SkyscraperCity Forum banner

Criação da Região Metropolitana de Uberlândia

23103 Views 179 Replies 44 Participants Last post by  gutooo
Região Metropolitana de Uberlândia

Projeto de lei complementar PLC 8 2003, que cria e denomina a Região Metropolitana de Uberlândia, composta pelos municípios de Uberlândia (sede da região metropolitana), Prata, Araguari, Indianópolis, Monte Alegre e Tupaciguara, aprovado no 1º turno do ano passado, onde foi desarquivado esse ano para a votação em 2º turno na Assembléia Legislativa de Minas Gerais. ONDE SERIA CRIADO UM FUNDO DE DESENVOLVIMENTO, ATENDIMENTO AOS MUNICÍPIOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE UBERLÂNDIA. ONDE SERIA DENOMINADO UMA INTEGRAÇÃO FISICA E TARIFARIA DE SERVIÇO DE TRANSPORTE URBANO COMUM ENTRE OS MUNICIPIOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE UBERLANDIA, ALEM DE PROMOVER O DESENVOLVIMENTO DOS MUNICIPIOS DA REGIÃO METROPOLITANA.

No caso seria pelo consórcio de cidades, pois Uberlândia não tem conurbação com muitas cidades, podemos dizer apenas com Araguari, a 28 km de distância. O consórcio de cidades é levado em conta a interdependencia dos municipios da região metropolitana com a cidade sede, no caso Uberlândia em questões de saúde, educação, infra-estrutura, até mesmo no comércio e consumo!



Status
Not open for further replies.
21 - 40 of 180 Posts
Timóteo, Coronel Fabriciano e Ipatinga são praticamente conurbadas! Se tiver um espaço de 1km entre elas é muito.
Falou certo: o importante é o movimento pendular e a integração (e interdependência) econômica entre elas. Conurbação (união física das áreas urbanas) não é impressindível. Outra figura q existe, além da RM, é o aglomerado urbano. Cuiabá é, com Várzea Grande. Conceitualmente um AU exigiria uma população menor que uma RM e não necessitaria de ter um pólo tão mais desenvolvido que as outras cidades, mas não sei quais as nuances legais entre uma e outra.

As RMs são muito visadas porque a existência delas abre possibilidade para recursos e financiamentos. Mas sem um conselho metropolitano bem formado e vontade política para que haja a discussão dos problemas comuns, de nada serve uma RM. :eek:hno:

Interessante como há várias RMs em SC e PR, incluindo cidades que são até pequenas.
Ih...mais uma discussão sobre conurbação.

Para mim, uma RM não precisa ter todas as cidades conurbadas. Mas pelo menos algumas sim. E é fundamental que haja o dito "movimento pendular", cidades-dormitório, etc. E é claro, mais de 5 municípios e pelo menos 1.000.000 de habitantes na RM. Assim como não pode haver municípios a mais de 40km da metrópole dessa RM.

Se não for assim, SP poderia ter umas 15 a 20 regiões metropolitanas...e só tem 3, com mais umas 3 em formação.

O ideal para U.dia seria a criação de uma figura (não sei se já há alguma) que contemple as necessidades de integração, sem banalizar o uso do termo "região metropolitana", pois não existe RM com o município mais próximo a 28km (foi isso que entendi, corrijam-me se estiver errado).
Exatamente. Em São Paulo, é o que ocorre no Vale do Paraíba, onde existem várias cidades conurbadas (Jacareí e Caçapava com São José dos Campos, Aparecida com Guará, Pinda e Tremembé com Taubaté, etc), porém sem nenhum desses núcleos atingindo todos os critérios para tornarem-se RMs. Fala-se da RMVP (Região Metropolitana do Vale do Paraíba), embora na minha opinião ele seja uma coleção de AUs, no eixo da megalópole em formação (RJ-SP).

São José dos Campos, com sua conurbação com Jacareí, Caçapava e outras cidades menores (Paraibuna, Monteiro Lobato, etc), está beirando os 1 milhão de habitantes e pode vir a tornar-se uma RM a médio prazo.
Falou certo: o importante é o movimento pendular e a integração (e interdependência) econômica entre elas. Conurbação (união física das áreas urbanas) não é impressindível. Outra figura q existe, além da RM, é o aglomerado urbano. Cuiabá é, com Várzea Grande. Conceitualmente um AU exigiria uma população menor que uma RM e não necessitaria de ter um pólo tão mais desenvolvido que as outras cidades, mas não sei quais as nuances legais entre uma e outra.
O simples fato de cidades interagirem entre si (dependencia econômica em geral) não dá o direito de tornarem uma RM no papel!
A criação de uma região metropolitana é muito além disso.. as cidades tem que completarem entre si como extensão umas das outras...uma faixa contínua de urbanismo, infraestrutura, decisões politicas e administrativas unificada!
Por isso acredito eu que conurbação é um fator importante SIM para a criação de uma RM!
RM deveria ser só por conurbação, depois daquele projeto da criação da RM de Manaus, que seria mais que dois Espírito Santo asuhasuash Eu não falo mais nada :lol: :cheers:
O simples fato de cidades interagirem entre si (dependencia econômica em geral) não dá o direito de tornarem uma RM no papel!
A criação de uma região metropolitana é muito além disso.. as cidades tem que completarem entre si como extensão umas das outras...uma faixa contínua de urbanismo, infraestrutura, decisões politicas e administrativas unificada!
Por isso acredito eu que conurbação é um fator importante SIM para a criação de uma RM!
É o contrário. Decisões político-administrativas unificadas para uma área conurbada ou em conurbação só é possível com a criação da região metropolitana, ou aglomerado urbano. E estes só são criados (ou só deveriam ser) com a integração econômica, de transportes, de comunicação e de serviços entre as cidades.
O simples fato de cidades interagirem entre si (dependencia econômica em geral) não dá o direito de tornarem uma RM no papel!
A criação de uma região metropolitana é muito além disso.. as cidades tem que completarem entre si como extensão umas das outras...uma faixa contínua de urbanismo, infraestrutura, decisões politicas e administrativas unificada!
Por isso acredito eu que conurbação é um fator importante SIM para a criação de uma RM!
rsrsrsrsrs, Manaus ser RM é complicado, porque não há movimento pendular, não há fluxo intenso de serviços etc com outras cidades próximas. Por exemplo: Cuiabá e Várzea Grande são coladas, só tem o rio Cuiabá a separá-las. Há um movimento muito grande de pessoas entre os municípios, há transporte integrado, troca de serviços etc. Há amigos meus, por exemplo, que fazem faculdade comigo em Cuiabá e moram em VG. Isso indica uma complementariedade entre as cidades que pode se tornar uma RM ou AU (no caso de Cuiabá já é, um AU), dependendo mais especificamente do tamanho da população e da polarização e influência do município principal sobre os outros.

Tão tentando "elevar" Cuiabá a RM, vejamos se conseguem rs. Se ao menos o conselho já existente mostrasse mais serviço acho que já tava bom...
RM deveria ser só por conurbação, depois daquele projeto da criação da RM de Manaus, que seria mais que dois Espírito Santo asuhasuash Eu não falo mais nada :lol: :cheers:
A Região Metropolitana do Vale do Aço é composta pelos municípios de Ipatinga (236 mil), Cel. Fabriciano (104 mil) , Timóteo (81 mil) e Santana do Paraíso (21 mil).

Em relação a conurbação ela é linear (no sentido oeste-leste, Timóteo-Fabriciano-Ipatinga-Paraíso). A distância entre o bairro Santa Maria de Timóteo e o Centro de Fabriciano é uns 500 metros e entre o bairro Amaro Lanari em Fabriciano e o bairro Horto em Ipatinga são exatos 970 metros. A conurbação entre Ipatinga e Paraíso é recente e se deveu a criação de vários loteamentos "ipatinguenses" no município vizinho.

Alguns números de migração pendular...

Microrregião - Pop. Total - Trabalha ou estuda onde mora - Não trabalha e não estuda - Trabalha ou estuda em outra cidade

Belo Horizonte - 4 259 354 - 2 441 601 - 1 417 770 - 391 072
Ipatinga - 474 147 - 270 532 - 177 654 - 23 326
Uberlândia - 702 074 - 475 876 - 217 576 - 4 834

Fonte: Censo demográfico 2000: migração e deslocamento: resultados da amostra
^^
isso ae é de 2000
Na minha humilde opniao, ninguem sabe realmente oq passa na cabeça desses politicos...ou intao as explicaçoes aqui sobre oque é "movimento pendular" nao me entram na cabeça...
Pra mim, ter um onibus interubano de 10 em 10 minutos, ter ENGARRAFAMENTO na BR-050 em horarios de pico, (6 da manha e 7 da noite) onibus e mais onibus de estudantes vindo principalmente de Monte Alegre e Araguari e Indianopolis (e indo! Araguari hj tem ate curso de medicina particular) estudar nas faculdades/universidades da cidade ou da regiao (que por sinal ja sao 8 ou 9 que em UDI) pessoas de fora que vem trabalhar aqui, Hospital das Clinicas da UFU abarrotados de gente nao só da micro regiao de Uberlândia, mas de todo Triangulo e sul de Goiais...e por ae vai...
se isso nao é movimento pendular, nao sei oq é!
e outra, nenhuma cidade cresce a quase 3% ao ano sem ter motivos...e principalmente, sem ter cidades na regiao que a ajudem a crescer... como sua pesquisa disse ae, Uberlândia em 2000 tinha 475 876 e hj, 7 anos depois, extimativa do IBGE é pra 620 mil pessoas...
alguem me explica isso?

Agora...muita gente parece que ta preucupado com a denominaçao "metropole", acho que a cidade em si nao precisa disso, todo mundo ja sabe que Uberlândia, cresce, com suas proprias pernas, apesar que AGORA, de 2 anos pra ca, da pra perceber a dependencia fisica das cidades da regiao e vice-versa!
Se for pra criar a tal da RM, que criem, mas façam planos de crescimento e investimento iguais pra todas a cidades, e quem sabe, ate expandindo as oportunidades e ampliando a capacidade de novos investimentos aqui na regiao.
^^
Com todo o respeito, talvez seja simplista usar esses critérios referentes ao movimento pendular.
Se for assim, posso dobrar ou triplicar a área da RM Campinas colocando a região de Jundiaí, de Itu e de Limeira e quem sabe, expandir até MG, perto de Ouro Fino, pois também existe movimento pendular de estudantes para a UNICAMP/PUCCAMP/UNIP/FAC, e movimento pendular de pacientes para o HC-UNICAMP...

Embora ache que Uberlândia mereça uma nova classificação que considere este período de intenso crescimento que a cidade está vivendo nos últimos anos...

É preciso tomar cuidado com o conceito de Região Metropolitana, pois vivenciamos uma explosão na quantidade de Regiões Metropolitanas, muitas das quais na verdade são Aglomerados Urbanos.
^^
intao me explique oq é movimentaçao pendular, pq pra mim por mais simples que isso seja, gera , em termos de DINHEIRO pros municipios, boa parte do PIB arrecadado...

ps. discuçao construtiva, eu REALMENTE nao consigo nao ver isso como movimentaçao pendular...
^^
Olha, para mim movimento pendular é o movimento de trabalho e econômico entre cidades próximas. Se Uberlândia pode fazer uma RM, Manaus também pode com Iranduba. Mas não tenho tanto estofo para discutir urbanismo, tanto que construtivamente não estou habilitado a prosseguir nesta discussão, essa não é minha especialização, mas (repisando o argumento) 28km da cidade mais próxima é muito longe...
nos EUA tb existem muitas areas metropolitanas sao mais de 100 , e tem cidade com ate 100 mil habitantes em sua cidade sede
pois é, é uma discussao complicada...acho que falta PESQUISA pra descobrir se REALMENTE há ligaçoes fortes entre as duas cidades( Araguari - Uberlândia)...ficar no achismo nao dá.
Tem muita gente aqui (dito popular) que diz que Araguari é o "bairro" mais afastado de UDI, e que é um bom lugar pra morar (violencia menor, e ainda distancia relativamente baixa, programas como opçoes de cinema, fazer compra em um hipermercado com maior variedade de produto, estudos, trabalhos ou fazer um programa noturno diferente, é so vim a cidade) e VICE-VERSA (principalmente shows regionais, divulgaçao em massa aqui)
acho que tudo depende de ponto de vista...pra mim isso é movimentaçao pendular, ta gerando riqueza pras duas cidades, ta criando empregos entre outras coisas...
mas como eu disse acima, precisa-se fazer uma PESQUISA pra determinar o GRAU de "pendulaçao" que existe entre as duas cidades...a distancia de 25km, pra mim nao é desculpa, pq se é 10 ou 25km a integraçao pode ser a mesma, ou nao.
outra pergunta que se deve fazer é, QUAIS os ganhos pras cidades envolvides nessa possivel regiao??? vai haver investimentos de valores iguais pras mesmas???
pq tb receber o "titulo" e nao ter ganho nenhum, melhor nao ter né?

Ps; Um fato importante que ja é atual, e nao pode deixar de ser lembrado é o loteamento pra condominios nas margens da represa das Usinas Hidroeletricas de Capim Branco 1 e 2, que estao localizadas exatamente no limite entre os 2 municipios, formando assim uma "massa" urbana nessa regiao. (pode ser ate um inicio de uma futura "beeeeeem" longa cornubaçao.)
Foi isso que falei! A conurbação é um fator IMPORTANTE e não decisivo!
É o contrário. Decisões político-administrativas unificadas para uma área conurbada ou em conurbação só é possível com a criação da região metropolitana, ou aglomerado urbano. E estes só são criados (ou só deveriam ser) com a integração econômica, de transportes, de comunicação e de serviços entre as cidades.
Se um condado tiver mais de 500mil hab., já é uma r.m.
nos EUA tb existem muitas areas metropolitanas sao mais de 100 , e tem cidade com ate 100 mil habitantes em sua cidade sede
Acho muito forçado esse projeto, tudo bem que a cidade é grande e tem lá seus ares cosmopolitas, mas em termos de região, é muito pouco.
:clown: ...sério isso?! Que absurdo! :eek:hno: O cidadão gastará mais de 8 hs para atravessar a sua região metropolitâna! :laugh:
..., depois daquele projeto da criação da RM de Manaus, que seria mais que dois Espírito Santo asuhasuash Eu não falo mais nada :lol: :cheers:
Concordo com você, mas estar a 100km de uma cidade vizinha já dá o direito de ser de uma região metro. ...mas precisamos saber quantas cidades aglomeradas é preciso para se criar tal metro.


Região metropolitana com quem?!? Uberlândia não tá perto de nada. Acidade mais próxima fica a 30 km. Que idéia besta essa!
Acho muito forçado esse projeto, tudo bem que a cidade é grande e tem lá seus ares cosmopolitas, mas em termos de região, é muito pouco.
Eu achei Uberlândia bem grande mesmo! De noite quando a gente chega na cidade de ônibus pela entrada leste, percebemos isso! (fiquei pasmo) ...e olhem que a cidade não possue um local realmente alto para comprovarmos sua imensidão.

RESUMINDO: A criação dessa região tem na verdade o propósito de desvincular Uberlândia com a grande rivalidade com Uberaba, que ficará medíocre ao lado de uma metrópole.
^^
ah cara...bobera falar isso, me desculpa...
acho que essa "rivalidade" com Uberaba, só pessoas de cabeça bem quadrada pra achar ou provocar que ainda existe...as vezes é ate uma bobera criada contra um "Movimento" anti separatista do Triangulo, que historicamente sempre teve um articulador que "colocava" as 2 cidades entre si...
acho que é MUITO pelo contrario!!!
as duas cidades sao sim muito integradas uma com a outra, sua economia sao dependentes, e sim, assim COMO Uberlândia, Uberaba TAMBEM teria ate condiçoes de criar sua propria regiao Metropolitana, ate pq, tem cidade (distancia igual ou menor que as cidades perto de Uberlândia) que sao completamente dependentes uma das outras! Ex. Verissimo e Delta (que hj é emancipada).
Essa é minha opniao, Uberaba NUNCA vai ser "mediocre" perto de Uberlândia, ate pela sua HISTORIA e pela sua cultura, que sao muito fortes e formadores de opniao em toda a regiao do Triangulo, e pra mim, falar isso, é ser cabeça PEQUENA no ULTIMO (sem ser pessoal, claro!)

ps. vc por acaso continuou, alguma vez pela BR050? mal sai da cidade, ja da pra ver completamente ARAGUARI, principalmente a noite...da pra mostra bem, que tais 25km nao sao tao distantes assim...
21 - 40 of 180 Posts
Status
Not open for further replies.
Top