Skyscraper City Forum banner
1 - 20 of 35 Posts

·
Registered
Joined
·
411 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Boeing is preparing a 1000 passenger jet that could reshape the Air travel industry for the next 100 years. The radical Blended Wing design has been developed by Boeing in cooperation with the NASA Langley Research Center. The mammoth plane will have a wing span of 265 feet compared to the 747’s 211 feet, and is designed to fit within the newly created terminals used for the 555 seat Airbus A380, which is 262 feet wide. The new 797 is in direct response to the Airbus A380 which has racked up159 orders, but has not yet flown any passengers.
....Boeing decide to kill its 747X stretched super jumbo in 2003 after little interest was shown by airline companies, but has continued to develop the ultimate Airbus crusher 797 for years at its Phantom Works research facility in Long Beach, Calif. The Airbus A380 has been in the works since 1999 and has accumulated $13 billion in development costs, which gives Boeing a huge advantage now that Airbus has committed to the older style tubular aircraft for decades to come.
....There are several big advantages to the blended wing design, the most important being the lift to drag ratio which is expected to increase by an amazing 50%, with overall weight reduced by 25%, making it an estimated 33% more efficient than the A380, and making Airbus’s $13 billion dollar investment look pretty shaky. High body rigidity is another key factor in blended wing aircraft, it reduces turbulence and creates less stress on the air frame which adds to efficiency, giving the 797 a tremendous 8800 nautical mile range with its 1000 passengers flying comfortably at mach .88 or 654 mph cruising speed (another advantage over the Airbus tube-and-wing designed A380’s 570 mph)
....The exact date for introduction is unclear, yet the battle lines are clearly drawn in the high-stakes war for civilian air supremacy.

”This is a great advancement in commercial aviation and a huge win for boeing"
 

·
President and CEO
Joined
·
17,578 Posts
isso cá para mim é só marketing, o A380 já está a ser desenvolvido há muito tempo portanto imaginem o tempo necessáro para a Boeing acabar este novo jacto.
 

·
President and CEO
Joined
·
17,578 Posts
 

·
President and CEO
Joined
·
17,578 Posts
sim, mas hoje em dia existem versões do 737 bem avançadas como o Boeing 737-700/800 Next Generation.





O Boeing 737-800 Next Generation é uma das mais recentes e sofisticadas gerações da família Boeing.

Os pontos fortes desta aeronave são:

• Altíssima eficiência operacional

• Segurança

• Conforto

• Adaptação a rotas longas

• 12% mais rápido em velocidade de cruzeiro (em relação ao seu concorrente mais próximo)

• 5% mais lento no pouso, graças ao perfil de suas asas (maior seguranca para pouso em pistas curtas)

• 7% mais econômico (em relação ao seu concorrente mais próximo)

• Operação em rotas curtas, médias e longas

• Motores programados para operar com 22.000 libras de empuxo (podendo chegar à impressionante marca de 26.500 libras)

• Peso máximo de decolagem entre 59 e 71 toneladas (no caso da Gol, adequados para 62 toneladas)

• Alta sofisticação de componentes de bordo: TCAS, EGPWS e GPS

extraído de www.voegol.com.br
 

·
Airbus flyer!
Joined
·
1,952 Posts
Pontos fracos:
- Não tem Fly-by-wire;
- Manutenção mais cara que o A320;
- Carga de porão não vai em paletes de carga, indo toda solta dentro do porão;
- Tem a mesma velocidade que o A320;
- Essa da asa deu vontade de rir, o A320 tem das asas mais perfeitas até hoje feitas, sendo a melhor a do A330/40. A do 737 tem que recorrer a "vortex generators" para acelerar a camada limite na asa, no caso do A320 não é necessária porque é almost perfect (btw, não há nenhuma asa 100% perfeita).
- Desde quando é k o TCAS e o EGPWS são componentes de alta sofisticação?! São obrigatórios e todos os aviões de passageiros têm.
- Maximum T/O do A320 é entre 62 tons e 77 tons.
- A cabine do A320 foi considerada por um research norte-americano como a melhor cabine a nivel de passageiro, com espaço adequado nas bagageiras, janelas ao nivel certo, espaço no corredor, etc...
 

·
President and CEO
Joined
·
17,578 Posts
A Boeing tem algum modelo com fly-by-wire?
 

·
Banned
Joined
·
2,618 Posts
Por acaso não é a TAP que é boa cliente da Boeing?


PS: Aqui entre nós, esses Aviões para 1000 serão extremamente uteis ao Governo Rosa quando quiser expulsar os presos politicos nos próximos 20 anos de ditadura socrateana.
 

·
Registered
Joined
·
6,715 Posts
desculpem lá eu ja ouvi o termo, mas o queq ker dizer "fly by wire"? não tem a ver com os joysticks laterais ou qq coisa do genero?

eu era bom a pilotar "trainers" e bimotores,, ate recebi o certificado no fs :D a jacto so voava praticamente com o 737 .. so sabia os basicos.. voar (bem) num bixaroco desses mesmo que em simulador já exigia bastantes conheçimentos tecnicos.. e muitas horas de voo




este é o meu avião preferido ..bechcraft Baron.. perfeito para umas ferias de fim de semana

General characteristics
Crew: one, pilot
Capacity: five passengers
Length: 28 ft 0 in (8.53 m)
Wingspan: 37 ft 10 in (11.53 m)
Height: 9 ft 7 in (2.92 m)
Wing area: 199 ft² (18.5 m²)
Empty: 3,236 lb (1,468 kg)
Loaded: lb ( kg)
Maximum takeoff: 5,100 lb (2,313 kg)
Powerplant: 2x Continental IO-470-L, 260 hp (140 kW) each
[edit]
Performance
Maximum speed: 233 mph (373 km/h)
Range: 1,148 miles (1,836 km)
Service ceiling: ft ( m)
Rate of climb: 1,693 ft/min (516 m/min)
Wing loading: lb/ft² ( kg/m²)
Power/Mass:




 

·
Airbus flyer!
Joined
·
1,952 Posts
No meu manual de Estruturas:
The Fly-by-Wire (FBW) is a powered control system that uses electronic inputs to a solenoid operated servo valve rather than the mechanical inputs on conventional power controls. The pilot operates the flight deck controls, which may be a sidestick as with Airbus aircraft or a conventional control column and rudder pedals. This in turn operates transducers which convert mechanical input into an electrical output which is amplified, proceseed by computers with the porcessed command signal proividing the input to the servo valve which controls the movement of a hydraulic actuator. The A320 is a typical example of an aircraft with a FBW system in which all surfaces are actuated hydraulically and are electrically or mechanically controlled.

Traduzindo e trocando por miudos:
Nos aviões convencionais, as superficies de controlo são ligadas directamente ao manche/stick por cabos de aço, através de roldanas, etc. Isto para além de aumentar significativamente o peso do avião, torna-o dificil de controlar a altas velocidades.
Nos aviões Fly-by-wire, é dado um input mecanico no sidestick ou manche e este é processado através do computador (força g exercida no sidestick) e irá enviar electricamente para um actuador na superficie de controlo que o irá mover. Este sistema além de mais leve, dá uma serie de protecções ao avião (e por sua vez conforto aos passageiros), porque mantem o voo sempre a 1g, seja em subida, descida, em volta e também tem sistemas de protecção de pitch e roll (ai traduzir isto... pitch=cima e para baixo, roll=voltar esq e dta) a uns determinados graus de pranchamento e de atitude. A juntar a esses sistemas tem ainda, associado ao FADEC (Full Authority Digital Engine Control) nos motores, automaticamente acelera o avião caso ele esteja numa velocidade proxima de entrar em perda (entrar em perda é o fluxo de ar descolar da asa e o avião pode entrar em espiral).

Foi mt técnico?! :lol:
 
1 - 20 of 35 Posts
Top