro estabelecimentos da capital, a redução dos tributos teria grande efeito sob o crescimento do Brasil, mas não é a única medida necessária para tornar o país justo. “Mais do que diminuir os impostos, é preciso gerir bem o dinheiro público. Queremos alertar também contra o desperdício, contra a má administração de recursos e contra a corrupção”, concluiu.
O restaurante Girassol, em Palmeira, na região dos Campos Gerais, também irá participar da mobilização.

Fonte e lista dos restaurantes: http://g1.globo.com/parana/noticia/2...-impostos.html
shiroshima no está en línea  
Old May 25th, 2012, 02:05 AM   #2537
shiroshima
Paranavaiense/Curitibano
 
shiroshima's Avatar
 
Join Date: Nov 2010
Location: Curitiba
Posts: 3,949
Likes (Received): 572

Paraná faz parceria com região italiana para intercâmbio de tecnologia - 24/05/2012 15:37

Os governos do Paraná e da região da Toscana, na Itália, assinaram nesta quinta-feira carta de intenções para intercâmbio cultural, acadêmico e empresarial. Segundo a proposta apresentada pelo governo da Toscana, durante três meses a estrutura governamental e acadêmica daquela região vai estar à disposição de brasileiros, numa espécie de etapa piloto da parceria.

O secretário da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Alípio Leal, disse que as três principais áreas para o intercâmbio serão tecnologia e inovação, biomedicina (vacinas) e energias inteligentes (smart grid). O chefe da comissão italiana, Gianfranco Simoncini, secretário para Atividades Econômicas, Emprego e Capacitação da Toscana, disse que a crise européia fez aumentar a necessidade de encontrar parceiros no exterior. O governo regional está em busca de intercâmbio de conhecimento e tecnologia e quer criar as bases para a aproximação comercial e acadêmica.

Um das regiões paranaenses que o secretário pretende beneficiar com a parceria é o litoral, onde se desenvolve o projeto Costa das Energias Verdes e há muitas áreas de proteção ambiental. “O desenvolvimento de energias renováveis e limpas é um dos grandes desafios do momento”, salientou. No litoral já se estuda o uso dessas energias, especialmente geradas por biomassa, eólica e fotovoltaica.

INVESTIMENTOS – A assinatura da carta de intenções abre grandes possibilidades para investimentos italianos. Alípio Leal disse à comitiva italiana que, hoje, a melhor oportunidade de investimento no Brasil está no Paraná. Segundo ele, o Governo do Estado está criando um ambiente propício para receber investimentos e realizar intercâmbios, num esforço conjunto com o Sebrae, a Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) e a Federação da Agricultura do Paraná (Faep).

O secretário também destacou a parceria com a Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação (Assespro), no esforço para fazer do Paraná o maior parque tecnológico virtual do Brasil, incluindo o desenvolvimento de uma plataforma com todas as informações sobre o Estado.

Fonte: http://www.aen.pr.gov.br/modules/not...-de-tecnologia
shiroshima no está en línea  
Old May 25th, 2012, 02:47 AM   #2538
rbma
Rodrigo
 
rbma's Avatar
 
Join Date: Dec 2010
Location: Foz do Iguaçu
Posts: 4,675
Likes (Received): 7283

Quote:
Originally Posted by Squibb View Post
me perdoe discordar rbma, mas mesmo desconsiderando os infindáveis benefícios das hidrelétricas ao longo do iguaçu, elas servem muito mais pra regular a vazão do rio, do que pra secá-lo.

não fossem as hidrelétricas, o iguaçu já tava seco há tempos, pois a água que tá vindo agora, é o que tá passando nos geradores.
Quote:
Originally Posted by josinei View Post
Mas faz algum sentido o que ele disse Squibb.

O nível dos reservatórios das usinas do Iguaçu estava baixíssimo, pois o verão foi muito seco. As usinas estavam trabalhando inclusive com várias turbinas desativadas, o que faz passar uma vazão menor para a foz.

Quando dá uma chuvarada no alto iguaçu (região de Curitiba), como deu há algumas semanas uma de 100mm em um dia, essa água é praticamente toda represada em Foz do Areia (que fica um pouco à jusante de União da Vitória) para recomposição do reservatório.

Se não houvesse nenhuma barragem, esse aguaçero ia direto pras cataratas. O mesmo aconteceria se os reservatórios estivessem quase cheios, pois teriam que abrir os vertedouros. 100mm em um dia numa área grande é água pra cassete.

E a partir de Foz do Areia eles vão regulando a vazão para manter os reservatórios das usinas à jusante numa posição confortável. Como agora os resevatórios estão vazios, ta passando nas cataratas praticamente somente a vazão das turbinas da última usina, que é Salto Caxias.

Resumindo: deu uma chuva em Curitiba, mesmo que não muito significativa, a água fica represada e continua indo pras cataratas só o mijinho que passa pelas turbinas.
Quote:
Originally Posted by Squibb View Post
sim. é uma tese. mas pela lógica é errada

se não houvessem usinas, em períodos de seca prolongada, as cataratas secariam, do mesmo modo, quando chovesse, as cataratas atingiriam valores muito maiores que os até 10 milhoes de m³ que atingem atualmente.

atualmente, quando chove muito, enche os reservatorios. se parar de chover por 1 ano, mas os reservatorios estiverem cheios, ainda continuará a ter água nas cataratas. se não houvesse a usina, não haveria água. simples assim.

as usinas são indiscutivelmente reguladoras da vazao. quando chove muito elas retem água. quando chove pouco elas continuam a liberar água.

se marcassemos a vazao diaria das cataratas, veriamos com toda certeza que o desvio padrao seria muito menor com usinas, q sem elas.
Quote:
Originally Posted by josinei View Post
Com certeza essa sua teoria faz sentido.

A questão é numa época como a que estamos agora, que sucede uma seca.
As chuvas que caem vez ou outra na bacia do iguaçu não estão chegando nas cataratas. Ela fica sempre com aquela vazão mirradinha.

Mas com certeza, analisando um período mais longo, as barragens tendem a regular a vazão do rio.
Pelo visto é uma questão bem polêmica (eu não sabia) e inconclusiva, pois pra mim era da essência do próprio nome reservatório (ou represa) manter (ou tentar manter) o nível de água elevado. Andei pesquisando bem rapidamente e há divergência entre os próprios experts na questão da construção de novas usinas:

O reservatório da Foz do Areia inundou 167 quilômetros quadrados. “A única usina que tem condição de segurar água e afetar o rio é a Foz do Areia” disse Edson Manasses da SUDHERSA - Superintendência de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental.

Neste blog sobre o Rio Iguaçu (http://rioiguacu.blogspot.com.br/) conta todo o trajeto do rio e falam inclusive que ele nasce em Piraquara (achei que fosse em Curitiba), e que já entrou em funcionamento a represa de Piraquara II, para abastecimento de água da RMC, que apresenta problemas de abastecimento. Ou seja, o represtamento para consumo também deve ser considerado.

Então, pelo que eu entendi, os reservatórios tem dupla função: segurar o excesso (até seu limite, pelo que será escoado) e manter uma vazão mínima do leito do rio (e produzir energia, se possível, é claro).

Concluindo: a questão (da seca nas cataratas) é muito maior do que se pensa, pois envolve o macroclima e outros fatores, como o aumento do consumo de água.
__________________
rbma no está en línea  
Old May 25th, 2012, 03:02 AM   #2539
rbma
Rodrigo
 
rbma's Avatar
 
Join Date: Dec 2010
Location: Foz do Iguaçu
Posts: 4,675
Likes (Received): 7283

Quote:
Originally Posted by Squibb View Post
se marcassemos a vazao diaria das cataratas, veriamos com toda certeza que o desvio padrao seria muito menor com usinas, q sem elas.
A Copel faz essa leitura em diversos pontos do rio, inclusive nas hidrelétricas. A vazão nas cataratas terça (dia das fotos da página anterior) era de 420 m3, (menos de um terço do normal: 1,5 milhão). Hoje às 20h já está em 908 m3.

Olhei na Usina de Foz do Areia a vazão do afluente era de 100 a 300 m3, e do defluente 0, ou seja, houve represamento de água em vários horários do dia, e a água só é vertida quando ocorre a geração de energia (vazão turbinada).

https://www.copel.com/ger/iguacu/his...opo.jsp?id=SCA
__________________
rbma no está en línea  
Old May 25th, 2012, 07:23 AM   #2540
Squibb
freiheit über alles
 
Join Date: Mar 2006
Location: Francisco Beltrão/PR
Posts: 15,238
Likes (Received): 29194

Quote:
Originally Posted by rbma View Post
Pelo visto é uma questão bem polêmica (eu não sabia) e inconclusiva, pois pra mim era da essência do próprio nome reservatório (ou represa) manter (ou tentar manter) o nível de água elevado. Andei pesquisando bem rapidamente e há divergência entre os próprios experts na questão da construção de novas usinas:

O reservatório da Foz do Areia inundou 167 quilômetros quadrados. “A única usina que tem condição de segurar água e afetar o rio é a Foz do Areia” disse Edson Manasses da SUDHERSA - Superintendência de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental.

Neste blog sobre o Rio Iguaçu (http://rioiguacu.blogspot.com.br/) conta todo o trajeto do rio e falam inclusive que ele nasce em Piraquara (achei que fosse em Curitiba), e que já entrou em funcionamento a represa de Piraquara II, para abastecimento de água da RMC, que apresenta problemas de abastecimento. Ou seja, o represtamento para consumo também deve ser considerado.

Então, pelo que eu entendi, os reservatórios tem dupla função: segurar o excesso (até seu limite, pelo que será escoado) e manter uma vazão mínima do leito do rio (e produzir energia, se possível, é claro).
exato. as usinas estabilizam a vazao de água. quando passa água demais ela retem uma parte, que será liberada quando não estiver chovendo. assim não há a menor possibilidade de culpar as usinas por falta de água nas cataratas. muito pelo contrário. se não fossem elas, as cataratas ficariam ora soltando 15 milhoes de litros (e nao m³ como eu escrevi antes), ora secas.

Quote:
Originally Posted by rbma View Post
Concluindo: a questão (da seca nas cataratas) é muito maior do que se pensa, pois envolve o macroclima e outros fatores, como o aumento do consumo de água.
consumo de água é irrisório, totalmente desprezível. o iguaçu lá em curitiba é uma sanga.

ele vira rio de verdade de união da vitória pra cá. até ali é um riozinho meia boca.

a proposito, muitissimo interessante o link q vc colocou, do monitoramento da copel.

haha tava pensando agora, o iguaçu é um rio mto mto grande. deve ser um dos dez maiores do brasil. mas se não me engano a vazao dele é tipo uns 5-10% da vazao do paraná.

imaginem o amazonas. é mta água mesmo!

edit: q inocencia a minha hahahah

1°) Rio Amazonas (Bacia Amazônica) - 209.000;
2°) Rio Solimões (Bacia Amazônica) - 103.000;
3°) Rio Madeira (Bacia Amazônica) - 31.200;
4°) Rio Negro (Bacia Amazônica) - 28.400;
5°) Rio Japurá (Bacia Amazônica) - 18.620;
6°) Rio Tapajós (Bacia Amazônica) - 13.500;
7°) Rio Purus (Bacia Amazônica), Rio Tocantins (Bacia Tocantins-Araguaia) e Rio Paraná (Bacia do Prata) - 11.000;
10°) Rio Xingu (Bacia Amazônica) - 9.700
__________________
"Economic growth is produced when a society saves money and invests the savings wisely. It is not quantity of investment that matters most, but quality. Government is capable neither of saving nor investing, much less investing wisely"
Francisco Beltrão - Paraná [2007] -=-=- Francisco Beltrão - Paraná [2010].
Squibb no está en línea  
Closed Thread

Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off



All times are GMT +2. The time now is 11:23 AM. • styleid: 14


Powered by vBulletin® Version 3.8.11 Beta 4
Copyright ©2000 - 2017, vBulletin Solutions Inc.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2017 DragonByte Technologies Ltd.

vBulletin Optimisation provided by vB Optimise (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2017 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us | privacy policy | DMCA policy

Hosted by Blacksun, dedicated to this site too!
Forum server management by DaiTengu