SkyscraperCity banner

1 - 20 of 386 Posts

·
Registered
Joined
·
14,862 Posts
Discussion Starter #1
África do Sul expropria terras privadas, seguindo caminho que levou Zimbábue à crise



Expropriação governamental de terras privadas é uma grave ameaça ao estado de direito: primeira ocupação aconteceu na semana passada

Um sinal quase certo de que o futuro econômico de uma nação e o estado de direito estão em perigo é a decisão de seu governo de apreender terras privadas sem pagar indenização. De Cuba ao Zimbábue, passando pela Venezuela, a expropriação da propriedade privada significou quase inevitavelmente uma queda em direção a um governo autoritário.

É por isso que muitos sul-africanos estão preocupados com a notícia na semana passada de que o governo, liderado pelo Congresso Nacional Africano (ANC, na sigla em inglês), pela primeira vez se mobilizou em ocupar terras sem passar pelos tribunais antes. Os testes foram feitos em fazendas de caça em Limpopo, no Nordeste do país.

As apreensões planejadas fazem parte de um plano maior do governo para usar sua maioria de dois terços no Parlamento para mudar a constituição do país e legalizar as expropriações. Uma vez que tenha este novo poder constitucional, o governo poderia, em teoria, considerar-se magnânimo e simplesmente forçar os proprietários a desistir de suas terras por apenas um pagamento simbólico ou muito pequeno. Mas o estado de direito ainda seria ferido, se não rompido.

Passou-se um quarto de século desde que o apartheid acabou, e desde então cada governo do ANC tem seguido a promessa do falecido Nelson Mandela de que a propriedade privada não seria expropriada. Os negócios seriam feitos com base no princípio "comprador disposto, vendedor disposto". Mas a voz moderada de Mandela vem sendo substituída, cada vez mais, por pessoas como Julius Malema, que lidera o partido radical Lutadores pela Liberdade Econômica (EFF, na sigla em inglês), uma dissidência do Congresso Nacional Africano.

Nossas convicções: O Estado de Direito

Malema ressalta que, durante a era do apartheid (1948-94), os negros foram proibidos de comprar terras em áreas brancas e o governo do ANC tem sido lento em compensar os negros que tiveram suas terras tomadas pelo regime do apartheid. A grilagem de terras é "justiça necessária", diz ele, que faz um apelo: "Povo da África do Sul, onde você enxergar uma terra bonita, pegue-a, ela pertence a você".

link e matéria completa:
https://www.gazetadopovo.com.br/mundo/africa-do-sul-expropria-terras-privadas-seguindo-caminho-que-levou-zimbabue-a-crise-8na0poba457wuocxpg2vp5rsm
 

·
Registered
Joined
·
3,417 Posts
Dessa vez vai dar certo, certeza.

Esse negócio de defender a propriedade privada é tão retrograda.
 

·
Registered
Joined
·
14,862 Posts
Discussion Starter #7
É isso vermelhada, vamos a mais uma experiência socialista! Como enriquecer sem produzir nada! Dessa vez vai!
Zimbabue foi o primeiro a jogar uma economia próspera na lama, depois a Venezuela e agora a África do Sul está prestes a fazer o mesmo.

Reforma agrária está no epicentro da crise no Zimbábue, após 17 anos de implantada
Em entrevista, professor questiona se, a partir de agora, haverá “mudança econômica rumo a neoliberalismo desenfreado”
https://www.brasildefato.com.br/2017/12/07/reforma-agraria-esta-no-epicentro-da-crise-no-zimbabue-apos-17-anos-de-implantada/
 

·
Registered
Joined
·
6,567 Posts
A África do Sul é o país com maior taxa de desemprego do mundo: 26%.

O país cairá numa guerra civil racial em breve.
Guerra racial pra que? é muito melhor para os brancos abandonarem essa barca furada e emigrarem para outras ex-colonias britânicas.
 

·
freiheit über alles
Joined
·
19,239 Posts
pelo menos eles usavam números lógicos. mil, milhao, bilhao, trilhao. pelo menos eles usavam escala curta. já pensou se fosse escala longa.. ngm ia entender p nenhuma.
 

·
Marquês do Seridó
Joined
·
11,960 Posts
boa parte dos paises africanos estao tao ricos - ou pobres - qto o maranhao:

pib per capita do maranhao: ~11 mil reais

pib per capita (ppp, dolar) de paises africanos (FMI, 2017):

126 Angola 6,813
127 Congo, Rep. 6,707
129 Nigeria 5,927
137 Ghana 4,605
138 Sudan 4,580
140 Mauritania 4,474
142 Zambia 3,997
143 Lesotho 3,869
144 Côte d'Ivoire 3,857
148 Djibouti 3,567
149 Kenya 3,496
152 Cameroon 3,359
153 Tanzania 3,283
154 São Tomé and Príncipe 3,208
158 Senegal 2,678
159 Chad 2,433
160 Uganda 2,352
161 Yemen 2,300
162 Zimbabwe 2,277
163 Benin 2,219
164 Mali 2,169
166 Ethiopia 2,113
167 Rwanda 2,081
168 Guinea 2,039
171 Burkina Faso 1,884
173 Guinea-Bissau 1,806
174 Sierra Leone 1,791
175 Gambia, The 1,686
176 South Sudan 1,503
177 Togo 1,612
178 Comoros 1,560
179 Madagascar 1,554
180 Eritrea 1,434
181 Mozambique 1,266
182 Malawi 1,172
183 Niger 1,153
184 Liberia 867
185 Burundi 808
186 Congo, Dem. Rep. 785
187 Central African Republic 681

AFRICA IS RIR!

ja sabem, se o pt assumir bora mudar todo mundo pra africa. pior q ta nao fica.
 

·
Jesus, minha salvação.
Joined
·
2,321 Posts
O Maranhão recebe muitos repasses federais o que acaba distorcendo um pouco essa comparação, mas mesmo assim a diferença é absurda.
 

·
Marquês do Seridó
Joined
·
11,960 Posts
lembre q maranhao ta em reais e africa ta em dolares.

11 mil reais = 2,5 mil dolares (a preços de hoje) ou 3,7 mil dolares (a 3 reais).

se for pra descontar repasse tbm diminui pelo menos a metade, pra 1,2~1,8 mil dólares.

lembrando q outros estados do ne nao tao muito melhores q o ma não.
 

·
Registered
Joined
·
5,359 Posts
PF apreende R$ 69 mi com filho de ditador africano em aeroporto
Bagagens eram de comitiva da Guiné Equatorial que pousou em Viracopos


SÃO PAULO - A Polícia Federal apreendeu malas com US$ 1,5 milhão (aproximadamente R$ 6,3 milhões) e R$ 55 mil em dinheiro, além de cerca de 20 relógios avaliados em US$ 15 milhões (cerca de R$ 63 milhões), com uma comitiva da Guiné Equatorial que chegou ao Brasil nesta sexta-feira (14), pelo Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (a 93 km de São Paulo).

Somados, os relógios e o dinheiro equivalem a mais de R$ 69 milhões e não foram declarados à Receita Federal.

As informações são do Jornal Nacional.

O vice-presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang Mangue, estava na comitiva. Ele é filho do ditador Teodoro Obiang, que governa o país há quase 40 anos.

Ainda segundo o Jornal Nacional, a comitiva prestou depoimentos por quatro horas na sala da polícia federal no aeroporto e foi liberada. Os 11 passageiros estão hospedados em um hotel em Campinas.

Um dos funcionários da embaixada disse que o vice-presidente veio ao Brasil fazer um tratamento médico e seguiria para Singapura em missão oficial. Segundo ele, os relógios são de uso pessoal do vice-presidente.

https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2018/09/pf-apreende-r-69-mi-com-filho-de-ditador-africano-em-aeroporto.shtml
 

·
instagram: t.l.rekarte
Joined
·
43,308 Posts
lembre q maranhao ta em reais e africa ta em dolares.

11 mil reais = 2,5 mil dolares (a preços de hoje) ou 3,7 mil dolares (a 3 reais).

se for pra descontar repasse tbm diminui pelo menos a metade, pra 1,2~1,8 mil dólares.

lembrando q outros estados do ne nao tao muito melhores q o ma não.
Esse aprendeu economia no IMB :lol:

Você pegou os dados do PIB per capita dos países africanos ajustados na paridade do poder de compra, mas não fez esse processo com o dado do Maranhão :|
Pq vc não compara com a mesma base? Se vai utilizar o nominal para o Maranhão, então também utilize o nominal para os países africanos, nessa situação o Maranhão ficaria com 3.397, dentre os países selecionados por você, ficaria atrás da Angola impulsionada pelo petróleo com 4.170(digo isso para lembrar que em 2016 na baixa do petróleo o PIB per capita do país era 3.308 dólares e portanto inferior ao Maranhão) e os outros países ficariam bem atrás do Maranhão, o segundo melhor colocado no seu ranking que é Congo Brazzaville tem apenas 1.658 no nominal, ou seja, metade do Maranhão, a Nigéria um pouco melhor tem apenas 1.968...veja que esses são os "melhorzinhos", pois o restante estão em uma situação de pobreza tão lastimável que faz o Maranhão parecer um poço de riqueza, o Chad tem apenas 669, Togo tem 617...vocês falam em repasses do governo federal para diminuir o Maranhão, mas esquecem que nos dados dos países africanos tbm contabiliza todo o governo federal desses respectivos países

E para completar você diz que os outros estados do NE não estão muito melhores do que o Maranhão, mas o per capita de Sergipe, Rio Grande do Norte, Pernambuco e Bahia é aproximadamente 50% maior do que o per capita do Maranhão, é algo bem significativo(O que não torna tais estados ricos, obviamente)
 
1 - 20 of 386 Posts
Top