Skyscraper City Forum banner
Status
Not open for further replies.
1 - 20 of 30 Posts

·
Christopher
Joined
·
17,520 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Embraer estuda aeronave maior que E195

Até pouco, o limite natural de capacidade para a nova família de E-Jets da Embraer ficava em torno dos 110 passageiros, diante da presença dos jatos menores da Boeing e da Airbus. Em data mais recente, os projetistas da linha CS da Bombardier parece não terem tomado conhecimento desta barreira. O fato pode ter motivado a empresa brasileira a iniciar contatos com futuros operadores do novo modelo maior da Bombardier e estudar os novos motores que estão sendo desenvolvidos pelas "três grandes" ( GE, Pratt&Whitney e Rolls-Royce. Motores de nova tecnologia são um imperativo, caso uma eventual nova aeronave para 130 ou mais passageiros se traduza em um projeto novo e não mais um alongamento do Embraer 195.


Fonte: Jet Site
http://www.jetsite.com.br/2008_v35/Noticias.aspx?getByID=1824
 

·
Christopher
Joined
·
17,520 Posts
Discussion Starter · #4 ·
Vi no Contato Radar que a Azul estaria para adentrar no nicho latino americano, com o A320 (informações não confirmadas).

Se a Embraer por em prática este novo projeto, acho que a Azul poderia ser a compania lançadora, com voos internacionaios e domésticos de boa ocupação com a nova aeronave, pois pelo menos, o namoro Embraer e Azul vai muitíssimo bem...

 

·
Brasil | Mexico
Joined
·
18,763 Posts
Desde de 2006 essa notícia vazou:

**************************************

Embraer prepara-se para enfrentar a Boeing e a Airbus
http://cidadebiz.oi.com.br/paginas/36001_37000/36696-1.html

Para fazer frente às potências do setor, empresa tem como trunfo um modelo para 122 passageiros

25.09.2006 - 14:35

Redação

Depois dos sucessivos nocautes comerciais na Bombardier, a Embraer resolveu mudar de categoria e enfrentar também as grandes potências do setor. Chegou a hora de subir ao ringue e disputar com a Boeing e a Airbus as encomendas por
aeronaves de maior porte.

A grande aposta da companhia é o modelo EMB 195, com capacidade para 122 passageiros. No momento, a Embraer está à frente de duas grandes negociações. Articula a venda de 40 aviões para a chinesa HNA. Trata-se da mesma companhia aérea que, recentemente, fechou junto à indústria de São José dos Campos a compra de um lote de 100 aeronaves, composto pelos modelos ERJ 145 e EMB 190.

A Embrear está também em conversações com a inglesa Fly Be. Somando-se os eventuais contratos com chineses e britânicos aos 36 pedidos firmes já em carteira, as vendas do EMB 195 deverão render cerca de US$ 4 bilhões ao longo dos próximos três anos.

Com esses dois novos acordos comerciais, a Embraer começa a ganhar corpo para disputar mercado com Boeing e Airbus. Historicamente, as duas indústrias sempre dominaram as vendas internacionais de aeronaves de médio porte. O EMB 195 vai bater de frente com o 737- 600, com capacidade para 132 passageiros, e com o A319, que transporta 134 pessoas.

A expectativa da Embraer é negociar uma média de 110 aeronaves por ano até 2009. Este número é muito próximo ao total de pedidos registrado tanto pela Boeing quanto pela Airbus nesta faixa intermediária do mercado.

O embate entre os três fabricantes deverá ser particularmente encarniçado na Ásia. A maior parte das encomendas por aeronaves do perfil do EMB 195 vem da China, onde é crescente o número de vôos regionais. Estas rotas pedem aeronaves com capacidade entre 110 e 140 assentos. A Embraer joga boa parte de suas fichas nas vendas do EMB 195. A estimativa é de que o modelo, sozinho, seja responsável pelo aumento de 50% da receita da empresa até 2009.

Além disso, o projeto servirá de plataforma para vôos mais altos. A Embraer já trabalha no desenvolvimento de aviões maiores, da série 200, com capacidade para até 140 passageiros. No total, deverá investir cerca de R$ 1 bilhão na montagem destas novas aeronaves.

Os primeiros modelos seriam comercializados em 2009. Para diminuir seus custos diante de tantos projetos, a companhia estuda, inclusive, reduzir a produção interna da linha ERJ. Todas as encomendas feitas por companhias asiáticas sairiam de São José dos Campos e seriam assumidas pela fábrica
chinesa, localizada na cidade de Harbin.
**************************************

Embraer Studying 200 Series Aircraft
http://www.airliners.net/aviation-forums/general_aviation/read.main/3027078/

On seeing the mention of Embraer possibly extending the EMB195 on the post titled "Air Canada Possibly Replacing Airbus With Embraer", I thought I would share with you what I read on the 25th Sept 2006 on a Brazilian business website, as it has not been mentioned here directly until now!

In Portuguese: http://cidadebiz.oi.com.br/paginas/36001_37000/36696-1.html

Titled : Embraer Prepares To Face Boeing and Airbus

It describes the market for jets up to 737-600 & A319 size aircraft.

The second last paragraph is the key, it states that:

Embraer is working on the design of larger aircraft, to be known as the 200 series it will accommodate up to 140 passengers. In total Embraer will invest in the region of R$ 1 Billion (Brazilian Reais) on the project for these new aircraft.

The first models will be commercialized in 2009.

To reduce costs for funding of this project the company is studying the reduction of ERJ regional jets and transferring such production to Harbin, China. Remember last month Embraer signed a deal to supply China with 50 ERJ145's the assembly of which is to be done by Harbin in China.

With both Boeing and Airbus in the development of thier larger aircraft they have both stated that they are not in any position to think of a replacement of the B737 or A320 series before 2010 at the earliest. The B787 and A350 will keep both fully occupied and Airbus have enormous problems with A380 and re-launchig of the A350.

If this article is factual then Embraer could be in an excellent position to capture part of the mid single isle market sales in the future.

Having such a good product range in the 170/190 series with orders still coming in, even today Northwest ordered 36 E175's with 36 options and rumoured that Lufthansa is also studying the EMB product, times look good for an upgarde to a 200 series aircraft.

It may be time for A & B to get a reminder that other competition is out there with an equally good product, keeping your eggs in one basket and fighting model to model may have given Embraer the opportunity to get a larger market share. Bombariers 'C series' has all but bit the dust and the other competitors in Russia for example are way behind the power curve.

It will be interesting to see what comes out of this report, I can only wish Embraer every success if they move forward with such a challenge.
**************************************
 

·
Registered
Joined
·
1,179 Posts
140 passageiros? Tomara que seja no mínimo 160 passageiros !!

Já era de se esperar. A embraer está crescendo muito, agora é hora de enfrentar diretamente com a Airbus e a Boeing.
 

·
♫ lıı.lllıılı..lll&
Joined
·
2,112 Posts
OOpa, vem coisa boa por aí...
 

·
Christopher
Joined
·
17,520 Posts
Discussion Starter · #15 ·
140 passageiros? Tomara que seja no mínimo 160 passageiros !!

Já era de se esperar. A embraer está crescendo muito, agora é hora de enfrentar diretamente com a Airbus e a Boeing.
Calma... o negócio é concorrer com a Bombardier na faixa 120-140 passageiros.

Eu acho que não lá muito interessante agora, a Embraer por em risco sua rentabilidade e competitividade a favor de um projeto que briga com os caçulas da família de 737 e A320, que são 'a salvação do caixa' da Boeing e da Airbus.
 

·
lê-se: "FÚRRIÊ!"
Joined
·
7,860 Posts
A Embraer está aperfeçoando o domínio da fabricação de materias compostos, extremamente estratégicos para o projeto das novas aeronaves da linha 200......

Falamos sobre isso em outro thread, da Aviação Militar no Basil, do forista provinciano.....

O domínio das técnicas de fabricação da aeronave militar C-390, serão fundamentais para esse novo passo.... Está com R$ 800 milhões na mão para a fase inicial do projeto C-390... Só fase inicial!!

Vamos EMBRAER!!! Sai da frente Bombardier!!!!

(como é bom ver uma coisa que funciona bem nesse país....:banana:)
 

·
Banned
Joined
·
14,522 Posts
140 passageiros? Tomara que seja no mínimo 160 passageiros !!

Já era de se esperar. A embraer está crescendo muito, agora é hora de enfrentar diretamente com a Airbus e a Boeing.
É agora que o bicho pega!
 

·
Inconsciente Coletivo
Joined
·
6,114 Posts
Nossa Onça dando patada nos Ursos! Que medo! De qualquer forma, boto muita fé nas decisões da Embraer, gestão de primeira qualidade!
 

·
Leão do Norte
Joined
·
222 Posts
A Embraer tá meio afundada com a concorrencia pesada; tomara que algum lançamento ajude; e por pensar bem, nem no Brasil as grandes empresas aproveitam as naves.
Deveria ter mais Embraer no nosso céu... ô governo burro...
 

·
Leão do Norte
Joined
·
222 Posts
PS: a Embraer foi privatizada em 1994

Wikipedia
Em 1992, Ozires Silva foi convidado a voltar à presidência da empresa e a conduzir o processo de privatização.

Em 1994, durante o governo de Itamar Franco, a empresa foi leiloada, para depois passar por um longo processo de reestruturação e apresentar novos projetos que a tornariam uma gigante de setor.

A Embraer, antes da ser privatizada, sequer figurava entre as empresas com maior valor de mercado e, hoje, é avaliada em R$ 17 bilhões [2] , além de figurar como a terceira maior fabricante de jatos do mundo [3].
 
1 - 20 of 30 Posts
Status
Not open for further replies.
Top