daily menu » rate the banner | guess the city | one on oneforums map | privacy policy (aug.2, 2013) | DMCA policy | flipboard magazine

Go Back   SkyscraperCity > Latin American & Caribbean Forums > Fóruns Brasileiros > Fóruns Regionais > Sudeste > Notícias da Região

Reply
 
Thread Tools
Old August 10th, 2008, 06:01 AM   #1
GIM
JK - O Presidente
 
GIM's Avatar
 
Join Date: Oct 2007
Location: Belo Horizonte
Posts: 13,217
Likes (Received): 4128

Sêde de cimento em MG e no Brasil aumenta investimentos na área.

Liz investe R$ 525 mi para dobrar produção

Capacidade passará de 1,8 milhão de ton/ano para 3,6 milhão, até 2011

Helenice Laguardia

Com capacidade máxima de produção, a Cimentos Liz, localizada nos municípios de Vespasiano e Lagoa Santa, na região metropolitana de Belo Horizonte, vai investir R$ 525 milhões na expansão da fábrica para dobrar a produção. Dos atuais 1,8 milhão de toneladas/ano, a empresa vai chegar em 2011 com produção de 3,6 milhões de toneladas/ano.

O projeto, em fase de licenciamento, prevê a construção, a partir de janeiro de 2009, de uma segunda linha de produção na própria fábrica e modernização de equipamentos. "Teremos os dois maiores moinhos em operação da América Latina", informa o diretor comercial, Bruno Borer, sobre a encomenda dos modelos alemães Loesthche ao custo de US$ 80 milhões. Um deles entra em funcionamento em um ano.

As obras de expansão serão realizadas nos próximos dois anos. A captação de recursos aconteceu junto ao BNDES e também com dinheiro próprio. "Não pensamos em entrar na Bolsa, é um cenário possível, mas não atualmente para captar recursos", informa Borer.
Com 55% da produção vendida em Minas Gerais, a saca de 50kg do cimento Liz para o consumidor é, em média, de R$ 15,50 a R$ 16.

Se o trabalhador brasileiro pode esperar um produto mais em conta com a expansão das cimenteiras, Bruno Borer afirma que o produto ainda é barato no Brasil. E prova. "Na Europa custa 6 euros o saco de 50 kg , sem impostos na porta da fábrica, hoje, o preço do cimento em Minas, líquido, sem impostos e sem frete, está na faixa 3 euros, compara.

Criada em 1976, a Cimentos Liz é uma empresa familiar sem planos de parcerias com outros acionistas no capital. A fábrica está fornecendo, desde maio, 40% de todo o cimento que será utilizado para a construção do novo Centro Administrativo do Estado de Minas Gerais. O cimento é o CP-V-ARI Premium, produto de alta resistência inicial e top de linha da empresa, que será utilizado para a produção de concreto de qualidade muito acima da média normal utilizada pela construção civil.


O Tempo
__________________
Infelizmente não deu desta vez...fica para a próxima!
****Beleza sem virtude é rosa sem perfume .****
GIM no está en línea   Reply With Quote

Sponsored Links
 
Old August 10th, 2008, 06:16 PM   #2
Astronauta
45TR0N4UT4
 
Astronauta's Avatar
 
Join Date: Jul 2007
Location: BH
Posts: 9,469

Tomara que essa expansão da Soeicom Cimento Liz não traga mais poluição para Vespasiano. No centro dessa cidade e proximidades da indústria, os telhados são cinza por causa das partículas de cimento no ar, e a prefeitura tem que passar um caminhão-pipa toda manhã pelas ruas para evitar o levantamento de mais pó pela cidade.
__________________
2015: Dilma Presidetenta! Direto para o Palácio da Papuda!
Astronauta no está en línea   Reply With Quote
Old August 12th, 2008, 05:41 PM   #3
Vargas
Registered User
 
Join Date: Jun 2006
Location: MG
Posts: 5,131

Quote:
Originally Posted by GIM View Post
(...)
Se o trabalhador brasileiro pode esperar um produto mais em conta com a expansão das cimenteiras, Bruno Borer afirma que o produto ainda é barato no Brasil. E prova. "Na Europa custa 6 euros o saco de 50 kg , sem impostos na porta da fábrica, hoje, o preço do cimento em Minas, líquido, sem impostos e sem frete, está na faixa 3 euros, compara. (...)
Mas essa comparacao dele nao tem logica, mesmo o cimento brasileiro sendo metade do preco do europeu, a dificuldade pra se ter esse dinheiro (mesmo sendo metade) eh mto maior no Brasil.

Mas enfim, se a Cimento Liz vai ampliar eh sinal q existe mta demanda, se chegar a faltar cimento provavelmente o preco subira. Eu acho mto caro o saco de 50kg a 17 reais aqui na regiao.
__________________
EUA:>> Manhattan >> Chicago >> Saint Louis >> Aereas EUA >> Clayton

Brasil: >> Serra da Canastra >> Alto Paranaiba >> São Gotardo, Minas >> Goiânia >> Ouro Preto e Mariana
Vargas no está en línea   Reply With Quote
Reply

Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off



All times are GMT +2. The time now is 01:22 PM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.8 Beta 1
Copyright ©2000 - 2014, vBulletin Solutions, Inc.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like v3.2.5 (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

vBulletin Optimisation provided by vB Optimise (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us | privacy policy | DMCA policy

Hosted by Blacksun, dedicated to this site too!
Forum server management by DaiTengu