SkyscraperCity banner
Status
Not open for further replies.
1 - 20 of 46 Posts

·
Registered
Joined
·
11,640 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Aviação Comercial:

EMB 120:







ERJ 135:







ERJ 140:







ERJ 145:







Embraer 170:







Embraer 175:







Embraer 190:







ERJ 145 XR:







Embraer 195:







Aviação Executiva:

Legacy 600:













Phenom 100:









Aviação Agrícola:

Ipanema:





Aviação De Defesa:

Super Tucano:







AMX:





F-5 BR:





EMB 145 AEW&C:







EMB 145 RS/AGS:







P 99:





Tucano:


 

·
As long as I Know...
Joined
·
18,458 Posts
Nunca é demais ver mais uma vez esses belíssimos aviões de uma empresa que muito nos orgulha !
 

·
no encalço do meliante
Joined
·
14,954 Posts
F-5 fabricado pela Embraer ?

As fotos estão ótimas.
Bom saber que há um crescente nível de nacionalização dessas aeronaves.
 

·
Banned
Joined
·
1,923 Posts
deixando claro q o F-5BR eh um aviao fabricado nos Estados Unidos... a Embraer apenas faz um upgrade com avionicos novos oq prolonga um pouco mais seu tempo operacional!!!
Jah o AMX eh fabricado em parceria com uma empresa italiana Alenia se nao me engano... a mesma q fabrica o Eurofighter... tanto q a Força Aerea Italiana possui esse exemplar pra uso treinamento com nome de Alenia AMX!!!!! Jah o ERJ 135 140 e 145 acho q a Embraer deveria atualizar a frente... eh a mesma do ERJ 120... 20 anos atras!!!!!
 

·
How about a magic trick?
Joined
·
4,802 Posts
ainda vamos ver um monstro do porte do A380 brasileiro :D
 

·
Registered
Joined
·
9,074 Posts
Queria deixar aqui duas fotos do CBA-123 Vector, projeto que não vingou, mas teve dois protótipo produzido. Foi desenvolvido em conjunto com a Argentina (a sigla CBA significava "Cooperação Brasil-Argentina"), só que a Argentina ficou com uns 30% de participação no desenvolvimento, e o Brasil, com 70%.





Até que era legalzinho. Notem que ele tinha as hélices viradas ao contrário, ou seja, é como se ao invés de "puxar" o avião, elas o "empurravam". Essa configuração permitia velocidades bem melhores do que um turbo-hélice convencional, mas tbm deixou o avião tão caro que quase ninguém se interessou em comprar. Daí foi engavetado. Os dois protótipos estão até hoje lá nas instalações da Embraer, sem voar.
 

·
Banned
Joined
·
1,923 Posts
Rodrigo_BSB said:
Queria deixar aqui duas fotos do CBA-123 Vector, projeto que não vingou, mas teve dois protótipo produzido. Foi desenvolvido em conjunto com a Argentina (a sigla CBA significava "Cooperação Brasil-Argentina"), só que a Argentina ficou com uns 30% de participação no desenvolvimento, e o Brasil, com 70%.





Até que era legalzinho. Notem que ele tinha as hélices viradas ao contrário, ou seja, é como se ao invés de "puxar" o avião, elas o "empurravam". Essa configuração permitia velocidades bem melhores do que um turbo-hélice convencional, mas tbm deixou o avião tão caro que quase ninguém se interessou em comprar. Daí foi engavetado. Os dois protótipos estão até hoje lá nas instalações da Embraer, sem voar.
de cara pensei q fossem 2 turbinas como num Citation
 

·
Registered
Joined
·
11,640 Posts
Discussion Starter · #13 ·
Essas aqui estão muito show, vejam:

Família Comercial EMBRAER:







Família de Jatos Executivo Embraer:

Esse maior é o Lineage, eu não coloquei no 1° post pq não tinha visto lá no site. O Lineage é meu sonho de consumo :( :p









O Lineage por fora:



 

·
Inconsciente Coletivo
Joined
·
6,114 Posts
Opa, e tem as da Neiva também:

EMB 110 Bandeirante



EMB 810



EMB 121




Carajá



Ipanema (primeiro avião movido à alcool no mundo!)




 

·
Registered
Joined
·
686 Posts
Não sabia que a embraer fabricava aviões de médio e grande porte, e o nosso presidente escolhe como "aerolula" um airbus, com aviões 100% brasileiros que não deixam nada a dever ao airbus... tks tks tks.
 

·
Go Habs! Go!
Joined
·
5,083 Posts
tai um dos meus orgulhos de ser brasileiro, pena que as companhias aerias nacionais não usem os aviões da embraer, é uma vergonha, varias das mais conceituadas cias estrangeiras usam.
 

·
Registered
Joined
·
9,074 Posts
Emmjay said:
Não sabia que a embraer fabricava aviões de médio e grande porte, e o nosso presidente escolhe como "aerolula" um airbus, com aviões 100% brasileiros que não deixam nada a dever ao airbus... tks tks tks.
Ainda não existe um avião da Embraer com o tamanho do Airbus A319CJ. E tbm nenhuma aeronave da Embraer possui uma autonomia de 11.000 km, como o Airbus A319CJ. Então para quê comprar um avião da Embraer numa situação dessas, se nenhum dos modelos atualmente fabricados por ela atende aos requisitos da FAB para renovação do transporte presidencial? Aliás, eu achei até pequeno o A319CJ. Deveriam ter comprado um Boeing 767-300, ou então um Airbus A330-200, isso sim. Além disso, o A319CJ pertence à União, e não ao anta-cachaceira. ;)
 

·
Registered
Joined
·
11,640 Posts
Discussion Starter · #19 · (Edited)
tai um dos meus orgulhos de ser brasileiro, pena que as companhias aerias nacionais não usem os aviões da embraer, é uma vergonha, varias das mais conceituadas cias estrangeiras usam.
Também acho!

Ressucitando, olha o (tão comentado) Legacy por dentro como é bonito :)
 

·
trinta zero zero
Joined
·
3,835 Posts
AIR Moldova escolhe o avião Embraer 190

09/02/2008 - 11:33
E-Jet permitirá à empresa aérea ajustar sua atual frota narrowbody e abrir novos mercados.

São José dos Campos (SP) - A Embraer assinou um pedido firme com a Air Moldova, da Moldávia, para a venda de um jato Embraer 190. O contrato inclui direito de compra de outra aeronave do mesmo modelo. A entrega está programada para março de 2010.

"Temos orgulho de receber a Air Moldova em nossa família de operadores de E-Jets", disse Mauro Kern, vice-presidente executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Comercial. "O Embraer 190 propiciará flexibilidade e desempenho, ao mesmo tempo que reduzirá os custos operacionais em comparação com aeronaves narrowbody convencionais, sem comprometer o conforto da cabine."

A Air Moldova liga Chisinau, a capital da Moldávia, a 13 cidades na Europa e no Oriente Médio e pretende utilizar seu novo Embraer190 para abrir novos mercados e complementar sua frota narrowbody (aeronaves com apenas um corredor e até cerca de 200 assentos). A aeronave será configurada em classe única, com 114 assentos.

"O Embraer 190 é a aeronave certa para o cumprimento da nossa estratégia de desenvolvimento da malha aérea", disse Vasile Botnari, CEO da Air Moldova. "A aeronave também complementa de forma adequada a nossa atual frota de narrowbody, ajustando a oferta de assentos à demanda em algumas rotas atualmente operadas por nossos Airbus A320, sem prejudicar o conforto do passageiro."

O Embraer 190 é um dos quatro integrantes da família de E-Jets e entrou em serviço em agosto de 2005. Em 31 de dezembro de 2007, a família Embraer 170/190 de E-Jets possuía 764 ordens firmes e 786 opções, com mais de 40 clientes em 25 países, tendo ultrapassado a marca de um milhão de horas voadas.

Perfil da Air Moldova - A Air Moldova é uma empresa aérea estatal criada em janeiro de 1993. Com base no aeroporto de Chisinau, a companhia passou por um processo de reestruturação muito importante na virada do milênio, quando rotas para países europeus começaram a ser operadas e novas aeronaves foram incorporadas à frota. A empresa adquiriu aviões EMB 120 Brasilia e ERJ 145 da Embraer via contrato de leasing em 2001. Dois anos mais tarde, lançou uma nova campanha de marketing, modernizando o logotipo e a pintura de suas aeronaves. A Air Moldova é membro da International Air Transportation Association (IATA) desde 2004. | Site: www.AirMoldova.md

A Embraer (Empresa Brasileira de Aeronáutica S.A. - NYSE: ERJ; Bovespa: EMBR3) é uma Empresa líder na fabricação de jatos comerciais de até 110 assentos que tem 36 anos de experiência em projeto, desenvolvimento, fabricação, venda e suporte pós-vendas de aeronaves destinadas aos mercados globais de aviação Comercial, Executiva, e de Defesa e Governo. Sediada em São José dos Campos, no Estado de São Paulo, a Embraer mantém escritórios e bases de serviços ao cliente nos Estados Unidos, França, Portugal, China e Cingapura.Fundada em 1969, a Embraer projeta, desenvolve, fabrica e vende aeronaves para os segmentos de Aviação Comercial, Aviação Executiva, e Defesa e Governo. A Empresa também fornece suporte e serviços de pós-vendas a clientes em todo o mundo. Em 31 de dezembro de 2007, a Embraer contava com 23.734 empregados e sua carteira de pedidos firmes totalizava US$ 18,8 bilhões. | www.embraer.com.br

http://www.revistafatorbrasil.com.br/ver_noticia.php?not=30044
 
1 - 20 of 46 Posts
Status
Not open for further replies.
Top