daily menu » rate the banner | guess the city | one on oneforums map | privacy policy | DMCA | news magazine | posting guidelines

Go Back   SkyscraperCity > Latin American & Caribbean Forums > Fóruns Brasileiros > Fóruns Gerais > Projetos e Obras > Nossos Projetos



Global Announcement

As a general reminder, please respect others and respect copyrights. Go here to familiarize yourself with our posting policy.


Reply

 
Thread Tools Rate Thread
Old April 3rd, 2010, 01:55 PM   #1
Rodalvesdepaula
Registered User
 
Rodalvesdepaula's Avatar
 
Join Date: Apr 2008
Location: Sorocaba (SP)/Curitiba (PR), Brazil
Posts: 25,907
Likes (Received): 7798

Sorocaba (SP) - Expresso Campolim (Mini-BRT)

Amigos, alguns de vocês já me conhecem nos threads sobre transporte aqui no SSC e sempre exponho minhas idéias aqui. Desta vez, vou aproveitar este espaço para mostrar um projeto que pretendo mostrar às autoridades da cidade de Sorocaba dentro de alguns dias: um mini-BRT chamado Expresso Campolim.

Por isso, este é um thread voltado mais para os foristas de Sorocaba, que conhecem bem a região e o sistema que mostrarei aqui.

Para os amigos que não conhecem Sorocaba, Campolim é o bairro mais badalado e desenvolvido da cidade; além de diversos residenciais de alto padrão, o bairro ainda abriga três hipermercados, o maior shopping center da região (o Esplanada Shopping) e vários prédios comerciais de renome.

Atualmente, a linha de ônibus 65-Campolim é uma das mais movimentadas linhas de Sorocaba, transportando mensalmente 198.000 passageiros por mês. Devido ao fato da rota atender a regiões consideradas de atração de viagens, a 65 praticamente roda lotada em quase todos os horários, tanto que hoje há duas variantes da linha rumo ao bairro (via av. Washington Luís ou av. Barão de Tatuí).

O rápido crescimento do Campolim e o surgimento de diversos residenciais na região estão contribuindo para a piora significativa no trânsito na avenida Antônio Carlos Cômitre, sendo que o cruzamento ao lado do parque Kasato-Maru já é um dos maiores gargalos do sistema viário local. Na direção contrária, não houve um aumento na qualidade dos ônibus que rodam na região, sendo que a STU (empresa que opera na região) vem colocando até Apache OF-1418 (ou seja, um carro para linhas curtas) numa linha de altíssima demanda como a 65.

Após algum tempo de estudo, cheguei à conclusão de que a região do Campolim precisa de um serviço de ônibus que esteja realmente à altura do seu desenvolvimento e que possa atrair os moradores da classe média-alta que praticamente não abre mão do seu carro; por outro lado, um serviço confiável de transporte atrairia boa parte dos funcionários das lojas do Esplanada Shopping que hoje se locomovem de carro ou moto.

Resumidamente, o Expresso Campolim seria definido desta forma:

1) O trajeto da 65 via Barão de Tatuí (na ida) passaria a ser o serviço local, com paradas em todos os pontos e operação com carros padrons. A linha deixaria de trafegar pelas ruas do Centro, garantindo assim uma viagem mais rápida e maior oferta de viagens para aqueles que estão no Sorocaba Shopping e querem ir ao Campolim;

2) O trajeto da 65 via Washington Luís seria transformada numa semi-expressa chamada Expresso Campolim, com as seguintes características:

a) A linha sairia do Terminal Santo Antônio, iria pela Dom Aguirre e entraria na Washington Luís pela marginal. Desta forma, evitar-se-ia o trânsito na área central, exceto nos dias em que a Dom Aguirre estiver alagada. A volta se daria pelas mesmas vias;

b) O ponto final seria em frente ao Esplanada Shopping até a construção de uma AT (área de transferência) na região;

c) Haveria somente seis paradas no Expresso Campolim: Terminal Santo Antônio, Terminal São Paulo (lado de fora, na Dom Aguirre), SESC, Kasato-Maru, Baixos do Campolim (em frente à Ragazzo) e Esplanada Shopping. Estas paradas teriam nível superior de conforto, com mapas e informações de integração com as demais linhas da rede;

d) Os carros a serem operados seriam padrons, preferencialmente com piso baixo, com intervalos média de 10 minutos (6 minutos no horário de pico). Dentro, os ônibus teriam painéis e sistema sonoro informando as próximas paradas ao usuário por meio de MP3 e espaço para duas bicicletas na parte interna traseira;


Exemplo de ônibus a ser operado no Expresso Campolim: piso baixo total


e) Eis a grande inovação que gostaria de implantar no Expresso Campolim: os ônibus não teriam catraca. A validação do passe poderia ser feita um destes dois meios: três validadores bem na entrada das portas (uma em cada porta) ou máquinas de aquisição de bilhetes nas paradas do Expresso, onde o usuário encostaria o seu cartão (ou inseria o valor da tarifa em moedas) e a máquina imprimiria um recibo a ser apresentando dentro do ônibus pelo fiscal. Desta forma, o embarque e o desembarque poderia ser feito em qualquer uma das três portas do carro; os agentes de bordo passariam a ser fiscais encarregados de verificar se o usuário validou o bilhete antes de entrar no ônibus ou ao entrar no veículo, podendo multar o usuário que não pagou a passagem. Pode parecer estranho e utópico para a realidade brasileira, mas é um método que poderia dar certo na região do Campolim até porque acho que, se há uma catraca, certamente vai ter gente que vai pular-a apenas para se sentir orgulhoso; além disso, o pessoal que mora no Campolim certamente aprovaria um ônibus sem roletas, desmitificando a imagem do transporte coletivo como sendo "de pobre" ou "transporte de gado humano";


Parada de ônibus com máquinas validadoras pré-embarque em New York (link: http://www.streetsblog.org/wp-conten...06_30/sbs1.jpg)


3) As linhas 18-Quintais do Imperador e 67-Ipanema das Pedras passariam a ser alimentadoras, indo até o Esplanada Shopping. No caso da 18, uma rota direta ao Centro seria criada, via Santa Bárbara e AT Ipiranga;

4) A 301-Interbairros passaria a operar somente com carros padrons, devido à sua pesada demanda e ao fato de se melhorar a imagem das ruas do Campolim com carros mais modernos e compatíveis com o Primeiro Mundo;

5) A 103-Centro Hospitalar teria o seu itinerário estendido, passando a ir pela Pereira Ignácio e Washington Luís até a rua Barão de Piratininga, trafegando dentro do Jardim Faculdade e voltando ao itinerário antigo na rua Salvador Correa;

6) A 71-Campolim via Raposo Tavares não teria modificação alguma no primeiro momento.


O Expresso Campolim reduzirá o tempo das viagens para apenas 15 minutos, com apenas seis paradas e maior rapidez nos embarques devido ao pré-embarque. O sistema também trará mais desenvolvimento e uma imagem melhor de Sorocaba perante todos os brasileiros, além de reduzir o trânsito de carros e motos na região do Campolim.

Last edited by Rodalvesdepaula; April 3rd, 2010 at 02:03 PM.
Rodalvesdepaula está en línea ahora   Reply With Quote

Sponsored Links
 
Old April 3rd, 2010, 03:55 PM   #2
Rodalvesdepaula
Registered User
 
Rodalvesdepaula's Avatar
 
Join Date: Apr 2008
Location: Sorocaba (SP)/Curitiba (PR), Brazil
Posts: 25,907
Likes (Received): 7798

Ah, o mapa do sistema:

Rodalvesdepaula está en línea ahora   Reply With Quote
Old April 3rd, 2010, 08:52 PM   #3
superkyo
Registered User
 
superkyo's Avatar
 
Join Date: Jul 2007
Location: SOROCABA-SP
Posts: 3,421
Likes (Received): 241

"mensalmente 198.000 passageiros por mês"

Tirando o erro de portugues não seria 198.000 por DIA ? pelo menos na comunidade vc postou era por DIA.

Agora falando como leigo no assunto, realmente acho utopico o negocio dos bilhetes eu gosto do sistema da CURITIBA com catraca nos pontos.
__________________
Projetos:
BRT - SOROCABA
superkyo no está en línea   Reply With Quote
Old April 3rd, 2010, 08:58 PM   #4
Rodalvesdepaula
Registered User
 
Rodalvesdepaula's Avatar
 
Join Date: Apr 2008
Location: Sorocaba (SP)/Curitiba (PR), Brazil
Posts: 25,907
Likes (Received): 7798

Sim, mas foi um erro meu. É 198.000 por mês mesmo, visto que a rede inteira transporta 145.000 passageiros/dia.
Rodalvesdepaula está en línea ahora   Reply With Quote
Old April 3rd, 2010, 09:17 PM   #5
Robson_Lima
Registered User
 
Join Date: Mar 2010
Posts: 7,486
Likes (Received): 1250

Quote:
Originally Posted by Rodalvesdepaula View Post
Ah, o mapa do sistema:

Excelente idéia... .sugiro ainda que no Baixo Campolim naquela área imensa de frente para os edifícios Crystal e Dallas, seja criada uma Área de Transferência, uma casa do cidadão e um centro de apoio a turistas.

Nesta AT do baixo Campolim, além de integrar com os terminais São Paulo, e Santo Antônio, seria ligada a AT do Ipiranga e AT do brigadeiro Tobias, que já tem ônibus que levam até o Campolim sem passar pelo centro. E se a prefeitura for mais ousada, cria embarques e desembarques de ônibus que vem de Araçoiaba, Salto de Pirapora, Votorantim, São Roque, Itapetininga, Registro, Ibiuna e outras, diminuindo assim o fluxo de ônibus no entorno da antiga rodoviária, que já está saturada faz uns 20 anos.


Robson_Lima está en línea ahora   Reply With Quote
Old April 3rd, 2010, 09:57 PM   #6
Rodalvesdepaula
Registered User
 
Rodalvesdepaula's Avatar
 
Join Date: Apr 2008
Location: Sorocaba (SP)/Curitiba (PR), Brazil
Posts: 25,907
Likes (Received): 7798

Sem dúvida, cara! Já existe uma linha para Salto de Pirapora que passa no Campolim; ao lado do Esplanada Shopping, há espaço para um terminal urbano-suburbano, onde sairiam ônibus para São Paulo (onde seriam encaixados os micros da Cometa), Alumínio, Piedade, Araçoiaba da Serra e Salto de Pirapora.

Quanto ao Expresso Campolim, haveria também uns dois ou três articulados como parte da frota, que operariam nos horários de pico; neste trajeto proposto, os articulados se dariam muito melhor que na atual rota 65, já que não seria necessário entrar no Centro.

O Expresso pararia no terminal São Paulo, mas do lado de fora; aqueles que quiserem pegar outro ônibus sem pagar outra tarifa fariam uso do cartão eletrônico já existente. Sem falar que penso também em "faixas fura-fila" nos cruzamentos do trajeto e programação das sinaleiras como forma de agilizar o trânsito dos ônibus; desta forma, não seria necessário corredores de ônibus para se alcançar uma boa qualidade de serviço.
Rodalvesdepaula está en línea ahora   Reply With Quote
Old April 4th, 2010, 12:17 AM   #7
Paulo Marcio
Registered User
 
Paulo Marcio's Avatar
 
Join Date: Oct 2009
Posts: 326
Likes (Received): 10

Acho que a prefeitura ja esta ha uns 5 anos atrasados para adotar a sua ideia!!!

quanto aos ficais de bordo, isso eu descordo. Acho que os pontos desse expresso teria que ser em tubo (Igual Curitiba) e os passageiros validariam a passagem na entrada do ponto. Assim quando o ônibos chegar, o uníco trabalho será entrar nos veiculos por todas as portas sem a catraca como gargalo.


Obs.... Sistema de ônibos de Sorocaba esta um lixo, para não dizer pior. Depois a Urbes alega perda de passageiros e não sabem o porque!!!
Paulo Marcio no está en línea   Reply With Quote
Old April 4th, 2010, 12:36 AM   #8
superkyo
Registered User
 
superkyo's Avatar
 
Join Date: Jul 2007
Location: SOROCABA-SP
Posts: 3,421
Likes (Received): 241

Será possivel e facil tirar a linha de alta tensão que corta a cidade ( aquela no canteiro da AV. SANTA CRUZ ) sem essa linha seria possivel criar um BRT cortando a cidade toda seguindo esse "rasgo" na cidade.
__________________
Projetos:
BRT - SOROCABA
superkyo no está en línea   Reply With Quote
Old April 4th, 2010, 12:55 AM   #9
Rodalvesdepaula
Registered User
 
Rodalvesdepaula's Avatar
 
Join Date: Apr 2008
Location: Sorocaba (SP)/Curitiba (PR), Brazil
Posts: 25,907
Likes (Received): 7798

Quote:
Originally Posted by Paulo Marcio View Post
Acho que a prefeitura ja esta ha uns 5 anos atrasados para adotar a sua ideia!!!

quanto aos ficais de bordo, isso eu descordo. Acho que os pontos desse expresso teria que ser em tubo (Igual Curitiba) e os passageiros validariam a passagem na entrada do ponto. Assim quando o ônibos chegar, o uníco trabalho será entrar nos veiculos por todas as portas sem a catraca como gargalo.


Obs.... Sistema de ônibos de Sorocaba esta um lixo, para não dizer pior. Depois a Urbes alega perda de passageiros e não sabem o porque!!!
Inicialmente, pensei nas paradas com máquinas vaidadoras pelo fato das calçadas sorocabanas não comportarem uma estação-tubo. Mas, pode-se considerar estações fechadas como as de Curitiba no canteiro central das avenidas por onde passaria o Expresso; porém, este sistema traria um pouco de confusão ao usuário, visto que as estações seriam exclusivas do Expresso e as demais linhas operariam em pontos na calçada, atrapalhando o trânsito.

Quote:
Originally Posted by superkyo View Post
Será possivel e facil tirar a linha de alta tensão que corta a cidade ( aquela no canteiro da AV. SANTA CRUZ ) sem essa linha seria possivel criar um BRT cortando a cidade toda seguindo esse "rasgo" na cidade.
Não seria má idéia uma pista exclusiva para a 301-Interbairros acompanhando o "linhão" da CPFL; o grande problema é o cruzamento com a Barão de Tatuí, que demandaria vultosos investimentos para um viaduto ali.
Rodalvesdepaula está en línea ahora   Reply With Quote
Old April 4th, 2010, 04:14 AM   #10
p3t3r
DENEB + THUBAN
 
p3t3r's Avatar
 
Join Date: Jun 2009
Location: Belém
Posts: 1,161
Likes (Received): 12

Ta ae uma excelente idéia
__________________
Em construção...
p3t3r no está en línea   Reply With Quote


Reply

Thread Tools
Rate This Thread
Rate This Thread:

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off



All times are GMT +2. The time now is 07:05 PM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.8 Beta 1
Copyright ©2000 - 2014, vBulletin Solutions, Inc.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like v3.2.5 (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

vBulletin Optimisation provided by vB Optimise (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us | privacy policy | DMCA policy

Hosted by Blacksun, dedicated to this site too!
Forum server management by DaiTengu