search the site
 daily menu » rate the banner | guess the city | one on oneforums map | privacy policy | DMCA | news magazine | posting guidelines

Go Back   SkyscraperCity > Latin American & Caribbean Forums > Brasil > Fóruns Gerais > Infraestrutura e Transporte > Infraestrutura e Transporte > Transporte Rodoviário



Global Announcement

As a general reminder, please respect others and respect copyrights. Go here to familiarize yourself with our posting policy.


Reply

 
Thread Tools Rating: Thread Rating: 8 votes, 5.00 average.
Old February 3rd, 2014, 11:24 PM   #101
paulo lima
Mobilidade Urbana Moderna
 
paulo lima's Avatar
 
Join Date: Sep 2009
Location: Campinas-SP
Posts: 3,613
Likes (Received): 889

Empresa que vai duplicar lote 2, entre Ilhota e Gaspar, pode ser conhecida nesta terça-feira
Trecho de 26 quilômetros foi o último a ter licitação lançada

[/URL]
Obras estão ocorrendo em Gaspar
Foto: Artur Moser / Agencia RBS

Ocorre nesta terça-feira, às 10h, em Florianópolis, a primeira sessão pública para entrega das propostas das empresas interessadas em duplicar o lote 2 da BR-470, entre Ihota e Gaspar. No trecho de 26,4 quilômetros de extensão devem ser construídos nove viadutos e três pontes. Este foi o último trajeto a ter a licitação de duplicação lançada.

De acordo com o Dnit/SC, empresas ou consórcios podem participar da concorrência por Regime Diferenciado de Contratação (RDC). O RDC é um processo licitatório mais ágil, usado em obras da Copa do Mundo e do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). As empresas interessadas têm acesso aos projetos básico e executivo, mas não ao orçamento detalhado da obra, liberado apenas para órgãos de controle, como o Tribunal de Contas.

Vence o processo a empresa que apresentar o menor preço. Quem vencer terá 1.440 dias para duplicar o lote 2.

O edital de obras para esse trecho foi publicado dia 30 de dezembro no site da Superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). O documento faz observações quanto ao solo deste trecho. Segundo o texto, "grande extensão da rodovia desenvolve-se sobre profundas camadas de solos moles, de baixa capacidade de suporte. Nos segmentos localizados, de pequena espessura, o projeto prevê a remoção total do solo mole e substituição por areia ou pedra detonada".

As obras já começaram nos lotes 3 e 4 entre Gaspar e Indaial. No lote 1, entre Navegantes e Ilhota, o Consórcio Azza - Sogel venceu a licitação e assinatura do contrato estava prevista para janeiro.

JORNAL DE SANTA CATARINA

http://jornaldesantacatarina.clicrbs...a-4408459.html
paulo lima no está en línea   Reply With Quote

Sponsored Links
Old February 5th, 2014, 03:11 PM   #102
LeoFloripa
Who is John Galt?
 
Join Date: Jan 2014
Location: Blumenau
Posts: 2,347
Likes (Received): 2139

Não tão cedo:

Dnit convocará empresas para renegociar valores da duplicação no Lote 2 da BR-470

Sete empresas participaram de reunião para definir responsável por obras no trecho


A sessão para escolher a empresa que duplicará o Lote 2 _ entre Ilhota e Gaspar_ da BR-470 terminou na manhã desta terça-feira sem definir a responsável pelas obras no trecho. Sete empresas e consórcios se candidataram na concorrência feita pelo Regime Diferenciado de Negociação (RDC). Três candidatos foram classificados com os menores valores de proposta. A Construcap S.A. ofereceu o menor preço para realizar a obra: R$ 299,9 milhões. No entanto, segundo a ata da reunião, os lances ofertados permanecem acima do orçamento do Dnit.

O Lote 2 da BR-470 é o maior trecho a ser duplicado com 26,26 quilômetros de extensão. O Lote 1 da rodovia, situado entre Navegantes e Ilhota, também teve a concorrência adiada três vezes antes que o Consórcio Azza-Sogel fosse escolhido em 8 de agosto de 2013.

Os lotes 3 e 4 _ entre Gaspar e Blumenau e entre Blumenau e Indaial respectivamente _ tiveram o início das obras autorizado em 18 de julho do ano passado. Há obras em cerca de 1,2 quilômetro deste trecho.
LeoFloripa está en línea ahora   Reply With Quote
Old February 7th, 2014, 03:24 AM   #103
luancarpe
Compro e vendo likes
 
luancarpe's Avatar
 
Join Date: May 2009
Location: Balneário Camboriú
Posts: 5,422
Likes (Received): 4805

Concorrência 06/02/2014 | 13h38

Dnit convoca novamente empresas concorrentes para duplicar o Lote 2 da BR-470
Três concorrentes que apresentaram valores menores foram chamados


Por enquanto, as obras de duplicação da BR-470 começaram apenas nos lotes 3 e 4, entre Gaspar e Indaial
Foto: Artur Moser / Agencia RBS

A Superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) convocou três empresas para etapa de lances da concorrência que escolherá a responsável por duplicar o Lote 2 - entre Ilhota e Gaspar - da BR-470. A audiência ocorre em 10 de fevereiro, às 10h, na sede do Dnit em Florianópolis.

Foram convocadas a Construcap- CCPS Engenharia e Comércio S.A.; Consórcio Ivaí-Setep e Consórcio Técnica Viária-Castella. Respectivamente, estas três concorrentes apresentaram os menores preços para concluir a obra. No entanto, mesmo os menores valores apresentados em audiência nesta terça-feira estavam acima do orçamento do Dnit para o trecho.

O edital de obras para o Lote 2 foi publicado dia 30 de dezembro no site da Superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). O documento faz observações quanto ao solo deste trecho. Segundo o texto, "grande extensão da rodovia desenvolve-se sobre profundas camadas de solos moles, de baixa capacidade de suporte. Nos segmentos localizados, de pequena espessura, o projeto prevê a remoção total do solo mole e substituição por areia ou pedra detonada".

As obras já começaram nos lotes 3 e 4 entre Gaspar e Indaial. No lote 1, entre Navegantes e Ilhota, o Consórcio Azza - Sogel venceu a licitação e assinatura do contrato estava prevista para janeiro.

JORNAL DE SANTA CATARINA
__________________
All hail the PRESIDENTO
luancarpe no está en línea   Reply With Quote
Old February 11th, 2014, 02:01 AM   #104
Diego N
Dark Lurker
 
Diego N's Avatar
 
Join Date: Apr 2010
Location: Blumenau, SC, Brazil
Posts: 1,488
Likes (Received): 849

Quotando

Quote:
Originally Posted by Diego N View Post
Dnit define empresa que duplicará lote 2 da BR-470


Foto: Gilmar de Souza / Agencia RBS

Foi definido no final da manhã desta segunda-feira a empresa responsável pela duplicação no lote 2 da BR-470, entre Ilhota e Gaspar. O consórcio Ivaí-Setep fará as obras por R$ 296,9 milhões, menor preço oferecido em certame com outras duas concorrentes durante reunião na sede da Superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), em Florianópolis.

As três empresas foram convocadas depois que os sete concorrentes do Regime Diferenciado de Contratação (RDC) na terça-feira, 4 de fevereiro, apresentaram propostas acima do orçamento do Dnit. Na ocasião, a Construcap S.A. ofereceu o menor preço para realizar a obra: R$ 299,9 milhões. Na reunião desta segunda-feira, esta construtora ofereceu R$ 297 milhões para realizar a obra e manifestou interesse de recorrer da decisão do Dnit. O terceiro concorrente, o consórcio Técnica Viária-Castellar não ofereceu lance.

A partir da definição do edital, o consórcio Ivaí-Setep tem dois dias para apresentar a documentação que será avaliada pela comissão de licitações do Dnit. Não há prazo definido para a conclusão desta etapa e a homologação no Diário Oficial da União. Só a partir desta publicação, a Construcap poderá entrar com recurso em até cinco dias.
Para o início das obras no trecho, ainda é necessária licença de instalação do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e assinatura da ordem de serviço.

O edital de obras para o lote 2 foi publicado dia 30 de dezembro no site da Superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). O documento faz observações quanto ao solo deste trecho. Segundo o texto, "grande extensão da rodovia desenvolve-se sobre profundas camadas de solos moles, de baixa capacidade de suporte. Nos segmentos localizados, de pequena espessura, o projeto prevê a remoção total do solo mole e substituição por areia ou pedra detonada".

O lote 2 da BR-470 é o maior trecho a ser duplicado com 26,26 quilômetros de extensão. O Lote 1 da rodovia, situado entre Navegantes e Ilhota, também teve a concorrência adiada três vezes antes que o Consórcio Azza-Sogel fosse escolhido em 8 de agosto de 2013.

As obras se concentram nos lotes 3 e 4 entre Gaspar e Indaial. No lote 1, entre Navegantes e Ilhota, o Consórcio Azza - Sogel venceu a licitação e a assinatura da ordem de serviço também não tem data definida.

FONTE

Agora todos quatro lotes foram licitados e só faltam as ordens de serviço dos dois primeiros. Tomara que saiam logo, essa rodovia merece obras por todos trechos o mais rápido possível.
__________________
----------------------------------------------------------

* Os pilares para o desenvolvimento do interior são: Pavimentação, Cooperativismo e Acompanhamento Técnico.
Diego N no está en línea   Reply With Quote
Old February 15th, 2014, 01:03 AM   #105
Diego N
Dark Lurker
 
Diego N's Avatar
 
Join Date: Apr 2010
Location: Blumenau, SC, Brazil
Posts: 1,488
Likes (Received): 849

Quotando novamente....

Quote:
Originally Posted by Diego N View Post
Dnit marca assinatura da ordem de serviço para duplicar o lote 1 da BR-470

Solenidade que oficializa obras no trecho entre Navegantes e Ilhota ocorre na segunda-feira


Foto: Gilmar de Souza / Agencia RBS

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) assina, na segunda-feira a ordem de serviço das obras de duplicação na BR-470, no trecho entre Navegantes a Ilhota, do km 0 ao km 18,6. A solenidade será às 11h30min, no Clube 1º de Maio, em Navegantes.

O contrato para duplicação, restauração e construção de viadutos e ruas laterais do chamado lote 1 será executado pelo Consórcio Azza/Sogel que venceu a licitação com a proposta orçamentária de R$ 192,9 milhões. A duplicação do lote 1 tem prazo de execução de 1.440 dias.

A primeira etapa de serviços é a fase de mobilização, período em que consórcio terá para contratar operários, equipamentos, montar o canteiro de obras e realizar os serviços de topografia. Em conjunto com a mobilização do consórcio, a supervisora ambiental estará executando atividades referentes ao meio ambiente para possibilitar a abertura das frentes de obras.

A duplicação da BR-470 está divida em quatro lotes, de maneira possibilitar licitar e iniciar as as obras individualmente. O primeiro segmento a iniciar as obras corresponde ao lote 3, Gaspar a Blumenau e ao lote 4 (Blumenau - Indaial).

O Lote 2 está em fase de homologação do resultado da licitação de obras. A duplicação da BR-470 de Navegantes a Indaial é uma das obras do Programa de Aceleração de Crescimento para expansão sistema rodoviário.

FONTE

Quero ver obras e mais obras, já!
Tá quase na hora de dar uma passadinha pessoalmente pelo canteiro e tirar umas fotos decentes. Essas imprensas tão muito lerdas pra atualizar.
pra uma notícia nova poderiam (o Jornal de Santa Catarina) ter utilizado uma foto nova né? Igualzinha a anterior.
__________________
----------------------------------------------------------

* Os pilares para o desenvolvimento do interior são: Pavimentação, Cooperativismo e Acompanhamento Técnico.
Diego N no está en línea   Reply With Quote
Old February 15th, 2014, 01:33 PM   #106
LeoFloripa
Who is John Galt?
 
Join Date: Jan 2014
Location: Blumenau
Posts: 2,347
Likes (Received): 2139

Quote:
Originally Posted by Diego N View Post
Quotando novamente....

pra uma notícia nova poderiam (o Jornal de Santa Catarina) ter utilizado uma foto nova né? Igualzinha a anterior.
Demorou mais saiu!

Agora só falta o lote 2 =D
LeoFloripa está en línea ahora   Reply With Quote
Old February 23rd, 2014, 03:56 PM   #107
luancarpe
Compro e vendo likes
 
luancarpe's Avatar
 
Join Date: May 2009
Location: Balneário Camboriú
Posts: 5,422
Likes (Received): 4805

Estradas 17/02/2014 | 14h20

Ordem de serviço para duplicação da BR-470 entre Navegantes e Ilhota é assinada

A previsão é que de as obras comecem entre 50 e 60 dias


Governador Raimundo Colombo participou da assinatura da ordem de serviço, nesta segunda-feira, em Navegantes
Foto: Rafaela Martins / Agencia RBS

A ordem de serviço que autoriza a duplicação do trecho da BR-470 entre Navegantes e Ilhota foi assinada nesta segunda-feira. A previsão é que de as obras comecem entre 50 e 60 dias.

O evento, realizado no Clube 1º de Maio, em Navegantes, contou com a participação do governador Raimundo Colombo (PSD) e da ministra-chefe da Secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti.

De acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), os serviços serão realizados pelo consórcio AZZA/SOGEL e consistem na execução das obras de duplicação e restauração da pista existente, implantação de ruas laterais, recuperação, reforço, reabilitação e construção de obras-de-arte especiais na BR-470, do Km 0 ao Km 18.

O prazo de execução da obra é de cerca de quatro anos e o valor licitado para o Lote 1 é de R$ 192.987.332,27.

O SOL DIÁRIO
__________________
All hail the PRESIDENTO

Last edited by luancarpe; February 23rd, 2014 at 04:26 PM.
luancarpe no está en línea   Reply With Quote
Old February 23rd, 2014, 04:07 PM   #108
luancarpe
Compro e vendo likes
 
luancarpe's Avatar
 
Join Date: May 2009
Location: Balneário Camboriú
Posts: 5,422
Likes (Received): 4805

Governador participa da entrega da ordem de serviço para duplicação da BR-470, trecho de Navegantes a Ilhota

Publicado em Segunda, 17 de Fevereiro de 2014, 15:36

O governador Raimundo Colombo participou nesta segunda-feira, 17, da entrega da ordem de serviço para o início das obras de duplicação da BR-470, Lote 1, trecho de Navegantes a Ilhota. Nos 18,6 quilômetros, serão aplicados R$ 192,9 milhões, assegurados pelo governo federal por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC2). O prazo de execução da obra é de 1.440 dias, ou seja, cerca de quatro anos. O evento também contou com a presença da ministra de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, do superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), João José dos Santos, e outras autoridades.

Colombo destacou que é importante que a empresa contratada acelere e dê dinamismo na execução da obra e acrescentou que o andamento da duplicação depende também da transposição do canal de gás natural subterrâneo em uma das margens da rodovia. O governador informou que já determinou à Companhia de Gás de Santa Catarina (SCGÁS) prioridade nos serviços de apoio à execução da obra e que este não será um fator de atraso para a duplicação.

>>> Acesse a Galeria de Fotos


Governador Raimundo Colombo participa da entrega da ordem de serviço para o início das obras de duplicação da BR-470, Lote 1, trecho de Navegantes a Ilhota. 17/02/2014.
Foto: James Tavares/Secom



Governador Raimundo Colombo participa da entrega da ordem de serviço para o início das obras de duplicação da BR-470, Lote 1, trecho de Navegantes a Ilhota. 17/02/2014.
Foto: James Tavares/Secom



Governador Raimundo Colombo participa da entrega da ordem de serviço para o início das obras de duplicação da BR-470, Lote 1, trecho de Navegantes a Ilhota. 17/02/2014.
Foto: James Tavares/Secom



Governador Raimundo Colombo participa da entrega da ordem de serviço para o início das obras de duplicação da BR-470, Lote 1, trecho de Navegantes a Ilhota. 17/02/2014.
Foto: James Tavares/Secom



Governador Raimundo Colombo participa da entrega da ordem de serviço para o início das obras de duplicação da BR-470, Lote 1, trecho de Navegantes a Ilhota. 17/02/2014.
Foto: James Tavares/Secom


Essa faixa à direita, hoje utilizada como estacionamento, é a que receberá a nova pista.

Governador Raimundo Colombo participa da entrega da ordem de serviço para o início das obras de duplicação da BR-470, Lote 1, trecho de Navegantes a Ilhota. 17/02/2014.
Foto: James Tavares/Secom

A BR-470 é um limitador de crescimento para o nosso Estado, além de ser um ponto de risco para a vida das pessoas, pois é considerada uma das mais violentas do país. Sua duplicação vai impactar positivamente na segurança dos que passam por aqui, na condição da trafegabilidade, assegurar acesso mais rápido ao Porto de Navegantes e Itajaí e induzir como um forte vetor de desenvolvimento”, disse o governador.

De acordo com o superintendente do DNIT, os serviços para duplicação do Lote 1 consistem na execução das obras de duplicação e restauração da pista existente, implantação de ruas laterais, recuperação, reforço, reabilitação, segmento do km zero ao km 18. Conforme ele, a primeira etapa de serviços é a fase de mobilização, período em que o consórcio terá para contratar operários, comprar equipamentos, montar o canteiro de obras e realizar os serviços de topografia. Em conjunto com a mobilização do consórcio, a supervisora ambiental irá executar atividades referentes ao meio ambiente para possibilitar a abertura das frentes de obras.

BR-470

Na BR- 470, serão duplicados 74 quilômetros, divididos em quatro lotes. O Lote 1 começa em Navegantes e vai até Luis Alves, na divisa com Ilhota. O Lote 2 compreende o trecho de Luis Alves até Gaspar. O terceiro lote abrange Blumenau (acesso a Gaspar – acesso a Timbó/BR-477). O quarto lote vai de Blumenau a Indaial. Em todo percurso, serão 28 viadutos, nove pontes, 11 passarelas, 64 quilômetros de vias marginais, 69 quilômetros de ciclovias. O investimento é de R$ 1,7 bilhão.

Pela BR- 470, passam aproximadamente 35 mil veículos por dia. As obras promoverão melhoria do tráfego através da duplicação das pistas, associando-a à execução das obras de recuperação do pavimento da pista existente e à incorporação de dispositivos para a segurança viária como viadutos e passagens de pedestres. Inclui também medidas necessárias ao ordenamento do tráfego local (veículos e pedestres), com a execução de ruas laterais, calçadas e ciclovias.

“A duplicação é de fundamental importância para o nosso Estado e para o país. Ela liga o Oeste que produz, aos portos de Itajaí e Navegantes, que exportam. A rodovia duplicada favorece a economia e garante mais segurança para os que trafegam”, afirmou a ministra Ideli Salvatti.

O presidente dos Transportadores Autônomos de Carga de Navegantes e Região (Sinditac), Vanderlei Oliveira, salientou que a duplicação vai melhorar o trajeto do Porto de Navegantes aos terminais. “Hoje não temos segurança na rodovia, e o trânsito carregado faz com que o caminhoneiro passe a maior parte do tempo em filas. Será um divisor de águas para a região, que vem crescendo muito”.

Lotes - BR-470/SC

Lote 1

Subtrecho: Navegantes à BR-101/SC
Segmento: Km 0 ao Km 18,6
Extensão: 18,6 Km
Principais intervenções: 4 viadutos e 2 pontes
Prazo: 1.440 dias
Valor licitado: R$ 192,98 milhões.
Empresa: Consórcio AZZA – SOGEL. Ordem de serviço assinada em 17.02.2014

Lote 2

Subtrecho: BR-101/SC a Gaspar
Segmento: Km 18,6 ao Km 44,9
Extensão: 26,3 km
Principais intervenções: 9 viadutos e 3 pontes
Situação: Licitação em andamento.

Lote 3

Subtrecho: Blumenau (acesso a Gaspar – acesso a Timbó/BR-477)
Segmento: Km 44,9 ao Km 57,8
Extensão: 12,9 km
Principais intervenções: 8 viadutos e 2 pontes
Valor licitado: R$ 167,5 milhões
Prazo: 1.440 dias
Empresa: Sulcatarinense
Situação: Em andamento serviços terraplanagem e obras de drenagem entre o km 45 e o km 48, no município de Gaspar, além de topografia para identificação das intervenções em faixa de domínio (água, luz, telefonia, gás e outros), montagem do canteiro de obras. Serviços de campanha de fauna para liberação de novas frentes de terraplanagem.

Lote 4

Trecho: Blumenau a Indaial, e acesso a Indaial
Segmento: Km 57,8 ao Km 73,2
Extensão: 15,4 km
Principais intervenções: 7 viadutos e 2 pontes
Valor licitado: R$ 205,9 milhões
Prazo: 1.440 dias
Empresa: Sulcatarinense MACBC
Situação: Em andamento serviços de topografia para identificação das intervenções em faixa de domínio (água, luz, telefonia, gás e outros), montagem do canteiro de obras. Serviços de campanha de fauna para liberação de frentes de terraplanagem.

Informações adicionais:
Elisabety Borghelotti
Secretaria de Estado de Comunicação
E-mail: [email protected]
Telefone: (48) 8843-5460

GOVERNO DE SANTA CATARINA
__________________
All hail the PRESIDENTO

Last edited by luancarpe; February 23rd, 2014 at 04:26 PM.
luancarpe no está en línea   Reply With Quote
Old February 23rd, 2014, 04:15 PM   #109
luancarpe
Compro e vendo likes
 
luancarpe's Avatar
 
Join Date: May 2009
Location: Balneário Camboriú
Posts: 5,422
Likes (Received): 4805

Infraestrutura 17/02/2014 | 20h20

Dnit garante começo das obras na BR-470 entre Navegantes e Ilhota em até 60 dias

Assinatura da ordem de serviço com a presença do governador Raimundo Colombo foi realizada nesta segunda-feira em Navegantes


O prazo de conclusão dos trabalhos é de 1.440 dias
Foto: Marcos Porto / Agencia RBS

Marjorie Basso
[email protected]


Sessenta dias. Esse é o prazo máximo anunciado pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) em Santa Catarina para início das obras de duplicação da BR-470 no trecho de 18,6 quilômetros entre Navegantes e Ilhota.

O compromisso foi firmado nesta segunda-feira com a assinatura da ordem de serviço para as obras. O prazo para finalização da duplicação da rodovia é quase quatro anos, o mesmo contado para as obras no trajeto que vai de Ilhota a Indaial (ver mapa).

A solenidade ocorreu no fim da manhã, no Clube 1º de Maio, em Navegantes. Participaram o governador do Estado, Raimundo Colombo, e a presença da ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, que estipulou o prazo máximo de 60 dias para que as máquinas estejam na pista trabalhando. O prazo foi confirmado pelo superintendente do Dnit em Santa Catarina, João José dos Santos.

— Fico muito feliz em assinar essa ordem de serviço porque hoje como está a rodovia é um limitador do crescimento do Estado e um risco para a segurança — disse o governador Raimundo Colombo.

Os lotes 3 (que compreende o trecho de Gaspar a Blumenau) e 4 (de Blumenau a Indaial) estão com obras em andamento desde o início do ano. A ordem de serviço foi assinada em agosto de 2013, mas a ausência de licenças ambientais atrasou o início das atividades às margens da rodovia. A ministra citou a greve dos servidores do Dnit como outro fator que gerou atraso nas obras.

O mesmo não deve ocorrer com o lote 1, conforme o superintendente do Dnit, uma vez que, segundo ele, não há licenças pendentes. No entanto, a necessidade de reposicionar uma tubulação de gás que passa em 50% do trecho entre Navegantes e Ilhota ainda não foi estudada oficialmente e pode se tornar um entrave. O Dnit garantiu que o governo do Estado está ciente dessa necessidade.

O consórcio vencedor para execução da duplicação do trecho identificado como lote 1 foi o Azza/Sogel e o valor destinado para a obra é R$ 192,9 milhões. Toda a obra tem prazo para ser concluída em 1.440 dias, assim como os demais lotes que totalizam 73,2 quilômetros. As desapropriações ainda não iniciaram e ocorrerão paralelamente, mas segundo o Dnit não devem atrasar a obra.

O lote 2, que compreende um trecho de 26,3 quilômetros, entre Ilhota e Gaspar, será duplicado pelo consórcio Ivaí/Setep, escolhido em 10 de fevereiro. Os documentos do vencedor da licitação estão em fase de análise e este é o único trajeto da duplicação que ainda não tem ordem de serviço assinada para o início das obras.

O mapa da duplicação


O SOL DIÁRIO
__________________
All hail the PRESIDENTO

Last edited by luancarpe; February 23rd, 2014 at 04:28 PM.
luancarpe no está en línea   Reply With Quote
Old February 23rd, 2014, 04:33 PM   #110
luancarpe
Compro e vendo likes
 
luancarpe's Avatar
 
Join Date: May 2009
Location: Balneário Camboriú
Posts: 5,422
Likes (Received): 4805

Infraestrutura 17/02/2014 | 20h45

"Não há mais nenhum impedimento para a obra na BR-470", diz superintendente regional do Dnit

João José dos Santos estava presente na assinatura da ordem de serviço nesta segunda-feira em Navegantes


Superintendente regional do Dnit, João José dos Santos
Foto: Rafaela Martins / Agencia RBS

O compromisso para início das obras de duplicação da BR-470 no trecho de 18,6 quilômetros entre Navegantes e Ilhota foi firmado nesta segunda-feira com a assinatura da ordem de serviço para as obras. O prazo para finalização da duplicação da rodovia é quase quatro anos, o mesmo contado para as obras no trajeto que vai de Ilhota a Indaial.

Presente na solenidade que ocorreu no fim da manhã, no Clube 1º de Maio, em Navegantes, o superintendente do Dnit em Santa Catarina, João José dos Santos, concedeu entrevista a reportagem de O Sol Diário. Confira abaixo a entrevista na íntegra:

Como ficará a questão da relocação do tubos da SC Gás que passam pelo trecho?

Tudo isso está sendo tratado. A obra é um desafio, é numa área com muita interferência urbana, muita influência do serviço público e o gás é um deles. Mas sobre a rede de gás estamos tratando com a SC Gás. Em 50% existe rede de gás. Mas é importante que já falamos com o governador, inclusive aproveitamos esta viagem, e o governador está marcando reuniões com a SC Gás. Além do mais não poderíamos fazer nada sem a ordem de serviço.

Como estão as autorizações do Ibama para a obra? Há alguma pendência que impeça o andamento? Que licenças e autorizações o Dnit tem?

Agora resolvemos todas. Não há mais nenhum impedimento. Esperamos que a obra no início do segundo semestre comece a andar bem. Todas as licenças ambientais, inclusive autorizações, captura de fauna, licenças de escavação. Tudo o que é ambiental hoje já está equacionado. Os programas ambientais vão seguir junto com a obra, as desapropriações e a remoção de serviço público também ocorrem junto com a obra. Existem mais de 15 programas ambientais que caminham junto com a obra.

O que esperar da duplicação no trecho, que assim como os lotes 3 e 4 é bem urbanizado?

É um desafio porque tem muita interferência urbana, mas hoje nós avançamos nas questões de Ibama. Já há recursos empenhados para a obra e empresa contratada.

Como ocorrem paralelamente ao andamento das obras, as desapropriações podem emperrar o andamento do projeto?

Serão muitas desapropriações nesse trecho, agora de cabeça não tenho ideia de quantas, mas são muitos imóveis. De qualquer forma, o diálogo com os moradores sempre foi tranquilo, pagamentos em dia então isso não nos assusta.

Deste modo, não se espera que ocorram atrasos?

Problemas técnicos sempre haverá. A empresa hoje foi chamada, vou conversar com eles para que a gente possa marcar reuniões, porque é com a ordem de serviço que a gente pode efetivamente cobrar. Agora é para valer e a luta é grande, são quatro anos de obras.

As assinaturas não andam no mesmo ritmo dos editais. Um exemplo é o caso das desapropriações: o prazo para a obra está correndo, mas a licitação para desapropriar o trecho nem sequer foi concluída. Há uso político dos atos de assinatura para mostrar obras, quando essas não acompanham o que foi feito no papel?

Essa é uma visão ruim. Se sonha isso há 30 anos e nunca ninguém fez. O governo federal já garantiu os recursos, mais de R$ 1 bilhão, tanto é que nos lotes 3 e 4 sanamos todas as questões ambientais agora e a obra é um desafio . O evento ordem de serviço — que até o governo federal faz muito pouco, para se ter uma ideia só na BR-101 Sul nós temos 110 viadutos prontos, 230 quilômetros duplicados e 30 pontes novas sendo que nenhuma foi inaugurada — aqui é importante marcar porque o sonho da região é muito grande.

O SOL DIÁRIO
__________________
All hail the PRESIDENTO
luancarpe no está en línea   Reply With Quote
Old February 23rd, 2014, 04:35 PM   #111
luancarpe
Compro e vendo likes
 
luancarpe's Avatar
 
Join Date: May 2009
Location: Balneário Camboriú
Posts: 5,422
Likes (Received): 4805

Duplicação 18/02/2014 | 09h26

Desmatamento do lote 3 da BR-470 segue nesta terça-feira em Blumenau

Etapa da obra que começou na semana passada deve ser finalizada em breve


Obras na área inciaram na semana passada e devem ser finalizadas ainda nesta terça-feira
Foto: Gilmar de Souza / Agencia RBS

Homens trabalham no desmatamento do lote 3, em Blumenau, durante esta terça-feira. As obras da duplicação da rodovia federal ocorrem no km 48, da BR-470, e apesar da movimentação no local, o fluxo de veículos segue normalmente. O lote 3 compreende o trecho de Gaspar a Blumenau.

De acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes fiscal local do (Dnit), o engenheiro Elifas Levi Nolasco Marques, o desmatamento na área iniciou na semana passada e tem previsão para ser finalizada ainda nesta terça-feira:

- Estamos fiscalizando a obra e estarei no local para ver o andamento do desmatamento - destaca.

JORNAL DE SANTA CATARINA
__________________
All hail the PRESIDENTO
luancarpe no está en línea   Reply With Quote
Old February 23rd, 2014, 04:37 PM   #112
LeoFloripa
Who is John Galt?
 
Join Date: Jan 2014
Location: Blumenau
Posts: 2,347
Likes (Received): 2139

LeoFloripa está en línea ahora   Reply With Quote
Old February 23rd, 2014, 07:22 PM   #113
SeptumTempus
Registered User
 
SeptumTempus's Avatar
 
Join Date: Sep 2012
Location: Blumenau, SC
Posts: 1,763
Likes (Received): 1858

Dá um desânimo saber que vai levar no mínimo 1440 dias, cada trecho poderia muito bem ser feito em 1 ano e meio, já era um tempo suficiente.
SeptumTempus no está en línea   Reply With Quote
Old February 23rd, 2014, 08:14 PM   #114
Positronn
Registered User
 
Positronn's Avatar
 
Join Date: Jan 2008
Location: Joinville / SC
Posts: 11,851
Likes (Received): 2663

Um ano e meio só se fosse concessionada, com cobrança de pedágio após o término das obras. Mas esse tempo seria muito curto, de qualquer forma, para as intervenções mais profundas da rodovia nos trechos em banhados. Não haveria tempo suficiente para o recalque ocorrer de forma adequada. O resultado seria uma rodovia de péssima qualidade - ainda pior do que os trechos já ondulados da 470.
Positronn no está en línea   Reply With Quote
Old February 23rd, 2014, 08:41 PM   #115
LeoFloripa
Who is John Galt?
 
Join Date: Jan 2014
Location: Blumenau
Posts: 2,347
Likes (Received): 2139

Levando em consideração que são 4 trechos, na verdade são 4 anos pra executar uma obra de menos de 20 Km na média, sendo que o lote 3 tem apenas 13 Km.
Independente do modelo, concessão ou não, é um prazo excessivamente folgado. É uma duplicação com prazo de rodovia nova. Esse prazo molenga deve ter única e exclusivamente base financeira, não há nenhuma dificuldade técnica nova. Esse bla bla bla de solos moles em ilhota é uma piada. De modo algum é um desafio de engenharia, eles falam disso como se estivessem construindo sobre o permafrost da sibéria.
__________________

SeptumTempus liked this post
LeoFloripa está en línea ahora   Reply With Quote
Old February 24th, 2014, 02:07 AM   #116
Diego N
Dark Lurker
 
Diego N's Avatar
 
Join Date: Apr 2010
Location: Blumenau, SC, Brazil
Posts: 1,488
Likes (Received): 849

Também acho exagero de tempo. Mas se parar pra pensar, o complexo do Badenfurt em Blumenau demorou mais de 3 anos pra ser inaugurado (e ainda não tá pronto).

A questão é que esse é o prazo certo, para uma país como o Brasil. Obras tão importantes deveriam necessariamente ter execução contínua, sem feriados, fins de semana, férias ou pausa durante a madrugada. O prazo cairia pra perto da metade, e esse tempo a menos seria de crescimento econômico e pagaria as despesas extras.
__________________
----------------------------------------------------------

* Os pilares para o desenvolvimento do interior são: Pavimentação, Cooperativismo e Acompanhamento Técnico.
Diego N no está en línea   Reply With Quote
Old February 24th, 2014, 04:07 AM   #117
SeptumTempus
Registered User
 
SeptumTempus's Avatar
 
Join Date: Sep 2012
Location: Blumenau, SC
Posts: 1,763
Likes (Received): 1858



Exato, não é nenhuma tecnologia alienígena, todo esse tempo folgado deve ser para o governo pagar as construtoras em "suaves" prestações.


Complexo do Badenfurt ia bem, ia terminar no prazo e qualquer atraso se daria somente pelas cheias do rio, mas infelizmente o governo não repassou o dinheiro e parou várias vezes, fazendo estourar o orçamente e só será concluído agora pelo acordo de isenção de tributos com as empresas naquela via.

Trabalhar direto era uma boa, iria amenizar no transtorno e teria pouco tempo para que os ladrões armassem as suas arapucas de desvio de verba.
SeptumTempus no está en línea   Reply With Quote
Old February 27th, 2014, 01:18 AM   #118
luancarpe
Compro e vendo likes
 
luancarpe's Avatar
 
Join Date: May 2009
Location: Balneário Camboriú
Posts: 5,422
Likes (Received): 4805

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Fotos das obras de duplicação da BR 470 entre Blumenau e Gaspar no bairro Belchior.


Foto de Jaime Batista da Silva


Foto de Jaime Batista da Silva


Foto de Jaime Batista da Silva

Fonte
__________________
All hail the PRESIDENTO
luancarpe no está en línea   Reply With Quote
Old February 27th, 2014, 01:24 AM   #119
luancarpe
Compro e vendo likes
 
luancarpe's Avatar
 
Join Date: May 2009
Location: Balneário Camboriú
Posts: 5,422
Likes (Received): 4805

Operação complexa 24/02/2014 | 07h09

Duplicação da BR-470 vai alterar o traçado do gasoduto
Mudança impedirá que manutenção da rede de gás afete o trânsito


Tubulação que passa entre Indaial e Gaspar é a que mais será alterada
Foto: José Werner / Agencia RBS

A duplicação da BR-470 exigirá o remanejamento da rede de gás natural que margeia a rodovia, uma operação complexa pois a obra terá de ser feita sem comprometer o abastecimento na região. O edital que escolherá a empresa para alterar o gasoduto está em fase final de elaboração. A obra vai ocorrer no trecho a ser duplicado entre Navegantes e Indaial. O trajeto onde haverá mais interferência da rede na duplicação é entre Gaspar e Indaial, nos lotes 3 e 4.

Estudos ainda analisam o impacto nos demais trechos. A Companhia de Gás de Santa Catarina (SCGás), responsável pela tubulação, informou que o remanejamento é necessário porque a rede não pode ficar sob a pista. Do contrário, em caso de necessidade de algum conserto, o trânsito teria de ser interrompido. O edital está sendo finalizado e prevê orçamento no valor máximo de R$ 19,2 milhões. O prazo para alteração da rota de gás é de 720 dias, a serem contados a partir da assinatura do contrato.

A profundidade em que se encontra o gasoduto varia de dois a 10 metros, dependendo do trecho. A assessoria da SCGás diz que a rede de tubulação fica a dois metros do final da faixa de domínio, que tem de 40 a 60 metros de largura, segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit), e equivale ao espaço entre o meio da pista e a lateral da estrada.

— O que se propõe numa realocação é o mesmo que se propôs com o projeto para implantação. Essa é a regra geral. No caso da BR-470, essa faixa de domínio é muito variável e será alargada em sua extensão de duplicação também em valores variáveis. Essa largura vai depender da desapropriação e da necessidade — diz o engenheiro fiscal da duplicação e chefe da unidade local do Dnit em Rio do Sul, Elifas Marques.

"A mudança da rede de gás não vai atrasar a duplicação", afirma chefe do Dnit em Rio do Sul

A rede será remanejada do km 0 (Navegantes) ao km 72,38 (Indaial). Segundo o coordenador de Relações Institucionais da SCGás, Samuel Bortoluzzi Schmitz, isso se dará de duas formas. Em alguns pontos será necessário o remanejamento, em que uma tubulação é construída ao lado daquela já existente. Depois de pronta, a antiga tubulação será inutilizada. Em outros casos a rede atual será preservada, apenas sendo reforçada a sua segurança.

Abastecimento não pode ser interrompido para obras

A SCGás, por meio da assessoria, afirma que o remanejamento é complicado porque o atendimento aos clientes não poderá ser interrompido durante as obras. São cerca de 100 consumidores atendidos pela rede de gás. Os principais são indústrias têxteis e postos de GNV. Há também alguns hotéis e o shopping Neumarkt entre os clientes da companhia.

Isso explica por que o remanejamento deverá ser feito com a rede em pleno funcionamento: o abastecimento a estes consumidores não poderá ser interrompido por obras. De acordo com o engenheiro fiscal do Dnit, a maior parte da tubulação está localizada à esquerda da pista, no sentido Navegantes-Indaial. Mas em alguns locais, a depender de obstáculos encontrados no trajeto, a rede muda de lado.

Com 73,2 km, a duplicação da BR-470 está dividida em quatro lotes. É nos 3 e 4, entre Gaspar e Indaial, que o gasoduto interfere mais nas obras. Enquanto isso, nos lotes 2 e 1, onde fica a Central de Gás e a tubulação quase não ocupa a faixa de domínio, a complexidade é menor e quase não preocupa o Dnit, segundo Marques.

JORNAL DE SANTA CATARINA

É muito amadorismo... Não podiam prever que a rodovia seria duplicada? Que a faixa de domínio talvez não fosse suficiente? Afinal, será duplicada com marginais. E o gênio vem dizer que o "gasoduto não pode ficar sob a pista". Sério? Descobriu sozinho?

E quem vai embolsar R$ 19 mi para a obra? Nós que não vamos.
__________________
All hail the PRESIDENTO
luancarpe no está en línea   Reply With Quote
Old February 27th, 2014, 01:27 AM   #120
luancarpe
Compro e vendo likes
 
luancarpe's Avatar
 
Join Date: May 2009
Location: Balneário Camboriú
Posts: 5,422
Likes (Received): 4805

24/02/2014 | 07h10

"A mudança da rede de gás não vai atrasar a duplicação", garante chefe do Dnit em Rio do Sul

Elifas Marques afirma que vem discutindo o assunto com a SCGás desde 2013

O engenheiro fiscal da duplicação e chefe do Dnit em Rio do Sul, Elifas Marques, garante que o remanejamento da rede de gás não vai atrasar o cronograma de duplicação da BR-470. Ele afirma que vem discutindo o assunto com a SCGás desde 2013. Mesmo assim, os lotes 3 e 4, entre Gaspar e Indaial, são considerados os mais complexos.

Jornal de Santa Catarina - O trabalho de realocação vai ser feito ao mesmo tempo que a duplicação?

Elifas Marques - Não, vai ser feito antes. Na medida em que a duplicação vai exigindo, eles têm de realocar. Quanto a um plano de ataque, o que eles têm de fazer, isso é com eles. Mas nós estamos estudando o posicionamento das tubulações a partir do que eles estão nos apresentando. Não podemos fazer escavações, intervenções na pista, onde nesse momento exista uma rede ativa.

Santa - Isso vai atrasar a obra ou já estava previsto?

Marques - Isso é previsto. Estamos discutindo o assunto desde 2013. Se vai atrasar a obra ou não, nesse momento digo que não.

Santa - A tubulação não pode ficar embaixo da pista? É a determinação do Dnit?

Marques - Pelo ponto de vista da engenharia, isso não é verdade: pode. Vai depender se nós aceitamos ou não. É evidente que, para uma tubulação ficar embaixo de uma pista, tem de ter alguns dispositivos de segurança. A SCGás tem de fazer a análise: se nós impusermos determinados padrões de segurança previstos em normas, o custo é viável ou é mais barato realocar a rede em outro lado? Ela é quem vai dar a condição final de como será implantada a tubulação. O Dnit não proíbe. Mesmo porque a engenharia permite sob determinadas condições.

Santa - O projeto já está pronto?

Marques - O projeto para remanejar a rede de gás está em execucão. Quanto ao lote 4 ainda não batemos o martelo, a análise está em andamento. O projeto do lote 3 está em fase final de análise. No lote 1 ainda não sei se vai precisar mexer no gás, não discutimos isso ainda; é o que menos interferência tem. No lote 2 a interferência também é muito pouca, mesmo porque o gás está de um lado e vamos duplicar de outro. Essa interferência é quase nula, não me preocupa. A grande preocupação está nos lote 3 e 4.

JORNAL DE SANTA CATARINA
__________________
All hail the PRESIDENTO
luancarpe no está en línea   Reply With Quote


Reply

Thread Tools
Rate This Thread
Rate This Thread:

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off

Related topics on SkyscraperCity


All times are GMT +2. The time now is 02:14 PM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.11 Beta 4
Copyright ©2000 - 2017, vBulletin Solutions Inc.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2017 DragonByte Technologies Ltd.

vBulletin Optimisation provided by vB Optimise (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2017 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us | privacy policy | DMCA policy

Hosted by Blacksun, dedicated to this site too!
Forum server management by DaiTengu