SkyscraperCity banner
1 - 9 of 9 Posts

·
Home, sweet home
Joined
·
10,754 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Da curta viagem que acabo de fazer pela Beira Alta descobri lugares mágicos e inesquecíveis. Uma combinação perfeita entre a natureza e os velhos edifícios graníticos, que parecem emergir do solo.

Segunda parte da viagem - Cidade de Pinhel.



Pinhel é uma cidade portuguesa, pertencente ao Distrito da Guarda, região Centro e subregião da Beira Interior Norte, com aproximadamente 2.578 habitantes. Também conhecida por Cidade Falcão, é sede de um município com 484,5 km² de área e 10 399 habitantes (2007), subdividido em 27 freguesias. O município é limitado a norte pelo município de Vila Nova de Foz Côa, a nordeste por Figueira de Castelo Rodrigo, a leste por Almeida, a sul pela Guarda e a oeste por Celorico da Beira, Trancoso e Meda.
O concelho de Pinhel encontra-se entre 350 a 600 metros de altura em relação ao nível do mar e é banhado pelo rio Côa, pelo rio Massueime, para além da ribeira das Cabras e da ribeira da Pêga. Pinhel fica rodeado por paisagens vistosas: colinas, planaltos, montes e a notável Serra da Marofa. Pinhel foi outrora diocese e actualmente permanece o ponto focal de Terras de Riba Côa, dominada por planaltos, fortalezas, pelourinhos e os vastos horizontes, junto ao vale do Côa. A cidade de Pinhel possui monumentos tipicamente beirões, de beleza estética, de gastronomia e de vinho, para além de salientar os frondosos pinheiros e bosques da Beira Interior.
O nome "Pinhel" deriva da grande quantidade de pinheiros existentes nessa zona. A proximidade de Pinhel à Espanha fez com que esta fosse um fulcro de um dos mais avançados centros fortificados até à assinatura do Tratado de Alcanizes.
Na parte setentrional (norte), situa-se o Parque Arqueológico do Vale do Côa, compartilhado com algumas municipalidades vizinhas, recentemente declarado Património Mundial pela UNESCO.
O concelho de Pinhel recebeu foral de Dom Sancho I em 1209, detendo funções de organização militar e jurisdição. Deve-se a D. Dinis a reedificação do Castelo de Pinhel, constituído por duas torres, e a construção da histórica muralha que rodeava a vila da época (actual zona histórica), constituída por seis portas - Vila, Santiago, S. João, Marrocos, Alvacar e Marialva.
Tornou-se sede de diocese e cidade em 1770, durante o reinado de Dom José I, por desanexação da Diocese de Lamego, mas em 1881 a Diocese de Pinhel foi extinta pela Bula Papal de Leão XIII e incorporada na diocese da Guarda.


Foto aérea da cidade de Pinhel




Foto aérea do Centro Histórico de Pinhel




Vindos de Trancoso, chegámos ao Município de Pinhel.

01.


02.



Chegámos à cidade e dirigimo-nos directamente ao seu Centro Histórico, mais concretamente à Praça Sacadura Cabral, onde pudemos contemplar edifícios emblemáticos como: a Igreja da Miserricórdia, a Igreja de São Luis, a Casa grande (com brasão) ou o Pelourinho.

03.


04.


05.


06.


07.


08.


09.


10.


11.



... Uma breve visita ao edifício da Câmara Municipal .

12.



E passámos ainda pelo Largo Duarte Pacheco, antes da subida para os Castelos.

13.


14.


15.


16.



Quase no topo da subida, a bela Igreja de Santa Maria do Castelo.

17.



E finalmente, as Torres dos Castelos, enguem-se imponentes, dominando uma vasta área. Dali as viastas são de cortar a respiração.

18.


19.


20.


21.


22.


23.


24.


25.



E depois de uma pequena pausa neste belíssimo bar, onde se pode disfrutar de toda aquela paisagem, enquanto se observa a azáfama das andorinhas, descemos novamente a encosta, em direcção da cidade nova.

26.


27.


28.



A larga Avenida de São José e um belo canteiro de jardim dão-nos as boas vindas à cidade de Pinhel.

29.


30.



Nos novos bairros da cidade de Pinhel, as ruas e avenidas são largas, contrastando com as vielas do Centro Histórico.

31.


32.


33.


34.


35.


36.


37.


38.



... E deixamos Pinhel, rumo a outro tesouro da Beira Interior.

39.


Até Breve! :)
 

·
Registered
Joined
·
2,794 Posts
Muito bonitinha e organizada!! :cheers:
 

·
Registered
Joined
·
973 Posts
Mais dois dias seguidos de folga e mais um passeio. O trajecto desta vez foi Coimbra-Luso e Buçaco-Mangualde-Penalva do Castelo-Aguiar da Beira-Trancoso-Pinhel-Figueira de Castelo Rodrigo-Freixo de Espada à Cinta-Torre de Moncorvo-Vila Nova de Foz Côa no primeiro dia. No segundo dia foi Vila Nova de Foz Côa-Mêda-Penedono-Sernancelhe-Moimenta da Beira-Tabuaço-Armamar-Coimbra.

Aqui vos deixo mais fotografias de Pinhel.

































http://img109.imageshack.us/img109/7636/sl377237.jpg[/img)

[img]http://img690.imageshack.us/img690/3962/sl377236.jpg

































































 
1 - 9 of 9 Posts
Top