daily menu » rate the banner | guess the city | one on oneforums map | privacy policy (aug.2, 2013) | DMCA policy | flipboard magazine

Go Back   SkyscraperCity > Latin American & Caribbean Forums > Brasil > Fóruns Regionais > Norte > Notícias da Região

Closed Thread
 
Thread Tools
Old September 30th, 2009, 03:19 AM   #1
JpnMed
JpnMed
 
JpnMed's Avatar
 
Join Date: Jan 2007
Location: Porto Nacional - TO, São Paulo - SP
Posts: 1,055
Likes (Received): 140

Maior redução da pobreza entre 2003 e 2008 no Brasil está em Palmas

Maior redução da pobreza entre 2003 e 2008 no Brasil está em Palmas


A Capital tocantinense teve uma porcentagem de redução da pobreza maior que a encontrada no País, sendo a capital brasileira que alcançou a maior diminuição no número de menos abastados entre 2003 e 2008, com uma queda de 80,9%. Os números foram apontados pela pesquisa Atlas do Bolso dos Brasileiros, divulgada nesta segunda, 26, pelo Centro de Políticas Sociais da Fundação Getúlio Vargas. São considerados pobres pessoas com renda per capital inferior a R$ 137, também chamados de classe E.

As informações foram destaques em vários veículos de circulação e repercussão nacional, como por exemplo, o portal Uol, o portal de notícias O Globo Online, entre outros.

Em todo o Brasil a redução chegou a 43,03%, no mesmo período, isso significa que 19,3 milhões de pessoas deixaram de ser consideradas pobres. Com o resultado, a capital do Tocantins alcançou o 5º lugar no ranking que determina a fatia da população abaixo da linha da pobreza. Em 2003, Palmas estava na 20ª posição neste mesmo ranking, quando 29,78% dos residentes eram da classe E. Em 2008, apenas 5,68% dos habitantes de Palmas estavam abaixo da linha de pobreza.

Capitais

A pesquisa também aponta que a cidade com a menor fatia abaixo da linha da pobreza - entre as 27 capitais estaduais e as periferias das seis maiores metrópoles do país - é Florianópolis, onde apenas 2,36% das pessoas vivem com renda domiciliar per capita abaixo de R$ 137.

Florianópolis mantém a liderança do ranking desde 2003 e foi seguida, no ano passado, por Curitiba, com 3,92% da população abaixo da linha da pobreza. A seguir vieram Goiânia, com 4,50%, e Vitória, no Espírito Santo com 5,45%.

As cidades ou áreas com maior fatia da população abaixo de linha da pobreza no ano passado foram a Periferia de Recife, com 26,38% dos residentes com renda domiciliar per capita abaixo de R$ 137; Maceió, com 25,60%; Periferia de Salvador, com 25,22%; Periferia de Fortaleza, com 24,63%; e Recife, com 20,75%.

Estados

Entre os Estados brasileiros, Alagoas registrou o maior percentual de pobres no ano passado, com 38,76% da população abaixo da linha da pobreza, seguido pelo Maranhão, com 33,75%. Santa Catarina ficou com o menor percentual de pobres, com 4,53%.



Responsabilidade Social

Ainda segundo a pesquisa da FGV os programas sociais viabilizados pelo Governo Federal, em parcerias com as prefeituras municipais são os maiores responsáveis pela impacto na renda daqueles considerados pobres. Os programas de transferência de renda como o Bolsa-Família, chegam a representar, no caso da classe E, 6,25% da massa de recursos. Outros repasses feitos pelo governo, como aposentadorias, pensões e todos os repasses oficiais do governo por meio de políticas assistenciais, também executam melhoria na renda.

A análise histórica aponta que em 1992, o percentual das pessoas da classe E era de 34,96% do total. Em 1995, início do governo Fernando Henrique Cardoso, inicio da estabilidade econômica 28,65% eram miseráveis. Em 2003, no começo do governo Lula, teve uma redução discreta de 28,12%, e, ano passado, uma queda representativa para 16,02%.

A capital que teve o maior ganho por meio do Bolsa-Família é Macapá (AP), com 3,15% de suas rendas advindos desse programa. Também neste quesito, Palmas se destacou perante o restante do País, por ser a capital do trabalho, com 88,3% da renda advinda dos empregos formais.

http://www.palmas.to.gov.br/secretar...ia.asp?id=1017
JpnMed no está en línea  
Old September 30th, 2009, 06:02 PM   #2
Lucas Barros
Registered User
 
Lucas Barros's Avatar
 
Join Date: Feb 2009
Location: Belém
Posts: 8,735
Likes (Received): 401

Quanto é IDH de Palmas ?
Lucas Barros no está en línea  
Old September 30th, 2009, 07:03 PM   #3
Nortista
Brasileiro do Norte
 
Nortista's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Gpi - TO - Norte
Posts: 4,970
Likes (Received): 3496


IDH Municipio - 0,80
IDH Renda - 0,754
IDH Longevidade - 0,712
IDH Educação - 0,934

todos os dados são Pnud 2000


Fonte: http://www.pnud.org.br/atlas/ranking...%202000%29.htm
Nortista no está en línea  
Closed Thread

Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off



All times are GMT +2. The time now is 11:42 PM. • styleid: 14


Powered by vBulletin® Version 3.8.11 Beta 4
Copyright ©2000 - 2018, vBulletin Solutions Inc.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2018 DragonByte Technologies Ltd.

vBulletin Optimisation provided by vB Optimise (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2018 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us | privacy policy | DMCA policy

tech management by Sysprosium