Corredor Internacional Sul | Sines - Espanha - SkyscraperCity
 

forums map | news magazine | posting guidelines

Go Back   SkyscraperCity > European Forums > Fórum Português > Transportes e Infra-Estruturas > Ferrovias


Global Announcement

As a general reminder, please respect others and respect copyrights. Go here to familiarize yourself with our posting policy.


Reply

 
Thread Tools
Old August 1st, 2009, 03:29 PM   #1
Barragon
Barra for Friends
 
Barragon's Avatar
 
Join Date: Dec 2004
Location: Barreiro
Posts: 142,655
Likes (Received): 15994

Corredor Internacional Sul | Sines - Espanha

Abri um novo thread porque o assunto anda por aí misturado:

Quase 150 mil hectares de montado de sobro serão afectados pela linha férrea Sines-Elvas

Nem o zoológico escapa à passagem do comboio de mercadorias projectado para levar contentadores do porto do litoral alentejano para Madrid

Bem no interior do segundo maior montado de sobro alentejano e ao longo da costa atlântica, nos concelhos de Santiago do Cacém e Grândola, está quase a arrancar a instalação de um ramal do caminho-de-ferro de mercadorias de alta velocidade projectado para levar contentores do porto de Sines para Madrid em apenas nove horas, contra as actuais 22. A construção da nova ferrovia, Sines-Elvas, vai exigir o derrube de cerca de sete mil sobreiros, muitos deles centenários, ao longo de uma linha com cerca de 40 quilómetros de comprimento por 400 metros de largura. Há muita gente inconformada com o facto.

A criação deste corredor coloca até em causa o "jardim zoológico" alentejano do Badoca Park, "retalha aldeias e passa por cima de casas", para além implicar o abate de "milhares de sobreiros" adverte Vítor Proença, presidente da Câmara de Santiago do Cacém, que promoveu, na noite de quarta-
-feira, um debate para discutir a viabilidade do novo traçado ferroviário.

Mas é na área que vai ser sacrificada ao novo ramal que fermenta um inconformado movimento de contestação à nova ferrovia. Leonor Machado, presidente da Associação Protectora do Montado, formada para lutar contra a ferrovia Relvas Verdes-Grândola Norte, explica a razão das populações. O traçado "destruirá aldeias, montado, contaminará lençóis freáticos e zonas de abastecimento de água, quintas históricas e o turismo rural já existente na região", lembrando que os impactes não são apenas nas árvores e na cortiça, mas "no habitat que sustenta".

João Morais Sarmento, director geral do Ambiente da Refer, não refuta esta argumentação. "Temos de facto uma zona de montado que é a segunda maior do Alentejo, com 148 mil hectares de sobreiros, e vamos ter que minimizar os impactes numa paisagem que é marcante." "[Contudo], não conseguimos evitar, de todo, a afectação do montado de sobro, [apesar de a empresa que representa conhecer] perfeitamente a importância que ele tem para a economia nacional, como habitat", reconhece.

A reacção não se fez esperar e da parte de quem lá vive: "Para quê destruir uma paisagem do mais maravilhoso que há?", pergunta Lisete Helena Pereira, de 68 anos, que vive desde que nasceu no pequeno lugar de Figueira Preta, bem no interior de um esplendoroso bosque de montado e à sombra de um sobreiro com mais de 150 anos. "Eles [Refer] andaram fazendo tudo calados. Calhando, ninguém sabia desta doideira", protesta a senhora, deixando claro que a população que vive por aquelas aldeias "não sabe nada de computadores para se informar". Mas mesmos aqueles que os têm "também não sabem mais", porque não vem lá informação sobre o ramal ferroviário.

A mobilização contra o traçado começou há pouco mais de dois meses, quando a Associação Protectora do Montado bateu a todas as portas e distribuiu comunicados a dar conta do que a Refer pretendia instalar. "Por este sítio são mais de 90 casas que vão abaixo", prossegue Lisete Pereira, explicando como a Câmara de Grândola tem promovido a terra para o turismo que já começou a trazer gente de fora, para agora ser destruído por causa do comboio.

Valter Pimenta, o mais jovem residente no pequeno lugar com meia dúzia de casas muito antigas, diz que, em linha recta, a costa "está a a seis quilómetros" e que o sucesso do turismo "não tem discussão" devido ao número de pessoas que comprou ou está a construir casas para passar férias.

No debate foi discutida e apresentada um outra alternativa ao traçado da ferrovia aprovado pelo Governo. Costa Lobo, professor no Instituto Superior Técnico e especialista ligado às acessibilidades, deixou expressa a sua convicção que o traçado pelo interior da mancha de montado "não é o mais adequado", admitindo que talvez tenha havido "alguma imprevidência da Refer". Fazendo um pouco de história sobre esse projecto, Costa Lobo lembrou que há dois anos aquela empresa "não aceitou as ideias [do ISP]", alegando que o projecto, que "não é a solução mais conveniente", já estava concluído. E advertiu para o perigo que representa "desequilibrar" o Alentejo ao recusar a alternativa Sines-Beja aproveitando o ramal de Ermidas do Sado.

Este ramal implica a construção de um túnel sob a serra de Grândola com a extensão de 1,6 quilómetros de extensão, e poderia "vir a servir o novo aeroporto de Beja", argumentou Francisco Santos, presidente da Câmara de Beja, também ele opositor ao ramal aprovado pela Refer, embora por outras razões. O autarca bejense lembra que pelo Baixo Alentejo já circula cerca de 60% do transporte nacional de mercadorias por via férrea. Logo, a região tem condições para ser atravessada pelo novo transporte de alta velocidade, aproveitando os ramais já existentes. Francisco Santos diz ter dificuldade em perceber como é que se constrói um aeroporto em Beja, classificado como internacional pelo actual Governo e se projecta uma via férrea para transporte de carga "junto à linha de costa" com o impacte ambiental que se conhece, esquecendo a região onde está a ser instalado o projecto Alqueva.

Público
__________________
::: Portuguese Forum :::

Tocha :: Mira :: Vagos :: Ílhavo :: Praia da Barra :: Curia :: Anadia :: Oliveira do Bairro :: Águeda

Fat people are harder to kidnap
Barragon no está en línea   Reply With Quote
Sponsored Links
Advertisement
 
Old August 1st, 2009, 03:31 PM   #2
Barragon
Barra for Friends
 
Barragon's Avatar
 
Join Date: Dec 2004
Location: Barreiro
Posts: 142,655
Likes (Received): 15994

Interlocutores

01.08.2009

O presidente da Câmara de Grândola, Carlos Beato, eleito como independente pelo PS, e que se assume como um dos mais acérrimos opositores daquele ramal ferroviário, recebeu horas antes do debate, e onde esteve presente, um telefonema da secretária
de Estado dos Transportes, Paula Vitorino, com a garantia de que o Ministério das Obras Públicas, o Governo e a Refer "estão disponíveis para falar e para estudar outras alternativas". Inclusive, estariam "disponíveis" para suspender a avaliação ambiental que está em curso para o polémico trajecto e para estudar "outras hipóteses" de traçado, informou o autarca. E sentenciou: "O comboio por Grândola só por cima do meu cadáver."

Público
__________________
::: Portuguese Forum :::

Tocha :: Mira :: Vagos :: Ílhavo :: Praia da Barra :: Curia :: Anadia :: Oliveira do Bairro :: Águeda

Fat people are harder to kidnap
Barragon no está en línea   Reply With Quote
Old August 1st, 2009, 03:34 PM   #3
alentejolover
Registered User
 
alentejolover's Avatar
 
Join Date: Jun 2007
Location: Evora-World Heritage Site since 1986
Posts: 24,618
Likes (Received): 2742

Temos um caso bicudo... e o tempo vai passando e a região a anhar...
__________________
Évora, o 2.º concelho do país com mais Monumentos Nacionais
alentejolover no está en línea   Reply With Quote
Sponsored Links
Advertisement
 
Old August 1st, 2009, 03:42 PM   #4
Barragon
Barra for Friends
 
Barragon's Avatar
 
Join Date: Dec 2004
Location: Barreiro
Posts: 142,655
Likes (Received): 15994

é bem verdade

Quote:
Originally Posted by caja View Post
Transporte & Negócios

29 de Julho de 2009

Autarcas contestam ligação Sines-Grândola para mercadorias

Os presidentes das câmaras de Santiago do Cacém e de Grândola contestam o traçado proposto pela Refer para o troço Sines-Grândola da linha ferroviária de mercadorias entre o porto alentejano e a fronteira.

"A proposta da Refer é inaceitável porque não podemos andar a promover a ideia – no que o Governo também nos tem ajudado, e bem - de que o concelho de Grândola e o Litoral Alentejano têm condições para ser um destino turístico de excelência e depois termos um traçado de ferrovia que atravessa o território do concelho", disse à “Lusa” o presidente da edilidade de Grândola, Carlos Beato.

"A nova ferrovia Sines-Badajoz iria abater cerca de sete mil a dez mil sobreiros, sendo certo que o montado de sobro é uma das riquezas do concelho e da região. vai passar ao lado de aldeias em que temos vindo a apostar para o turismo rural, vai passar por cima de habitações que têm mais de 50 anos", acrescentou o autarca, salientando que se trata de "um investimento muito pesado, quando já existe o ramal Sines/Ermidas, que poderia ser adaptado à bitola europeia".

De acordo com a informação disponível no site da Refer, entre Sines e Grândola Norte está prevista a execução de uma nova linha, que incluirá a construção de quatro estações ferroviárias em cerca de 50 quilómetros de nova via única e electrificada. O projecto está em fase de Avaliação de Impacte Ambiental, prevendo-se para o primeiro trimestre do próximo ano o início da elaboração do projecto de execução.

A linha Sines-Badajoz deverá estar concluída em 2013. Mas a sua concretização está também dependente do avanço da Alta Velocidade, uma vez que parte do percurso será realizado pelo concessionário do troço Poceirão-Caia.

A ligação Sines-Grândola pressupõe um investimento de 170 milhões de euros, incluindo a estação da Raquete, avaliada em 17,6 milhões de euros, obra consignada em Junho passado.
__________________
::: Portuguese Forum :::

Tocha :: Mira :: Vagos :: Ílhavo :: Praia da Barra :: Curia :: Anadia :: Oliveira do Bairro :: Águeda

Fat people are harder to kidnap
Barragon no está en línea   Reply With Quote
Old August 1st, 2009, 09:08 PM   #5
RoadsterRunner
Profissional da desordem
 
RoadsterRunner's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Lisboa
Posts: 5,003
Likes (Received): 339

Olá.

Para construirem estadios de futebol a clubes completamente falidos como o Setubal, já não interessam os sobreiros.
Quando é para fazer uma obra fundamental para a economia do Pais e óbviamente também da região ... "coitadinho do sobreiro que não pode ir 20 metros para o lado".
Este tipo de pessoas só tem uma designação. São reaccionários de 1ª categoria, pois serão os que mais vão beneficiar com a obra e tudo fazem para a atrasar. São os mesmo que quando estiver tudo constuido vão ser os primeiros a afirmarem-se orgulhosos por ter aquelas infraestruturas ali.
Vá-se lá compreender esta gente ...

Cumprimentos,

RoadsterRunner
__________________

Abraço liked this post
RoadsterRunner no está en línea   Reply With Quote
Old August 1st, 2009, 11:41 PM   #6
fred_mendonca
President and CEO
 
fred_mendonca's Avatar
 
Join Date: Nov 2005
Location: Oeiras
Posts: 17,621
Likes (Received): 44

Acho que o interesse nacional prevalece sobre o interesse ambiental dos sobreiros.
__________________
"We must face the grim necessity, with full knowledge that the task is to be solved, and we must proceed with a full realization that no statute enacted by man can repeal the inexorable laws of nature."
fred_mendonca no está en línea   Reply With Quote
Old August 2nd, 2009, 04:13 AM   #7
Viriatuus
Registered User
 
Join Date: Dec 2007
Location: Porto
Posts: 19,573
Likes (Received): 1088



E não será que o interesse ambiental dos sobreiros é interesse nacional?
Viriatuus no está en línea   Reply With Quote
Old August 2nd, 2009, 03:08 PM   #8
alentejolover
Registered User
 
alentejolover's Avatar
 
Join Date: Jun 2007
Location: Evora-World Heritage Site since 1986
Posts: 24,618
Likes (Received): 2742

Quote:
Originally Posted by Viriatuus View Post


E não será que o interesse ambiental dos sobreiros é interesse nacional?
Isso até te dava jeito...para o "elefante branco" ficar parado...
__________________
Évora, o 2.º concelho do país com mais Monumentos Nacionais
alentejolover no está en línea   Reply With Quote
Old August 2nd, 2009, 04:33 PM   #9
mourarq
Litoral Alentejano
 
mourarq's Avatar
 
Join Date: Mar 2008
Location: Alcácer do Sal
Posts: 2,768
Likes (Received): 427

Quote:
Originally Posted by RoadsterRunner View Post
Olá.

Para construirem estadios de futebol a clubes completamente falidos como o Setubal, já não interessam os sobreiros.
Quando é para fazer uma obra fundamental para a economia do Pais e óbviamente também da região ... "coitadinho do sobreiro que não pode ir 20 metros para o lado".
Este tipo de pessoas só tem uma designação. São reaccionários de 1ª categoria, pois serão os que mais vão beneficiar com a obra e tudo fazem para a atrasar. São os mesmo que quando estiver tudo constuido vão ser os primeiros a afirmarem-se orgulhosos por ter aquelas infraestruturas ali.
Vá-se lá compreender esta gente ...

Cumprimentos,

RoadsterRunner
1º o estádio do vitória de Setúbal não irá ser construído numa zona de sobreiros. Fica a informação que será numa zona descampada ao lado do complexo de atletismo de Setúbal.

2º a urbanização "nova Setúbal", essa sim é que irá ser construída numa zona com sobreiros.


3º sobre esta ligação, está em causa também a demolição de aldeias. não é só de sobreiros. eu tenho os mapas. e já os coloquei aqui no fórum.
__________________
"Canta alentejano, canta, o teu canto é oração, tens a alma na garganta, e o Alentejo no Coração"


mourarq no está en línea   Reply With Quote
Old August 3rd, 2009, 01:34 AM   #10
Viriatuus
Registered User
 
Join Date: Dec 2007
Location: Porto
Posts: 19,573
Likes (Received): 1088

Alentejolover:

Quote:
Isso até te dava jeito...para o "elefante branco" ficar parado...
Pelo menos os sobreiros não são nenhum elefante branco...
Viriatuus no está en línea   Reply With Quote
Old August 3rd, 2009, 01:38 AM   #11
alentejolover
Registered User
 
alentejolover's Avatar
 
Join Date: Jun 2007
Location: Evora-World Heritage Site since 1986
Posts: 24,618
Likes (Received): 2742

Nem o Porto de Sines...
__________________
Évora, o 2.º concelho do país com mais Monumentos Nacionais
alentejolover no está en línea   Reply With Quote
Old August 3rd, 2009, 02:11 AM   #12
fred_mendonca
President and CEO
 
fred_mendonca's Avatar
 
Join Date: Nov 2005
Location: Oeiras
Posts: 17,621
Likes (Received): 44

Quote:
Originally Posted by Viriatuus View Post


E não será que o interesse ambiental dos sobreiros é interesse nacional?
Até pode ser interesse nacional mas penso que terá mais importância o interesse de ligar Sines ao resto da Europa. Sobreiros há muitos.
__________________
"We must face the grim necessity, with full knowledge that the task is to be solved, and we must proceed with a full realization that no statute enacted by man can repeal the inexorable laws of nature."
fred_mendonca no está en línea   Reply With Quote
Old August 3rd, 2009, 03:43 AM   #13
Viriatuus
Registered User
 
Join Date: Dec 2007
Location: Porto
Posts: 19,573
Likes (Received): 1088



"Até"... Hmmm...
Viriatuus no está en línea   Reply With Quote
Old August 3rd, 2009, 04:05 AM   #14
Escalabitano
 
Join Date: Jun 2009
Posts: 630
Likes (Received): 7

Como é que alguém pode querer esta solução depois de ler isto: "A criação deste corredor coloca até em causa o "jardim zoológico" alentejano do Badoca Park, "retalha aldeias e passa por cima de casas", para além implicar o abate de "milhares de sobreiros" ?
Escalabitano no está en línea   Reply With Quote
Old August 3rd, 2009, 12:52 PM   #15
RoadsterRunner
Profissional da desordem
 
RoadsterRunner's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Lisboa
Posts: 5,003
Likes (Received): 339

Quote:
Originally Posted by mourarq View Post
1º o estádio do vitória de Setúbal não irá ser construído numa zona de sobreiros. Fica a informação que será numa zona descampada ao lado do complexo de atletismo de Setúbal.

2º a urbanização "nova Setúbal", essa sim é que irá ser construída numa zona com sobreiros.


3º sobre esta ligação, está em causa também a demolição de aldeias. não é só de sobreiros. eu tenho os mapas. e já os coloquei aqui no fórum.
Olá.

Pior ainda.
A solução será construir a urbanização no local do futuro estádio, salvando assim os sobreiros. O actual estádio está muito bem onde está. Se no meio da cidade já são poucos os espectadores, imagine-se o que irá suceder se sair da cidade.
Infelizmente essa parte da destruição das aldeias não conheço em pormenor, daí não me pronunciar sem analisar antes os mapas que refere. De qualquer das formas penso não ser dificil criar soluções que agradem a todos.

Cumprimentos,

RoadsterRunner
RoadsterRunner no está en línea   Reply With Quote
Old August 3rd, 2009, 07:23 PM   #16
djou23
Registered User
 
djou23's Avatar
 
Join Date: Dec 2007
Location: Coimbra
Posts: 4,279
Likes (Received): 73

eu já vi os mapas, e posso estar a dizer um grande disparate, mas não vi nenhuma aldeia atravessada. Há casas ou pequenos aglomerados que estão no caminho, mas custa-me a crer que este traçado seja mais complicado que a Lx-porto, que até agora não teve contestação por aí além...

construir uma linha de comboio não é como construir uma auto-estrada, e já na altura a AE do sul levantou questões ambientais. As autarquis que tratem já de definir compensações...
__________________
Capa negra de saudade/No momento da partida
Segredos desta cidade/Levo comigo p'ra vida
djou23 no está en línea   Reply With Quote
Old August 3rd, 2009, 08:01 PM   #17
Barragon
Barra for Friends
 
Barragon's Avatar
 
Join Date: Dec 2004
Location: Barreiro
Posts: 142,655
Likes (Received): 15994

Eu já vi o traçado e não o vi a passar do lado esquerdo do IC33 e a cortar o BADOCA
__________________
::: Portuguese Forum :::

Tocha :: Mira :: Vagos :: Ílhavo :: Praia da Barra :: Curia :: Anadia :: Oliveira do Bairro :: Águeda

Fat people are harder to kidnap
Barragon no está en línea   Reply With Quote
Old August 3rd, 2009, 08:03 PM   #18
RoadsterRunner
Profissional da desordem
 
RoadsterRunner's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Lisboa
Posts: 5,003
Likes (Received): 339

Quote:
Originally Posted by Barragon View Post
Eu já vi o traçado e não o vi a passar do lado esquerdo do IC33 e a cortar o BADOCA
Olá.

Onde posso consultar o traçado ou os traçados previstos ?

Cumprimentos,

RoadsterRunner
RoadsterRunner no está en línea   Reply With Quote
Old August 3rd, 2009, 08:08 PM   #19
Barragon
Barra for Friends
 
Barragon's Avatar
 
Join Date: Dec 2004
Location: Barreiro
Posts: 142,655
Likes (Received): 15994

Havia por aí uns links que já não funcionam
__________________
::: Portuguese Forum :::

Tocha :: Mira :: Vagos :: Ílhavo :: Praia da Barra :: Curia :: Anadia :: Oliveira do Bairro :: Águeda

Fat people are harder to kidnap
Barragon no está en línea   Reply With Quote
Old August 4th, 2009, 01:30 PM   #20
mourarq
Litoral Alentejano
 
mourarq's Avatar
 
Join Date: Mar 2008
Location: Alcácer do Sal
Posts: 2,768
Likes (Received): 427

Traçado



















__________________
"Canta alentejano, canta, o teu canto é oração, tens a alma na garganta, e o Alentejo no Coração"


mourarq no está en línea   Reply With Quote
Sponsored Links
Advertisement
 


Reply

Tags
comboio, espanha, grândola, santiago do cacém, sines, spain in the world

Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off



All times are GMT +2. The time now is 04:26 AM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.11 Beta 4
Copyright ©2000 - 2019, vBulletin Solutions Inc.
vBulletin Security provided by vBSecurity v2.2.2 (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2019 DragonByte Technologies Ltd.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2019 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us