STCP [2013] - Page 7 - SkyscraperCity
 

forums map | news magazine | posting guidelines

Go Back   SkyscraperCity > European Forums > Fórum Português > Transportes e Infra-Estruturas > Rodovias


Global Announcement

As a general reminder, please respect others and respect copyrights. Go here to familiarize yourself with our posting policy.


Closed Thread

 
Thread Tools
Old January 29th, 2013, 11:11 PM   #121
spedred
Registered User
 
spedred's Avatar
 
Join Date: Sep 2010
Posts: 292
Likes (Received): 14

Quem tem T1, T2 e T3, no mês de Fevereiro, pode usar essas senhas novamente na Gondomarense (55,70, etc), na Pacense...

http://www.stcp.pt/pt/noticias/tarif...neiro-de-2013/

Informamos que o Tarifário monomodal da STCP (ASSINATURAS REDE GERAL OU TÍTULOS MONOMODAIS COM CARREGAMENTOS RESIDUAIS DESCONTINUADOS A 31 DE DEZEMBRO) será aceite até dia 31 de janeiro de 2013 em toda a Rede STCP e nas seguintes linhas de Operadores Privados:

• Linha 64 / Pacense
• Linha 61 / VALPI (ao serviço da STCP)
• Linha 94 / VALPI (ao serviço da STCP)
• Linha 10 / EMPRESA DE TRANSPORTES GONDOMARENSE
• Linha 55 / EMPRESA DE TRANSPORTES GONDOMARENSE
• Linha 68 / EMPRESA DE TRANSPORTES GONDOMARENSE
• Linha 69 / EMPRESA DE TRANSPORTES GONDOMARENSE
• Linha 70 / EMPRESA DE TRANSPORTES GONDOMARENSE
__________________
Spedred
spedred no está en línea  
Sponsored Links
Advertisement
 
Old January 29th, 2013, 11:20 PM   #122
Hugoferreiraleite
Registered User
 
Hugoferreiraleite's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Baguim do Monte - Red River City
Posts: 8,296
Likes (Received): 394

Quote:
Originally Posted by jfds View Post
Segundo informações pelo Facebook oficial da STCP, os passes monomodais irão manter-se válidos até ao fim de 2013...
E ainda há o Andante, que certamente a linha V94 irá continuar a aceitar
Nas linhas Gondomarense e na V94?


Quote:
Isso é inversão do ónus da prova! Quem está a fazer a acusação que os contratos são ruinosos és tu! Tu é que tens que provar isso! Já eu nunca disse que eram bons ou não, simplesmente porque não tenho dados para fazer essa avaliação!
Se os contratos fossem bons, quando o governo pressionou a STCP para contenção de custos, a STCP concessionava mais uma ou outra linha. Mas ao invés acabou com todas elas.
Obviamente porque era um excelente negócio!


Quote:
Off-topic: parece que finalmente percebeste o conceito de economias de escala
On-topic: Claro que faz sentido concessionar a empresa toda de uma só. Mas dado o atual governo, e as suas já típicas trapalhices, não me admirava nada ver um retalhamento da empresa...
Só que este caso específico é deveras absurdo... Se queriam acabar a concessão, havia duas hipóteses: Passar a linha totalmente para a STCP ou fazer como no caso da ETG... Escolheram a terceira hipótese sem grandes benefícios relevantes
Não são casos comparáveis.
As linhas 68, 69 e 70 pertencem à ETG, e como tal passou a ser ela a assumir a exploração por sua conta e risco.
O 55 pertencia à STCP, mas convenhamos que com a linha F passou a linha redundante, deficitária, e provavelmente para encerrar a prazo. Ou seja, não havia interessa da STCP em ficar com ela.
O 10 não tenho a certeza mas acho que era STCP.

Como o 94 era da STCP, explorado pela Valpi, o mesmo foi retomado pela STCP, que aliás já estava a ser preparado à anos, e só ainda não aconteceu por pura incompetência da STCP (ou negócios obscuros (se é que me entendes)).
Relembro que aquando da preparação da entrada da nova rede, andaram autocarros da STCP com motoristas STCP a fazer formação para a nova linha 700. Que depois ficou em águas de bacalhau, atrasouuuuuu... Upa upa! E quando entrou a nova rede deixou Gondomar de lado. E somente aquando da mudança de administração da STCP (espero sinceramente que não tenha estado relacionado).

Agora depois do governo ter pressionado para reduzir custos, a STCP ficou encostada à parede. A Gondomarense foi fácil. Ficou com o que era dela, e ainda herdou duas maças podres. Uma já foi (10) a outra logo se vê...
Com a Valpi era mais complicado porque implicava acabar com contratos e mandar a empresa plantar cocos, porque ambas as linhas são STCP e são importantes. Obviamente depois de meses, vai e vem! Chegou a este triste final.
A STCP fica com metade dos 94 e espera assim reduzir para metade a fatura que paga à Valpi (pelo 94). A ver vamos! Uma coisa é certa, quando acabar o título ABC para as linhas ETG e V94, estas linhas implodirão (pelo menos o v94 e 55)...

Agora é esperar a ver o que dá! Eu sinceramente continuo sem perceber porque uma empresa que prejudica gravemente a STCP ao ficar com zonas ultra-importantes para esta (como Vila d'Este) merece tratamento VIP... Mas também visto que estamos em Portugal e como por cá o que interessa é manter as rendas alheias aos dos costume, já nada me admira...
__________________
Baguinense de gema...
Hugoferreiraleite no está en línea  
Old January 29th, 2013, 11:35 PM   #123
Hugoferreiraleite
Registered User
 
Hugoferreiraleite's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Baguim do Monte - Red River City
Posts: 8,296
Likes (Received): 394

Quote:
Originally Posted by pai nosso View Post
Quando a cunha é muito grande acontecem momento hilariantes...
Portugal no seu melhor...


Quote:
Agora a sério:

- gosto quando a STCP diz que vai haver duas linhas porque ambas as operadoras têm a mesma concessão de parte do percurso. Que eu saiba, o STCP já tinha a concessão do 94 atá Campo antes de 1995;
Mas é verdade, ambas as empresas têm concessão do troço, a Valpi para destino acima de Campo e a STCP só até Campo.
Ridícula é a solução que arranjaram!?


Quote:
- isto é uma maneira simpática de dizer que no futuro (6 meses/1 ano) o 700 vai passar a ter término no Seixo ou em Valongo;
Já estava prevista, 700 Bolhão-Valongo, tal como o 7M. E pessoalmente não acho mal! Basta apanhar uma ou duas vezes o 94 que te apercebes que o tráfego acima de Valongo, não é muito e vai para Valongo (sede do concelho). Quem quer ir para o Porto ou apanha o comboio ou os autocarros da Valpi semi-expressos: lá de cima - Campo - Valongo - A4 - HSJ - Baixa.


Quote:
- como é que eu adivinhei que os horários no novo 700 iam ser aproximadamente de 30 em 30 minutos. Maneira simpática de dizer aos utentes que a médio prazo o 700 vai passar a ter frequências reduzidas (talvez de 20 em 20 minutos);
A exploração ficou dividida em dois. No futuro vamos lá ver se a lapa desaparece... Mas com o somatório dos horários nem se perde muito.


Quote:
- o 61 ser a última carreira em que a STCP ainda não mexeu. Tenho a impressão que vai desaparecer e passar para o 107 da Resende.
Curioso o silêncio...
__________________
Baguinense de gema...
Hugoferreiraleite no está en línea  
Sponsored Links
Advertisement
 
Old January 30th, 2013, 12:16 AM   #124
51-51-HT
BANNED
 
Join Date: Jan 2010
Location: GRANDE PORTO - Rio Tinto
Posts: 2,151
Likes (Received): 52

As linhas que a Resende ia ficar à Stcp ,505,507 e parte da 508 vai ficar em águas de bacalhau ou seja mantem-se na Stcp.

A Stcp vai retomar a operação em Lavra com as Sprinters duas carreiras uma Lavra- Aeroporto -Maia e outra Lavra - Casa da Musica via Marshopping.

Uma das linhas que vai até à codiceira vai se ficar pela zona industrial de ALfena.

Esta a ser estudada a possibilidade da linha 806 ter como termino a rotunda onde a linha F termina e na zona do Marques a mesma acabar não no Marquês mas ao fundo da Rua de Camões antes de passar o viaduto Gonçalo Cristovão.



off topic:

um Mercedes O405 já desapareceu da Via norte.
E a anedota da linha 64 que já nem pertence à Stcp que liga Ribeiro na Codiceira a Valongo é operada por autocarros da Pacense mas com paragens da Stcp e tambem horários.
51-51-HT no está en línea  
Old January 30th, 2013, 12:41 AM   #125
meneses
Registered User
 
Join Date: Feb 2008
Posts: 146
Likes (Received): 1

Linha 64 deixa de aceitar Tarifario STCP apartir de 1 Fev

O o405 que desapareceu vai para a C M valongo
meneses no está en línea  
Old January 30th, 2013, 12:43 AM   #126
Diogo Nuno
Registered User
 
Diogo Nuno's Avatar
 
Join Date: Dec 2012
Location: Rio Tinto :)
Posts: 615
Likes (Received): 111

A STCP precisa de renovações URGENTES na rede:
Porto:
208 acaba. A 501 aumenta as frequências e muda de percurso.
ZR acaba.
205 passa a ir à Alfândega.
400 passa a ir a Padre Dehon ou Gondomar (escolas)
504 passa a começar na Senhora da Hora.
505 passa a começar na Areosa.
507 acaba.
500 passa a ir a Leça.
600 passa a ir ao ISMAI.
700/V94: A 700 passa a ter término em Valongo, com a V94 a estender-se a Grandra, com começo em Ermesinde (negociar com a VALPI).
703 acaba.
701 assume o seguinte percurso: Cordoaria-Bolhão (percurso por Sá da Bandeira) - Ermesinde - Sonhos - Codiceira. A nova linha exigia passagem duas vezes numa rotunda.
305/904: Assume falha deixada pela 703.
702: Passa a ir a Ribeiro (Alfena) pelo percurso que assume.
704: Deixa de servir a Rua 9 de Abril, e passa a fazer o mesmo percurso ida e volta. Recebe veículos de maior capacidade.
705: Passa a ter término na Areosa.
801: Passa a ir a Ervedosa.
804: Passa a ir a Belói.
805: Assume na totalidade o percurso da 53.
900 acaba.

Novas linhas:
ZP (Zona Perlinhas): Avenida Vereador Sousa Dias-Esc.Sec.Rio Tinto-Eb. 2/3 de Rio Tinto-Rio Tinto (estação)-Perlinhas-Baguim (Metro)-Estrela-Carreira-Avenida Vereador Sousa Dias.
ZA (Zona Angeiras): Lavra-Angeiras-Freixieiro-Aeroporto.

Recupera as seguintes linhas: 55, 68 e 70 da ETG.
Livra-se da 61 para a Resende.
Diogo Nuno no está en línea  
Old January 30th, 2013, 12:43 AM   #127
Hugoferreiraleite
Registered User
 
Hugoferreiraleite's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Baguim do Monte - Red River City
Posts: 8,296
Likes (Received): 394

Quote:
Originally Posted by 51-51-HT View Post
As linhas que a Resende ia ficar à Stcp ,505,507 e parte da 508 vai ficar em águas de bacalhau ou seja mantem-se na Stcp.
Eu continuo a achar que o 505 tem potencial, mas com tanta curvinha acaba por demorar imenso! :/
O 507 é um disparate. Mais valia expandir uma linha das que terminam no mercado.


Quote:
A Stcp vai retomar a operação em Lavra com as Sprinters duas carreiras uma Lavra- Aeroporto -Maia e outra Lavra - Casa da Musica via Marshopping.
mmmm... A STCP a evoluir! Muito bem...
Uma pergunta, Aeroporto-Maia já não é servido pela Maia Transportes?


Quote:
Esta a ser estudada a possibilidade da linha 806 ter como termino a rotunda onde a linha F termina e na zona do Marques a mesma acabar não no Marquês mas ao fundo da Rua de Camões antes de passar o viaduto Gonçalo Cristovão.
É uma boa ideia, o problema é a forma como estão as rotundas construídas.
Se fica na rotunda com a avenida da conduta não faz interface com nada. Se entra na Av. Aníbal Cavaco Silva tem de ir dar a volta quase à Venda Nova.


Quote:
E a anedota da linha 64 que já nem pertence à Stcp que liga Ribeiro na Codiceira a Valongo é operada por autocarros da Pacense mas com paragens da Stcp e tambem horários.
A STCP que vá lá e retire o que é ela. A Pacense se quiser que coloque lá as suas paragens...
__________________
Baguinense de gema...
Hugoferreiraleite no está en línea  
Old January 30th, 2013, 02:16 AM   #128
51-51-HT
BANNED
 
Join Date: Jan 2010
Location: GRANDE PORTO - Rio Tinto
Posts: 2,151
Likes (Received): 52



Uploaded with ImageShack.us
51-51-HT no está en línea  
Old January 30th, 2013, 06:44 AM   #129
Lino
'tou na lua...
 
Lino's Avatar
 
Join Date: Oct 2007
Location: Coimbra
Posts: 39,382
Likes (Received): 4999

Av. Aníbal Cavaco Silva?? Os meus pêsames para os moradores
__________________
Força Portugal!!
Lino no está en línea  
Old January 30th, 2013, 10:28 AM   #130
jfds
Registered User
 
Join Date: Jun 2010
Location: Porto
Posts: 377
Likes (Received): 33

Quote:
Originally Posted by Hugoferreiraleite View Post
Nas linhas Gondomarense e na V94?
Nas da ETG até ao fim de Fevereiro... Na linha V94 até ao fim do ano...

Quote:
Originally Posted by Hugoferreiraleite View Post
Se os contratos fossem bons, quando o governo pressionou a STCP para contenção de custos, a STCP concessionava mais uma ou outra linha. Mas ao invés acabou com todas elas.
Obviamente porque era um excelente negócio!
Blá blá blá... Provas nem vê-las!
(PS: o governo mandou acabar com muita coisa, muitas delas boas, outras más certamente, pelo que isso não é argumento)

Quote:
Originally Posted by Hugoferreiraleite View Post
Não são casos comparáveis.
Claro que são... É tudo concessões de linhas a privados! E segundo o que tu dizes, são todos contratos ruinosos...

Um exemplo, para conseguires provar isso tens que demonstrar que o preço pago pela STCP por passageiro.km nessas linhas concessionadas é desproporcional face ao custo por passageiro.km das próprias linhas STCP... E já que estás com a mão na massa, podias tentar descobrir se e quanto é que o Estado paga à ETG para manter as linhas 10, 68, 69 e 70 em funcionamento
jfds no está en línea  
Old January 30th, 2013, 03:40 PM   #131
Lino
'tou na lua...
 
Lino's Avatar
 
Join Date: Oct 2007
Location: Coimbra
Posts: 39,382
Likes (Received): 4999

Os autocarros gratuitos do Mar Shopping para o Porto e etc. são directamente geridos pelo shopping ou por alguma outra empresa?
__________________
Força Portugal!!
Lino no está en línea  
Old January 30th, 2013, 05:04 PM   #132
toniho
Registered User
 
toniho's Avatar
 
Join Date: Sep 2010
Posts: 13,378
Likes (Received): 3746

São subcontratados à Resende.
toniho no está en línea  
Old January 30th, 2013, 06:35 PM   #133
Hugoferreiraleite
Registered User
 
Hugoferreiraleite's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Baguim do Monte - Red River City
Posts: 8,296
Likes (Received): 394

Quote:
Originally Posted by Lino View Post
Av. Aníbal Cavaco Silva?? Os meus pêsames para os moradores
Yaaaa... Chama-se mesmo assim! lol


Quote:
Originally Posted by jfds View Post
Nas da ETG até ao fim de Fevereiro... Na linha V94 até ao fim do ano...
Ou seja, em 2014 passamos a ter autocarros de 20 em 20min! A STCP está a bombar...


Quote:
Blá blá blá... Provas nem vê-las!
(PS: o governo mandou acabar com muita coisa, muitas delas boas, outras más certamente, pelo que isso não é argumento)
Pronto passamos então para a fase II...
Quantas linhas pertencentes à empresa A são explorados pela empresa B, sendo as contas pagas pela A?
Tipo há coisa que são óbvias...


Quote:
Claro que são... É tudo concessões de linhas a privados! E segundo o que tu dizes, são todos contratos ruinosos...
Again?????
Uma coisa são linhas STCP, outra são linhas que não pertencem à STCP.

Nas linhas que não pertencem os contratos são duplamente ruinosos, porque a STCP assume um custo do serviço público que não é dela, ao mesmo tempo que, garante o lucro ao privado.
Nas linhas que pertencem à STCP o contrato é ruinoso, porque como é óbvio os privados não andam a vento. E como é evidente fica mais barato fazer que pagar para fazer...

Se quiseres experimentar, vai falar com um taxista e pede-lhe para andar contigo um mês inteiro para a frente e para trás, e vê quanto ele te pede...


Quote:
Um exemplo, para conseguires provar isso tens que demonstrar que o preço pago pela STCP por passageiro.km nessas linhas concessionadas é desproporcional face ao custo por passageiro.km das próprias linhas STCP... E já que estás com a mão na massa, podias tentar descobrir se e quanto é que o Estado paga à ETG para manter as linhas 10, 68, 69 e 70 em funcionamento
Isso é um engodo...
Como é óbvio os custos da STCP pass.Km, serão maiores dependendo da variante dos custos fixos, como o passivo, a estrutura interna (gabinetes internos,etc).
Ou seja, os custos STCP terão sempre um variante fixa que terá de ser sempre paga pela STCP, mesmo que todas as linhas sejam concessionadas.

Também já te expliquei que se isso fosse verdade, a STCP pressionada para reduzir custo, concessionava mais linhas, não acabava com elas todas.

Mas já agora, se tiveres informação sobre esses contratos ultra-secretos, podes divulgar, e dizeres quanto paga a STCP à Valpi pelo serviço deplorável que esta presta.
__________________
Baguinense de gema...
Hugoferreiraleite no está en línea  
Old January 30th, 2013, 07:38 PM   #134
jfds
Registered User
 
Join Date: Jun 2010
Location: Porto
Posts: 377
Likes (Received): 33

Quote:
Originally Posted by Hugoferreiraleite View Post
Pronto passamos então para a fase II...
Quantas linhas pertencentes à empresa A são explorados pela empresa B, sendo as contas pagas pela A?
Tipo há coisa que são óbvias...

Again?????
Uma coisa são linhas STCP, outra são linhas que não pertencem à STCP.

Nas linhas que não pertencem os contratos são duplamente ruinosos, porque a STCP assume um custo do serviço público que não é dela, ao mesmo tempo que, garante o lucro ao privado.
Nas linhas que pertencem à STCP o contrato é ruinoso, porque como é óbvio os privados não andam a vento. E como é evidente fica mais barato fazer que pagar para fazer...
Mas as linhas eram todas da STCP! Todas! Ou não reparaste no autocolante a dizer "Ao serviço da STCP"?? O serviço é (era) STCP, as paragens são (eram) STCP, etc etc... não é por dizeres que não que elas passam magicamente a serem de outra empresa!

Quote:
Originally Posted by Hugoferreiraleite View Post
Isso é um engodo...
Como é óbvio os custos da STCP pass.Km, serão maiores dependendo da variante dos custos fixos, como o passivo, a estrutura interna (gabinetes internos,etc).
Ou seja, os custos STCP terão sempre um variante fixa que terá de ser sempre paga pela STCP, mesmo que todas as linhas sejam concessionadas.
É fácil excluir os custos fixos, porque eles vêm discretizados separadamente, pelo que esse problema não se põe...

Quote:
Originally Posted by Hugoferreiraleite View Post
Também já te expliquei que se isso fosse verdade, a STCP pressionada para reduzir custo, concessionava mais linhas, não acabava com elas todas.
1º eu nunca disse que a concessão das linhas da STCP a privados eram mais baratas que a operação pela própria STCP, nem disse também que eram mais caras (aliás quem afirma esta última és tu...)

2º Se a STCP deixa de operar uma linha (quer seja concessionada ou não) é óbvio que os custos irão reduzir (e as receitas também)... No limite, se acabares com todas as linhas da STCP (e todos os recursos de suporte), os custos operacionais serão zero (existe ainda o problema da dívida, mas isso não é para aqui chamado - estamos a falar de custos operacionais)

Quote:
Originally Posted by Hugoferreiraleite View Post
Mas já agora, se tiveres informação sobre esses contratos ultra-secretos, podes divulgar, e dizeres quanto paga a STCP à Valpi pelo serviço deplorável que esta presta.
Como já te disse não tenho essas informações, pelo que eu não posso dizer se os contratos são ruinosos ou não. Como afirmas que são, estava na esperança que me mostrasses isso com dados concretos, e não com base em "achismos" e teorias da conspiração
jfds no está en línea  
Old January 30th, 2013, 08:11 PM   #135
Hugoferreiraleite
Registered User
 
Hugoferreiraleite's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Baguim do Monte - Red River City
Posts: 8,296
Likes (Received): 394

Quote:
Originally Posted by jfds View Post
Mas as linhas eram todas da STCP! Todas! Ou não reparaste no autocolante a dizer "Ao serviço da STCP"?? O serviço é (era) STCP, as paragens são (eram) STCP, etc etc... não é por dizeres que não que elas passam magicamente a serem de outra empresa!
Pronto, se não sabias, ficas a saber que;
Nos anos 80 a STCP foi pressionada pela CMG a explorar algumas linhas das antigas Garagens J, que nem sei como se chamava a empresa. Isto porque a empresa estava praticamente na falência.
Então a STCP madrinha do lado do pai, e como sempre, pouco criteriosa com os dinheiros públicos assumiu a exploração de algumas dessas linhas. Mais propriamente as que eram confluentes com a sua rede. Mas nunca teve a concessão.
Assim sendo, a linha era das antigas garagens J, explorada com autocarros das mesmas, mas quem recebia o dinheiro era a STCP, ou seja, só aceitavam títulos STCP. Em compensação o privado recebia uma avença, isto é, tinha sempre lucro com as linhas...

Mais tarde, devido a restrições no número de veículos disponíveis pela STCP, o 55 também foi concessionado, nos mesmos moldes. Com a excepção da linha ser STCP.

Ainda mais tarde um pedaço, e fruto da construção da VCI com aquela ponte aonde não passavam os troleis de 2 pisos, e devido às obras na estrada que liga São Caetano a Gondomar, a STCP viu-se forçada a suspender o uso dos tróleis. Como a mesma não tinha veículos em quantidade suficiente. Concessionou o 94, que na altura também era alvo de protestos por parte dos utentes devido à baixa frequência do mesmo. E como esses bus, mais alguns conseguiu explorar o 11 e 12 com autocarros.

Depois, provavelmente com um caso obscuro acabou por passar também o 61. Uma vez, que depois o problema não era o número de veículos. Uma vez que era excedentário.

Entretanto a Pacense ficou com o 64 uma vez que era uma linha muito contra-mão, e como prémio ainda ficou com o 2. Num negócio também um tanto-ó-quanto esquisito...

Ou seja, existia na rede STCP linhas que pertenciam à STCP mas eram exploradas por privados. E haviam linhas dos privados que eram exploradas pela STCP, mas com autocarros desses privados.


Quote:
1º eu nunca disse que a concessão das linhas da STCP a privados eram mais baratas que a operação pela própria STCP, nem disse também que eram mais caras (aliás quem afirma esta última és tu...)

2º Se a STCP deixa de operar uma linha (quer seja concessionada ou não) é óbvio que os custos irão reduzir (e as receitas também)... No limite, se acabares com todas as linhas da STCP (e todos os recursos de suporte), os custos operacionais serão zero (existe ainda o problema da dívida, mas isso não é para aqui chamado - estamos a falar de custos operacionais)
1- Sim e reafirmo... É a lógica da batata...

2- As receitas? Pq? A linha continua a aceitar títulos STCP... A receita mantêm. Os custos é que sobem!
Agora não sei como é feita a adesão, mas provavelmente devem haver jóias para quem quer entrar. Ou seja, a STCP pode receber uma jóia de quem quer entrar para o grupo. Em contrapartida, fica com um custo acrescido a pagar todos os meses.
E até pode ter sido esse o motivo para a concessão do antigo 2 e do 55...
__________________
Baguinense de gema...
Hugoferreiraleite no está en línea  
Old January 30th, 2013, 08:18 PM   #136
Hugoferreiraleite
Registered User
 
Hugoferreiraleite's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Baguim do Monte - Red River City
Posts: 8,296
Likes (Received): 394


Entretanto as garagens J foram vendidas ao Brasileiro, que comprou muitas outras empresas e criou-se a ETG, rodonorte, etc.
Surpreendentemente a ETG depois de formada tornou-se no referencial de qualidade nos autocarros. Curiosamente a Valpi depois de ficar com o 94 e 61, cresceu a olhos vistos e tornou-se outro referencial (não tanto pela qualidade), (e até começou a comprar um série de empresas na AMP). Até a Pacense/Landim que ficou somente com duas linhas e durante um curto período de tempo renovou a frota quase toda...

Obviamente porque é um negócio ruinoso! E porque andam a fazer caridade ao estado... :/
__________________
Baguinense de gema...
Hugoferreiraleite no está en línea  
Old January 30th, 2013, 09:01 PM   #137
Viriatuus
Registered User
 
Join Date: Dec 2007
Location: Porto
Posts: 19,556
Likes (Received): 1084

ETG ou Gondomarense é bem mais antiga que os anos 80 do século passado.
Viriatuus no está en línea  
Old January 30th, 2013, 10:25 PM   #138
Hugoferreiraleite
Registered User
 
Hugoferreiraleite's Avatar
 
Join Date: Oct 2008
Location: Baguim do Monte - Red River City
Posts: 8,296
Likes (Received): 394

Quote:
Originally Posted by Viriatuus View Post
ETG ou Gondomarense é bem mais antiga que os anos 80 do século passado.
Sim, mas o grupo não sei se é...
Por acaso não me lembro da empresa que explorava as garagens J...
__________________
Baguinense de gema...
Hugoferreiraleite no está en línea  
Old January 30th, 2013, 10:45 PM   #139
Rodalvesdepaula
Scooter/motorbike lover
 
Rodalvesdepaula's Avatar
 
Join Date: Apr 2008
Location: São Roque (SP)
Posts: 59,737
Likes (Received): 56639

Sobre a nova carreira 700 da STCP, que coincide com a V94 da Valpi: não seria viável a STCP fazer a carreira até Campo pelo itinerário atual e a V94 fazer o trajeto entre Valongo e Porto pela A4, como uma carreira expressa?
Rodalvesdepaula no está en línea  
Old January 30th, 2013, 11:25 PM   #140
mibuxa
Registered User
 
Join Date: Oct 2011
Posts: 22
Likes (Received): 1

Quote:
Originally Posted by Hugoferreiraleite View Post
Sim, mas o grupo não sei se é...
Por acaso não me lembro da empresa que explorava as garagens J...


era o
Américo António Martins Soares & Cª, Lda.
e finalizou nos anos 90
e era em seixo
mibuxa no está en línea  
Sponsored Links
Advertisement
 


Closed Thread

Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off



All times are GMT +2. The time now is 06:08 AM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.11 Beta 4
Copyright ©2000 - 2019, vBulletin Solutions Inc.
vBulletin Security provided by vBSecurity v2.2.2 (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2019 DragonByte Technologies Ltd.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2019 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us