search the site
 daily menu » rate the banner | guess the city | one on oneforums map | privacy policy | DMCA | news magazine | posting guidelines

Go Back   SkyscraperCity > Latin American & Caribbean Forums > Brasil > Fóruns Regionais > Sudeste

Sudeste Espírito Santo, Minas Gerais e Rio de Janeiro



Global Announcement

As a general reminder, please respect others and respect copyrights. Go here to familiarize yourself with our posting policy.


Reply

 
Thread Tools
Old November 5th, 2009, 08:56 PM   #1
raffasoares
Rafael Soares
 
raffasoares's Avatar
 
Join Date: Jul 2009
Location: Rio 450
Posts: 6,674
Likes (Received): 6101

Rio de Janeiro (RJ) | Fortaleza da Conceição, Morro da Conceição & arredores: um pouco mais da pérola da Zona Portuária do Rio de Janeiro. (Thread pesado!)

Fortaleza da Conceição, Morro da Conceição e Arredores: um pouco mais da pérola da Zona Portuária do Rio de Janeiro.

Bom, eu já estou nesse fórum há algum tempo, não posto muito e este é o 1° de uma série de threads de locais do Rio de Janeiro que eu gostaria de mostrar por aqui! Alguns lugares seriam bem pouco conhecidos, como este que vos apresento.

O conjunto do Morro da Conceição, a Fortaleza e seus arredores são desconhecidos até mesmo da grande maioria dos cariocas. Justamente por isso, convido todos a conhecerem um pouco mais do rio de Janeiro e passearem pela...



Foto: Estátua de Nossa Senhora da Conceição, que dá nome à Fortaleza e ao Morro.

Primeiramente, para melhor nos localizarmos, uma visão do Google Earth referente à área:



Foto: A área dentro do retângulo vermelho engloba o Morro da Conceição. Como podemos ver, é muito próxima da Av. Rio Branco e do Píer Mauá.

Dividirei o Thread em 3 partes:
• Morro da Conceição;
• Fortaleza da Conceição;
• Arredores.


A seguir, cada uma delas:

parte 1: Morro da Conceição

1. Escadaria de acesso


2. Repare que apesar da simplicidade do casario, em nenhum momento o nome "Morro" faz alusão a favela.


3. De maneira geral, as casas seguem o padrão de arquitetura eclética. Porém, nem todas são deste tipo de arquitetura. E mesmo algumas que outrora eram, estão bem descaracterizadas.


4. A santa que dá nome ao Morro e à Fortaleza.


5.


6. Capela N. S. Conceição


7. Gosto de fotografar pessoas, animais e outros elementos do contexto do local.


8.


9.


10. Algo a ser salientado: embora colado à Avenida Rio Branco, mal se houve qualquer barulho de carro ou buzina, ou algo que dê a entender que estamos no corrido e agitado Centro. No Morro da Conceição, a tranquilidade é constante, e diversos moradores têm o hábito de dormirem de portas abertas. É seguro. Há um quartel do Exército na Fortaleza.


11.



UM POUCO DA HISTÓRIA

Marco da ocupação original do Rio de Janeiro, Brasil, o morro da Conceição formava com os morros do Castelo, de Santo Antônio e de São Bento um quadrilátero onde a cidade cresceu por três séculos, a partir da sua fundação em 1565. Seu modo de vida particular, semelhante aos tradicionais bairros portugueses, se manteve apesar das profundas transformações urbanas ao seu redor. Enquanto os morros do Castelo e de Santo Antônio foram derrubados, e o centro do Rio de Janeiro estabeleceu-se como área de comércio e negócios, o morro da Conceição permanece como lugar de moradia, rodeado por prédios que o escondem dos transeuntes.
A origem de seu nome deve-se a uma pequena capela em homenagem à Nossa Senhora da Conceição, construída no topo do morro, em 1590, pela devota Maria Dantas. Anos mais tarde, Maria Dantas doou aos frades do Carmo a capela e as terras do entorno, para a construção de um convento. Em 1659, os capuchinhos franceses iniciaram a construção do que veio a tornar-se, várias décadas depois, a semente do Palácio Episcopal.
O lado noroeste do morro, onde se ergue um segundo pico menos proeminente, também já foi chamado de morro do Vallongo. Essa distinção pode ter vindo a ser usada até o começo do século XX, a julgar pelo nome do Observatório do Morro do Vallongo, fundado em 1926.

Arquitetura e Recursos Turísticos

Várias construções erguidas sobre o Morro da Conceição possuem inestimável valor histórico. As moradias são tipicamente sobrados centenários e vilas operárias. A rua do Jogo da Bola e ladeira João Homem destacam-se pela singularidade e aparência lusitana, testemunha do passado carioca. Ruas como a do Mato Grosso, e vilas como a da Travessa do Sereno são exemplos da habitação carioca dos últimos três séculos.

Alguns prédios de valor histórico encontram-se no morro: o Palácio Episcopal, atualmente ocupado pelo Serviço Geográfico do Exército; a Fortaleza da Conceição (que data de 1718), a Igreja de São Francisco da Prainha (que data de 1696) e o Observatório do Valongo.

No sopé norte do morro, encontra-se a Pedra do Sal, rocha onde, até fins do século XIX, batiam as águas da Baía de Guanabara e por onde os navios negreiros desembarcavam escravos trazidos da África.

Em sua encosta oeste, foi erguido, em 1905, o Jardim Suspenso do Valongo, um amplo mirante e área de lazer, atualmente em estado precário.

O Morro da Conceição também abriga uma série de ateliês de artistas plásticos, na Ladeira João Homem e Rua do Jogo da Bola.

Anualmente, as ruelas, ladeiras e escadarias do morro estão cada vez mais sendo visitadas por turistas.

Todas estas características fazem do morro da Conceição uma área prioritária para a implantação de programas de revitalização urbana. O próprio Iphan, desde o início dos anos 80, recomenda um tratamento diferenciado do morro. No começo dos anos 90, teve início um projeto de revitalização, com a construção de uma praça na rua do Jogo da Bola e de contenção de encostas na ladeira do Valongo. Infelizmente, tais projetos ou foram interrompidos ou nunca foram realizados, e os resultados da ausência de conservação podem ser facilmente detectados.

Quem quiser ver mais fotos do Morro da Conceeição, recomendo o excelente thread do Gilson:

http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=785074

Last edited by raffasoares; August 25th, 2010 at 11:19 PM. Reason: organizando o thread
raffasoares no está en línea   Reply With Quote

Sponsored Links
Old November 5th, 2009, 08:58 PM   #2
raffasoares
Rafael Soares
 
raffasoares's Avatar
 
Join Date: Jul 2009
Location: Rio 450
Posts: 6,674
Likes (Received): 6101

parte 2: Fortaleza da Conceição

A Fortaleza foi construída para proteger a cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro, após as duas terríveis invasões de corsarios franceses em 1710 (Duclerc) e 1711 (Duguay-Trouin). Tombada pelo IPHAN desde 1938, atualmente abriga a 5ª Divisão de Levantamento do Serviço Geográfico do Exército.

"A Fortaleza da Conceição é a única fortificação da cidade (talvez do Brasil, talvez do mundo) impedida de atirar. Uma base militar pacífica, você pensa? Pois reza a lenda que logo depois de inaugurada a fortaleza, em 1718, o bispo Dom Francisco de São Jerônimo, responsável pelo Palácio do Bispo (atual Palácio Episcopal), anexo à construção, já que a área pertencia à Igreja, reclamou à corte que as salvas de canhão poderiam prejudicar as estruturas do Palácio, e reivindicou a partir daí um lustre de prata. O pedido foi atendido. Veio o lustre. E logo a artilharia, uma das mais importantes da cidade, estava impedida de atirar."
Fonte: http://www.overmundo.com.br/guia/fortaleza-da-conceicao

12. Largo onde se vê uma das faces da fortificação.


13. Caminhando pelas calmas ruas até a entrada de visitantes, pelo belo Palácio Episcopal.


14.


15.


16.


17.


18. Eis a entrada do bonito Palácio Episcopal


19.


20.


21. Neste salão já funcionou uma Igreja. Hoje é sala para palestras do Batalhão.


22. Mais fotos do interior deste salão.


23.


24.


25.


26.


27.


28. Começando o tour pela área externa. O poço de "Conto de Fadas"!


29.


30.


31.


32.


33. Há um altar em homenagem à Santa dentro da Fortaleza também.


34. Alguns detalhes internos.


35. Indo para o pátio...


36.


37.


38.


39.


40.


41. Vista "ruim".


42. Mais casas do Morro...


43. Fonte.


44. Detalhes militares do Batalhão.


45.


46. Esta construção servia para armazenar material bélico.


47.


48.


49.


50. Vista para a Baía de Guanabara!!! E pensar que ela chegava no pé do Morro. Haja aterro!!


51.


52.


53. Gostei desta foto, modéstia à parte!


54. Noivinha...


55. Hibisco...


56. Descendo ao antigo calabouço. Alguns Inconfidentes foram prisioneiros ali.


57. Calabouço


58. Dentro do calabouço, há alguns cartazes interessantes contando um pouco da história desta Fortaleza!


59. Janela vista por fora...


60. ... e por dentro.


61. Escada de acesso a platô superior com a fonte.


62. Agora, ,um pouco do acervo do Museu Cartográfico, que funciona no edifício do Palácio Episcopal. Colocarei apenas algumas fotos.


63.


64.


65. Mapa cartográfico do Brasil em 1883.


66. O mesmo mapa, visto de longe.


67. Varanda do Palácio Episcopal. Reparem no RB1 e no Edifício "A Noite" lá atrás.


68. Detalhes da varanda.


69. Um dos corredores do Museu Cartográfico.


70. Saindo do Museu / Palácio / Forte....


71. Para finalizar a 2ª parte do Thread, mais umas fotos da fachada do Palácio e entorno.


72.


73.


74.


Agora, a quem interesar, alguns dados informativos referentes ao Forte da Conceição.


História

Antecedentes
Sucedeu a Bateria do Morro da Conceição, erguida pelo corsário francês René Duguay-Trouin quando da invasão da cidade do Rio de Janeiro (Setembro de 1711), dominando a enseada da Prainha e a Saúde (SOUZA, 1885:110).

Após essa invasão, foram aprimoradas algumas fortificações, construídas outras e iniciada uma muralha destinada à defesa da cidade pelo lado de terra. A Fortaleza da Conceição foi erguida nesse contexto, devido à necessidade de instalar canhões em um local alto o suficiente para varrer com a sua artilharia o trecho da orla marítima que se estende do Valongo à Praça Mauá (antigo cais do porto) e com alcance para a defesa da ilha das Enxadas.


O século XVIII


As obras para a sua construção iniciaram-se no segundo governo da Capitania do Rio de Janeiro de Antônio de Albuquerque Coelho de Carvalho (1711-1713), estando identificada sob a legenda "Q. Fortaleza da Conceição com suas comunicações ao mar e ao muro da cidade" (Planta da cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro com suas fortificações, 1713. Arquivo Histórico Ultramarino, Lisboa), e no Plano de Defesa do porto e cidade do Rio de Janeiro, 1713 (Serviço Geográfico do Exército, Rio de Janeiro), ambos de autoria do Capitão de Engenheiros francês Jean Massé, que, após as invasões de corsários franceses em 1710 e em 1711, por determinação do rei D. João V (1705-1750), "em 1712 passou com o posto de brigadeiro ao Brasil para examinar e reparar as fortificações daquele Estado." (SOUZA VITERBO, 1988:154). Também está representada nas Plantas dos fortes de N. Sra. da Conceição e São Sebastião do Rio de Janeiro, c. 1714 (AHU, Lisboa) (IRIA, 1966:74).

A nova fortaleza ficou pronta em 1718. Orgulho da cidade, detinha a terceira maior artilharia do Rio de Janeiro, com "36 bocas de fogo e 1.000 balas de diferentes calibres", inferior apenas às das fortalezas de Santa Cruz e de São João, à entrada da barra da baía de Guanabara. Essa artilharia seria, entretanto, a sua condenação...

Erguida em terrenos da Mitra, vizinha ao Palácio do Bispo (atual Palácio Episcopal), à época da inauguração, afirmando que as obras haviam invadido uma parte dessas propriedades, explorando-se indevidamente uma pedreira ali existente para a sua construção, o bispo D. Francisco de São Jerônimo protestou, alegando que as salvas da nova fortificação, sob qualquer pretexto, abalavam as paredes da casa episcopal, perturbando-lhe os exercícios espirituais. Reclamava, assim, a título de indenização, uma lâmpada de prata para a Capela da Conceição no valor de cento e trinta mil-cruzados, importância considerável, à época.

Tendo-lhe sido dada razão pela Coroa, a Provisão do Conselho Ultramarino de 23 de dezembro de 1718, estipulava:

"... se mandasse fazer uma lâmpada para a Capela da mesma Senhora [da Conceição]; que na ocasião em que houvesse salvas, da Fortaleza vizinha se não dessem tiros, para evitar-se o prejuízo que podiam ter as casas de vivenda dos bispos."

As obras foram complementadas no governo de Gomes Freire de Andrade, 1.º Conde de Bobadela (1733-1763). Data desse período a Planta da Fortaleza de Nossa Senhora da Conceição na cidade do Rio de Janeiro, 1730 (AHU, Lisboa) (IRIA, 1966:74), figurando como "Fortaleza da Conceição" na carta de André Vaz Figueira (Carta Topografica da Cidade de S. Sebastião do Rio de Janeiro, 1750. Mapoteca do Itamaraty, Rio de Janeiro), encomendada por Gomes Freire para mostrar as obras de seu governo.

No governo do Vice-rei D. Antônio Álvares da Cunha (1763-1767), foram levantadas a Casa das Armas, o Depósito de Equipamentos e Oficinas (SOUZA, 1885:110). Figura nesse período em um projeto anônimo, atribuído a José Custódio de Sá e Faria (Plano da Cidade do Rio de Janeiro Capital do Estado do Brazil, 1769. Mapoteca do Itamaraty, Rio de Janeiro). No governo do Vice-rei D. Luís de Almeida Portugal (1769-1779), e do Vice-rei D. José Luís de Castro (1790-1801), essas obras de defesa sofrem novos acréscimos (SOUZA, 1885:110).

No contexto da Devassa instaurada sobre a Inconfidência Mineira (1789-1792), à Fortaleza da Conceição foram recolhidos os seguintes conjurados:

* Tomás Antônio Gonzaga (de 31 de agosto a 20 de setembro de 1791);
* Domingos Vidal de Barbosa Laje (de 31 de agosto a 20 de outubro de 1791);
* José Álvares Maciel (de 20 de setembro a 20 de outubro de 1791) (AQUINO et alii, 1998:94)

Posteriormente, aqui também estiveram detidos alguns integrantes da chamada Conjuração Baiana (1798).

Foi ainda nas oficinas de material bélico do forte que se registrou a primeira greve no Rio de Janeiro, em 1791, provocada pela falta de pagamento aos artífices, conforme comunicou à Metrópole o Vice-rei D. José Luís de Castro.

Do século XIX aos nossos dias

SOUZA (1885) informa que, desarmada em 1831, foi destinada a prisão de guardas nacionais e municipais (op. cit., p. 110). Em 1838 estava artilhada com quatorze peças e guarnecida por um contingente de 196 praças, sob o comando do Tenente-coronel Antônio José de Carvalho (GARRIDO, 1940:109). Em 1885, abrigava oficinas da Fábrica de Armas, subordinadas ao Arsenal de Guerra (SOUZA, 1885:110).

À época da República Velha, no governo do presidente Marechal Floriano Peixoto (1891-1894) serviu novamente de prisão (1892) para militares e civis a serem deportados.

No século XX, de propriedade do Ministério do Exército, pelo Decreto nr. 19.299, de 5 de junho de 1930 passou a sediar o então criado Instituto Geográfico Militar[1], subordinado ao Serviço Geográfico Militar[2].

Encontra-se tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional desde 1938.

Atualmente abriga a 5ª Divisão de Levantamento, Organização Militar subordinada à Diretoria de Serviço Geográfico (DSG), cuja biblioteca histórica é aberta ao público.

Last edited by raffasoares; November 6th, 2009 at 01:29 AM.
raffasoares no está en línea   Reply With Quote
Old November 5th, 2009, 08:59 PM   #3
raffasoares
Rafael Soares
 
raffasoares's Avatar
 
Join Date: Jul 2009
Location: Rio 450
Posts: 6,674
Likes (Received): 6101

parte 3: Arredores

Observatório do Valongo

O Observatório do Valongo (OV/UFRJ) é uma unidade da Universidade Federal do Rio de Janeiro ligado ao Centro de Ciências Matemáticas e da Natureza. Sedia o curso de graduação em Astronomia e o programa de pós-graduação em Astronomia dessa mesma universidade.

75. Observatório do Valongo (mal o fotografei)



76. Vista que se tem do Observatório do Valongo para a Provi...



Jardim Suspenso do Valongo

O Jardim Suspenso do Valongo é uma construção paisagística situada na encosta oeste do Morro da Conceição (Rio de Janeiro), no trecho que também já foi chamado de morro do Valongo. Ele foi construído em 1906, como parte de um muro de contenção, durante as obras promovidas pelo prefeito Pereira Passos. Seu planejamento é obra do paisagista Luis Rei. Está a 7 metros acima do nível da rua e possui 1.530 m2. [1]

Concebido como um jardim romântico, destinado ao passeio da sociedade nos finais de tarde, ele continha terraço, passeios, arborização, combustores de gás, depósito de água para irrigação, canteiros e grama, jardim rústico, casa do guarda e depósito de ferramentas e até mesmo uma cascata. O acesso pode ser feito por escadas pela rua Camerino.

Havia no jardim quatro estátuas em mármore representando divindades romanas: Minerva, Mercúrio, Ceres e Marte. Estas estátuas foram retiradas do Cais da Imperatriz de Grandjean de Montigny, localizado próximo, e que à época encontrava-se em ruínas. Em 2002, as estátuas foram parcialmente danificadas por vândalos e a prefeitura resolveu transferi-las para o Palácio da Cidade. Réplicas das originais encontram-se no Parque Noronha Santos, na Av. Presidente Vargas, ao lado da Sede da Divisão de Monumentos e Chafarizes da Fundação Parques e Jardins e deverão ser colocadas no local original após a conclusão do projeto de reforma do local.

77. Jardim Suspenso do Valongo. Lamentável o abandono...


78. Pior que não consegui achar nenhuma foto antiga para saber como era o Jardim nos tempos áureos. Alguém tem alguma foto??


79. Mais abandono... esta construção em ruínas representa parte triste e importante da História Brasileira!!! Ela fazia parte, junto de outras construções ao longo desta rua, do maior mercado de ESCRAVOS do mundo! O mercado de escravos do Valongo. Por lá, passaram mais de 1 milhão de escravos capturados na África e vendidos aqui como animais em precárias e desumanas condições. Não adianta querer esquecer a História... tem que se dar uma revigorada nesta área, um enorme potencial de museu a céu aberto (há a proposta de construção do Portal dos Pretos Novos).



80. Retrato de abandono. Mas gostei da foto...


81. Vista para a Estação Central do brasil.


82. Passeando pelas ruas...


83.


84.


85.

86.


87.


Pedra do Sal

Pedra do Sal é um monumento histórico e religioso da cidade do Rio de Janeiro, localizado no bairro da Saúde, perto do Largo da Prainha, Rio de Janeiro, Brasil.

É onde se encontra a Comunidade Remanescentes de Quilombos da Pedra do Sal. Tombado em 20 de novembro de 1984, pelo INEPAC - Instituto Estadual do Patrimônio Cultural.

É um local de especial importância para a cultura negra carioca e para os amantes do samba e do choro. Pode ser considerada como o núcleo simbólico da região chamada de Pequena África, que era repleta de zungus, casas coletivas ocupadas por negros escravos e forros.

Na Pedra do Sal, que fica a 100 metros do Largo da Prainha, reuniam-se grandes sambistas do passado, como Donga, João da Baiana, Pixinguinha e Heitor dos Prazeres.

Partindo de sua base, no Largo do João da Baiana, e subindo por degraus escavados na pedra, pode-se subir para o Morro da Conceição.P

88. Pedra do Sal


89.


90.


91.


92.


93.


Andando no Entorno...

94.


95.


96.


97. Igreja de São Francisco da Prainha (data de 1696)


98. A mesma Igreja.


99.


100.


101. O casario ao redor da Igreja de São Francisco da Prainha é utilizado como diversas oficinas de aprendizado.


102.


103.


104.


105. Mais andanças...


106. Um pouco de caos... rsrsrs


107. Escadaria...


108.


109.


110.


111. Curioso...


Bom, pessoal... é isso!
Espero que tenham gostado! Uma parte do rio tão pouco conhecido pelos próprios cariocas, que dentro dos planos de revitalização da Zona Portuária deverá receber atenção especial... alí há um belo potencial turístico e cultural latente! Vamos torcer para que dê tudso certo. Como podem ver, o local é simples, porém encantador.... os arredores têm cantos abandonados, que fiz questão de mostrar inclusive o que não é exatamente bonito, que esperamos ver melhorados...

Ficam aqui alguns links que usei para montar o thread:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Fortale...Rio_de_Janeiro)
http://pt.wikipedia.org/wiki/Morro_d...Rio_de_Janeiro)
http://www.projetomaua.com.br/sobre-...arco-2009.html
http://literaturaeriodejaneiro.blogs...a-conceio.html
http://www.vitruvius.com.br/minhacidade/mc158/mc158.asp

Last edited by raffasoares; November 9th, 2009 at 02:58 AM.
raffasoares no está en línea   Reply With Quote
Old November 5th, 2009, 11:28 PM   #4
Tquintan
Niteroiense da gema!!
 
Tquintan's Avatar
 
Join Date: Feb 2008
Location: Niteroi
Posts: 3,671
Likes (Received): 222

Muito bom o seu thread cara, bem completo, eu sempre tive curiosidade em ver fotos do palácio episcopal, brigadão.
Tquintan no está en línea   Reply With Quote
Old November 5th, 2009, 11:30 PM   #5
bruno_rio
Registered User
 
bruno_rio's Avatar
 
Join Date: Nov 2009
Location: Rio
Posts: 1,661
Likes (Received): 5

Lindo thread! Quer dizer que o Morro da Conceição é seguro, então? Dá para levar a câmera (de modo discreto, claro) e tirar fotos tranquilamente?
bruno_rio no está en línea   Reply With Quote
Old November 5th, 2009, 11:38 PM   #6
Pablo Itt
Registered User
 
Pablo Itt's Avatar
 
Join Date: Nov 2008
Location: Rio de Janeiro
Posts: 2,167
Likes (Received): 572



Rafa, tá tão legal o thread, tá mais que legal tá uma maravilha.
Parabéns cara.
Quando voce for ver coisas antigas assim me dê um toque, se precisar de apoio logístico ou simples companhia, geralmente estou com disponibilidade de tempo, eu faço o meu horário.
Quando os garotos eram pequenos nós três nos aventurávamos por este Rio a fora, agora nem pensar.

Tenho uma lista de lugares ainda por visitar e postar mas as vezes dá uma preguiça.
Pablo Itt no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 02:41 AM   #7
aluz
Registered User
 
aluz's Avatar
 
Join Date: Oct 2009
Location: Rio de Janeiro
Posts: 2,570
Likes (Received): 772

Espetacular!!!
aluz no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 03:21 AM   #8
Jeffdu
Registered User
 
Jeffdu's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Rio de Janeiro
Posts: 950
Likes (Received): 163

Cara, que lindo!
Sempre tive vontade de subir lá, mas qdo estou no centro, ou estou ocupado, ou com pressa e atrasado.
Vlw por nos mostrar esse lugar impar no centro do Rio.
Jeffdu no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 03:36 AM   #9
ottavianorj
Registered User
 
ottavianorj's Avatar
 
Join Date: Dec 2006
Location: Rio de Janeiro
Posts: 1,319
Likes (Received): 3

Parabéns velho.

Belas fotos e informações.

Mto legal.
__________________
CARIOCA E BOTAFOGUENSE!
ottavianorj no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 04:11 AM   #10
C010T3
Registered User
 
C010T3's Avatar
 
Join Date: Nov 2008
Posts: 7,941
Likes (Received): 1630



SENSACIONAL!!!
C010T3 no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 04:25 AM   #11
Jorge M
Registered User
 
Jorge M's Avatar
 
Join Date: Jun 2008
Location: Rio de Janeiro
Posts: 2,425
Likes (Received): 329

Maravilhoso! Esse lugar é simplesmente mágico!
Um tio meu já falecido morava na Rua do Jogo da Bola. Sempre que eu ia lá era como entrar em outra época, principalmente à noite, andando por aquelas ruelas ladeadas por sobrados antigos e muralhas e coisa e tal. Pena que a última vez que eu subi lá eu tinha 11 anos. Será que o encantamento seria o mesmo agora com a percepção de um adulto? Acredito que sim, a julgar pelas fotos. Me veio muita coisa boa à memória.
Meus parabéns pelo thread!
Jorge M no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 01:08 PM   #12
Vinicius
SSC Brasil
 
Vinicius's Avatar
 
Join Date: Nov 2005
Location: Rio de Janeiro
Posts: 17,314
Likes (Received): 7066

Parabéns pelas fotos. Visitar o Morro da Conceição nos dá uma idéia de como seria o Morro do Castelo se ele ainda estivesse de pé.
Vinicius no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 01:21 PM   #13
Vinicius
SSC Brasil
 
Vinicius's Avatar
 
Join Date: Nov 2005
Location: Rio de Janeiro
Posts: 17,314
Likes (Received): 7066

E imaginar que o Jardim Suspenso do Valongo foi restaurado recentemente, em 2002/2003:

http://www.rjnet.com.br/rjvalongo.php

http://www.rio.rj.gov.br/ipp/noticias/nota_022.htm

Uma foto dele na época de sua inauguração:


Foto de foi um RIO que passou.
Vinicius no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 02:31 PM   #14
Pablo Itt
Registered User
 
Pablo Itt's Avatar
 
Join Date: Nov 2008
Location: Rio de Janeiro
Posts: 2,167
Likes (Received): 572

Quote:
Originally Posted by Pablo Itt View Post


Rafa, tá tão legal o thread, tá mais que legal tá uma maravilha.
Parabéns cara.
Quando voce for ver coisas antigas assim me dê um toque, se precisar de apoio logístico ou simples companhia, geralmente estou com disponibilidade de tempo, eu faço o meu horário.
Quando os garotos eram pequenos nós três nos aventurávamos por este Rio a fora, agora nem pensar.

Tenho uma lista de lugares ainda por visitar e postar mas as vezes dá uma preguiça.
Rafael Soares, te confundi com o outro Rafael que foi no encontro dos foristas cariocas em outubro, por isto me prestei em ajudá-lo.
Mas, continuam os elogios sobre o thread.
Pablo Itt no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 02:41 PM   #15
Pedrop.rio
Moderator
 
Pedrop.rio's Avatar
 
Join Date: Jun 2007
Location: Rio de Janeiro
Posts: 4,344
Likes (Received): 2912

Muito belas as fotos. E é engraçado ver que o abandono não é tanto quanto eu imaginava.

Mas uma fiação subterrânea cairia bem aí, hein...
Pedrop.rio no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 02:49 PM   #16
Sr. Gatti
Registered User
 
Sr. Gatti's Avatar
 
Join Date: Feb 2009
Location: Belém
Posts: 4,514
Likes (Received): 3

Belas Fotos!!!
Parabéns pelo Thread!!!
__________________
BELÉM - A MAIS BELA DA AMAZÔNIA!
Sr. Gatti no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 03:25 PM   #17
raffasoares
Rafael Soares
 
raffasoares's Avatar
 
Join Date: Jul 2009
Location: Rio 450
Posts: 6,674
Likes (Received): 6101

Quote:
Originally Posted by Tquintan View Post
Muito bom o seu thread cara, bem completo, eu sempre tive curiosidade em ver fotos do palácio episcopal, brigadão.
Quote:
Originally Posted by aluz View Post
Espetacular!!!

Quote:
Originally Posted by Jeffdu View Post
Cara, que lindo!
Sempre tive vontade de subir lá, mas qdo estou no centro, ou estou ocupado, ou com pressa e atrasado.
Vlw por nos mostrar esse lugar impar no centro do Rio.
Quote:
Originally Posted by ottavianorj View Post
Parabéns velho.

Belas fotos e informações.

Mto legal.
Quote:
Originally Posted by C010T3 View Post


SENSACIONAL!!!
Quote:
Originally Posted by Vinicius View Post
Parabéns pelas fotos. Visitar o Morro da Conceição nos dá uma idéia de como seria o Morro do Castelo se ele ainda estivesse de pé.
Quote:
Originally Posted by pedrop.rio View Post
Muito belas as fotos. E é engraçado ver que o abandono não é tanto quanto eu imaginava.

Mas uma fiação subterrânea cairia bem aí, hein...
Quote:
Originally Posted by Sr. Gatti View Post
Belas Fotos!!!
Parabéns pelo Thread!!!
Obrigado a todos pelos elogios!! è uma satisfação ver que as pessoas gostara, porque deu uma trabalheira montar tudo! Só me motiva a montar outros threads!

Quote:
Originally Posted by bruno_rio View Post
Lindo thread! Quer dizer que o Morro da Conceição é seguro, então? Dá para levar a câmera (de modo discreto, claro) e tirar fotos tranquilamente?
Eu achei bem tranquilo de levar uma câmera! Até porque, o local já está a "acostumado" a receber muita gente que vai lá prea fotografar e pintar. Só acho que é preciso mais cuidado no entorno. O Morro é bem seguro (tem um batalhão do exército na Fortaleza, acho que isso ajuda...), e apesar de morro, não é favela. Casas simples, com pessoas simples.

Quote:
Originally Posted by Pablo Itt View Post


Rafa, tá tão legal o thread, tá mais que legal tá uma maravilha.
Parabéns cara.
Quando voce for ver coisas antigas assim me dê um toque, se precisar de apoio logístico ou simples companhia, geralmente estou com disponibilidade de tempo, eu faço o meu horário.
Quando os garotos eram pequenos nós três nos aventurávamos por este Rio a fora, agora nem pensar.

Tenho uma lista de lugares ainda por visitar e postar mas as vezes dá uma preguiça.
Po, a gente podia combinar, sim! Mas agora eu vi que vc me confundiu com outro Rafael, hahaha!

Quote:
Originally Posted by Jorge M View Post
Maravilhoso! Esse lugar é simplesmente mágico!
Um tio meu já falecido morava na Rua do Jogo da Bola. Sempre que eu ia lá era como entrar em outra época, principalmente à noite, andando por aquelas ruelas ladeadas por sobrados antigos e muralhas e coisa e tal. Pena que a última vez que eu subi lá eu tinha 11 anos. Será que o encantamento seria o mesmo agora com a percepção de um adulto? Acredito que sim, a julgar pelas fotos. Me veio muita coisa boa à memória.
Meus parabéns pelo thread!
Fala, Jorge! Eu acho que agora como adulto, a sensação de encantamento pode até ser maior, pois a gente passa a ter um senso de apreciação para essas coisas que não costumamos dar muita bola quando crianças! E como vc ia por lá mais novo, some-se a isso a boa sensação de nostalgia!
raffasoares no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 06:30 PM   #18
Leo10Rio
Oi
 
Leo10Rio's Avatar
 
Join Date: Jan 2008
Location: RJ
Posts: 8,724
Likes (Received): 13694

Rapaz, seu thread está ESPETACULAR!!!!!

Retratou com perfeição essa região tão legal do Rio, que guarda parte da história da cidade.
Gostei das fotos focadas no cachorro deitado, na santa, nos azulejos... Muito interessante mesmo.
Enfim, nada mais pra dizer, excelente thread!
Pena que só cariocas e fluminenses estão comentando.
__________________
Quote:
Originally Posted by Rodrigo U. View Post
(...)
É impossível manter diálogo com pessoas assim.
Leo10Rio no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 07:14 PM   #19
daniel.zs.rj
Registered User
 
daniel.zs.rj's Avatar
 
Join Date: Aug 2008
Location: Rio de Janeiro
Posts: 6,326
Likes (Received): 1200

Rafael, seu thread de estréia está fantástico.

Já tive a oportunidade de visitar um conhecido que mora nessa região e fiquei impressionado. Trata-se de um OÁSIS DE TRANQUILIDADE, SOSSEGO E SEGURANÇA em pleno Centro do Rio. As pessoas tem o péssimo hábito de relacionar morro com favela. Trata-se de um morro que de favela não tem nada. Os foristas que têm interesse podem ir tranquilos.
__________________
Precisamos falar sobre aborto: educação sexual para prevenir, contraceptivo para não engravidar e aborto legal para não morrer
Precisamos falar sobre drogas: a única forma de acabar com o tráfico e as milhares de mortes (civis e militares) que ele gera é legalizar. A Guerra às Drogas só é interessante para o tráfico e para indústria de armas

1 LGBT é morto a cada 28h e a criminalização da LGBTfobia tá longe de ser realidade.
daniel.zs.rj no está en línea   Reply With Quote
Old November 6th, 2009, 08:38 PM   #20
vitorhugoreis
Lateralus
 
vitorhugoreis's Avatar
 
Join Date: Feb 2009
Location: Sertão da Farinha Podre
Posts: 2,239
Likes (Received): 9061

Quando achamos que vimos tudo sobre o SOBERBO Rio de Janeiro, somos presenteados com mais uma pérola.
Parabéns raffa, por fugir do óbvio e nos mostrar uma outra face desta que, sem dúvida alguma, é a CIDADE MARAVILHOSA.
Abraços mineiros!
__________________
LIBERTAS QUÆ SERA TAMEN
vitorhugoreis no está en línea   Reply With Quote


Reply

Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off

Related topics on SkyscraperCity


All times are GMT +2. The time now is 04:10 AM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.11 Beta 4
Copyright ©2000 - 2017, vBulletin Solutions Inc.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2017 DragonByte Technologies Ltd.

vBulletin Optimisation provided by vB Optimise (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2017 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us | privacy policy | DMCA policy

Hosted by Blacksun, dedicated to this site too!
Forum server management by DaiTengu