Skyscraper City Forum banner
Status
Not open for further replies.
1 - 7 of 7 Posts

·
Ééééééguuuuaaaa
Joined
·
6,072 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Cresce o turismo de eventos em Belém

VAL-DE-CÃES
Movimento no aeroporto assinala em 2007 alta de 58% em relação a 2006

Belém começa a se estabelecer como um destino do turismo de negócios e de eventos no Brasil. Os reflexos dessa expansão já aparecem nos números do Aeroporto Internacional de Belém. Nos cinco primeiros meses deste ano o movimento acumulado de embarque e desembarque doméstico e internacional já chega a 820 mil pessoas, o que representa um crescimento de 58% em relação ao mesmo período do ano passado. A Empresa Brasileira de Infra-estrutura Aeroportuária (Infraero) estima que, até o final do ano, o terminal de Belém deverá atingir a marca de 2 milhões de passageiros. O aeroporto de Belém foi dimencionado para receber até 2,7 milhões de passageiros por ano. Um patamar que deve ser atingido em 2010, caso o ritmo atual de crescimento se mantenha, o que já leva a Infraero a estudar planos de ampliação do aeroporto da capital.

De acordo com o gerente de Operações da Infraero em Belém, Abibe Ferreira, o aeroporto está em amplo crescimento e, em maio, registrou uma movimentação de 173.084 passageiros, um aumento de 21,47% na comparação com maio de 2006. 'Nesse mês todas as expectativas foram superadas. Este movimento representa o segundo melhor do ano, ficando atrás apenas de janeiro', afirma o gerente. Não por acaso, foi também o mês em que a capital registrou um pico de eventos e feiras, como informa o presidente do Belém Conventions&Visitors Bureau (Belém CVB), Orlando Rodrigues. 'Em alguns dias de maio, por conta dos eventos, os hotéis de Belém registraram 100% de ocupação', diz Rodigues.

HANGAR

Rodrigues diz que o turismo de eventos cresce em Belém por conta da implantação do Hangar Centro de Convenções da Amazônia. 'O Pará não entrava no roteiro desse segmento turístico porque faltava um local que pudesse abrigar um congresso com pelo menos 1,5 mil participantes, que é o público médio desse tipo de evento. Também não havia um equipamento que comportasse, ao mesmo tempo, eventos grandes e uma feira, que normalmente acontece paralela aos grandes congressos', explica o presidente do Belém CVB.

Com o novo centro de convenções, a entidade já começa a captar vários destes eventos para a cidade. 'Até 2011 já temos uma boa demanda para o Hangar e a tendência é entrarmos com cada vez mais força nesse segmento', explica Rodrigues. Para ter uma dimensão do que representa este filão do ramo do turismo, apenas no Brasil, são realizados, a cada anos 3 mil eventos itinerantes. 'Esses congressos, feiras e simpósios nunca vieram para Belém por falta de estrutura adequada. Com o centro de convenções, a tendência é que a cidade seja escolhida para sediá-los', avalia Rodrigues. A realização de eventos nacionais, explica o presidente do Belém CVB, credenciará a capital paraense a abrigar eventos internacionais, em uma reação em cadeia.

CÂMBIO

O presidente da seção paraense da Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav), Ruy Martini, diz que é preciso analisar melhor a qualidade deste fluxo de passageiros no aeroporto, mas reconhece que, pelo menos nas áreas de negócios e eventos, o turismo paraense vem apresentando um crescimento desde o início de operação do Centro de Convenções. 'O fluxo de passageiros internacionais tem origem basicamente no Suriname e na região do Caribe. São pessoas em trânsito em Belém com destino ao Nordeste. Belém é apenas uma porta de entrada. Também é preciso ver que o paraense está viajando muito por conta do dólar baixo e das promoções das companhias aéreas', afirma, acrescentando que, com exceção do mês de maio, quando a freqüência começou a aumentar, os hotéis da capital ainda vêm registrando taxas ocupação entre as mais baixas dos últimos anos. 'Em junho, por influência do Hangar, esta taxa deve aumentar mais', avalia.

Com o turismo de eventos em ascendência, Martini alerta que agora é o momento de o governo estadual começar a investir em infra-estrutura para o desenvolvimento de novas frentes turísticas. 'Quem vem para um evento normalmente traz acompanhante. Precisamos oferecer destinos turísticos para estimular que essas pessoas passem mais do que os dois ou três dias do evento. Nosso destino já consolidado é o Marajó, mas é impossível vendê-lo com todas as dificuldades de transporte que apresenta', afirma o presidente da Abav no Pará.

Movimento de Passageiros no Aeroporto DE Val-de-Cães

Passageiros Internacionais

Desembarque

Janeiro a maio de 2006:
7.638 passageiros.

Janeiro a maio de 2007:
11.558 passageiros .

Embarque

Janeiro a maio de 2006:
3.123 passageiros.

Janeiro a maio de 2007:
12.188 passageiros.

Passageiros Domésticos

Desembarque

Janeiro a maio de 2006:
309.644 passageiros.

Janeiro a maio de 2007:
362.776 passageiros.

Embarque

Janeiro a maio de 2006:
310.472 passageiros.

Janeiro a maio de 2007:
350.732
 

·
Registered
Joined
·
136 Posts
Nossa, 58% :eek:
Mostre esse Hangar por favor, ou o link, caso já tenha sido postado;)
 

·
Ééééééguuuuaaaa
Joined
·
6,072 Posts
Discussion Starter · #3 ·
^^ Olha ai o Hangar, acho q ainda estava em construção.
 

·
Registered
♪All I know love will save the day♫
Joined
·
6,153 Posts
Hangar

Mais informações sobre o Hangar: www.hangarcentrodeconvencoes.com.br

Sinceramente, se for necessário ampliar o aeroporto, acho que teremos que mudar de endereço, o aero não tem mais para onde ser ampliado, se for para a esquerda, vai entrar na Av. Júlio Cézar, para direita está o terminal de cargas, para trás é o pátio e para a frente, é o estacionamento!
 

·
Registered
Joined
·
4,718 Posts
Interessante esse Hangar!

O aumento dos vôos mostra a franca expansão do turismo amazônico, e a franca expansão da capital paraense!

:eek:kay:
 

·
Registered
Joined
·
4,657 Posts
Mais informações sobre o Hangar: www.hangarcentrodeconvencoes.com.br

Sinceramente, se for necessário ampliar o aeroporto, acho que teremos que mudar de endereço, o aero não tem mais para onde ser ampliado, se for para a esquerda, vai entrar na Av. Júlio Cézar, para direita está o terminal de cargas, para trás é o pátio e para a frente, é o estacionamento!
Tem sim...no final do terminal dá pra amplia-lo em forma de "L" e nem será preciso tanta intervenção no atual terminal, iria apenas complementa-lo.
 
1 - 7 of 7 Posts
Status
Not open for further replies.
Top