daily menu » rate the banner | guess the city | one on oneforums map | privacy policy | DMCA | news magazine

Go Back   SkyscraperCity > Latin American & Caribbean Forums > Fóruns Brasileiros > Fóruns Gerais > Infraestrutura e Transporte > Infraestrutura e Transporte > Transporte Ferroviário



Reply

 
Thread Tools Rating: Thread Rating: 5 votes, 4.20 average.
Old May 12th, 2009, 02:10 PM   #21
RobertoBarrich26
Eng. Tráfego e Designer
 
RobertoBarrich26's Avatar
 
Join Date: Jan 2009
Location: Centro-Oeste - GYN Melância
Posts: 13,599
Likes (Received): 630

Quote:
Originally Posted by Futuropólis View Post
Muito bom projecto, o Brasil precisa dessa ferrovia e de muitas mais! Olhando para o mapa, a localidade de Lucas de Rio Verde em MT vai se tornar num centro logistico envejavel, com a BR-163 a ser reformada, sem esquecer que, se o projecto da Ferronorte avançar até à ligação entre Cuiabá e Santarém, essa localidade poderá ser um entroncamento ferroviário de primeiro plano no país.
Exaamente...

A Ferronorte vem avançando e já está garantido o trecho até Rondonópolis (finalização das obras até final de 2010) dalí pra Cuiabá é um pulo (e será garantida a ligação aos portos do sul). Agora o braço norte da Ferronorte (Cuiabá - Santarém) irá demorar muito mais tempo (acredito q não seja concluída dentro dos próximos 10 anos - espero estar errado).

Lucas e a região irão crescer muito com essas Ferrovias, além de efetivar de vez a integração da região Norte e Leste do Estado com o resto do país.
__________________
Informações em tempo real sobre o trânsito e transportes de Goiânia e RM: http://www.facebook.com/TransitoGoianiago
-------------------------

Outros Threads Meus de: GOIÁS / MATO GROSSO
RobertoBarrich26 no está en línea   Reply With Quote

Sponsored Links
 
Old May 12th, 2009, 04:23 PM   #22
Tiago Costa
Servir sempre!
 
Tiago Costa's Avatar
 
Join Date: May 2006
Location: São Paulo
Posts: 28,999

Infelizmente, o trecho após Cuiabá só será construído com muito mais empenho político, pois se for depender da ALL (que já não estava muito a fim de construir o trecho Alto Araguaia-Rondonópolis, mas teve uma pressão do governo para se mexer), não sairá antes de uns 10 anos. Mas com empenho (inclusive financeiro) político, é possível fazer esse trecho sair.
Tiago Costa no está en línea   Reply With Quote
Old May 12th, 2009, 04:52 PM   #23
RobertoBarrich26
Eng. Tráfego e Designer
 
RobertoBarrich26's Avatar
 
Join Date: Jan 2009
Location: Centro-Oeste - GYN Melância
Posts: 13,599
Likes (Received): 630

Quote:
Originally Posted by Tiago Costa View Post
Infelizmente, o trecho após Cuiabá só será construído com muito mais empenho político, pois se for depender da ALL (que já não estava muito a fim de construir o trecho Alto Araguaia-Rondonópolis, mas teve uma pressão do governo para se mexer), não sairá antes de uns 10 anos. Mas com empenho (inclusive financeiro) político, é possível fazer esse trecho sair.
Bom... isso é verdade... o maior problema foi garantir a chegada dos trilhos até ROO... De Rondonópolis a Cuiabá o próprio Estado já garante fundo para este investimento (Segundo o Governador q o criou em 2007) e será realizado através de empresas privadas (PPP´s), com ou sem o aval da ALL.

Mas o trecho de Cuiabá - Norte do País (seja lá qual for o destino) esse sim demorará muito pra sair (infelizmente será aquela novela novamente).
__________________
Informações em tempo real sobre o trânsito e transportes de Goiânia e RM: http://www.facebook.com/TransitoGoianiago
-------------------------

Outros Threads Meus de: GOIÁS / MATO GROSSO
RobertoBarrich26 no está en línea   Reply With Quote
Old May 13th, 2009, 05:21 AM   #24
Landerson Egg
Vitória a Minas
 
Landerson Egg's Avatar
 
Join Date: Apr 2008
Location: Contagem - região metropolitana BH - MG
Posts: 4,409
Likes (Received): 661

Quote:
Originally Posted by Tiago Costa View Post
Infelizmente, o trecho após Cuiabá só será construído com muito mais empenho político, pois se for depender da ALL (que já não estava muito a fim de construir o trecho Alto Araguaia-Rondonópolis, mas teve uma pressão do governo para se mexer), não sairá antes de uns 10 anos. Mas com empenho (inclusive financeiro) político, é possível fazer esse trecho sair.
Mas a ALL não controi ferrovias, muito menos a MRS, Vale, quem constroi é
o governo.
__________________
Intermodalidade, pense nisso!

Novas locomotivas para as ferrovias brasileiras
Landerson Egg no está en línea   Reply With Quote
Old May 13th, 2009, 06:20 AM   #25
Kléston
Registered User
 
Kléston's Avatar
 
Join Date: May 2007
Location: Curitiba
Posts: 649
Likes (Received): 0

Na verdade, a ALL realmente está construindo o trecho de Alto Araguaia a Rondonópolis, mas tem um detalhe nisso tudo...

A concessão da malha atual da ALL irá terminar em menos de 20 anos, então não há interesse algum por parte da mesma em cuidar decentemente da via, já que após o término do contrato, ela não vai levar nada daquilo que investiu na estrutura das linhas...

Já no caso da construção do novo trecho, a concessão será de 100 anos, e aí os interesses econômicos já mudam de figura né, inclusive, é o único trecho da ALL que tem uma manutenção e uma qualidade construtiva decentes, com curvas suaves, bitola larga, dormentes de concreto, trilhos com elevada resistência..
Kléston no está en línea   Reply With Quote
Old May 13th, 2009, 04:58 PM   #26
Landerson Egg
Vitória a Minas
 
Landerson Egg's Avatar
 
Join Date: Apr 2008
Location: Contagem - região metropolitana BH - MG
Posts: 4,409
Likes (Received): 661

Não, ela pode investir em "contornos ferroviários" ou pequenas obras de eliminação de gabaritos, mas grandes obras infraestrutura é o governo que constroi, até porque, nenhuma empresa privada no Brasil e no mundo tem capacidade e interesse de obras de grande aporte de verbas.

A manutenção é relativamente barata, a propia ferrovia consegue fazer isso, é que alguns trechos recebem mais manutenção que outros, conforme a movimentação de cargas.
__________________
Intermodalidade, pense nisso!

Novas locomotivas para as ferrovias brasileiras
Landerson Egg no está en línea   Reply With Quote
Old May 13th, 2009, 05:30 PM   #27
Tiago Costa
Servir sempre!
 
Tiago Costa's Avatar
 
Join Date: May 2006
Location: São Paulo
Posts: 28,999

Isso é verdade para todos os casos atuais, exceto no caso da Ferronorte (agora subsidiária da ALL). Nesse caso, a empresa (na época, do empresário Olacyr ganhou concessão por 90 anos, em 1988, para a construção da Ferronorte. Desde o início, ela foi construída com recursos "próprios" (a empresa, naturalmente, contraiu empréstimos com o BNDES para a construção, mas ela que os contraiu), não com recursos governamentais. Por isso que está nessa enrolação para fazer sair um trecho relativamente curto (em comparação com o tamanho total da ferrovia projetada).
Tiago Costa no está en línea   Reply With Quote
Old May 13th, 2009, 05:44 PM   #28
Landerson Egg
Vitória a Minas
 
Landerson Egg's Avatar
 
Join Date: Apr 2008
Location: Contagem - região metropolitana BH - MG
Posts: 4,409
Likes (Received): 661

então, "trechos curtos" a FCA está bancando parte de obras de um contorno ferroviário em Cachoeira e São Felix na Bahia de 35 km, e em parceria com o governo de minas no ramal de pirapora de cerca de 230 km.

É possível uma empresa como a ALL contruir 50 km em dois anos, dependendo das carácterísticas do local, acima disso é impraticável.
__________________
Intermodalidade, pense nisso!

Novas locomotivas para as ferrovias brasileiras
Landerson Egg no está en línea   Reply With Quote
Old May 13th, 2009, 05:47 PM   #29
Tiago Costa
Servir sempre!
 
Tiago Costa's Avatar
 
Join Date: May 2006
Location: São Paulo
Posts: 28,999

Por isso que a Ferronorte tem apenas 512 km, dos cerca de 5.000 km projetados. Sem a ajuda governamental, nenhuma empresa vai construir ferrovias no ritmo necessário, não enquanto nossa condição econômica não for tão favorável à realização de investimentos desse porte (acredito que daqui a uns 10 anos, o cenário será diferente, bem melhor).
Tiago Costa no está en línea   Reply With Quote
Old May 14th, 2009, 12:28 AM   #30
Gustavoa
Usuário do Sistema
 
Gustavoa's Avatar
 
Join Date: Nov 2007
Location: São Paulo - SP
Posts: 234
Likes (Received): 32

Quote:
Originally Posted by Patrick-RJ View Post
Meu sogro, que trabalhava na execução da Norte-Sul, agora tá projetando essa ferrovia. Vou ver se consigo com ele o traçado no GE.
Seria este o traçado? Tá no site da Valec já faz um tempinho

http://www.valec.gov.br/download/ferrovias_valec.kmz

Abraços a todos!
Gustavoa no está en línea   Reply With Quote
Old May 15th, 2009, 03:32 AM   #31
RobertoBarrich26
Eng. Tráfego e Designer
 
RobertoBarrich26's Avatar
 
Join Date: Jan 2009
Location: Centro-Oeste - GYN Melância
Posts: 13,599
Likes (Received): 630

Quote:
Originally Posted by Gustavoa View Post
Seria este o traçado? Tá no site da Valec já faz um tempinho

http://www.valec.gov.br/download/ferrovias_valec.kmz

Abraços a todos!
Valeu!!!
__________________
Informações em tempo real sobre o trânsito e transportes de Goiânia e RM: http://www.facebook.com/TransitoGoianiago
-------------------------

Outros Threads Meus de: GOIÁS / MATO GROSSO
RobertoBarrich26 no está en línea   Reply With Quote
Old May 15th, 2009, 07:19 AM   #32
Patrick-RJ
A volta do malandro
 
Patrick-RJ's Avatar
 
Join Date: Apr 2007
Location: Rio
Posts: 8,619
Likes (Received): 35

Quote:
Originally Posted by Gustavoa View Post
Seria este o traçado? Tá no site da Valec já faz um tempinho

http://www.valec.gov.br/download/ferrovias_valec.kmz

Abraços a todos!
Na verdade o que eu tava falando era de um filme do trajeto da Leste-Oeste. Nesse que você passou só achei o filme da Norte-Sul.
__________________
RIO: CIDADE MARAVILHOSA E OLÍMPICA!
Patrick-RJ no está en línea   Reply With Quote
Old May 15th, 2009, 06:33 PM   #33
Gustavoa
Usuário do Sistema
 
Gustavoa's Avatar
 
Join Date: Nov 2007
Location: São Paulo - SP
Posts: 234
Likes (Received): 32

Se vc conseguir o filme será uma maravilha, até pq o traçado no GE não está bem definido, apenas liga as cidades por onde a ferrovia pretende passar.
Gustavoa no está en línea   Reply With Quote
Old May 15th, 2009, 06:55 PM   #34
Patrick-RJ
A volta do malandro
 
Patrick-RJ's Avatar
 
Join Date: Apr 2007
Location: Rio
Posts: 8,619
Likes (Received): 35


Essa foi a resposta dele pra minha namorada, por e-mail:

Quote:
Qual foi o traçado que ele viu? Foi aquele em forma de filme pelo google?
Quanto a tornar público, não acho que tenha problemas, mas de qualquer forma, vou consultar nossa assessoria de comunicações que é quem entende deste tema. Depois te falo.
De qualquer forma, encaminho o filme feito em cima do Google. Depois posso mandar mais material que a Assessoria de Com. está produzindo.
Semana que vem, na sexta, estarei em Barreiras apresentando o projeto para as prefeituras locais e este filme estará incrementado com mais informações. pouco mais à frente, terei folders e outros materiais sobre a FIOL (Ferrovia de Integração Oeste-Leste) e poderei mandar.
__________________
RIO: CIDADE MARAVILHOSA E OLÍMPICA!
Patrick-RJ no está en línea   Reply With Quote
Old May 16th, 2009, 03:36 PM   #35
sekelsenmat
Registered User
 
Join Date: May 2008
Posts: 1,134
Likes (Received): 31

Quote:
Originally Posted by Patrick-RJ View Post
Na verdade o que eu tava falando era de um filme do trajeto da Leste-Oeste. Nesse que você passou só achei o filme da Norte-Sul.
Tem o filme da Leste-Oeste sim, por padrão ele não aparece, mas é só procurar e clicar nas partes que tem várias outras linhas que pode-se ver com esse filme. Mas o trajeto da Leste-Oeste nele acho que é só uma aproximação.
sekelsenmat no está en línea   Reply With Quote
Old May 17th, 2009, 12:36 AM   #36
willkenrock
Cuiabá Cidade Verde
 
willkenrock's Avatar
 
Join Date: Mar 2009
Location: Cuiabá
Posts: 1,645
Likes (Received): 15

Se a ferrovia Leste-Oeste passar mesmo por Água Boa(MT) vai ser fantástico para a cidade, alem de ajudar muito no escoamento da produção de soja e arroz vai ser uma boa para a Cluster que vai construir uma usina de alcool lá e mais 2 usinas próximas (Nova Xavantina 80km , Barra do Garças 230km).
__________________
Cuiabá 2014
willkenrock no está en línea   Reply With Quote
Old June 5th, 2009, 11:41 PM   #37
Cerrado
Baiano sim senhor!
 
Cerrado's Avatar
 
Join Date: Aug 2006
Location: Palmas-TO/Itabuna e Salvador-BA
Posts: 35,897
Likes (Received): 2352

Consulta pública vai debater Ferrovia Oeste-Leste em Barreiras/BA

05/06/2009

Mais de 10 mil empregos gerados, facilidade para o escoamento de grãos, minério de ferro e seus derivados, biocombustíveis, fertilizantes e derivados do petróleo, integração do Cerrado com o Litoral e de um sistema intermodal de transportes, junto com o Porto Sul e o novo aeroporto internacional de Ilhéus. Estas são algumas das vantagens que a Ferrovia Oeste-Leste trará diretamente para o Oeste, Sudoeste e Sul da Bahia, além da atração de novos negócios.

Nesta segunda-feira (8), o município de Barreiras - a cerca de 800 quilômetros de Salvador, no Oeste baiano - sedia a primeira consulta pública sobre a ferrovia, com a presença do governador Jaques Wagner, do secretário-executivo do Ministério dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, do diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Bernardo Figueiredo, do presidente da Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A., José Francisco das Neves, secretários de Estado, prefeitos, parlamentares, empresários e trabalhadores.

A Estrada de Ferro Oeste-Leste (EF 334) terá, ao todo, 1,5 mil quilômetros, de Ilhéus, no Sul da Bahia, a Figueirópolis, em Tocantins. Na Bahia, ela atravessará 32 municípios, distribuídos por 1,1 mil quilômetros. O investimento previsto, de R$ 4 bilhões, já está no orçamento federal. No rastro da ferrovia, o Oeste terá mais uma universidade federal e está em construção a BR 135, que corta Barreiras no eixo Norte-Sul e liga a divisa Bahia/Minas Gerais até a divisa com o Piauí.

A Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A., empresa do Governo Federal responsável pela construção, informou que o cronograma está sendo cumprido e já foi entregue o Estudo de Impacto Ambiental e o Relatório de Impacto Ambiental (EIA/RIMA), dependendo agora da licença prévia ambiental. O traçado é resultado de uma discussão com toda a equipe de governo e fruto da observação de elementos importantes, como reservas indígenas, rampas, entre outros detalhes técnicos e ambientais.

Obras da ferrovia, porto e aeroporto serão simultâneas

O Governo do Estado está fazendo gestões junto ao Governo Federal para que as obras da ferrovia, do Porto Sul e do aeroporto internacional de Ilhéus andem de forma simultânea. O objetivo é que no momento em que a ferrovia estiver iniciando, o porto também esteja integrado dentro desta lógica, não só multimodal, mas também de cronogramas.

Entre outras negociações do Governo do Estado para fortalecer o desenvolvimento regional estão a ampliação de voos das companhias Trip e Azul para o interior e a utilização do Porto Sul como alternativa de escoamento da produção de biodiesel do norte de Minas Gerais.

O conjunto logístico que está sendo pensado, integrando a construção da Ferrovia Oeste-Leste e do Porto Sul, vai transformar a Bahia em um portal de entrada e saída para os estados interiores do Brasil, mudando o panorama regional e influenciando, também, o plano nacional.

A integração entre os dois modais gera uma estimativa de exportação de cargas de 40 milhões de toneladas anuais, a partir do aumento das atividades de mineração no estado, montante que pode aumentar com o decorrer do tempo. Atualmente, os três portos baianos (Salvador, Aratu e Ilhéus) estão com um volume de cargas exportadas de cerca de 10 milhões de toneladas anuais.

Outro benefício da ferrovia será o aumento da segurança e a redução dos gastos em manutenção de rodovias. Os excessos de cargas das carretas que descem com a soja do Oeste do Estado para os portos, por exemplo, passarão a ser levados de trem.

Trechos serão leiloados e explorados em subconcessões

A subconcessão da EF-334, compreendendo operação, conservação, manutenção, monitoração, melhoramentos e adequação, será realizada na modalidade de Leilão, precedida de prequalificação (habilitação jurídica; qualificação técnica; qualificação econômico-financeira; e regularidade fiscal), em duas etapas:
- julgada e processada por Comissão Especial de Licitação da VALEC, nos termos da Lei 8.666/93 (Lei de Licitações);
- realizada na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), somente para os licitantes prequalificados.
O prazo da subconcessão é de 30 anos, a partir da assinatura do contrato.

Prazo de conclusão dos trechos

De acordo com o cronograma da Valec, a conclusão do primeiro trecho, Ilhéus (Sul) a Caetité (Sudoeste baiano), está previsto para julho de 2011; o segundo, de Caetité a Correntina/Barreiras (Oeste baiano), para julho de 2012; e o terceiro, de Correntina/Barreiras a Figueirópolis (TO), para dezembro de 2012.

Fonte: Agecom
http://www.comunicacao.ba.gov.br/not...e-em-barreiras
Cerrado no está en línea   Reply With Quote
Old June 7th, 2009, 04:48 PM   #38
tonyssa
.
 
tonyssa's Avatar
 
Join Date: Aug 2007
Posts: 75,648

Postado pelo Forista Cerrado no Bahia Notícias:

Consulta pública vai debater Ferrovia Oeste-Leste em Barreiras


Mais de 10 mil empregos gerados, facilidade para o escoamento de grãos, minério de ferro e seus derivados, biocombustíveis, fertilizantes e derivados do petróleo, integração do Cerrado com o Litoral e de um sistema intermodal de transportes, junto com o Porto Sul e o novo aeroporto internacional de Ilhéus. Estas são algumas das vantagens que a Ferrovia Oeste-Leste trará diretamente para o Oeste, Sudoeste e Sul da Bahia, além da atração de novos negócios.

Nesta segunda-feira (8), o município de Barreiras - a cerca de 800 quilômetros de Salvador, no Oeste baiano - sedia a primeira consulta pública sobre a ferrovia, com a presença do governador Jaques Wagner, do secretário-executivo do Ministério dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, do diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Bernardo Figueiredo, do presidente da Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A., José Francisco das Neves, secretários de Estado, prefeitos, parlamentares, empresários e trabalhadores.

A Estrada de Ferro Oeste-Leste (EF 334) terá, ao todo, 1,5 mil quilômetros, de Ilhéus, no Sul da Bahia, a Figueirópolis, em Tocantins. Na Bahia, ela atravessará 32 municípios, distribuídos por 1,1 mil quilômetros. O investimento previsto, de R$ 4 bilhões, já está no orçamento federal. No rastro da ferrovia, o Oeste terá mais uma universidade federal e está em construção a BR 135, que corta Barreiras no eixo Norte-Sul e liga a divisa Bahia/Minas Gerais até a divisa com o Piauí.

A Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A., empresa do Governo Federal responsável pela construção, informou que o cronograma está sendo cumprido e já foi entregue o Estudo de Impacto Ambiental e o Relatório de Impacto Ambiental (EIA/RIMA), dependendo agora da licença prévia ambiental. O traçado é resultado de uma discussão com toda a equipe de governo e fruto da observação de elementos importantes, como reservas indígenas, rampas, entre outros detalhes técnicos e ambientais.

Obras da ferrovia, porto e aeroporto serão simultâneas

O Governo do Estado está fazendo gestões junto ao Governo Federal para que as obras da ferrovia, do Porto Sul e do aeroporto internacional de Ilhéus andem de forma simultânea. O objetivo é que no momento em que a ferrovia estiver iniciando, o porto também esteja integrado dentro desta lógica, não só multimodal, mas também de cronogramas.

Entre outras negociações do Governo do Estado para fortalecer o desenvolvimento regional estão a ampliação de voos das companhias Trip e Azul para o interior e a utilização do Porto Sul como alternativa de escoamento da produção de biodiesel do norte de Minas Gerais.

O conjunto logístico que está sendo pensado, integrando a construção da Ferrovia Oeste-Leste e do Porto Sul, vai transformar a Bahia em um portal de entrada e saída para os estados interiores do Brasil, mudando o panorama regional e influenciando, também, o plano nacional.

A integração entre os dois modais gera uma estimativa de exportação de cargas de 40 milhões de toneladas anuais, a partir do aumento das atividades de mineração no estado, montante que pode aumentar com o decorrer do tempo. Atualmente, os três portos baianos (Salvador, Aratu e Ilhéus) estão com um volume de cargas exportadas de cerca de 10 milhões de toneladas anuais.

Outro benefício da ferrovia será o aumento da segurança e a redução dos gastos em manutenção de rodovias. Os excessos de cargas das carretas que descem com a soja do Oeste do Estado para os portos, por exemplo, passarão a ser levados de trem.

Trechos serão leiloados e explorados em subconcessões

A subconcessão da EF-334, compreendendo operação, conservação, manutenção, monitoração, melhoramentos e adequação, será realizada na modalidade de Leilão, precedida de prequalificação (habilitação jurídica; qualificação técnica; qualificação econômico-financeira; e regularidade fiscal), em duas etapas:
- julgada e processada por Comissão Especial de Licitação da VALEC, nos termos da Lei 8.666/93 (Lei de Licitações);
- realizada na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), somente para os licitantes prequalificados.
O prazo da subconcessão é de 30 anos, a partir da assinatura do contrato.

Prazo de conclusão dos trechos

De acordo com o cronograma da Valec, a conclusão do primeiro trecho, Ilhéus (Sul) a Caetité (Sudoeste baiano), está previsto para julho de 2011; o segundo, de Caetité a Correntina/Barreiras (Oeste baiano), para julho de 2012; e o terceiro, de Correntina/Barreiras a Figueirópolis (TO), para dezembro de 2012.

Fonte: Agecom
http://www.comunicacao.ba.gov.br/not...e-em-barreiras
tonyssa no está en línea   Reply With Quote
Old June 7th, 2009, 05:56 PM   #39
Enzo
Registered User
 
Join Date: May 2008
Location: Boston USA
Posts: 13,968
Likes (Received): 3482

Essa ferrovia tem de sair logo do papel, espero que nao demore como a Norte-Sul (que ainda nao esta pronta depois de 20+ anos), o governo nao deveria demorar na execucao, pois ela sera muito importante para o desenvolvimento da regiao e uma maior integracao nacional, sem falar o tanto que ficara mais facil a exportacao dos produtos do interior do pais, e chega de tantos caminhoes nas estradas ne!?
Enzo no está en línea   Reply With Quote
Old June 8th, 2009, 01:59 AM   #40
Tiago Costa
Servir sempre!
 
Tiago Costa's Avatar
 
Join Date: May 2006
Location: São Paulo
Posts: 28,999

A Ferrovia Norte-Sul demorou uns 15 anos para ter cerca de 250 km construídos, e nos últimos 2 anos, após a concessão à Vale, o ritmo aumentou de forma que no final desse ano será inaugurado o trecho que fará com que a ferrovia complete cerca de 720 km. Agora o ritmo está adequado, quem dera outras ferrovias tivessem esse ritmo de construção (o atual, não o ritmo lento do período pré-concessão).
Tiago Costa no está en línea   Reply With Quote


Reply

Thread Tools
Rate This Thread
Rate This Thread:

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off



All times are GMT +2. The time now is 09:34 AM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.8 Beta 1
Copyright ©2000 - 2014, vBulletin Solutions, Inc.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like v3.2.5 (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

vBulletin Optimisation provided by vB Optimise (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2014 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us | privacy policy | DMCA policy

Hosted by Blacksun, dedicated to this site too!
Forum server management by DaiTengu