SkyscraperCity banner
1 - 20 of 96 Posts

·
Registered
Joined
·
333 Posts
Discussion Starter · #1 ·
vídeo na internet mostra dois grupos de homens em confronto no mastro bar, na costa de caparica, almada
http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/n...l/grupo-de-sandro-bala-espanca-cliente-em-bar

Grupo de Sandro ‘Bala’ espanca cliente em bar

Está a circular na internet o vídeo de uma luta entre dois gangs da noite no Mastro Bar, na Costa de Caparica, Almada. Alguns dos homens envolvidos estão ligados ao grupo do brasileiro Sandro ‘Bala’, o instrutor de jiu jitsu que, apesar de fugido, está acusado pelo DIAP de Lisboa de vários crimes violentos.
10 Outubro 2010Nº de votos (3) Comentários (8)
Por:J.T.

As imagens têm 1.49 minutos de duração e são marcadas por violência extrema. Wesley, actualmente detido, que seria uma espécie de braço-direito de ‘Bala’, é um dos agressores, mas não se encontra acusado deste crime, que é do conhecimento das autoridades.
O vídeo mostra dois grupos de homens, em Julho de 2007, num confronto. Um é atingido com uma cadeira e desmaia. No chão é atingido novamente na cara.
NOTA: O vídeo que se segue apresenta imagens violentas. Não deve ser visto por pessoas impressionáveis

Fonte:
http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/n...l/grupo-de-sandro-bala-espanca-cliente-em-bar

_________________________

já nos inicios de 2000 tinha surgido um video que mostrava o caos que sobretudo da AMLisboa se estão a tornar... graças á imigração/invasão/colonização

http://www.youtube.com/verify_age?next_url=http://www.youtube.com/watch%3Fv%3DLQHkTTz0t2U

http://www.youtube.com/watch?v=qQc0oybAU3A

Pois bem, isto é para todos os ditos cujos que continuam de olhos fechados enquanto Portugal é tomado de assalto por ordens de extra-europeus (africanos, brasileiros, etc..) que vão transformar o outrora calmo Portugal em um país de terceiro mundo, violento, descaracterizado, com caos social e etnico latente, com criminaliadde violenta incontrolável...
Obrigado a todos oa traídores e a todos os pseudo iluminados de pacotilha que ainda os defendem com unhas e dentes. E não, não estou a generalizar, mas em Portugal mandam os portugueses e a identidade, soberania e bem-estar de um povo não se vende.

saudações
 

·
Registered
Joined
·
333 Posts
Discussion Starter · #5 ·
Estão 100 mil Brasileiros em Portugal e estes casos são uma imensa minoria.
A maioria vem para o nosso país para trabalhar...
"A maioria vem para o "nosso" país trabalhar"; a maioria até pode/vem com essa ambição ou esperança, mas a realidade que a contorna e que a define é bem diferente e é aquela que tem um impacto extremamente negativo na sociedade portuguesa.
Primeiro, não são só 100 mil são muitos muitos mais, que juntando a outros extra-europeus, como africanos etc.. colocam e vão colocar problemas enormes em Portugal. Não só na questão da criminalidade violenta praticada por esses gangs de importados, africanos e brasileiros como os do video, que em 7 anos aumentaram 400% a criminalidade...
Mas outro grande problema ainda mais grave, que é a autêntica invasão/colonização que estamos a ser alvo, daqui a 20/30/40 anos Portugal não será mais Portugal será outra coisa qualquer, uma amalgama multiracial sem identidade definida, com ruinas de uma "civilização", mas um povo totalmente alienigena, isto se nada for feito.


Que ridículo um caso de 2000 outro de 2007 e faz-se um grande escanda-lo disto...
Ridiculo? não é um caso? você não faz a minima ideia do que diz, são centenas, milhares todos os anos, de assaltos, agressões, arrastões, carjacking, violência nos transportes publicos, nas escolas etc..
um grande escândalo?:bash:

Gangs dominam a Sul do Tejo

São os jovens delinquentes e as comunidades imigrantes quem mais preocupa as polícias que investigam os crimes e patrulham a Costa de Caparica, Monte de Caparica, Charneca, Trafaria, Almada, Corroios, Seixal, Barreiro ou Moita, na Margem Sul. A par de Setúbal, são estas zonas, situadas entre o rio Tejo e o rio Sado, que mais contribuem para que o distrito seja o terceiro do País, logo depois de Lisboa e do Porto, com um maior índice de criminalidade, segundo o Relatório Anual de Segurança Interna.

Fontes policiais adiantam ao CM que as comunidades de imigrantes, muitos em situação ilegal, que cresceram sem controlo e enquadramento social na Margem Sul, são, de facto, "um problema grave pelo número de situações de crime violento em que surgem envolvidas".
A Costa de Caparica é um dos locais que a polícia tem sob vigilância apertada. "Pelas condições naturais da Costa instalou-se lá uma grande comunidade imigrante, nomeadamente de cidadãos brasileiros, e que de facto está relacionada com muitos dos crimes graves praticados em toda a Margem Sul", dizem as mesmas fontes policiais.
Sandro Bala – que está foragido no Brasil – é um exemplo. Recrutava compatriotas no país natal, com conhecimentos de jiu--jitsu, utilizando-os depois em extorsões a discotecas, bares e restaurantes. Dominou o crime organizado na Margem Sul e estendeu-se a Lisboa – o Budha Bar e a discoteca W, na capital, foram visitados e destruídos pelo grupo, que pretendia impor serviços de segurança.
Em 2008, o alarme social disparou, provocado por vários jovens imigrantes que na internet se assumiam como representantes em Portugal do Primeiro Comando da Capital (PCC), organização criminosa brasileira responsável por vários motins nas cadeias brasileiras.
Mas o comandante da PSP de Setúbal, Bastos Leitão, chama a atenção para o facto de já acontecer "em muitos assaltos, portugueses falarem com sotaque brasileiro para despistarem a polícia". Por outro lado, os roubos com faca na rua, cometidos por grupos de jovens entre os 12 e os 16, segundo a PSP, são a nova tendência desde o final do ano passado, depois dos assaltos a estabelecimentos. "O Vale da Amoreira é uma zona muito fustigada por este tipo de criminalidade grupal", refere Bastos Leitão. "Já em Almada, actuam de forma mais isolada".

ver:
http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/actualidade/gangs-dominam-a-sul-do-tejo
 

·
'tou na lua...
Joined
·
41,754 Posts
Caro Ausência... todos estes casos já foram por demais discutidos nos media portugueses. A maior parte dos imigrantes estão cá porque querem trabalhar, aprender, viver uma vida melhor. Claro que há sempre os filhos da mãe, mas isso também nós temos. Gang do MB, claques violentas, corruptos da política e administração, chulos e donos de discotecas e casas de alterne que exploram jovens brasileiras e da ex-URSS... vá falar com os ucranianos e moldavos que trabalham no dia-a-dia nas nossas obras e conheça as histórias de vida deles.
Que mania de generalizar.
 

·
'tou na lua...
Joined
·
41,754 Posts
Ausência... mas o Bugio tb tem ideias de que discordo.
AF, aquele foi um caso. E os miúdos no Porto que mataram a Gisberta? E a exploração das meninas brasileiras e de Leste nas casas de alterne? E o assassínio do Tony, morador do Bairro da Bela Vista em Setúbal, pela polícia? E tantos outros casos provocados por gente irada, cega de ignorância... como tu.
http://www.paginavermelha.org/noticias/belavista/belavista.htm

Além disso os tais importados, em muitos casos, são jovens de 2ª ou 3ª geração, ou seja, jovens tão Portugueses como tu e como o Nani que marcou 2 golos com a camisola das quinas no Porto.
Por acaso já foste falar com alguns jovens destas comunidades, perceber como vivem, como é a sua cultura, o que comem, que música ouvem, a história das vidas dos pais?

Venho por este meio pedir aos moderadores o encerramento deste tópico e um ban ao Ausência Forçada.
 

·
Glory to Chairman Meow!
Joined
·
1,351 Posts
AF, aquele foi um caso. E os miúdos no Porto que mataram a Gisberta? E a exploração das meninas brasileiras e de Leste nas casas de alterne? E o assassínio do Tony, morador do Bairro da Bela Vista em Setúbal, pela polícia?
Lino, um dos principais motivos de preocupação [das pessoas em geral e das forças de segurança] é que mesmo que por cada 100 imigrantes haja 1 elemento criminoso, existe sempre a possibilidade [muitas vezes confirmada] da introdução de uma forma de agir mais violenta do que a que carcterizava a criminalidade em Portugal até há 20-25 anos atrás. Se olhares para a criminalidade no Brasil, vês que ela é muitíssimo mais violenta do que em Portugal, não só pela utilização de armas de calibre elevado mas pela forma como os criminosos não hesitam em utilizá-las para cometer os seus crimes.

Quando um elemento criminoso que segue este modus operandi vem para outro país, geralmente mais seguro, e se dedica à sua "actividade", não vai reduzir o nível de violência - pelo contrário, vai proceder da mesma forma e vai provocar um choque ainda maior na população e nas forças de segurança que não estão preparadas para tais coisas.

Os círculos de crime organizado da Europa de Leste, por exemplo - que se dedicam à exploração de imigrantes, assaltos bem organizados e afins - também constituem um exemplo do que te disse. A "cultura" de gangs provavelmente teria crescido de qualquer forma [já que é um fenómeno relativamente comum em vários países] mas o facto de o número de imigrantes e descendentes de estes que se dedicam à criminalidade ser uma minoria, não significa que o fenómeno da criminalidade cometida por imigrantes deva ser subestimada.

Pelo contrário, como te referi, quando se tratam de grupos organizados existe a possibilidade bem real de agirem como forma de implementar uma rede de criminalidade trans-nacional - tráfico de droga, de pessoas, de armas, etc.

Não podemos tratar todos os imigrantes como criminosos mas não podemos tratar todos os criminosos como se apenas cometessem actos isolados motivados por pobreza, discriminação, etc. Mais uma vez, não há nenhuma abordagem "one size fits all".
 

·
the mitty
Joined
·
11,021 Posts
E o assassínio do Tony, morador do Bairro da Bela Vista em Setúbal, pela polícia?
não fazes ideia do que dizes
a propaganda dos criminosos da Bela Vista cegou-te

se eu visse um bandido investir na minha pessoa com a intenção de provocar dano, e quiçá a morte, tambem me defendia com o que tivesse mais à mão
teve ele o azar de ser um policia e ter um revolver
para a proxima já aprendeu


Venho por este meio pedir aos moderadores o encerramento deste tópico e um ban ao Ausência Forçada.
ridiculo
tambem discordo das tuas opinioes muitas vezes
queria pedir aqui tambem um ban ao Lino:nuts:
 

·
'tou na lua...
Joined
·
41,754 Posts
Só acho que ele só vem aqui propagar o ódio e em situação completamente desprovida de contexto.
Há gangs que devem ser condenados, há estratégias que devem ser aplicadas na selecção da imigração, mas mesmo assim não creio que se resolvam os crimes.
Só digo que há muitos Portugueses que também cometem crimes, por vezes tão ou mais graves.
Incitar ao ódio sem razão e de forma repetida (pois não é o primeiro nem o segundo tópico sobre o tema) é completamente ridículo.
 

·
Registered
Joined
·
4,551 Posts
Muito bem AusênciaForçada

:applause:

Não ligues ao Lino, ele desculpa os convidados que vão a casa dele cagar-lhe na mesa só porque tem um filho deficiente que faz isso de vez em quando.
 

·
'tou na lua...
Joined
·
41,754 Posts
Bem, a abertura de mentalidades em certos temas neste fórum é tão grande como um átomo...
Enfim...
 

·
Registered
Joined
·
2,737 Posts
Não tenho provas, senão a própria experiência...
Mas pelo menos 75% do expediente relacionado com crime, ou são de nacionalidade estrangeira ou de certas etnias!
Desculpem os defensores, mas esta é a realidade da Area Metropolitana Lisboeta!
 

·
Registered
Joined
·
22,780 Posts
A sorte é que as pessoas racistas em portugal são uma clara minoria...
Mas os partidos de centro e esquerda andam claramente a tentar que essa minoria vá aumentando ao não ter mão pesada com a criminalidade, sobretudo a criminalidade causada por imigrantes. Está a suceder por toda a Europa e precisamente por causa disso os partidos de extrema-direita estão a crescer da forma que estão. Ao não terem respostas dos partidos tradicionais, os cidadãos estão a virar-se para os partidos de extrema-direita que respondem aos seus medos. São precisamente os que mais tentam proteger os imigrantes aqueles que estão a cavar a sua sepultura na Europa.


Não tenho provas, senão a própria experiência...
Pois... Antigamente o Relatório de Segurança Interna tinha a análise do crime por etnias. Agora, de há uns anos para cá, deixou de ter. Daqui ser muito dificil ter provas hoje em dia.
 

·
Registered
Joined
·
333 Posts
Discussion Starter · #20 ·
Caro Ausência... todos estes casos já foram por demais discutidos nos media portugueses.
Não, não foram, aliás, actualmente existe ordem "vinda de cima" em muitos orgãos de comunicação social para abafar e evitar referir a etnia dos ditos cujos... chega a ser ridiculo, tanto a constante desculpabilização, com a treta do costumaz que mete nojo aos cães, a da discriminação e da desigualdade de oportunidades --- uma treta.
Para o sistema convém não alertar o povo, é como diz o ditado - "longe da vista longe do coração", mas a bem ou a mal a verdade virá ao de cima, esperemos que não seja tarde demais, quando já nada houver a fazer e já nada conseguirmos mudar, aí Linos/ traídores e companhias lda estaram felizes da vida, com o país entregue a todos menos aos nativos.
 
1 - 20 of 96 Posts
Top