search the site
 daily menu » rate the banner | guess the city | one on oneforums map | privacy policy | DMCA | news magazine | posting guidelines

Go Back   SkyscraperCity > European Forums > Fórum Português > Arquitectura e Urbanismo > Porto > Projectos



Global Announcement

As a general reminder, please respect others and respect copyrights. Go here to familiarize yourself with our posting policy.


Reply

 
Thread Tools
Old May 25th, 2017, 10:45 PM   #6441
Andre_Filipe
On The Horizon
 
Andre_Filipe's Avatar
 
Join Date: Sep 2006
Posts: 10,877
Likes (Received): 4397

Quote:
Originally Posted by pai nosso View Post
Obras do Cais de Gaia

Se voltassem a plantar árvores é que faziam bem
Andre_Filipe no está en línea   Reply With Quote

Sponsored Links
Old Yesterday, 01:40 AM   #6442
Sperrel
Registered User
 
Sperrel's Avatar
 
Join Date: Apr 2014
Location: Porto
Posts: 191
Likes (Received): 59

Quote:
Originally Posted by toniho View Post
Em que é que o Porto nao cumpre isso e Lisboa cumpre?
39.000 dormidas faz o Porto em dois dias e meio, p.e. Edificios nao faço ideia, mas nao me parece que um arquivo seja assim tao dificil de acomodar. Escolas internacionais o Porto tem varias. Acessibilidades o Sa Carneiro tem tantos ou mais passageiros hoje em dia do que a Portela tinha quando Lisboa recebeu as outras agencias (com a agravante de que o trafego no Porto é quase todo europeu, em Lisboa tinha uma grande presença de Africa e Brasil que nao interessa nada para aqui).
Do que puseste a negrito o que vejo é pontos contra Lisboa por ja ter duas agencias.
Bem eu também nunca tive ilusões que Lisboa tivesse alguma chance considerável. No entanto não é nenhum sentimento de inferioridade, é mesmo comparar que Lisboa tem muitos melhores acessos internacionais (e isto importa se vêm milhares de visitantes de todo o mundo) que para agências deste tipo são obviamente mais importantes do que para as agências em Portugal ou que ao nível de escolas idem (até porque outra vez Lisboa tem maior oferta).

Independentemente da nossa opinião, o dossier da estrutura de missão criada para a tentativa portuguesa seleccionou Lisboa e suponho que não tenha sido meramente por centralismo.


Quote:
É apenas um certo sentimento de inferioridade do sperrel. N vejo nada q inviabilize a agencia no Porto. Há candidatos mais fortes? Olha porra, q novidade, são mais fortes q o Porto e q Lisboa tb. Para isso ficava tudo no centro da europa. O Porto tem a grande vantagem de n ter nenhuma sede europeia. De resto, tem boas acessibilidades e ligações, boas infraestruturas, boas faculdades e recursos humanos na área, hotelaria suficiente e em forte crescimento, boa qualidade de vida. Era mais do q justo o Porto receber uma agência europeia.
Objectivamente ao nível de acessibilidades e ligações ou infrastruturas o Porto não está assim tão competitivo. Em relação às faculdades ou recursos humanos a questão nem se põe já que os trabalhadores nas agências vão ser todos escolhidos via concurso paneuropeu. O facto do Porto não estar perto de por exemplo o Infarmed trata-se de um desvantagem para uma vantagem comparative portuguesa.

Enfim, nunca tive grandes esperanças e o argumentário pelo Porto não passa muito de lugares comuns que se poderiam aplicar a meia Europa. Se houvesse alguma chance Lisboa estaria melhor colocada mas pelos vistos só esta constatação já é sinal de complexo de inferioridade porque não me ponho a imaginar coisas verdadeiramente irrealistas.

Quote:
Aqui também se pagam impostos, aqui também se trabalha. Olhem para o pais possivelmente mais desenvolvido da Europa a Alemanha que divide as suas instituições pelo pais.
Em algum momento pus uma questão dessas em causa, do qual até seria a favor. Mas pronto têm que virar isto numa espécie de nós vs Lisboa.
__________________

Gorky liked this post
Sperrel no está en línea   Reply With Quote
Old Yesterday, 01:50 AM   #6443
Ricardo Jesus
Registered User
 
Ricardo Jesus's Avatar
 
Join Date: Aug 2014
Location: Porto (PT)
Posts: 504
Likes (Received): 296

Não sou portuense nem lisboeta e acho que é fácil e claro de constatar que o centralismo é e sempre foi um dos grandes problemas deste país. Nada contra Lisboa, amo Lisboa profundamente, mas a gentalha que puxa os cordelinhos claramente tem uma visão muito mais perversa da coisa, em prole dos negócios e investimentos feitos em Lisboa a capital tem que sair sempre a ganhar como se o país não fosse um todo, a discrepância de investimentos entre Lisboa e o resto do país é assombrosa..
Ricardo Jesus está en línea ahora   Reply With Quote
Old Yesterday, 02:08 AM   #6444
1. Caravaggio
Eudaimonia
 
1. Caravaggio's Avatar
 
Join Date: Nov 2010
Location: Vancouver
Posts: 5,336
Likes (Received): 1713

Quote:
Originally Posted by Sperrel View Post
Bem eu também nunca tive ilusões que Lisboa tivesse alguma chance considerável. .
Santa ingenuidade....
1. Caravaggio no está en línea   Reply With Quote
Old Yesterday, 12:15 PM   #6445
NPinheiro
Registered User
 
Join Date: May 2017
Posts: 4
Likes (Received): 3

Quote:
"Lisboa tem muitos melhores acessos internacionais"
Esta a falar do que exatamente?, se estivermos a falar de Europa (que julgo será o fator importante), a conectividade no Porto não fica atrás, depende de cada caso mas genericamente é semelhante, a infraestrutura aeroportuária até é muito melhor no Porto do que a de Lisboa. (resultado de sobre-investimento em múltiplos retalhos)

Quote:
"Objectivamente ao nível de acessibilidades e ligações ou infrastruturas o Porto não está assim tão competitivo."
Pode explanar sobre isto? é que conhecendo bem as duas cidades não noto grande diferença, exemplo o transito em lisboa consegue ser bem pior que no porto.
Posso dar de bandeja infrastruturas culturais, sim lisboa tem mais grande parte sustentadas ou criadas pelo estado. Mas acessibilidades e ligações acho que é coisa que o Porto ate nem se pode queixar muito, Portugal gostou de gastar dinheiro nisso...


#Sim Lisboa (cidade) é bem maior que o Porto, e isso induz que tenha mais serviços, no entanto tem um tremendo handicap, já tem duas agências europeias, e como o pessoal na Europa tem mais um bocadinho de vergonha nisso de por tudo no mesmo local, este problema praticamente anula Lisboa.
resultado, ficamos sem saca e sem arroz.
__________________

Andre_Filipe, spot81 liked this post

Last edited by NPinheiro; Yesterday at 12:22 PM.
NPinheiro no está en línea   Reply With Quote
Old Yesterday, 01:15 PM   #6446
toniho
Registered User
 
toniho's Avatar
 
Join Date: Sep 2010
Posts: 10,815
Likes (Received): 2339

Tambem estou curioso para saber que melhores acessos internacionais tem Lisboa do que o Porto.
E, como ja disse, quando Lisboa recebeu as outras agencias o seu aeroporto processava tantos ou menos passageiros do que o Porto (e muitos eram de ligaçao - isto é, contados duas vezes - e/ou iam para destinos que nao interessam nada para isto).
__________________

Andre_Filipe, NPinheiro, spot81 liked this post
toniho no está en línea   Reply With Quote
Old Yesterday, 02:31 PM   #6447
Andre_Filipe
On The Horizon
 
Andre_Filipe's Avatar
 
Join Date: Sep 2006
Posts: 10,877
Likes (Received): 4397

Lisboa com 2 agências jamais deveria ter sido a cidade portuguesa candidata. Ponto. Não é muito dificil de ver isso. A Europa não gosta de centralizar tudo no mesmo sítio, essa mentalidade é mais portuguesa do que europeia. Sugeriam o Porto, Coimbra, Braga, etc.
__________________

NPinheiro liked this post
Andre_Filipe no está en línea   Reply With Quote
Old Yesterday, 02:33 PM   #6448
toniho
Registered User
 
toniho's Avatar
 
Join Date: Sep 2010
Posts: 10,815
Likes (Received): 2339

Basta ver que naquela propria noticia que ele pos, dizia-se que um dos objetivos da UE é dar agencias a paises que ainda nao tem nenhuma. Depois a seguir ressalva que essa politica foi feita para novas agencias, nao relocalizaçoes (quando isso foi escrito de certeza que nao achavam que ia ser necessario alguma vez relocalizar uma agencia europeia), mas que de qualquer dizem que essa politica deve ser tida em consideraçao na mesma, i.e., entre dois paises mais ou menos iguais, vao escolher aquele que nao tem agencias provavelmente.

E eu nem sequer faço ideia se o Porto é boa opçao ou nao. Mas desses criterios, o Porto cumpre tudo (podera nao cumprir dos edificios, mas de qualquer das formas tenho duvidas que isso seja muito dificil de se conseguir). E face ao que é aí dito, Lisboa tem um gravissimo problema de ja ter duas agencias. Se for para ir para sitios onde ja ha agencias é duvidoso que vao escolher Lisboa.
E, a nao ser que nao venha nenhuma candidatura de jeito de alguma cidade que nao tenha nenhuma agencia, cheira-me que Lisboa vai ser logo excluida à partida.
__________________

NPinheiro, RuiG21, spot81 liked this post

Last edited by toniho; Yesterday at 02:40 PM.
toniho no está en línea   Reply With Quote
Old Yesterday, 04:59 PM   #6449
jferreira20
Registered User
 
Join Date: Oct 2009
Posts: 521
Likes (Received): 52

Há uma outra característica do Porto de que ninguém fala e que ajudaria a justificar a EMA no Porto. A maior farmacêutica portuguesa, a única portuguesa a lançar medicamentos inovadores e a ter investigação e desenvolvimento, que exporta para quase todo o mundo está sediada a uma vintena de kms do Porto.
__________________

NPinheiro liked this post
jferreira20 no está en línea   Reply With Quote
Old Yesterday, 05:09 PM   #6450
pai nosso
Registered User
 
pai nosso's Avatar
 
Join Date: Sep 2009
Location: Portugal
Posts: 10,288
Likes (Received): 3442

Gaia prevê concluir obra no Areinho de Avintes em nove meses


O Areinho de Avintes, em Vila Nova de Gaia, estará totalmente requalificado dentro de nove meses, fruto de uma obra municipal de 1,5 milhões que arrancou esta sexta-feira e integra um projeto global de 10 milhões.


Em causa está uma intervenção em parte da zona marginal de 20 quilómetros que Vila Nova de Gaia tem junto ao rio Douro.


A obra no Areinho de Avintes vai desenvolver-se ao longo de nove meses, "apanhando" a época balnear mas, conforme garantiu o presidente da câmara de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, serão criadas condições para que o espaço continue a poder ser utilizado nessa altura.


O investimento de 1,5 milhões de euros é inteiramente municipal, estando integrado num projeto global que inclui outras empreitadas de requalificação da Frente Fluvial do rio Douro, sendo que algumas delas são cofinanciadas pelo Ministério do Ambiente.


Numa cerimónia que culminou com uma libertação de aves, Eduardo Vítor Rodrigues falou, esta manhã, em "grande respeito pelo território", apontando que não está em causa "uma obra pura e dura", mas sim "uma requalificação ambiental e paisagística".


"Aqui nascerá um espaço aprazível com zona de merendas, ciclovia, zona pedonal, reabilitando um espaço com as melhores práticas", descreveu o autarca que antes tinha manifestado "orgulho" na "estabilidade financeira alcançada" pela autarquia que permite, conforme disse, financiar este e de outros projetos.


A cerimónia contou com a presença do ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, que lembrou o facto de a requalificação do Areinho de Avintes estar associada a três outras cofinanciadas pelo Ministério.


Trata-se da recuperação dos muros e das retenções marginais até à escarpa da Serra do Pilar com adaptação do espaço às alterações climáticas e com o objetivo de mitigar o efeito das cheias, descreveu o governante.


"É muito relevante que este investimento esteja a ser feito. Esta era a parte do rio do lado de Gaia que foi sempre muito menos olhada no passado", disse João Pedro Matos Fernandes que, recordando o POLIS, disse que esse programa teve um ponto de vista muito urbano, enquanto aquela que poderia ser chamada de "segunda geração do POLIS" está mais vocacionada para a natureza e para as pessoas.


O governante também disse ter convicção de que o rio Douro, exatamente aquele que preenche o Areinho de Avintes, venha a ter "muito melhor qualidade em breve" graças a investimentos em Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) e na obra do intercetor de rio Tinto, Gondomar, que arrancou na última sexta-feira, num total de 36 milhões de euros com comparticipação nacional.
Fonte: http://www.jn.pt/local/noticias/port...s-8509873.html
pai nosso no está en línea   Reply With Quote
Old Yesterday, 05:18 PM   #6451
RuiG21
Registered User
 
RuiG21's Avatar
 
Join Date: Aug 2014
Location: Gaia
Posts: 4,576
Likes (Received): 1254

Webhelp chega ao Porto com espaço para mais 350 trabalhadores

O recrutamento deu frutos e a empresa de subcontratação de serviços abre um novo centro na cidade Invicta com mais de metade dos trabalhadores pretendidos.

https://www.noticiasaominuto.com/eco...-trabalhadores

Mais um call centre portanto...
__________________
Rui Granja
RuiG21 no está en línea   Reply With Quote
Old Yesterday, 07:09 PM   #6452
Tiago_20
Registered User
 
Tiago_20's Avatar
 
Join Date: Sep 2008
Location: Porto
Posts: 1,174
Likes (Received): 162

A webhelp já está no Porto há um ano. Fazem maioritariamente apoio ao cliente em francês para a empresa de telecomunicações Bouygues Telecom
Tiago_20 no está en línea   Reply With Quote
Old Today, 02:41 AM   #6453
Andre_Filipe
On The Horizon
 
Andre_Filipe's Avatar
 
Join Date: Sep 2006
Posts: 10,877
Likes (Received): 4397

KW Business abre Market Center no Porto com 1.400M²

A KW Business prepara-se para abrir um market center no Porto, um novo espaço com 1.400m², o maior do género do país e resultado de um investimento de cerca de 500.000 euros. Situado nas antigas instalações da Cunha Gomes, no Centro Empresarial do Porto, esta nova infraestrutura terá gabinetes para equipas, grande auditório, bar e restaurante com esplanada, parque de estacionamento e pista de running, e reforça a aposta da KW nos seus colaboradores e na melhoria das suas condições de trabalho. Surge depois de a imobiliária ter fechado o ano de 2016 com os seus melhores resultados de sempre, num volume de negócios de 183 milhões de euros e mais de 2.000 transações realizadas. A escolha do Porto não é ao acaso, já que é no norte do país que a empresa concentra a maior parte da sua atividade. Já a partir deste verão, o market center vai criar 150 novos postos de trabalho, passando a contar com cerca de 300 colaboradores no Porto. Miguel Queiroz Aguiar, CEO da KW Business, explica que «mais do que crescer em números, queremos crescer em qualidade, e isso significa oferecermos aos nossos consultores as melhores condições que podem ter para trabalhar no dia-a-dia e para terem gosto no que fazem». Este responsável acredita que «a KW é uma empresa que aposta em dotar os colaboradores de ferramentas essenciais para enfrentar desafios e ultrapassar barreiras na sua profissão, e no grupo Business queremos acompanhar essa filosofia também no que diz respeito às infraestruturas». Já Carlos Santos, também CEO da empresa, nota que «se tudo correr como até agora, este será o melhor ano de sempre para a KW Business em negócio. E a melhor forma de comemorar isso é abrir este market center, uma prova real do nosso lema “Carreiras que valem a pena ter, Negócios que valem a pena deter, Vidas que valem a pena viver”».
Andre_Filipe no está en línea   Reply With Quote
Old Today, 03:16 PM   #6454
RuiG21
Registered User
 
RuiG21's Avatar
 
Join Date: Aug 2014
Location: Gaia
Posts: 4,576
Likes (Received): 1254

Rui Moreira escreveu ao presidente da AMP sobre a TAP, EMA e Eurovisão. Conheça a carta na íntegra.

Leia, na íntegra, a carta do presidente da Câmara do Porto.


Senhor Presidente,

Não me sendo possível estar hoje presente na reunião do Conselho Metropolitano - estou na Feira do Livro de Madrid onde o pavilhão da cidade do Porto será visitado esta manhã pelo senhor Presidente da República, o Município do Porto estará representado pela Vice-Presidente, Professora Doutora Guilhermina Rego.

São muitos e importantes os assuntos em agenda. Mas, ainda assim, queria dar-lhe nota da minha preocupação sobre três temas candentes que, a meu ver, não podem deixar de merecer a maior atenção de Vossa Excelência e dos nossos colegas, presidentes dos municípios da nossa área metropolitana.

Refiro-me às questões do festival da Eurovisão, da TAP e da Ema - Agencia Europeia do Medicamento. Três questões em que necessitamos de estar firmes; combatendo os velhos argumentos centralistas que não podem deixar de merecer uma reacção concertada e enérgica. Em que temos de ser unidos, e apresentarmos alternativas:

1. Quanto ao festival da Eurovisão: parece estar pré-determinado que decorrerá em Lisboa, mas trata-se de um evento que será organizado pela RTP. Ora, a exemplo do que sucede noutros países, seria bom que não ficasse subentendido que tem de ser em Lisboa. A área metropolitana do Porto tem o Europarque e o Multiusos de Gondomar que certamente podem acolher este evento, a área metropolitana tem todas as condições logísticas e hoteleiras para poder acolher os visitantes, não se entendendo porque parece excluída à partida. Que fique claro, a cidade do Porto não tem nenhum equipamento com as características exigidas, mas estará ao lado de qualquer município da Área Metropolitana que pretenda apresentar uma candidatura.

2. No caso da TAP, e face ao esgotamento da Portela, veio a Associação dos hoteleiros defender a criação de um hub da TAP no Aeroporto do Porto. Um tema que me é particularmente caro, reconheço, e que as actuais circunstâncias voltam a suscitar.

O Expresso noticiou esta semana, e cito:

"Lisboa está com um crescimento turístico acima do esperado e segundo a Associação dos Hotéis de Portugal (AHP) o aumento das taxas de ocupação no primeiro trimestre foi de 12,8% comparativamente a 2016, mesmo sem o efeito Páscoa que este ano decorreu em abril, a par de um ´crescimento brutal"´de 22% de passageiros no aeroporto da Portela.

´A nossa expectativa é ter resultados ainda melhores, e 2017 está de facto a ser de grande crescimento", constata Raul Martins, presidente da AHP.´

´Mas a partir de 2018 temos o problema do aeroporto de Lisboa, que esgotará a capacidade´, frisa Raul Martins, sustentando que a actual situação ´é preocupante, deve-se à decisão tardia sobre o aeroporto do Montijo, e alguma coisa tem de ser feita para que o crescimento turístico em Lisboa se mantenha, pois corremos o risco dos operadores começarem a baixar o preço´.

A solução, segundo a AHP, passa por a TAP criar um 'hub' no Porto, como destino de voos intercontinentais, desviando assim tráfego do aeroporto de Lisboa e aliviando mais a Portela.

´Muitos dos passageiros da TAP que desembarcam em Lisboa não ficam em Lisboa´, salienta o presidente da AHP. ´E não é só o Porto que beneficia por haver mais voos intercontinentais a passar pelo Porto, mas também Lisboa´. Tratando-se de um assunto de interesse nacional, frisa que esta decisão não cabe só à TAP, uma vez que ´a TAP é participada pelo Estado português´."

Senhor Presidente,

Não me cansarei de reafirmar este mesmo princípio:

Se o Estado Português é o maior accionista da TAP, se este Governo reverteu uma parte da privatização, então não pode deixar de invocar essa qualidade, nem se pode colocar numa posição de neutralidade quando há uma questão de interesse nacional que exigiria uma intervenção enérgica. E, neste caso, é inegável que esse interesse, que existe, não se coaduna com a forma como a TAP tem vindo a concentrar a sua operação em Lisboa.

Julgo que o conselho metropolitano não pode deixar passar em claro uma questão tão importante que, além do mais, legitima as reclamações, que cria uma evidente oportunidade para a área metropolitana e para toda a região.

3. O último tema é igualmente relevante. Relaciona-se com a candidatura portuguesa à deslocalização da EMA, agência europeia do medicamento, hoje sediada no Reino Unido. Sendo de aplaudir essa candidatura nacional, como o fiz publicamente e em carta que dirigi ao senhor Primeiro-Ministro há já algumas semanas e logo que esta intenção foi conhecida, também ela parece, agora, aprisionada pela lógica centralista. As últimas declarações da senhora secretária de Estado dos Assuntos Europeus a um órgão de comunicação é razão de alguma estupefacção.

http://www.euractiv.com/section/uk-e...icines-agency/

Ora, se o principal óbice que parece ser apontado é o facto - já por mim sugerido ao senhor Primeiro Ministro - de já haver duas agencias em Lisboa, não será que melhor seria abrir a possibilidade de abrir a porta a que esta fique sediada noutra cidade? E quanto à opinião da senhora secretária de estado de que Lisboa é a melhor cidade portuguesa para esta localização, trata-se de uma opinião pessoal, ou corresponde à política do governo?

Será que a sinergia - esse velho e gasto argumento - justifica que não se considerem outras opções? Que se ignore que a nossa área metropolitana tem um importante cluster na área da saúde? Que tem a maior empresa no sector dos medicamentos? Não temos nós um clima favorável? Uma gastronomia? Escolas de língua estrangeiras?

Não temos nós um aeroporto internacional e uma estação ferroviária? Não teremos níveis de segurança muito apreciáveis? Não temos condições para acolher investigadores e as suas famílias? Não seremos, enfim, uma cidade do Sul da Europa?

É que, senhor presidente, são estes or argumentos esgrimidos pela Senhora Secretária de Estado. Argumentos que tanto servem para Lisboa como para o Porto.

Mas a aposta no Porto teria outra vantagem, que resulta da leitura da entrevista:

Não será que o maior óbice à localização em Lisboa resulta do facto, aliás patente nas perguntas dos entrevistadores, de já haver duas agências em Lisboa? Mais uma vez, não entendo que possamos não tomar posição. Até porque na vizinha Espanha, o cenário é bem diferente: há cinco agências europeias em Espanha, em 5 cidades diferentes. E nenhuma delas em Madrid...


Senhor Presidente,

O centralismo continua a grassar. Foi sempre assim. Claro que ouvimos que fomos exemplares em tempo de crise. Mas, agora que o país quer sair da crise, parece que já ninguém se lembra do papel que o Norte teve nesse esforço nacional. Mais uma vez, tudo se concentra em Lisboa. E nós não nos podemos conformar!

Com os meus melhores cumprimentos,

Rui Moreira


http://www.porto.pt/noticias/rui-mor...rta-na-integra
__________________
Rui Granja

hugoabreu liked this post
RuiG21 no está en línea   Reply With Quote


Reply

Tags
porto, projetos

Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off

Related topics on SkyscraperCity


All times are GMT +2. The time now is 07:29 PM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.11 Beta 4
Copyright ©2000 - 2017, vBulletin Solutions Inc.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2017 DragonByte Technologies Ltd.

vBulletin Optimisation provided by vB Optimise (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2017 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us | privacy policy | DMCA policy

Hosted by Blacksun, dedicated to this site too!
Forum server management by DaiTengu