daily menu » rate the banner | guess the city | one on oneforums map | privacy policy (aug.2, 2013) | DMCA policy | flipboard magazine

Go Back   SkyscraperCity > Latin American & Caribbean Forums > Fóruns Brasileiros > Fóruns Regionais > Centro - Oeste > Notícias da Região

Reply
 
Thread Tools
Old June 22nd, 2008, 04:49 PM   #1
eamaral
Registered User
 
Join Date: Jan 2008
Posts: 833
Likes (Received): 1

Estacionamento Funciona como Motel no Centro de Brasília

Centro de Brasília tem motel a céu aberto

Estacionamento particular no Setor Hoteleiro Sul vira um motel a céu aberto todas as noites, há pelo menos um ano. Clientes dos hotéis da região reclamam das cenas de sexo que são obrigados a presenciar

Ary Filgueira - Correio Braziliense e Vicente Nunes - Correio Braziliense

Publicação: 22/06/2008 08:38 Atualização: 22/06/2008 08:59

Em vez da bela vista para os monumentos de Brasília, como o Museu da República e a Ponte JK, a primeira imagem da cidade para quem vem de fora e se hospeda em alguns dos mais luxuosos hotéis da cidade é de sexo ao vivo e ao ar livre. Encravado no meio do Setor Hoteleiro Sul, um aparente inocente estacionamento privado, que oferece serviço de lavagem de carro durante o dia, transforma-se em um concorrido motel à noite.

Mais precisamente a partir da 20 horas, quando os clientes, que usufruíram do local para deixar os veículos enquanto trabalhavam, são substituídos por pessoas ávidas por programas com as dezenas de prostitutas espalhadas pelas redondezas. Dependendo da posição dos quartos dos hotéis, é possível ver cada detalhe do que acontece dentro do estacionamento-motel.

A mudança na “destinação” do local ocorreu há pouco mais de um ano, quando as prostitutas — muitas, fazendo ponto no Setor Comercial Sul — foram convidadas por um funcionário do estacionamento, chamado por elas de “gerente”, a trocarem os riscos das ruas pela segurança do privilegiado endereço na Quadra 2 do Setor Hoteleiro Sul.

“Foi um negócio bom para todo mundo”, diz uma das prostitutas ouvidas pelo Correio. “Para nós, porque podemos fazer nosso trabalho sem sermos importunadas. Para o estacionamento, que ficava vazio à noite e, agora, tem movimento 24 horas por dia. E para os clientes, que, em vez de pagarem uma nota de motel, gastam apenas R$ 6 a mais, além do programa, para usufruírem do local”, acrescenta.

A prostituta não está exagerando. Mesmo com o motel-estacionamento funcionando a todo vapor e apesar de vários clientes que freqüentam os hotéis da região já terem se queixado das cenas que são obrigados a presenciar caso se aventurem a abrir as cortinas das janelas dos quartos, nem a polícia nem a Administração Regional de Brasília tomaram qualquer providência.

Sem o estorvo das autoridades e com a procura crescente pelo local, os donos da empresa que administra o estacionamento, a Park Wash, decidiram dobrar o valor do tíquete de entrada: de R$ 3 durante o dia para R$ 6, à noite. Isso, apesar de cada carro ficar, em média, 20 minutos no motel improvisado, tempo de um “relax”, que, na linguagem das prostitutas, significa sexo rápido. Os clientes são de diferentes classes sociais e faixas etárias.

Atos obscenos
Algumas das principais reclamações contra o entra e sai de carros e as cenas de sexo no estacionamento-motel vêm de hóspedes do Hotel St. Paul, que fica bem de frente para o local. “Duas senhoras que vieram se hospedar com a gente pediram para trocar de apartamento por causa do que viram à noite”, comenta a superintendente do estabelecimento, Flávia Mazzotti. E foi justamente de um quarto do St. Paul que o Correio checou as denúncias. Na noite da quinta-feira passada, em pouco mais de duas horas, cerca de 30 carros passaram pelo estacionamento. Foram flagradas cenas de sexo dentro e fora dos carros. Tudo com o consentimento dos funcionários da empresa do estacionamento.

Três prostitutas que estiveram no estacionamento-motel contaram ao Correio que receberam R$ 40 por programa naquele noite. Ou seja, com o tíquete de entrada no local, a conta final dos clientes ficou em R$ 46. “O lava a jato — como elas denominam o local — é tudo. Nos permite grande rotatividade”, conta uma das garotas de programa. “Ninguém reclama da taxa extra para entrar no local, por causa da segurança”, acrescenta a outra. “Está tudo correndo conforme o ‘gerente’ nos disse. Desde o lava a jato, nunca mais se falou em Parque da Cidade ou Setor de Autarquias Sul”, acrescentou a terceira mulher, que disse ter 33 anos, morar em Taguatinga, ter uma filha e um namorado por quem se apaixonou durante um programa sexual. “Agora, chego a fazer 10 programas por noite ou até mais”, frisa.

Dos carros que passaram pelo motel — de todas as marcas, modelos e valor — entre as 21 horas e as 23 horas de quinta-feira, o que mais demorou levou 20 minutos para sair. Parte dos freqüentadores optou por um pouco mais de discrição e estacionou os veículos debaixo de um “puxadinho” coberto por um telhado de zinco. Ali, há apenas oito vagas. “Ele (o gerente) disse que pretende cobrir todo o estacionamento para evitar que o pessoal dos hotéis veja a gente”, afirma uma das prostitutas.

“Realmente, esse tipo de coisa só acontece porque as autoridades não fazem nada. As pessoas que freqüentam esse estacionamento-motel deveriam se lembrar que há mulheres e crianças hospedadas na região. E qualquer uma delas pode dar de cara com atos obscenos, que deveriam ocorrer apenas entre quatro paredes ou em locais mais apropriados”, afirma uma hóspede do St. Paul, que pediu para ficar no anonimato. Para outro hóspede, “mesmo que esse motel ao ar livre seja ‘descoberto’ pelas autoridades”, ele não acredita em punição. “E, se o estacionamento for fechado, certamente seus donos e freqüentadores vão procurar outro lugar, provavelmente perto daqui”, completa.

Fonte:
http://www.correiobraziliense.com.br..._interna.shtml
eamaral no está en línea   Reply With Quote

Sponsored Links
 
Old June 22nd, 2008, 08:29 PM   #2
Espartano_bsb
Registered User
 
Espartano_bsb's Avatar
 
Join Date: Dec 2007
Posts: 4,924
Likes (Received): 0

Conhecido ponto de prostitutas e de travecos!!!
Espartano_bsb no está en línea   Reply With Quote
Old June 22nd, 2008, 10:10 PM   #3
halembsb
Registered User
 
halembsb's Avatar
 
Join Date: May 2008
Location: Brasilia
Posts: 23
Likes (Received): 0

Um horror esse motel-estacionamento encravado em área nobre de Brasilia. Imagina a opinião sobre Brasilia se um hospede de um hotel proximo ver esse tipo de coisa.
Pena que as autoridades pelo que vejo não fazem nada...
halembsb no está en línea   Reply With Quote
Old June 22nd, 2008, 10:34 PM   #4
Pesquisadorbsb
BANNED
 
Join Date: Jan 2006
Posts: 25,717
Likes (Received): 8

Eu acho de quem é o dono daquele terreno aonde funciona o estacionamento, é do Luiz Estevão. Agora, não tem como impedir as prostitutas e travecos de utilizarem área pública.

Se fecharem ele, com certeza, eles vão utilizar os próprios hotéis, detalhe, tinha um belo restaurante e boate no Bonaparte, mas depois, descobriram que, que grande dos frequentadores eram das mulheres de vida fácil e seus clientes, em grande parte hospedes do hotel.
Pesquisadorbsb no está en línea   Reply With Quote
Old June 22nd, 2008, 11:35 PM   #5
Enzo
Registered User
 
Join Date: May 2008
Location: Boston USA
Posts: 14,419
Likes (Received): 4183

Coitadas das putas de Brasilia ,essas nao deram sorte, tendo que fazer sexo ao ar livre, em posicoes nada confortaveis e com expectadores ainda,Nossos amigos brasilienses estao precisando enfiar a mao no bolso,pagar melhor e levar-las para locais mais propicios para o ato
Enzo no está en línea   Reply With Quote
Old June 22nd, 2008, 11:44 PM   #6
Pesquisadorbsb
BANNED
 
Join Date: Jan 2006
Posts: 25,717
Likes (Received): 8

Mas essas putas do jornal, são aquelas de programa fácil, agora, as putas que cobram 300, 400, 500 e até 1.000, ficam no Café Cancun.
Pesquisadorbsb no está en línea   Reply With Quote
Old June 22nd, 2008, 11:49 PM   #7
Enzo
Registered User
 
Join Date: May 2008
Location: Boston USA
Posts: 14,419
Likes (Received): 4183

Quote:
Originally Posted by Pesquisadorbsb View Post
Mas essas putas do jornal, são aquelas de programa fácil, agora, as putas que cobram 300, 400, 500 e até 1.000, ficam no Café Cancun.
Tah bem informado, neh brother? Vai ter de ser no Cafe Cancum o encontro ai em BSB
Enzo no está en línea   Reply With Quote
Old June 23rd, 2008, 12:17 AM   #8
Pesquisadorbsb
BANNED
 
Join Date: Jan 2006
Posts: 25,717
Likes (Received): 8

Que isso mizifi, não vamos precisar sair com mulheres desse naipe, vamos sair com Sale, e ele vai apresentar as amigas deles, daqui a pouco Sale vai aparecer para esclarecer.

E por falar nisso, quando está prevista sua chegada a TaguaYork?
Pesquisadorbsb no está en línea   Reply With Quote
Old June 23rd, 2008, 01:00 AM   #9
Enzo
Registered User
 
Join Date: May 2008
Location: Boston USA
Posts: 14,419
Likes (Received): 4183

Quote:
Originally Posted by Pesquisadorbsb View Post
Que isso mizifi, não vamos precisar sair com mulheres desse naipe, vamos sair com Sale, e ele vai apresentar as amigas deles, daqui a pouco Sale vai aparecer para esclarecer.

E por falar nisso, quando está prevista sua chegada a TaguaYork?
Mizifi falei que eh no cafe cancun so p/ agitar mesmo, e mulher desse naipe nao da nao, o Salengass disse mesmo que tem umas amigas especiais, sei que ele vai esclarecer isso mesmo To indo em dezembro, mas devo ir a Bsb somente no inicio de janeiro depois das festal de fim de ano.
Enzo no está en línea   Reply With Quote
Old June 23rd, 2008, 03:48 PM   #10
eamaral
Registered User
 
Join Date: Jan 2008
Posts: 833
Likes (Received): 1

Motel no Setor Hoteleiro Sul será investigado

Correio Braziliense

Publicação: 23/06/2008 08:45 Atualização: 23/06/2008 08:49

A 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul) abriu inquérito para investigar a utilização de um estacionamento no Setor Hoteleiro Sul como motel. A área é de responsabilidade da 5ª DP (Área Central), por isso, a delegada-chefe da 1ª DP, Martha Vargas, informou que vai encaminhar ainda nesta segunda-feira (22/06) o procedimento para a 5ª DP.



Conforme o Correio mostrou na edição de ontem, o local é usado por clientes de prostitutas, que entram com carros particulares e fazem sexo dentro dos veículos. A Agência de Fiscalização também vai analisar a possibilidade de interditar o local. Na última sexta-feira, fiscais estiveram no local para checar se o estacionamento particular ocupa área pública.

Fonte:
http://www.correiobraziliense.com.br..._interna.shtml
eamaral no está en línea   Reply With Quote
Old June 23rd, 2008, 04:02 PM   #11
Kaique
Registered User
 
Kaique's Avatar
 
Join Date: Aug 2006
Location: Fortaleza/Balneário Camboriú
Posts: 7,108
Likes (Received): 129

É tão mais conveniente e cômodo se criassem um setor de "diverções" próprio.
Na Europa toda, exceto Portugal e alguns países "católicos" atrasados, há ruas dedicadas a atividade devidamente regulamentadas e fiscalizadas para evitar abusos, explorações e menores. Acho que as cidades brasileiras deveriam ter o mesmo.
Afinal é muita hipocrisia nossa fechar os olhos para isso, querer não ver só aumenta o risco de exposição de quem não deveria estar nesses ambientes.
Kaique no está en línea   Reply With Quote
Old June 23rd, 2008, 06:00 PM   #12
Pesquisadorbsb
BANNED
 
Join Date: Jan 2006
Posts: 25,717
Likes (Received): 8

No Brasil, esse tipo de serviços é considerado contravenção penal, então não tem que incentivar esse tipo de coisas. As pessoas tem outros meios de trabalhar. O pior, que tem gente ainda que incentiva isso, fala que é um trabalho digno.

Detalhe, grande parte dessas mulheres vem de Goiás, Minas Gerais e até da Bahia. Minoria é de Brasília mesmo.
Pesquisadorbsb no está en línea   Reply With Quote
Old June 23rd, 2008, 06:55 PM   #13
Enzo
Registered User
 
Join Date: May 2008
Location: Boston USA
Posts: 14,419
Likes (Received): 4183

Geralmente esse tipo de mulheres, sempre sao oriundas de outras localidades mesmo, elas nao querem se expor para os familiares e amigos, as de bsb pode ter certeza que estao em alguma outra localidade trabalhando, e nao venha me dizer que ai nao tem gente desse tipo, pois isso exite no mundo inteiro

Last edited by Enzo; June 23rd, 2008 at 07:12 PM.
Enzo no está en línea   Reply With Quote
Old June 23rd, 2008, 07:09 PM   #14
Pesquisadorbsb
BANNED
 
Join Date: Jan 2006
Posts: 25,717
Likes (Received): 8

Uai quem disse que não tem, é o que mais tem, as gurias que fazem faculdade de noite, até filha de general já foi pega em casas de massagens no CONIC.
Pesquisadorbsb no está en línea   Reply With Quote
Old June 24th, 2008, 12:13 AM   #15
salengasss
Registered User
 
salengasss's Avatar
 
Join Date: Jul 2007
Location: Brasília
Posts: 5,611
Likes (Received): 3

Cheguei.......

As putas do Café Cancun são fracas.... vamos numas festinhas particulares que o negócio é mais ajeitado! As mulheres são de "melhor qualidade"!
Agora as putas e travecos do Setor Comercial só me servem preu rir 1 monte, das bizarrices que elas são capazes de fazer.....
__________________
Céu de Brasília, traço do arquiteto...... Gosto tanto dela assim!!!!!!!!
salengasss no está en línea   Reply With Quote
Old June 24th, 2008, 02:59 PM   #16
eamaral
Registered User
 
Join Date: Jan 2008
Posts: 833
Likes (Received): 1

Estacionamento no Setor Hoteleiro Sul deve fechar às 20h

Terreno usado como ponto de prostituição está com acesso restrito durante a noite. Fiscalização deu prazo de 30 dias para donos conseguirem o alvará de funcionamento

Pablo Rebello - Correio Braziliense

Publicação: 24/06/2008 08:51 Atualização: 24/06/2008 09:35

Trinta dias. Esse é o prazo que os responsáveis pelo estacionamento usado como ponto de prostituição por homens e mulheres no Setor Hoteleiro Sul têm para conseguir um alvará de funcionamento. A subsecretária de Fiscalização (Sufis) deu o ultimato em visita ao local após denúncia feita pelo Correio Braziliense. Os fiscais não tomaram medidas mais duras porque não conseguiram flagrar programas dentro do terreno repleto de vagas para veículos. “Faremos um monitoramento diário para verificar o que ocorre na região à noite. E caso os proprietários não consigam o alvará na Administração Regional de Brasília dentro do prazo determinado, o local será interditado”, afirmou o diretor-geral da Sufis, Roney Nemer.

O Correio constatou que a ação de prostitutas no local incomoda quem se hospeda na região e, da janela dos quartos de hotéis, flagra cenas de sexo ao vivo (assista o vídeo). Chocadas, muitas pessoas fazem reclamações e pedem para mudar de instalações. Alcimar Batista, um dos donos do estacionamento, começou a correr atrás dos documentos para regularizar a situação do terreno ontem. Ele adiantou que suspendeu o funcionamento noturno da área para evitar problemas com a fiscalização. Alcimar explicou que, a partir das 20h, apenas carros de empresas ocuparão as vagas do local.

O proprietário admitiu que sabia do uso impróprio do estacionamento por prostitutas e garotos de programa. “Mas eles não contavam com conivência da nossa parte. O problema é que não tínhamos como reprimir a atividade. Meus funcionários não têm como impedir a entrada dessas pessoas”, defendeu. Alcimar disse ainda que o gerente do hotel St. Paul, que fica em frente ao terreno, já havia reclamado da situação com ele. O proprietário garante que tentou controlar o movimento no estacionamento, mas alegou que o esquema não funcionou por muito tempo.

O estacionamento, que conta com mais de 60 vagas e tem os limites definidos por um muro de concreto, não possui sistema de controle informatizado, o que facilita a transformação do ponto em um motel ao ar livre. Segundo Alcimar, serão instalados computadores e câmaras de segurança na área. Mas ele explica que, primeiro, precisa resolver os problemas com a documentação do terreno, alugado pela família de Alcimar há aproximadamente 10 anos.

Policiais da 5ª Delegacia de Polícia (área central de Brasília) também visitaram o local após as denúncias feita pelo Correio no domingo. Mas, como os fiscais da Sufis, os investigadores não flagraram cenas de prostituição na área porque o estacionamento já estava fechado após às 20h. Segundo o delegado-adjunto Plácido Rocha Sobrinho, a delegacia não tem registro de nenhuma reclamação no local. “Se alguém se sentiu ofendido com a situação, deveria ter comparecido à delegacia e registrado ocorrência”, destacou. Mas o gerente do hotel St. Paul, Edson dos Santos Duarte, reforçou que tanto clientes quanto moradores do prédio já reclamaram das cenas de prostituição ao ar livre. “O que nós precisamos é de um policiamento melhor da região”, concluiu.

Fonte:
http://www.correiobraziliense.com.br..._interna.shtml
(com direito a vídeo)
eamaral no está en línea   Reply With Quote
Old December 3rd, 2008, 04:21 PM   #17
rodrigocampos
Registered User
 
rodrigocampos's Avatar
 
Join Date: Nov 2008
Location: Goiânia-GO
Posts: 316
Likes (Received): 0

aqui em gyn a amoda e matel....................
__________________
Se um dia a vida lhe der as costas, passe a mão na bunda dela.
rodrigocampos no está en línea   Reply With Quote
Reply

Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off



All times are GMT +2. The time now is 10:40 AM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.8 Beta 1
Copyright ©2000 - 2014, vBulletin Solutions, Inc.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like v3.2.5 (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

vBulletin Optimisation provided by vB Optimise (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us | privacy policy | DMCA policy

Hosted by Blacksun, dedicated to this site too!
Forum server management by DaiTengu