AE Mealhada - Viseu - IP3 - Page 7 - SkyscraperCity
 

forums map | news magazine | posting guidelines

Go Back   SkyscraperCity > European Forums > Fórum Português > Transportes e Infra-Estruturas > Rodovias


Global Announcement

As a general reminder, please respect others and respect copyrights. Go here to familiarize yourself with our posting policy.


Reply

 
Thread Tools
Old September 6th, 2010, 11:20 PM   #121
JoniP
Registered User
 
JoniP's Avatar
 
Join Date: Feb 2007
Location: Porto
Posts: 2,181
Likes (Received): 117

Quote:
Originally Posted by rpc08 View Post
Foi uma mistura das duas coisas. Primeiro foi o TC que chumbou o contrato de concessão, o que levou a que tudo recomeçasse do início (lá se foi a concessão...). Isso levou a um adiamento de uns bons meses, tanto que esta concessão até estava mais adiantada que a Pinhal Interior... Depois, no início do ano, o Governo teve que cortar por causa da crise, e como esta era a mais atrasada das já lançadas...foi-se...
Pois, e a publicidade enganosa de 3ªAE Lisboa-Porto também não ajudou.. Recordo-me de também se ter falado da AE Viseu-Coimbra avançar em separado..

Quote:
Originally Posted by rpc08 View Post
De qualquer forma também prefiro o traçado do IP3 mais próximo do actual. Não tanto pelas razões apresentadas, mas porque deixa de ser acessível para quem vem do IC6 ou do IC12 apanhar a auto-estrada para Coimbra, continuando a ser mais fácil apanhar o actual IP3 (que, respondendo ao Lino, irá ser intervencionada a fundo aquando da construção da AE, ou pelo menos era isso que estava previsto). Ou seja, passa a ser uma auto-estrada mesmo Coimbra-Viseu e pouco mais.
Quem vem do IC12 fará a ligação em Santa Comba Dão não vejo problema e quem vem de Mira para Coimbra fará a ligação à A1. Parece-me é que a ligação a Mira poderia inflectir um pouco mais para sul para junto a Cantanhede para ficar na continuidade..

Efectivamente quem vem do IC6 continuará a utilizar o actual IP3.. Já quem vem de Oliveira do Hospital poderá eventualmente entrar em Sta Comba tb..
JoniP no está en línea   Reply With Quote
Sponsored Links
Advertisement
 
Old September 6th, 2010, 11:42 PM   #122
Viriatuus
Registered User
 
Join Date: Dec 2007
Location: Porto
Posts: 19,569
Likes (Received): 1086

O último mapa apresentado tem alguns erros, um deles é que não qualquer AE projectada entre a Mealhada e Trouxemil em cima da actual N1... e falta a projectada AE Aveiro/Águeda.

JoniP.

Quote:
...a AE Coimbra - Viseu for portajada ou a queiram portajar no futuro..
Está previsto que tenha portagens. Ou seja vai estar às moscas porque vão todos a continuar a ir pelo IP3, a não ser que deixem degradar este propositadamente e/ou lhe coloquem semáforos/rotundas, etc...
Viriatuus no está en línea   Reply With Quote
Old September 7th, 2010, 04:23 AM   #123
djou23
Registered User
 
djou23's Avatar
 
Join Date: Dec 2007
Location: Coimbra
Posts: 4,279
Likes (Received): 73

Quote:
Originally Posted by Montemuro View Post
Mas porquê demorar mais 5/10 minutos quando se podia evitar perder esse tempo?
em primeiro lugar, porque quem está a norte não perde, ganha. Em segundo, porque está ali qualquer coisa a meio...

Quote:
Originally Posted by Montemuro View Post
Este projecto é uma farsa, porque na verdade não criará um novo IP3 entre Viseu e Coimbra. Entre Santa Comba Dão e Mealhada é o IC12 e entre Mealhada e Trouxemil é um novo IC2. Ambas ligações são importantes, acho que também devem ser construídas, mas não é suposto o IP3 fazer essas ligações. Chamar «novo IP3» àquilo que não é mais do que a soma uma parte do IC12 e de uma parte do IC2 é uma piada de muito mau gosto.
cada um chama o que quiser e cada um utilizará a que quiser... quem o chamar ip3, estará a cometer um erro, porque como disseste será ic12... mas não vejo a vir daí mal ao mundo...

o actual ip3 também não é coimbra-viseu, é trouxemil-viseu... e também utiliza o actual ic2...

no fundo, o que interessa é colocar a questão da seguinte forma:
-futura ligação Coimbra ic2 - mealhada ic12 - viseu
velocidade 120 - custos - segurança do traçado - impactes - tempo de percurso

vs

- reconversão da actual ligação Coimbra ic2 - Trouxemil ip3 - viseu
velocidade 120 - custos - segurança do traçado - impactes - tempo de percurso
__________________
Capa negra de saudade/No momento da partida
Segredos desta cidade/Levo comigo p'ra vida
djou23 no está en línea   Reply With Quote
Sponsored Links
Advertisement
 
Old September 7th, 2010, 04:41 AM   #124
djou23
Registered User
 
djou23's Avatar
 
Join Date: Dec 2007
Location: Coimbra
Posts: 4,279
Likes (Received): 73

Quote:
Originally Posted by il_dotore View Post
Em Português clássico para ti....
deixa-te disso...

Quote:
Originally Posted by il_dotore View Post
Ao ser construída uma AE Viseu-Mealhada o IP3 passa a ser uma alternativa.
Com portagens na AE qual achas que vai ser a via escolhida por milhares de camionistas, residentes nos diversos concelhos atravessados pela IP3 e outros utentes com salários médios de 600 euros???
ou uma ou outra, consoante as necessidades/limitações de quem as utiliza. Eu acho é que é bem melhor que não ter alternativa nenhuma... e ainda bem que falas na A25. Agora que se fala em portajá-la, qual é a alternativa?!? É a nacional às curvinhas, que continua com as mesmas pontes, com as mesmas necessidades de conservação, etc etc

Quote:
Originally Posted by il_dotore View Post
Sabendo que o nosso país não tem economia para manter 2 troços com o mesmo fim, o que se adivinha??
???????????????????????????????????????
até temos 4, 5 e seis troços com o mesmo fim... por exemplo na ligação coimbra-aveiro, até com mais de uma AE...


Quote:
Originally Posted by il_dotore View Post
Ora se vamos gastar dinheiro a construír uma AE Viseu Mealhada e gastar outro tanto em obras de conservaçao e eliminação de troços ,sendo estes substituidos por outros mais seguros, não era melhor fazer apenas uma mas bem feita?? Ou vamos ter mais uma A25??? Com zonas de 100 ou menos???

Enfim para bom entendedor meia palavra basta...
eliminação de troços?!?!?

eu acho que aqui confirmas estar longe de bom entendedor... por um lado defendes a manutenção apenas do actual ip3, por outro receias ficar com uma ligação em AE com restrições, que seria praticamente inevitável alargando o ip3...

além disso, esse problema das pontes não se coloca, porque com uma ligação integralmente nova, tens que fazer x viadutos, por exemplo, e conservar os do actual ip3. Com o alargamento, terias que fazer na mesma a conservação das actuais pontes, mais as pontes necessárias às novas faixas... no mínimo, porque patamares de 120 em segurança, tal como aconteceu na A25, teria que se construir troços totalmente novos, com as obras de arte associadas...
__________________
Capa negra de saudade/No momento da partida
Segredos desta cidade/Levo comigo p'ra vida

Last edited by djou23; September 7th, 2010 at 04:56 AM.
djou23 no está en línea   Reply With Quote
Old September 7th, 2010, 04:44 AM   #125
djou23
Registered User
 
djou23's Avatar
 
Join Date: Dec 2007
Location: Coimbra
Posts: 4,279
Likes (Received): 73

Quote:
Originally Posted by il_dotore View Post
Esta imagem que colocas te cheia de futuras estradas e para estar tudo pronto quando? 2050?
2015, não tivessem sido estes atrasos...
__________________
Capa negra de saudade/No momento da partida
Segredos desta cidade/Levo comigo p'ra vida
djou23 no está en línea   Reply With Quote
Old September 7th, 2010, 04:47 AM   #126
djou23
Registered User
 
djou23's Avatar
 
Join Date: Dec 2007
Location: Coimbra
Posts: 4,279
Likes (Received): 73

Quote:
Originally Posted by JoniP View Post

Relativamente à conservação do actual IP3 isso não é verdade pois ele vai ser incluido na concessão das AE do centro pelo que a concessionária é obrigada a fazer a sua conservação tal como sucede com outras estradas e autoestradas concessionadas..
pois, e estava a esquecer-me disto. a concessão inclui a requalificação e conservação do actual ip3...
__________________
Capa negra de saudade/No momento da partida
Segredos desta cidade/Levo comigo p'ra vida

Last edited by djou23; September 7th, 2010 at 04:54 AM.
djou23 no está en línea   Reply With Quote
Old September 7th, 2010, 04:53 AM   #127
djou23
Registered User
 
djou23's Avatar
 
Join Date: Dec 2007
Location: Coimbra
Posts: 4,279
Likes (Received): 73

Quote:
Originally Posted by Viriatuus View Post

Está previsto que tenha portagens. Ou seja vai estar às moscas porque vão todos a continuar a ir pelo IP3, a não ser que deixem degradar este propositadamente e/ou lhe coloquem semáforos/rotundas, etc...
fica registado para memória futura

não vejo a A1 às moscas, até a vejo a ser alargada e uma nova a caminho...
__________________
Capa negra de saudade/No momento da partida
Segredos desta cidade/Levo comigo p'ra vida
djou23 no está en línea   Reply With Quote
Old September 7th, 2010, 06:10 AM   #128
il_dotore
Registered User
 
Join Date: Sep 2007
Posts: 100
Likes (Received): 1

Quote:
ou uma ou outra, consoante as necessidades/limitações de quem as utiliza. Eu acho é que é bem melhor que não ter alternativa nenhuma... e ainda bem que falas na A25. Agora que se fala em portajá-la, qual é a alternativa?!? É a nacional às curvinhas, que continua com as mesmas pontes, com as mesmas necessidades de conservação, etc etc
Se achas que é melhor não haver alternativa então defendes que deve apenas haver um traçado de via rápida a ligar Viseu-Coimbra. O erro não é portajar as AE´s, o erro foi ter sido feitas AE´s sem portagens e ter impinjido ao povo que era assim...

Quote:
???????????????????????????????????????
até temos 4, 5 e seis troços com o mesmo fim... por exemplo na ligação coimbra-aveiro, até com mais de uma AE...
O facto de haver x troços com o mesmo fim, não significa que tenham sido bem planeados, os estudos de sustentabilidade bem feitos, etc. Quanto muito foram feitos para alimentar certos lobbys. Directo entre Aveiro e Coimbra só tens mesmo a A1 e a N1/IC2. Não sei ao que te referes...



Quote:
eliminação de troços?!?!?

eu acho que aqui confirmas estar longe de bom entendedor... por um lado defendes a manutenção apenas do actual ip3, por outro receias ficar com uma ligação em AE com restrições, que seria praticamente inevitável alargando o ip3...

além disso, esse problema das pontes não se coloca, porque com uma ligação integralmente nova, tens que fazer x viadutos, por exemplo, e conservar os do actual ip3. Com o alargamento, terias que fazer na mesma a conservação das actuais pontes, mais as pontes necessárias às novas faixas... no mínimo, porque patamares de 120 em segurança, tal como aconteceu na A25, teria que se construir troços totalmente novos, com as obras de arte associadas...

De facto não és bom entendedor. O que eu disse é que se vai gastar uma fortuna no actual IP3 em obras de conservação e passo a citar:
-sustentação de taludes em queda iminente; (como actualmente após a ponte da Livraria do Mondego)
-recuperação da totalidade das pontes que à data actual estão em risco de queda;
-substituíção de certos troços por outros em zonas que não permitem condições de circulação em segurança de acordo com os parâmetros actuais;
-repavimentação de quase totalidade do percurso;
-alargamento de quase a totalidade do percurso desde Aguieira, e outras zonas onde for necessário, para incluir o separador central e permitir uma largura de via dentro dos parâmetros pré-definidos por lei e garantir condições de segurança, que neste momento mal cabe um carro entre o separador e o rail, quem passa lá sabe bem que é assim.


Não venham com tretas que é a concessão que faz estas obras e tal. Será tudo pago com o meu e o vosso dinheiro.
Assim sendo depois de se gastar uma fortuna em obras de conservação ou quase remodelação, vai-se construir uma AE com o mesmo fim, ligar Aveiro a Coimbra. Algo está errado. Mas pelos vistos o adiamento de esta obra e outras, só vem provar que o planeamento está mal feito, os estudos de sustentabilidade estão errados e vamos mais uma vez arranjar mais dívidas para as gerações vindouras....
il_dotore no está en línea   Reply With Quote
Old September 7th, 2010, 07:44 AM   #129
djou23
Registered User
 
djou23's Avatar
 
Join Date: Dec 2007
Location: Coimbra
Posts: 4,279
Likes (Received): 73

Quote:
Originally Posted by il_dotore View Post
Se achas que é melhor não haver alternativa então ...
não devemos estar a falar a mesma língua...

Quote:
Originally Posted by il_dotore View Post
O facto de haver x troços com o mesmo fim, não significa que tenham sido bem planeados, os estudos de sustentabilidade bem feitos, etc. Quanto muito foram feitos para alimentar certos lobbys. Directo entre Aveiro e Coimbra só tens mesmo a A1 e a N1/IC2. Não sei ao que te referes...
mais a futura A32, a nova AE agueda-aveiro, a N235...


Quote:
Originally Posted by il_dotore View Post
De facto não és bom entendedor. O que eu disse é que se vai gastar uma fortuna no actual IP3 em obras de conservação e passo a citar:
parece que também não és grande coisa como entendedor...

Quote:
Originally Posted by il_dotore View Post
-alargamento de quase a totalidade do percurso desde Aguieira, e outras zonas onde for necessário, para incluir o separador central e permitir uma largura de via dentro dos parâmetros pré-definidos por lei e garantir condições de segurança, que neste momento mal cabe um carro entre o separador e o rail, quem passa lá sabe bem que é assim.
quais parÂmetros? para que velocidades?

Quote:
Originally Posted by il_dotore View Post
Não venham com tretas que é a concessão que faz estas obras e tal. Será tudo pago com o meu e o vosso dinheiro.
acho que ninguém disse ou espera o contrário...

Quote:
Originally Posted by il_dotore View Post
Assim sendo depois de se gastar uma fortuna em obras de conservação ou quase remodelação, vai-se construir uma AE com o mesmo fim, ligar Aveiro a Coimbra. Algo está errado.
está.
__________________
Capa negra de saudade/No momento da partida
Segredos desta cidade/Levo comigo p'ra vida
djou23 no está en línea   Reply With Quote
Old January 29th, 2014, 06:24 PM   #130
daniel322
Registered User
 
daniel322's Avatar
 
Join Date: Mar 2006
Posts: 21,271
Likes (Received): 675

Quote:
Com a construção deste projeto pretende-se criar uma alternativa segura e com características adequadas ao atual IP3.

Este projeto envolve um investimento muito significativo, estimado na ordem dos 600 M€. Como tal, foram ponderadas alternativas ao estudo prévio já realizado, que pressupunha um traçado novo na totalidade da extensão:

i) Traçado novo entre Coimbra e a zona de Santa Comba Dão, prevendo-se, a partir daí, a duplicação do atual IP3 até Viseu;

ii) Traçado novo entre Coimbra e a zona de Santa Comba Dão, ligação ao IC12 existente e continuação do IC12 entre Nelas, Mangualde e a A25.
Deve ser também ponderado um faseamento da construção, que corresponda à disponibilização, faseada, de diferentes troços, cuja receita de portagem contribuirá para o financiamento dos seguintes. Assim, considera-se que deve ser dada prioridade à zonas de tráfego mais elevado, mais próximas de Coimbra e de Viseu (à semelhança do que ocorreu com a construção da A1 entre Lisboa e Porto).

Tendo em consideração o referido, perspectiva-se um potencial elevado de captação de tráfego, sendo de destacar ao nível da dimensão de intermodalidade os seguintes principais aspectos:
 Ao nível do transporte de mercadorias, potencia a melhoria de ligações consideradas insuficientes ao Porto da Figueira da Foz e respectivas Plataformas logísticas, bem como a zonas industriais das cidades servidas;
 Ao nível do transporte de passageiros, potencia a melhoria de ligações consideradas insuficientes a núcleos urbanos densos, bem como a toda a envolvente industrial.
As principais premissas em termos de sustentabilidade financeira e operacional do projeto são, respetivamente, como segue:
 Potencial de cofinanciamento comunitário de 80% (não obstante, a incerteza sobre o financiamento comunitário não impede a obtenção de financiamento privado em receita de tráfego);
 Redução dos actuais custos de O&M.
fonte: relatorio final 2014-2020
daniel322 no está en línea   Reply With Quote
Old January 30th, 2014, 01:42 AM   #131
Condward
Registered User
 
Join Date: Oct 2013
Posts: 32
Likes (Received): 5

Por um lado a duplicação do IP3 até Santa Comba Dão faz sentido porque não fazia muito sentido passar a AE no meio do nada até chegar a Mortágua, mas por outro o pessoal que quer evitar portagens vai ter de usar a N2.
Condward no está en línea   Reply With Quote
Sponsored Links
Advertisement
 


Reply

Tags
coimbra, mealhada

Thread Tools

Posting Rules
You may not post new threads
You may not post replies
You may not post attachments
You may not edit your posts

BB code is On
Smilies are On
[IMG] code is On
HTML code is Off


Similar Threads
Thread Thread Starter Forum Replies Last Post
Viseu Barragon Imagens 2690 November 6th, 2019 11:10 PM
Viseu - Centro Histórico Barragon Imagens 521 October 24th, 2019 09:25 PM
Viseu-Portugal Paulo2004 Mundo Afora 20 February 27th, 2013 03:10 PM


All times are GMT +2. The time now is 08:24 AM.


Powered by vBulletin® Version 3.8.11 Beta 4
Copyright ©2000 - 2019, vBulletin Solutions Inc.
vBulletin Security provided by vBSecurity v2.2.2 (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2019 DragonByte Technologies Ltd.
Feedback Buttons provided by Advanced Post Thanks / Like (Pro) - vBulletin Mods & Addons Copyright © 2019 DragonByte Technologies Ltd.

SkyscraperCity ☆ In Urbanity We trust ☆ about us