daily menu » rate the banner | guess the city | one on oneforums map | privacy policy | DMCA | news magazine | posting guidelines

Go Back   SkyscraperCity > European Forums > Fórum Português > Arquitectura e Urbanismo > Porto > Projectos



Global Announcement

As a general reminder, please respect others and respect copyrights. Go here to familiarize yourself with our posting policy.


Reply

 
Thread Tools
Old March 18th, 2008, 05:14 AM   #1
Andre_Filipe
Registered User
 
Andre_Filipe's Avatar
 
Join Date: Sep 2006
Location: Porto
Posts: 5,585
Likes (Received): 994

Porto - Foz | Concurso público para a nova Avenida Nun'Álvares

Câmara lança concurso para plano Nun'Álvares


Vereador Lino Ferreira gostaria de ver as máquinas a rasgar a futura avenida dentro de um ano e meio


Odesenho da Avenida de Nun'Álvares e da área envolvente, entre a Praça do Império e a Avenida da Boavista, será escolhido através de concurso público. Após forte contestação ao plano e um abaixo-assinado com duas mil assinaturas, a Câmara do Porto opta por lançar a consulta pública, reclamada pela Junta de Freguesia de Nevogilde, pondo de lado a proposta do urbanista Jorge Carvalho. O concurso, que deverá ser aberto no primeiro semestre deste ano, é aplaudido pelo presidente da Junta de Nevogilde.

O vereador do Urbanismo, Lino Ferreira, garante que a proposta de Jorge Carvalho, submetida a debate público, nunca foi o desenho final e serviu para realizar uma estimativa dos encargos das obras de urbanização da unidade operativa de planeamento e gestão (UOPG), cujo desenvolvimento é determinado pelo Plano Director Municipal do Porto. Calculou-se um custo de 16,7 milhões de euros.

"Sempre esteve previsto um concurso público para o desenho urbano na fase de loteamento. Assumimos que o que foi apresentado não é um erro. Não há um recuo relativamente à proposta divulgada. Fez-se um esboço de desenho que as pessoas entenderam como desenho urbano definitivo e não é assim", argumenta o vereador. "A proposta que foi a discussão pública tinha os termos de referência para o desenvolvimento da UOPG em texto e em desenho. O desenho foi entendido como tendo ido mais longe do que devia", adianta.

Fundo para pagar as obras

No entanto, em Setembro do ano passado, Lino Ferreira afastou a hipótese de lançamento de um concurso público de ideias para o desenho urbano da área de 342,8 mil metros quadrados. Uma consulta que agora será feita.

Em declarações ao JN, manifestou "total abertura ao diálogo", mas assinalou que não havia necessidade de "voltar ao princípio" por existirem "ideias capazes para construir uma proposta mais consensual". Nessa altura, estendeu o período de discussão pública até ao final do ano passado. A Autarquia recebeu 50 reclamações e sugestões. Até Abril, será apresentado o relatório final do debate público ao Executivo portuense.

"É na ponderação das sugestões que apresentaremos a proposta de abertura do concurso público", esclarece o autarca, salientando a complexidade destes processos urbanísticos, que "estão a ser lançados pela primeira vez". A solução urbanística para aquela área de 342,8 mil metros quadrados ficará a cargo de quem ganhar o concurso, sendo-lhe adjudicada a realização do projecto de loteamento. Seguir-se-á um novo período de debate público. Só depois será possível avançar com as obras de urbanização no espaço público, em particular a execução da futura avenida de Nun'Álvares.

Embora assegure que o perfil da avenida pode ser alterado pelo projectista vencedor, Lino Ferreira alerta que o desenho final terá de respeitar o Plano Director Municipal (PDM). "A avenida está nos primeiros níveis da hierarquia rodoviária no PDM. Não pode ser uma rua com dois metros de largura", atenta o vereador.

Quando a solução urbanística estiver definida, será constituído um fundo de compensação pelo grupo de proprietários (em que se inclui a Câmara com 84,5 mil metros quadrados), que lançará o concurso público para fazer as infra-estruturas públicas. Numa visão optimista, Lino Ferreira admite que "gostaria de ter máquinas no terreno dentro de um ano e meio". Tudo dependerá da mobilização dos proprietários.
Andre_Filipe no está en línea   Reply With Quote

Sponsored Links
 
Old March 18th, 2008, 05:16 AM   #2
Andre_Filipe
Registered User
 
Andre_Filipe's Avatar
 
Join Date: Sep 2006
Location: Porto
Posts: 5,585
Likes (Received): 994

Ou seja, basicamente a Avenida do projecto era larga demais...
Andre_Filipe no está en línea   Reply With Quote
Old March 18th, 2008, 05:57 AM   #3
Daniel_Portugal
I Love You... Soraia
 
Daniel_Portugal's Avatar
 
Join Date: Sep 2005
Location: PORTO Metro Area
Posts: 28,490
Likes (Received): 32

Quote:
Vereador Lino Ferreira gostaria de ver as máquinas a rasgar a futura avenida dentro de um ano e meio

Se possível, eu gostaria de as ver já este ano. Embora prefira um ano e meio, do que cinquenta séculos!
__________________
pila
Daniel_Portugal no está en línea   Reply With Quote
Old March 18th, 2008, 03:02 PM   #4
JoniP
Registered User
 
JoniP's Avatar
 
Join Date: Feb 2007
Location: Porto - Matosinhos
Posts: 1,974
Likes (Received): 2

Acho que se deve pensar na ligação a matosinhos por túnel... Esta coisa de cada município pensar por si só é muito chata.. Em vez de existirem PDM's deviam existir planos mais alargados que abrangessem áreas maiores.. Complementados com planos mais localizados..
Eu defendo a fusão ou criação de novos muncicipios na AMP.. Até acho que se podia criar um thread sobre isso!
JoniP no está en línea   Reply With Quote
Old March 18th, 2008, 06:31 PM   #5
Portvscalem
a revolta da francesinha
 
Portvscalem's Avatar
 
Join Date: Jan 2007
Location: Porto/Barcelona
Posts: 10,079
Likes (Received): 6

e não percebo porque raio não queriam ligar a avenida a matosinhos... tratavam a avenida como autoestrada... via de ligação...

ligar a matosinhos seria "criar um autoestrada entre duas cidades"... coisa estúpida...

seria era uma avenida que estruturava toda a zona ocidental do porto, e faria um aponte entre centro de matosinhos e baixa... aumentando a continuidade urbana... consolidava a cidade...

em vez disso preferem fazer da avenida um arruamento secundário de acesso a uma zona de moradias a criar de raíz....

um avenida que seria em potencial uma "boavista II" mas mais larga, fica reduzida a uma "marechal gomes da costa II" mas menos larga....

se pensarem na importância no contexto da cidade da marechal face à boavista....

mas pronto.... desperdiçar um espaço tão central, quase baixa do porto com baixa densidade... e vias estreitas numa cidade onde carros se empanturram em caminhos de cabras...

eu até acho que só metade da amp trabalha no porto porque os carros da outra metade não cabem na cidade...

a ver se o concurso dá um bom fim....
Portvscalem no está en línea   Reply With Quote
Old March 19th, 2008, 01:05 AM   #6
JohnnyMass
Whatever
 
JohnnyMass's Avatar
 
Join Date: Feb 2005
Location: Porto
Posts: 46,418
Likes (Received): 1270

vamos lá a ver o que vai sair... face à contestação que se verificou já se está a ver que as novas propostas vão ser de uma vulgar rua com uma faixa em cada sentido...
__________________
Edit my Signature
JohnnyMass no está en línea   Reply With Quote
Old March 19th, 2008, 01:48 AM   #7
Daniel_Portugal
I Love You... Soraia
 
Daniel_Portugal's Avatar
 
Join Date: Sep 2005
Location: PORTO Metro Area
Posts: 28,490
Likes (Received): 32

a outra era larga de mais pk? tinha 4 faixas de cada lado? 3?


jonny: para ser avenida tem de ter no minimo duas faixas, por isso uma em cada sentido nao ira ter a nao ser k em vez de se chamar avenida nunalvares se passe a chamar rua nunalvares.

em todo o caso a largura da avenida nao dependende so das faixas. os passeios contam, e o separador central tambem. quem sabe a reduçao seja no separador central e/ou nos passeios, e nao propriamente no numero de faixas.

sinceramente vendo akilo k se tem feito no porto estes ultimos anos, nao me acredito k saia algo mau. ha mta gente competente a controlar as coisas.
__________________
pila
Daniel_Portugal no está en línea   Reply With Quote
Old March 19th, 2008, 04:58 AM   #8
Andre_Filipe
Registered User
 
Andre_Filipe's Avatar
 
Join Date: Sep 2006
Location: Porto
Posts: 5,585
Likes (Received): 994

O vereador socialista Francisco Assis é favorável à abertura de um concurso público para encontrar uma solução urbanística definitiva e mais consensual para a área do plano Nun'Álvares, entre a Praça do Império e a Avenida da Boavista (Porto). Já o vereador da CDU Rui Sá critica a metodologia seguida pela Câmara do Porto, que prolongará no tempo a elaboração de um documento estratégico para aquela zona.

Conhecida a decisão municipal de lançar uma consulta público para a realização do projecto de loteamento para a área com 342,8 mil metros quadrados até final de Junho, Francisco Assis mostrou-se satisfeito com a "evolução positiva" neste processo urbanístico, que "mobilizou os cidadãos" e mereceu a contestação de várias "personalidades ilustres da cidade". Embora tenha voltado a recusar a ideia de recuo face às críticas e garantido que sempre esteve previsto a abertura de um concurso público na fase de loteamento, o vereador do Urbanismo, Lino Ferreira, considerou, ontem na reunião de Executivo, que esta "é a prova evidente de que a Câmara ouve, de facto, os cidadãos".

No entanto, insistiu que a consulta pública (a lançar depois da apresentação à vereação do documento com a apreciação das 50 reclamações entregues no período de debate público) é uma obrigação legal. Quando o projecto de loteamento para aquela área estiver concluído, terá de ser submetido a um novo período de discussão pública, antes do arranque das obras.

Menos convencido está o comunista Rui Sá, que condena a metodologia seguida pelo Município. "Do ponto de vista metodológico, não é a melhor solução estar a fazer um novo concurso público para definir as características do loteamento, que terá de ir novamente a discussão pública. No caso do Plano de Pormenor das Antas, fez-se um desenho que definiu tudo", salientou o vereador da CDU, lembrando que o Plano Director Municipal (PDM) foi aprovado há dois anos. "Não deixa de causar preocupação o facto de o processo de Nun'Álvares estar nesta situação e de faltar desenvolver ainda 23 unidades operativas de planeamento e gestão" do PDM. CSL
Andre_Filipe no está en línea   Reply With Quote
Old March 19th, 2008, 05:00 AM   #9
Andre_Filipe
Registered User
 
Andre_Filipe's Avatar
 
Join Date: Sep 2006
Location: Porto
Posts: 5,585
Likes (Received): 994

Quote:
Originally Posted by Daniel_Portugal View Post
a outra era larga de mais pk? tinha 4 faixas de cada lado? 3?

Aqui está o projecto de acordo com o site da CM Porto:


Avenida Nun’Álvares com luz verde do Executivo



A cidade do Porto vai ter uma nova Avenida. O Executivo Municipal deliberou, por unanimidade, colocar à discussão pública a proposta de construção da Avenida Nun’Álvares, que consta da primeira Unidade Operativa de Planeamento e Gestão (UOPG) apresentada hoje, em reunião de Câmara, pelo Pelouro do Urbanismo da CMP.



A iniciativa do lançamento da Unidade de Execução da nova artéria citadina visa, em concreto, dois objectivos, o primeiro dos quais relacionado com a necessidade de se avançar para uma obra há muito projectada e o segundo com a aplicação de uma nova prática de planeamento urbanístico, assente em parcerias entre proprietários, Câmara e promotores.

A proposta hoje apreciada pelo Executivo e que mereceu o acolhimento dos partidos da Oposição – foi, aliás, elogiada por Francisco Assis – será desenvolvida de acordo com o PDM, que atribui a todos os proprietários os mesmos direitos construtivos, como foi salientado pelo Vereador do Urbanismo, Lino Ferreira, e por Jorge Carvalho, professor catedrático de engenharia e consultor da CMP para este tipo de matérias.

Lino Ferreira revelou, a propósito, que antes de submeter a proposta à Câmara, tinha recolhido a opinião dos presidentes das Juntas de Freguesia envolvidas (Nevogilde e Foz do Douro) e de diversos urbanistas da cidade, bem como de professores da Faculdade de Arquitectura do Porto e de alguns investidores.

A futura Avenida Nun’Álvares irá ligar a Praça do Império à Avenida da Boavista e terá uma extensão de um quilómetro e meio.

Pretende-se, assim, substituir, em grande parte, a marginal marítima, que ficará reservada, essencialmente, para funções locais e de lazer.

A ideia é, também, dotá-la de uma largura (37 metros) suficiente para acolher quatro faixas de rodagem, um corredor para transportes públicos, ciclovia e passeios com uma dimensão capaz de permitir a vivência urbana e a circulação pedonal.

Perspectiva-se, igualmente, que a nova Avenida se relacione com o Parque da Cidade, através de três filas regulares de árvores de grande porte, localizadas nos passeios e na faixa separadora.

Execução integrada
e em parcerias

Da intervenção, que tem um custo total e global estimado em 17 milhões de euros, resulta uma área bruta de construção de 230 mil metros quadrados. Abrange, por outro lado, uma área de 34 hectares e cerca de 80 propriedades (de mais de 40 proprietários).

A execução de toda a urbanização será feita de modo integrado, embora sem prejuízo de poder ser feita de forma faseada, o que impedirá intervenções desgarradas, tantas vezes nocivas à harmonia e funcionalidade urbanas. Para tal, serão organizadas parcerias entre proprietários e, se necessário, com outros investidores.

«Significa isto que a Avenida será executada por inteiro e não aos pedaços, ao contrário do que acontecerá com a edificação, que será feita de acordo com os parâmetros urbanísticos que vierem a ser aprovados por esta CMP e pela Assembleia Municipal», reiterou Lino Ferreira.

A preservação das ribeiras existentes constitui uma outra preocupação e será feita em consonância com um estudo hidráulico, que está a ser elaborado pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP).
Andre_Filipe no está en línea   Reply With Quote
Old March 19th, 2008, 10:58 AM   #10
Daniel_Portugal
I Love You... Soraia
 
Daniel_Portugal's Avatar
 
Join Date: Sep 2005
Location: PORTO Metro Area
Posts: 28,490
Likes (Received): 32

37 metros. era larguinha

a redução de largura pode nao ser significativa. se ficar com 33 ou 34 continuará a ser larguinha


essa avenida eh fundamental para a consolidaçao da zona ocidental do municipio. so com ela irá acabar a ruralidade da zona pré-foz, situada precisamente no centro desse triangulo boavista, marechal, nunalvares. eh sem duvida a zona com mais extensao rural do municipio.
__________________
pila
Daniel_Portugal no está en línea   Reply With Quote
Old March 19th, 2008, 09:17 PM   #11
pedrodepinto
Feliz 2014 ;)!
 
pedrodepinto's Avatar
 
Join Date: Nov 2006
Location: Lisbon
Posts: 29,564
Likes (Received): 324

Vamos lá ver qual será a redução !
pedrodepinto no está en línea   Reply With Quote
Old March 20th, 2008, 02:40 AM   #12
Daniel_Portugal
I Love You... Soraia
 
Daniel_Portugal's Avatar
 
Join Date: Sep 2005
Location: PORTO Metro Area
Posts: 28,490
Likes (Received): 32

tipo uma noticia: "nova avenida terá apenas 4 metros de largura. será permitida a circulação apenas a motociclos"

__________________
pila
Daniel_Portugal no está en línea   Reply With Quote
Old March 20th, 2008, 02:51 AM   #13
Portvscalem
a revolta da francesinha
 
Portvscalem's Avatar
 
Join Date: Jan 2007
Location: Porto/Barcelona
Posts: 10,079
Likes (Received): 6

37 metros larguinha...

daniel_pt... tens de ir a espanha ver as avenidas de 70 e 90m.... é não é uma ou duas como nós temos aqui uma ou duas de 30 e tal metros de largura... são muiiiiittttassss......

e as de 30m, são as ruas.....

e as nossas ruas em qualquer lado do mundo teriam o nome de vielas, ou caminhos....

metade das nossas avenidas por acaso tb poderiam ter o nome de "estrada"....

eu ao imaginar o porto ocidental ( leça, matosinhos, sra da hora, nevolgilde, aldoar, foz, lordelo do ouro, ramalde), visto a estrutura viária ser toda desconexada, via esta zona articulada por três grande eixos paralelos ao mar

1ro- a avenida do brasil, avenida de montevideu, esplanada do rio de janeiro, rua de brito capelo, avenida de serpa pinto, depois uns "s" até à ponte móvel, avenida Dr. Antunes Guimarães ( versão matosinhense), avenida da Liberdade ( marignal de leça), rua helder ribeiro ( que passa a avenida 2x2 com as obras a decorrer...)

2ndo- rua diogo botelho, avenida nun´alvares ( a tal), túnel por baixo do parque da cidade, avenida D. Afonso Henriques ( desemboca directamente na ponte móvel, onde se une ao eixo nr.1), básicamente tinhas uma avenida em linha recta entre a praça do império e aquele jardim engraçado em leça, junto à ponte... digam lá que não dava muito mais unidade urbana, e não tornava muito mais uma cidade só porto e matosinhos...

3ro- Rua de 5 de Outubro, Avenida Sidónio Pais (versão portuense), Avenida AIP ( ou é AEP, já nem sei, lool), Av. Marechal Carmona ( vulgo inicio da A28, que deveria arranjar um look mais urbano, e menos de autoestrada, tentanto quando se fizer o alargamento, arranjar vias para trânsito rápido e outras para trânsito urbano, fazendo alguma espécie de frente urbana nessa avenida, e passando a ser efectivamente A28 depois do nó com a A4)...( a mesma solução para a avenida AIP).

e outros eixos perpendiculares ao mar:

1ro- marginal fluvial ( não vale a pena especificar ruas e avenidas)

2ndo- Rua de Diu, Avenida Marechal Gomes da Costa (versão portuense)

3ro- Avenida da boavista,( com a rua da boavista, a rua diogo botelho e um túnel dái para a frente que existe em mente este eixo será quase um eixo este-oeste na cidade toda, mas aqui estou a pensar no contexto de porto ocidental).

4to- "Avenida da Circunvalação", outro eixo que é practicamente este-oeste na cidade toda, claro que a ideia é dar um perfil completa e absolutamente de avenida urbana à actual pelo menos oficialmente "estrada"..

5to- Avenida de Meneres, Avenida Villagarcia de Arosa, Rua Dr. Eduardo Torres-Avenida de Merignac ( uma em cada sentido, lool), Rua Dr. Eduardo Torres ( depois fica só esta..) p.s- este 2eixo" desemboca na rotunda AEP, onde se cruzam igualmente os "eixos" circunvalação e o 3ro dos eixos paralelos ao mar...

6to- Avenida da República (versão matosinhense), Avenida da liberdade ( versão matosinhense mas não de leça, principio da A4)

como 7to poderiamos ter eventualmente a rua belchior robles, mas tal já está na fornteira da cidade.... obviamente alguns destes eixos são mais importantes que outros, especialemente nos perpendiculares ao mar, que de certa forma, abundam....

notasse muito a falta de eixos paralelos ao mar.....

um deles acaba por funcionar como auto-estrada, o outro é básicamente um passeio marítimo...

não é por falta de ligações a matosinhos.... era estruturar a cidade, tornar esta cidade plurimunicipal mais coesa.... não é ligar o porto de leixões com a baixa a razão de se fazer um túnel por baixo do parque da cidade.... o porto tem infinitas radiais...

agora é preciso consolidar a malha urbana, acabar as pequenas ramificação que brotam das radiais onde se instalam urbanizações que depois desaguam....

obviamente esta lógica de tornar o 2ndo eixo paralelo ao mar, um de três enormes eixos estruturantes da parte ocidental de uma cidade plurimunicipal de 1milhão de habitantes, não pode ser feito através de uma rua de um sentido rodeada de moradias, em que qualquer carros que não seja dos moradores que lá entre pode entupir aquilo, ou que só passem lá carros quando os moradores entram e saem...

uma rua estruturante de uma cidade nunca será uma rua de condomínio privado...

desta ideia asquerosa de alhear nevolgilde da cidade, de tornar aquilo num guetto residencial de luxo, em pleno centro da cidade...tratar aquilo como a urbanização de óbidos...

ora aí está, a malta lisboeta quer moradia, e viver campestre, faz urbanizações dessas onde deve ser...agora imaginem pegar na avenida da república lisboeta, demolir tudo e fazer lá um urbanização estilo a de óbidos, e depois constatar que a avenida é larga demais e reduzir a avenida a uma rua com uma faixa em cada sentido... forumers lisboetas, digam, que fariam face a tal coisa???? aqui no porto dizem que é bom, que é baixa densidade, que não destoa, que existe betão demais....

essa do "moradia não destoa" eu acho fantástico... o outro dia falavam de umas moradias quaisquer no meio de um monte de prédios... mas foram aprovadas... dizia o Rio creio eu, que eram construções sem impacto.... já nas antas, no meio de montes de edificios de 10 12 andares, prédios e prédios...achou um torre de 13 andares um "aberração"....

últimamente no porto tudo simples: moradia, baixa densidade- bom

prédio acima de 3/4 andares- mau/muro de betão , caso seja uma torre, "ilha ao alto"....

alguém vá ao virtual e crie um thread só com fotos de nevogilde aldoar etc... vejam as maravilhas....
Portvscalem no está en línea   Reply With Quote
Old March 20th, 2008, 03:09 AM   #14
Daniel_Portugal
I Love You... Soraia
 
Daniel_Portugal's Avatar
 
Join Date: Sep 2005
Location: PORTO Metro Area
Posts: 28,490
Likes (Received): 32

eu conheço avenidas de mts partes do mundo... e em espanha nao ha nenhuma cidade com mts avenidas de 90 metros lol. kd se ker exagerar exagera-se. e ruas só têm 1 faixas pra cada lado. por isso kkr coisa com duas faixas eh smp mais larga que kkr coisa com 1 faixa. a nao ser k haja ruas com passeios larguérrimos e coisas do genero.
__________________
pila
Daniel_Portugal no está en línea   Reply With Quote
Old March 20th, 2008, 03:45 AM   #15
Portvscalem
a revolta da francesinha
 
Portvscalem's Avatar
 
Join Date: Jan 2007
Location: Porto/Barcelona
Posts: 10,079
Likes (Received): 6

fosgasse.... tu és capaz de dizer que o porto está cheio de avenidas largas... mas não consegues apanhar montes de avenidas de 70 e 90m nas cidades espanholas....

elas até se cruzam entre si...

desculpa, mas são mesmo muitas... mais pelo menos que as do porto de 30 e tal mtrs...
Portvscalem no está en línea   Reply With Quote
Old March 20th, 2008, 04:47 AM   #16
Daniel_Portugal
I Love You... Soraia
 
Daniel_Portugal's Avatar
 
Join Date: Sep 2005
Location: PORTO Metro Area
Posts: 28,490
Likes (Received): 32

eu nao disse k o porto ta cheio de avenidas largas.

so disse k nao ha nenhuma cidade espanhola com mts avenidas de 90 metros de largura.
__________________
pila
Daniel_Portugal no está en línea   Reply With Quote
Old March 20th, 2008, 02:36 PM   #17
Barragon
Barra for Friends
 
Barragon's Avatar
 
Join Date: Dec 2004
Location: Barreiro
Posts: 84,471
Likes (Received): 1570

Não leva metro ?
__________________
::: Portuguese Forum :::

The Latest Photo Reports: Região de Lisboa :: Alentejo

Fat people are harder to kidnap
Barragon no está en línea   Reply With Quote
Old March 20th, 2008, 04:32 PM   #18
Daniel_Portugal
I Love You... Soraia
 
Daniel_Portugal's Avatar
 
Join Date: Sep 2005
Location: PORTO Metro Area
Posts: 28,490
Likes (Received): 32

o metro em principio vai passar pela boavista.

mas caso se escolha o traçado que vai entre a boavista e a marginal do douro, entao terá uma estaçao kkr na nunalvares.

mas espero k va pela boavista. tem mais rentabilidade, pois aproxima gentes dos dois lados. basicamente o municipio do porto tem dois lados na sua zona ocidental. a zona norte e sul, com a avenida da boavista a meio, logo estar a por mais a baixo ou mais acima, eh tar a tirar potencial a um dos lados. lados esses k por sinal sao bastante populosos, ja que a zona ocidental do municipio eh das mais habitadas.
__________________
pila
Daniel_Portugal no está en línea   Reply With Quote
Old March 20th, 2008, 11:27 PM   #19
Portvscalem
a revolta da francesinha
 
Portvscalem's Avatar
 
Join Date: Jan 2007
Location: Porto/Barcelona
Posts: 10,079
Likes (Received): 6

é das mais habitadas à custa de matosinhos.... a freguesia de nevolgilde e os seus 5 mil herois... chamas a isso densidade????? e ainda por cima é daquelas freguesias com area bastante considerável...

e retiras a frente de mar de nevogilde e sabes lá quantos sobram dos 5 mil que sobrepovoam a ultra mega hiper densa freguesia....
Portvscalem no está en línea   Reply With Quote
Old March 20th, 2008, 11:34 PM   #20
Portvscalem
a revolta da francesinha
 
Portvscalem's Avatar
 
Join Date: Jan 2007
Location: Porto/Barcelona
Posts: 10,079
Likes (Received): 6

e já agora no que toca a avenidas, aranda del duero com 30 mil habitantes num municipio enorme, tem no seu nucleo urbano uma avenida com practicamente 50m de largura....

se é assim em aranda del duero, imagina tu nas grandes cidades....

eu uma vez fiz a brincadeira com valência... foi ao google e coloquei-me a medir avenidas... as de 70 para cima, tipo eram à dezenas... seguiam-se umas atrás das outras, cruzavam entre si e tudo....

e eu de quando estive lá bem me lembro... 5 faixas para um lado, 6 po outro..jardim no meio, passeio acolá, tranvia no meio.... mais 4 faixas pa cada lado e ciclovias do lado.... depois vinha uma estreita de 3x3, uqe interlaçava numa de 4x3 que cruzava numa de 5x5... que vinah noutras com passeios tipo aliados, que cruzava noutra com uma jardim tipo av. liberdade em lisboa no meio... tudo assim.... depois mais no centro é que tinhas ruas normais ( tipo a nossa baixa), só que lá essas eram as ruas estreitas, aqui essa são as largas...
Portvscalem no está en línea   Reply With Quote


Reply

Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off



All times are GMT +2. The time now is 04:20 PM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.8 Beta 1
Copyright ©2000 - 2014, vBulletin Solutions, Inc.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like v3.2.5 (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

vBulletin Optimisation provided by vB Optimise (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us | privacy policy | DMCA policy

Hosted by Blacksun, dedicated to this site too!
Forum server management by DaiTengu