SkyscraperCity banner

721 - 739 of 739 Posts

·
...
Joined
·
471 Posts

·
the mitty
Joined
·
9,976 Posts
^^

Armando Silva Afonso narrou uma breve história da barragem abortada: “Teve uma adjudicação provisória em 2008; em 2010 foi aprovada a declaração de impacto ambiental; em 2014 foi feito o processo de aquisição e expropriação de terrenos, em 2015 teve início a empreitada, com a construção dos acesso e em 2016 foi suspensa a obra. É uma obra chave neste processo e está por fazer. Até estava bem encaminhada”, apontou.

Em 2016, quando foi anunciado o cancelamento desta estrutura que integrava o Plano Nacional de Barragens de Elevado Potencial Hidroelétrico (PNBEPH), o ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, não detalhou o que tinha levado à decisão, referindo apenas que foram tidos em conta critérios jurídicos e financeiros.

O presidente da Endesa, Nuno Ribeiro da Silva, diz que a obra não avançou em 2016 por “pressão política” do Bloco de Esquerda e do Partido Ecologista Os Verdes, que queriam rever os termos do acordo que já tinha sido assinado. Assim, a empreitada caiu.
https://www.publico.pt/2019/12/27/sociedade/noticia/barragem-fundamental-gerir-mondego-cancelada-2016-1898664
 

·
Moderator
Joined
·
158,540 Posts
Na notícia do observador:

Girabolhos, “era quase outra Aguieira lá atrás”

“Sem [a barragem de] Girabolhos será muito difícil travar a repetição destes fenómenos. Temos que deixar de olhar para as barragens associadas à energia, e olhar para as barragens com todas as suas funções, de regularização, de armazenamento de água, de controlo de cheias e penso que isso vai ser cada vez mais importante no futuro”, afirmou o presidente da secção regional da Ordem dos Engenheiros, Armando Silva Afonso, que falava aos jornalistas numa conferência de imprensa na sede da delegação, em Coimbra, sobre as inundações que afetaram o Baixo Mondego.

Para o também docente de hidráulica na Universidade de Aveiro, face às alterações climáticas, Portugal tem de garantir mais eficiência hídrica, seja para armazenar água em tempo de seca seja para controlar os caudais em situações de risco de cheia, não acreditando que tal se consiga “fazer sem mais barragens”.
 

·
Moderator
Joined
·
158,540 Posts
O especialista em hidráulica e recursos hídricos realçou que a barragem de Girabolhos, projetada para uma zona que envolvia os concelhos de Gouveia, Seia, Mangualde e Nelas, adicionaria uma capacidade útil de regularização do Mondego de 245 hectómetros cúbicos de água (um hectómetro corresponde a mil milhões de litros), sendo que o rio tem neste momento uma capacidade de 365 hectómetros cúbicos, com as barragens de Fronhas, Raiva, Caldeirão e Aguieira. “Era quase outra Aguieira lá atrás”.

Caso se adicionasse à construção da barragem de Girabolhos a edificação de outras duas barragens projetadas para o Mondego (Midões e Asse Dasse), passaria a haver uma capacidade útil de 889 hectómetros cúbicos, mais do que duplicando a capacidade atual, notou, e isso “é algo extremamente importante”.
 

·
...
Joined
·
471 Posts
O especialista em hidráulica e recursos hídricos realçou que a barragem de Girabolhos, projetada para uma zona que envolvia os concelhos de Gouveia, Seia, Mangualde e Nelas, adicionaria uma capacidade útil de regularização do Mondego de 245 hectómetros cúbicos de água (um hectómetro corresponde a mil milhões de litros), sendo que o rio tem neste momento uma capacidade de 365 hectómetros cúbicos, com as barragens de Fronhas, Raiva, Caldeirão e Aguieira. “Era quase outra Aguieira lá atrás”.

Caso se adicionasse à construção da barragem de Girabolhos a edificação de outras duas barragens projetadas para o Mondego (Midões e Asse Dasse), passaria a haver uma capacidade útil de 889 hectómetros cúbicos, mais do que duplicando a capacidade atual, notou, e isso “é algo extremamente importante”.
A questão é que o projecto de Girabolhos não esta desenhada para reter 245 hm3. Mas sim 43.4. É uma grande diferença :eek:hno:

A verdadeira questão é que os projectos actualmente são pensados para produzir em preferência ao factor queda, "fazendo-se" passar por meras barragens fio de água com pouca capacidade de retenção. Foz Tua e Baixo Sabor são disso exemplo.

Aqui está o documento do siaia...Página 7 ou 5
http://siaia.apambiente.pt/AIADOC/RECAPE275/parecerca_ppa.41520141121145617.pdf

Saudações Cacienses
 

·
Amaro
Joined
·
14,521 Posts
 

·
...
Joined
·
471 Posts
Bela barragem bem como excelente projecto hidroelectrico!

É a barragem que mais electricidade produz sendo ela albufeira?

Saudações Caciences
 
721 - 739 of 739 Posts
Top