SkyscraperCity banner
Status
Not open for further replies.
1 - 20 of 21 Posts

·
Carioca
Joined
·
16,321 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Embarques e desembarques no aeroporto de Cuiabá crescem 23%

O Aeroporto Internacional Marechal Rondon (Cuiabá/MT) apresentou o maior crescimento na movimentação de passageiros em toda região Centro-Oeste nos primeiros quatro meses do ano: 22,73%. O crescimento se deve porque empresas aéreas investiram em vôos para cidades do interior do estado, proporcionando facilidades aos agricultores e à população dessas regiões. Com isso, as rotas turísticas também ficaram mais acessíveis.

Cerca de 423,5 mil pessoas embarcaram e desembarcaram no aeroporto da capital do Mato Grosso de janeiro a abril de 2008. Em 2007, o número foi de, aproximadamente, 345 mil pessoas.

Ao considerar todos os aeroportos da região Centro-Oeste, houve um aumento de 4,16% na movimentação de passageiros no primeiro quadrimestre de 2008 em relação ao mesmo período em 2007. Foram 4.696.807 embarques e desembarques de janeiro a abril deste ano contra 4.508.897 no ano passado. Na comparação entre os meses de abril dos dois anos, o crescimento do fluxo de passageiros na região foi de 4,4%.



Aumento de 881%


Na área de cargas, o destaque ficou para o movimento no Terminal de Cargas (Teca) do Aeroporto Internacional de Campo Grande. Foi registrado um aumento de 881,48% nos quatro primeiros meses de 2008, em relação a todo ano de 2007. De janeiro a dezembro do ano passado, a movimentação de cargas importadas, em toneladas, foi de 162. Já no primeiro quadrimestre de 2008 a movimentação foi de 1.590 toneladas.

Esse aumento deve-se principalmente à importação de partes e peças de uma fábrica de papel e celulose que está sendo instalada no município de Três Lagoas, em Mato Grosso do Sul. O governo está concedendo incentivo fiscal às empresas, desde que as mercadorias sejam desembaraçadas no estado. O Teca do aeroporto é o único local alfandegado em Campo Grande; por isso, é indicado pela Receita Federal para o desembaraço das cargas.

Em janeiro de 2008 foram processadas 260 toneladas de carga importadas no terminal. Os 25 containers procedentes dos Estados Unidos chegaram a São Paulo através do Porto de Santos e seguiram para o aeroporto de Campo Grande, por via terrestre.

fonte:infraero
 

·
Annoying ex-moderator
Joined
·
17,643 Posts
O aero de cuiabá é uma piada, ta sendo ampliado(ampliação muito modesta) e quando concluida, ja estará saturado. Não só Cuiabá, mas como Goiania, Vitoria e Florianopolis.
 

·
Fasten your seat belt
Joined
·
1,508 Posts
E o Aeroporto de Campo Grande que a Infraero diz no site que tem capacidade para 900.000 passageiros mas a diretoria em Campo Grande trabalha com uma capacidade de 500.000, ou seja, está saturado.
 

·
Registered
Joined
·
587 Posts
A licitação para complemento da ampliação do terminal está em andamento.

Concorrência - 005/DALC/SBCY/2008
CONTRATAÇÃO DAS OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA VISANDO A EXECUÇÃO DA REFORMA E AMPLIAÇÃO DOS SETORES “A” E “B” DO TERMINAL DE PASSAGEIROS, VIA DE ACESSO, ESTACIONAMENTO DE VEÍCULOS, OBRAS COMPLEMENTARES E ELABORAÇÃO DE PROJETOS EXECUTIVOS DO AEROPORTO INTERNACIONAL MARECHAL RONDON, EM VÁRZEA GRANDE – CUIABÁ – MT

Data de Abertura: 01/04/2008 09:00
UF: DF
Situação: Em Andamento

Concorrência - 003/DALC/SBCY/2008
CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS TÉCNICOS DE ENGENHARIA PARA O FORNECIMENTO E INSTALAÇÃO DOS SISTEMAS ELETRÔNICOS E DO SISTEMA DE TRANSPORTE DE BAGAGENS DOS SETORES “A” E “B” DO AEROPORTO INTERNACIONAL MARECHAL RONDON, EM VÁRZEA GRANDE – CUIABÁ-MT.

Data de Abertura: 25/02/2008 09:00
UF: DF
Situação: Em Andamento
 

·
CGr / MS / C-O / BR
Joined
·
19,113 Posts
A mediocridade da maioria dos nossos aeroportos só acabará quando forem privatizados. Não dá pra ter esperança de que nossos políticos possam mudar esse quadro.
 

·
Registered
Joined
·
587 Posts
A mediocridade da maioria dos nossos aeroportos só acabará quando forem privatizados. Não dá pra ter esperança de que nossos políticos possam mudar esse quadro.
Os aeroportos de Cuiabá e Campo Grande são deficitários, isso é, a arrecadação do mesmo não cobre o custo operacional. Quem quer comprar?
 

·
CGr / MS / C-O / BR
Joined
·
19,113 Posts
Os aeroportos de Cuiabá e Campo Grande são deficitários, isso é, a arrecadação do mesmo não cobre o custo operacional. Quem quer comprar?
Não disse em privatizar esses dois especificamente, lógico que é preciso um estudo amplo. O de Campo Grande não vejo necessidade já que por enquanto atende relativamente bem os passageiros. Mas tem muitos Brasil a fora que só passando pra iniciativa privada mesmo.
 

·
Paris, France.
Joined
·
15,998 Posts
Voce teria a lista dos aeroportos rentáveis?
Li recentemente que 1/3 dos aeroportos da Infraero são rentáveis. Isso significa uns 22 aeroportos. Considerando que Cuiabá está entre os 20 mais movimentados, acho que ele deve ser um dos superavitários.
 

·
Paris, France.
Joined
·
15,998 Posts
Em vários lugares. Basta pesquisar na internet:

Fonte: Folha de S.Paulo - 20/12/2006 - 14:10
Por redação

Anac defende fim de repasses de taxa de embarque



O presidente da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), Milton Zuanazzi, defendeu ontem o fim do repasse ao Tesouro Nacional das verbas arrecadadas com taxas de embarque pagas pelos passageiros de viagens internacionais. De acordo com a legislação em vigor, metade dos valores obtidos com as taxas e os adicionais de embarque para o exterior vão direto para os cofres da União.

Os 50% restantes ficam com a Infraero (Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária). Em termos nominais, o Tesouro Nacional recebeu R$ 231,27 milhões no ano passado. Na avaliação de Zuanazzi, esse dinheiro deveria ser usado na melhoria e ampliação dos aeroportos. "É uma lei que precisa ser alterada", sugeriu o presidente da Anac durante audiência pública na Câmara dos Deputados na manhã de ontem.

O repasse foi criado em 1999, durante o governo Fernando Henrique Cardoso, como forma de elevar a arrecadação federal depois da desvalorização do real e das crises russa e asiática. Foi anunciado como um item do chamado "pacote 51". Procurado pela Folha ontem, o Ministério da Fazenda não se manifestou sobre o assunto.

O presidente da Infraero, brigadeiro José Carlos Pereira, que também participou da audiência, não deu entrevistas. Durante sua apresentação, ele afirmou que 35 aeroportos administrados pela estatal são "superavitários", contra 32 que dariam "enorme prejuízo". As taxas recolhidas pela Infraero servem, entre outras coisas, para cuidar das condições desses aeroportos.

No ano passado, a empresa arrecadou R$ 3,01 bilhões, repassando R$ 717,53 milhões para a Aeronáutica e R$ 231,27 milhões para o Tesouro Nacional. Pereira e Zuanazzi acompanharam o brigadeiro Ramón Cardoso, vice-diretor do Decea (Departamento de Controle do Espaço Aéreo) na audiência para discutir o caos nos aeroportos nos últimos meses.

Tranqüilidade

Zuanazzi, disse ontem que tanto governo quanto empresas são vítimas na crise dos aeroportos e fez prognósticos de "tranqüilidade" e "normalidade" no final de ano. "É bom salientar, a bem da Justiça, que todo mundo é vítima [na crise]", disse durante audiência na Câmara dos Deputados. Segundo ele, o ideal é variar de 7% a 8% o total de vôos afetados por atrasos de mais de uma hora. Ontem, porém, chegou a 32,75%.
 

·
Premium Member
Joined
·
1,060 Posts
Deve ser por isso que as passagens para Cuiabá aumentaram tanto. Ano passado, nesta época, dava pra comprar passagens de ida e volta SP-Cuiabá pela TAM por R$ 220 (vôo de madrugada). Agora, o preço mais barato é o da GOL, por R$ 440, o dobro!

Estive no aeroporto de Cuiabá ano passado e, francamente, não vi satuação alguma nele. Em um dia, fiquei a manhã inteira esperando um vôo para Vilhena, e vi pouquíssimos pousos e decolagens de vôos comerciais. Entretanto, no final da manhã, chegou uns 8 vôos quase ao mesmo tempo.
O mesmo na volta para São Paulo. Fiquei das 22h às 3h e vi pouquíssimo movimento.
 

·
Registered
Joined
·
650 Posts
Passa pra iniciativa privada (duvido que não haja interessados) e eu quero ver se vão continuar deficitários...
A Infraero é uma desgraça..
 

·
Banned
Joined
·
360 Posts
EXAME: SOLUÇÃO É PRIVATIZAÇÃO

Desculpe pelo tamanho do texto !

Como é a privatização dos aeroportos no mundo
Inglaterra foi a pioneira do processo, nos anos 80, mas participação privada no setor cresce em outros países


As privatizações de aeroportos começaram em 1986, na Inglaterra, e de lá para cá esse processo se transformou em algo comum mundo afora. O Sistema Nacional de Aeroportos da Argentina conta com 57 aeroportos, dos quais 33 foram concedidos a operadoras privadas em 1988, inclusive os dois da capital, Buenos Aires. Os investimentos previstos no setor projetam um aumento da capacidade instalada dos aeroportos de 11 milhões de passageiros em 2006, para 23 milhões em 2010, e 34 milhões em 2025.

Na Austrália, foram arrecadados, em 1997, 2,53 bilhões de dólares na venda de três aeroportos: Melbourne, Brisbane e Perth. Esses aeroportos foram desestatizados por meio de processos de concessão de longo prazo e três grupos distintos, organizados sob a forma de consórcios, ganharam a licitação. Esses três grupos são formados por empresas operadoras de grandes aeroportos internacionais, entre os quais o consórcio liderado pela Amsterdam Airport Schiphol, que ganhou a concessão do aeroporto de Brisbane. Em 2002, o aeroporto Kingsford Smith, de Sydney, foi adquirido por 3 bilhões de dólares por um consórcio de empresas liderado pelo Macquarie Bank, um dos maiores bancos australianos. Outros países, como Dinamarca, Áustria, Itália e Índia seguiram na mesma linha. Na Índia, foram dadas concessões de longo para os aeroportos de Mumbai, Delhi, Chennai e Calcutá, que respondem em conjunto por dois terços do tráfego de passageiros do país.
 

·
Premium Member
Joined
·
1,060 Posts
1- Notem as bandeiras a meio-pau. As imagens foram feitas por volta do dia 15 de julho do ano passado, logo após o acidente da TAM.




2 - Vista da área externa do aeroporto




3 - Parte do estacionamento de aeronaves




4 - Entrada do aeroporto




5 - Rua que dá acesso ao terminal de embarque e desembarque




6 - Área de chek-in




7 - idem




8 - Vendas de passagens




9 - Área do check-in vista da escada rolante




10 - Mezanino, em horário de pico (por volta das 11h30 da manhã)




11 - Pessoas observando, pela vidraça, movimento da pista e pátio de estacionamento do aeroporto




12 - Torre de controle




13 - Outra parte do pátio de estacionamento




14 - Boeing da Gol desembarcando passageiros




15 - Indo para o avião




16 - Embarque em ATR-42 da Trip para Vilhena -RO (BVH)





Bônus


17 - Cabine do ATR-42




18 - Desembarque em Vilhena - RO




19 - Belíssimo aeroporto de Vilhena




20 - Terminal de desembarque

 
1 - 20 of 21 Posts
Status
Not open for further replies.
Top