STCP - Page 41 - SkyscraperCity
 

forums map | news magazine | posting guidelines

Go Back   SkyscraperCity > European Forums > Fórum Português > Transportes e Infra-Estruturas > Rodovias


Global Announcement

As a general reminder, please respect others and respect copyrights. Go here to familiarize yourself with our posting policy.


Reply

 
Thread Tools
Old August 6th, 2019, 11:16 PM   #801
pedrodepinto
Feliz 2019 ;)!
 
pedrodepinto's Avatar
 
Join Date: Nov 2006
Posts: 30,629
Likes (Received): 706

Quote:
Originally Posted by pedrodepinto View Post
Série 1100 (articulados movidos a gás natural)

30 unidades MAN Lion’s City G CNG (carroçaria XXX), numeradas de 1101 a 1130, datadas de 2007

Série 1790

5 unidades MAN NL263 (carroçaria XXX), numeradas de 1790 a 1794, datadas de 1998

Série 2950 (dois pisos)

15 unidades MAN Lion’s City DD (carroçaria XXX), numeradas de 2951 a 2965, datadas de 2011
Ninguém consegue mesmo completar as informações em falta ?
__________________
GRANDES REPORTAGENS:
* Roteiros por Portugal: Dão-Lafões (2007) | Madeira (2009)
* Metropolitano de Lisboa: Alvalade (2007) | Baixa-Chiado - Santa Apolónia (2007) | Alameda - São Sebastião (2009) | Oriente - Aeroporto (2012) | Areeiro (2013) | Amadora Este - Reboleira (2016)
pedrodepinto no está en línea   Reply With Quote
Sponsored Links
Advertisement
 
Old August 28th, 2019, 07:04 PM   #802
pai nosso
Registered User
 
pai nosso's Avatar
 
Join Date: Sep 2009
Location: Portugal
Posts: 13,872
Likes (Received): 5660

Assinado memorando sobre intermunicipalização da STCP





Foi assinado, na manhã desta quarta-feira, o Memorando de Entendimento sobre a Intermunicipalização da STCP. A cerimónia decorreu no Museu do Carro Elétrico do Porto e contou com a presença do primeiro-ministro.


À porta do Museu do Carro Elétrico permaneceram, desde as 11 horas, os trabalhadores, dirigentes e delegados sindicais, bem como a Comissão dos Trabalhadores da STCP. Em forma de protesto, apesar de terem sido convidados a estar presentes na cerimónia, os trabalhadores preferiram não entrar.


Para o líder da Área Metropolitana do Porto (AMP), Eduardo Vítor Rodrigues, a Intermunicipalização da STCP traduz-se em "novos desafios e responsabilidades" e irá permitir "o reforço do papel da AMP na região".


Rui Moreira, presidente da Câmara do Porto, município com maior investimento (58,3%), sublinhou que a partir de agora, "os municípios terão que ser mais magros noutros investimentos". Contudo, a mobilidade é, para o autarca, "um investimento muito grande".


Segundo o Memorando de Entendimento, a Intermunicipalização da STCP poderá avançar já no dia 1 de janeiro do próximo ano.
Fonte: https://www.jn.pt/local/noticias/por...-11245994.html
pai nosso no está en línea   Reply With Quote
Old August 28th, 2019, 09:25 PM   #803
Diogo Nuno
Registered User
 
Diogo Nuno's Avatar
 
Join Date: Dec 2012
Location: Rio Tinto :)
Posts: 615
Likes (Received): 111


Tenho um mau pressentimento sobre isto...
Diogo Nuno no está en línea   Reply With Quote
Sponsored Links
Advertisement
 
Old August 28th, 2019, 10:43 PM   #804
pai nosso
Registered User
 
pai nosso's Avatar
 
Join Date: Sep 2009
Location: Portugal
Posts: 13,872
Likes (Received): 5660

Quote:
Originally Posted by Diogo Nuno View Post

Tenho um mau pressentimento sobre isto...
Por acaso, também....
pai nosso no está en línea   Reply With Quote
Old September 2nd, 2019, 01:45 PM   #805
radiodependente
Registered User
 
Join Date: Jan 2015
Location: Aveiro
Posts: 233
Likes (Received): 92

Excelente medida. Os transportes devem ser geridos directamente pelos municípios e não pelo Estado central.
radiodependente no está en línea   Reply With Quote
Old September 2nd, 2019, 10:42 PM   #806
pai nosso
Registered User
 
pai nosso's Avatar
 
Join Date: Sep 2009
Location: Portugal
Posts: 13,872
Likes (Received): 5660

Financiamento da STCP depois de 2023 tem de ser garantido pelos municípios


O ministro do Ambiente disse hoje que o financiamento da STCP após 2023, quando termina a atual concessão, terá de ser garantido pelos municípios, mas assegura, que o valor previsto no memorando para a intermunicipalização é, por defeito, "excessivo".





"Quem tem de dar essa garantia são os donos das empresas, o que acontece em qualquer outra empresa municipal. O Governo assegura aquilo que vinha de trás como compromisso, que, repito, significa a renovação de dois terços da frota. Agora, cada território tem de fazer os investimentos próprios nos seus sistemas de mobilidade", afirmou João Pedro Matos Fernandes, em declarações aos jornalistas.


O ministro, que falava no final da reunião pedida pelos representantes dos trabalhadores da Sociedade de Transportes Colectivos do Porto (STCP), sublinha que "é isso que acontece, a partir deste momento, em todas as empresas rodoviárias sejam elas privadas ou sejam elas municipais", isto porque, explicou, "com a transmissão da propriedade da Carris para a Câmara de Lisboa e da STCP para as [seis] autarquias onde ela presta serviço, são elas as donas dessas mesmas empresas".


Matos Fernandes sublinhou, contudo, que o valor que consta do memorando de entendimento para a intermunicipalização, no que toca a investimentos, é já por si "excessivo".


"O valor que lá está é o valor das obrigações de serviço público e das necessidades de investimento e, para as necessidades de investimento, continuará a haver fundos comunitários. (...) O valor que ali está será aligeirado com o acesso normal da STCP a fundos comunitários para a renovação da frota, como tem hoje qualquer empresa municipal neste país", explicou, defendendo que os seis autarquias estão "muitas empenhadas" na melhoria do padrão de mobilidade dos seus territórios.


O ministro lembrou que chegou a haver um concurso montado pelo anterior Governo que "não só era uma privatização, como os autocarros podiam ser comprados em segunda mão e eram obrigatoriamente a diesel, com todo o prejuízo ambiental que daí resultaria".


Hoje, continuou, o país está "numa situação completamente diferente", como demonstra a aquisição de 280 autocarros de alta performance ambiental na STCP, 710 em todo o país.


Matos Fernandes garantiu ainda que não haverá privatização da STCP, como é preocupação dos trabalhadores, apesar o memorando de entendimento assinado pelos seis municípios nada dizer sobre o tema.


"Não tem de estar no memorando de entendimento, decorre da lei. É mesmo lei porque houve um decreto-lei que foi corrigido e, portanto, está absolutamente assegurado", assegurou.


Quanto aos direitos laborais dos trabalhadores, o ministro do Ambiente e da Transição Energética explicou que o acordo de empresa se mantém, assim como a contratação coletiva, e há até, tal como feito na Carris, "um reforço de garantias no que diz respeito aos complementos de reforma".


Explicações que Pedro Silva, da Comissão de Trabalhadores da STCP, garantiu, em declarações aos jornalistas, que não dissiparam todas as preocupações levantadas na reunião hoje, tais como a questão da exclusividade de operação da empresa.


"O Sr. Ministro entende que não é da responsabilidade do Estado e que isso terá de ser discutido com o Conselho de Administração e com a própria AMP [Área Metropolitana do Porto]", afirmou.


Ainda assim, Pedro Silva, reconhece que os trabalhadores saem mais descansados desta reunião, face à garantida deixada pela tutela de que uma futura privatização da STCP está barrada por lei.


No dia 28 de agosto, o Governo e as autarquias do Porto, Vila Nova de Gaia, Maia, Matosinhos, Valongo e Gondomar assinaram um memorando de entendimento para a intermunicipalização da STCP que poderá avançar já em janeiro do 2020.


Com este memorando, a STCP passará a ser gerida pelos seis municípios servidos pela empresa, que até 2023 deverão vão gastar 58,3 milhões de euros.


O Porto será a cidade que mais dinheiro investe (31,3 milhões de euros), estando Valongo no fundo da tabela (3,1 milhões de euros).
Fonte: https://24.sapo.pt/atualidade/artigo...los-municipios
pai nosso no está en línea   Reply With Quote
Old September 11th, 2019, 07:36 PM   #807
pai nosso
Registered User
 
pai nosso's Avatar
 
Join Date: Sep 2009
Location: Portugal
Posts: 13,872
Likes (Received): 5660

Terminal da Cordoaria - Setembro de 2019



Fonte: pai nosso
pai nosso no está en línea   Reply With Quote
Old October 10th, 2019, 02:13 PM   #808
pai nosso
Registered User
 
pai nosso's Avatar
 
Join Date: Sep 2009
Location: Portugal
Posts: 13,872
Likes (Received): 5660

Mudanças e novas paragens em quatro linhas da STCP da madrugada





Quatro das 11 linhas de autocarros da madrugada da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) vão ser reorganizadas a partir das 00.30 horas de sexta-feira, com novas paragens e algumas mudanças.


As alterações da Rede de Madrugada, que opera diariamente entre as 00.30 horas e as 6 horas, vão afetar as linhas 3M (Aliados - Aeroporto), 4M (Aliados - Maia/Câmara), e as 12M (Aliados - Sto. Ovídio) e 13M (Aliados - Matosinhos/Mercado), sendo que estas últimas ganham uma nova paragem na Praça Filipa de Lencastre, no centro da "movida" noturna da Baixa do Porto.


Para além disso, o término da linha 13M é transferido para o lado poente dos Aliados, para junto da linha 12M, ao passo que as linhas 3M e 4M "passam a ter paragens independentes" e sofreram "ajustes" em algumas paragens "para uma melhor cobertura na chegada aos Aliados e com o objetivo de reduzir percursos de transbordo a pé", explica a STCP.


A intenção da separação das paragens destas duas linhas, de acordo com a empresa, é um "maior conforto dos clientes e mais rápido acesso na entrada dos autocarros".


Já a paragem da Praça Filipa de Lencastre nas linhas 12M e 13M é justificada como "um acesso de grande conveniência dada a proximidade de diversos locais de recreação e lazer".


Ambas as linhas continuam a fazer "as mesmas paragens e percurso entre a Baixa e a Praça da Galiza", diz a STCP.


A linha 3M faz a ligação entre o centro do Porto e o Aeroporto Francisco Sá Carneiro, passando pelos Aliados, Trindade, Gonçalo Cristóvão, Praça da República, Carolina Michaelis, Quinta Amarela, Carvalhido, Hospital da Prelada, Cintura Interna, Monte dos Burgos, Padrão da Légua, Recarei, Gondivai e Araújo, entre vários outros pontos.


A linha 4M passa pela Constituição, Centro de Saúde de Paranhos, Arca d'Água, Cintura Interna, Carlos Amarante, Telheira, Amial, Flores, São Mamede, Ponte da Pedra, Santana e Igreja da Maia.


Quanto à linha 12M, liga o Porto a Vila Nova de Gaia, passando pelo Carmo, Hospital de Santo António, Praça da Galiza, Junta de Massarelos, Jardins da Arrábida, Coimbrões, Soares dos Reis e Santo Ovídio.


A linha 13M faz o percurso entre a Trindade, o Carmo, Hospital de Santo António, Palácio, Praça da Galiza, Boavista/Bom Sucesso, Casa da Música, Casa de Saúde da Boavista, Sidónio Pais, Rotunda do Bessa, Francos, Casa de Ramalde, Campinas, Antunes Guimarães, Hospital Pedro Hispano, Quinta Seca, Parque de Real, Godinho e Lota.


A STCP esclarece que a Rede da Madrugada "é composta por 11 linhas que garantem as ligações entre a cidade do Porto e os concelhos de Gaia, Gondomar, Maia, Matosinhos e Valongo, entre a 00.30 horas e as 6 horas".


"A maioria das linhas tem o seu início ou término na Baixa do Porto, com horários articulados, multiplicando os destinos ao dispor dos clientes da STCP", destaca.


A Rede da Madrugada "está em funcionamento desde o ano de 2005, de forma ininterrupta, e já transportou mais de sete milhões de passageiros", numa "média de 560 mil pessoas por ano".


"Em 2018 o crescimento da procura nesta rede face a 2017 ultrapassou os 5%", registando um total de 627 mil passageiros, face aos 595 do ano anterior, acrescenta.
Fonte: https://www.jn.pt/local/noticias/por...-11391376.html
pai nosso no está en línea   Reply With Quote
Sponsored Links
Advertisement
 


Reply

Tags
autocarros, porto, stcp

Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off



All times are GMT +2. The time now is 05:05 AM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.11 Beta 4
Copyright ©2000 - 2019, vBulletin Solutions Inc.
vBulletin Security provided by vBSecurity v2.2.2 (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2019 DragonByte Technologies Ltd.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2019 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us