SkyscraperCity banner
1 - 20 of 48 Posts

·
Registered
Ao lado da Ciência, dos Fatos e da Empatia
Joined
·
12,723 Posts
Discussion Starter · #1 · (Edited)
Escritório carioca desenvolve ônibus
que se move no mesmo espaço de uma moto

Veículo inovador se movimenta em canaleta de apenas 80 cm ao lado de avenidas

Sérgio Vieira, do R7 | 23/11/2010 às 13h28

O escritório carioca Índio da Costa AUDT (sigla para Arquitetura, Urbanismo, Design e Transportes) desenvolveu projeto para um veículo alternativo e bastante inovador: o ônibus-motocicleta, que ocupará apenas 80 cm de largura no asfalto – área onde normalmente cabe apenas uma motocicleta – mas que carregará uma cabine elevada com aproximadamente 200 passageiros, como um ônibus articulado.

A empresa afirma que apesar de ainda estar no papel e não possuir maquete pronta, algumas cidades já se candidataram a sediar o trecho-piloto. Para tal, estão criando um grupo multidisciplinar para estudar a implantação do sistema e definir onde prioritariamente poderiam ser instalados.

Apelidado temporariamente de TEX (transporte Expresso), o novo sistema de transporte público urbano se movimentaria em uma estreita canaleta embutida no asfalto. Ela teria aproximadamente um metro de profundidade onde ficaria um conjunto de trilhos, abrigando todo o sistema de tração e suspensão do veículo, tais como os motores elétricos, as rodas, os truques entre outras peças.

À primeira vista, a canaleta poderia ter o caminho impedido caso houvesse acúmulo de lixo ou se fosse colocado outro obstáculo, mas o escritório garante que um sistema de proteção impede que qualquer detrito fique na região, o que dificultaria a movimentação do veículo.


O escritório carioca Índio da Costa AUDT (sigla para Arquitetura, Urbanismo, Design e Transportes) desenvolveu projeto para um veículo alternativo e bastante inovador: o ônibus-motocicleta, que ocupará apenas 80 cm de largura no asfalto – área onde normalmente cabe apenas uma motocicleta – mas que carregará uma cabine elevada com aproximadamente 200 passageiros, como um ônibus articulado.

A empresa afirma que apesar de ainda estar no papel e não possuir maquete pronta, algumas cidades já se candidataram a sediar o trecho-piloto. Para tal, estão criando um grupo multidisciplinar para estudar a implantação do sistema e definir onde prioritariamente poderiam ser instalados.

Apelidado temporariamente de TEX (transporte Expresso), o novo sistema de transporte público urbano se movimentaria em uma estreita canaleta embutida no asfalto. Ela teria aproximadamente um metro de profundidade onde ficaria um conjunto de trilhos, abrigando todo o sistema de tração e suspensão do veículo, tais como os motores elétricos, as rodas, os truques entre outras peças.

À primeira vista, a canaleta poderia ter o caminho impedido caso houvesse acúmulo de lixo ou se fosse colocado outro obstáculo, mas o escritório garante que um sistema de proteção impede que qualquer detrito fique na região, o que dificultaria a movimentação do veículo.

Acoplada a ela, uma estrutura metálica pantográfica (mais segura e estética em relação à grade fixa) de apenas 80 cm de largura, liga esse sistema de propulsão à cabine de passageiros, que pode ser elevada a aproximadamente três metros de altura. Ou seja, o veículo pode modificar sua altura se tiver que passar por dentro de túneis ou, no caso de avenidas, este sistema faz com que a cabine passe por cima do trânsito, ocupando apenas a largura de uma ciclovia.

Além disso, segundo o escritório, permite tráfego por cima da canaleta nos cruzamentos (sistema semelhante aos usados em alguns VLTs - veículos leves sobre trilhos).

Os custos de implantação

Segundo o escritório, “a grande vantagem do sistema é sua facilidade de implantação nos centros urbanos existentes, já engarrafados e densamente ocupados. Por ocupar uma faixa tão estreita da pista, pode-se criar corredores de ônibus em praticamente todas as avenidas, sem que estes prejudiquem o trânsito já existente, além de ser uma obra muito mais rápida e de menor custo”.

O custo total de implantação do sistema seria de aproximadamente R$ 15 milhões por quilômetro, o que equivale a um décimo do investimento de implantação de uma linha de metrô.

De acordo com o projeto que está sendo apresentado nesta terça-feira (23) na Sustainable Mobility Summit, no Canadá, uma composição biarticulada, por meio de um sistema monitorado, pode vir a transportar 20 mil passageiros a cada hora hora por sentido, capacidade semelhante à de um VLT) ou de um corredor de ônibus (BRT – Bus Rapid Transit) como os que entrarão em construção para a Copa do Mundo e Olimpíada 2016.

Em trechos de alta demanda, ainda segundo a empresa, o investimento poderia ser praticamente todo feito pela iniciativa privada, em troca de uma concessão de transportes, com uma pequena parte do investimento feito pelo governo, diferente dos 80% de investimento que o governo faz atualmente.

Outra vantagem apontada pela companhia é evitar desapropriações, uma vez que pode trafegar em avenidas já existentes, necessitando apenas de adaptações.

- Por comparação, estima-se que o T5 (novo corredor de ônibus que ligará a Barra à Penha, no Rio de Janeiro) gastará mais de R$ 200 milhões em desapropriações, ou seja, mais de 20% do investimento total da obra.

 

·
Registered
Ao lado da Ciência, dos Fatos e da Empatia
Joined
·
12,723 Posts
Discussion Starter · #2 ·
Eu já havia visto este projeto no site do escritório da Verônica Costa, digo, do Índio da Costa. Parece fantástico, de vanguarda. Será que o Brasil vai perder a chance de mostrar ao mundo na Copa e nos Jogos Olímpicos uma reformulação bem feita no sistema de transporte das cidades-sede, com tecnologia made in Brasil?

Me parece melhor que BRT e outras soluções.
 

·
Vitória da Conquista (BA)
Joined
·
8,025 Posts
Muito bom! Tá parecendo cópia de um projeto chinês que vi esses dias. Até mesmo algumas partes da notícia se parecem com a que li em relação ao outro projeto.

Se esse ônibus-motocicleta der certo no piloto e se expandir para outras cidades, será bastante louvável.
 

·
Registered
Ao lado da Ciência, dos Fatos e da Empatia
Joined
·
12,723 Posts
Discussion Starter · #5 ·
E as estações seriam elevadas ou os ônibus desceriam em cada uma delas?
Boa pergunta. Mas acho que as estações seriam altas porque, ficar naquele movimento de sobe e desce a cada estação deve ser chato para o passageiro.
 

·
Registered
Joined
·
1,177 Posts
O projeto parece muito interessante, inclusive se o preço realmente for o citado na notícia. Mas ainda precisa responder uma série de questionamentos antes de ser colocado em prática. Por exemplo, qual a altura do veículo? e quanto as avenidas com passarelas? linhas elétricas de transmissão? e quanto ao perigo de caminhões altos trafegando nas pistas vizinhas? enfim... mas repito: Gostei da idéia.
 

·
Registered
Ao lado da Ciência, dos Fatos e da Empatia
Joined
·
12,723 Posts
Discussion Starter · #9 ·
É uma pena que o Brasil não tenha tanto interesse em investir pesado e tirar do papel as boas ideias brasileiras para o transporte. Se fosse um projeto Japonês ou Chinês, esses países já o teríam executado com sucesso e estariam exportando para o mundo.

Nesse momento em que o Brasil vai "mostrar-se melhor" para o mundo, com Copa e Olimpíadas, a gente perde uma chance dessas :eek:hno:
 

·
Registered
Joined
·
5,200 Posts
Como esse negocio faz curva? Eu que não entro nesse trem! :nuts::nuts:

O projeto Chines é diferente, ele tem as "pernas" dos dois lados da pista e os carros passariam por baixo do trem. Tbm achei meio estranho hehehe
 

·
BYOB
Joined
·
4,739 Posts
Me parece que dá pra fazer uma estrutura estável sim. O que me preocupa é esse túnel de 15 metros de altura no render...
 

·
Mobilidade Urbana Moderna
Joined
·
3,874 Posts
E bastante interessante e legal , e acredito que seja um Transporte Ecologiamente Correto e evita muito Transito nas Grandes Cidades, seria bom se implantasse em Sao Paulo,acho que seria a primeira Cidade a ter esse tipo de veiculo.

E uma pena que esses Projetos e Ideias, nao sao para agora desta epoca, isso infezmente e uma coisa ainda para ocorrer so num Futuro a Longo Prazo, com Certeza esses Onibus so circularam daqui ha 30 anos ainda. Com certeza isso vai demorar bastante pra virar realidade.
 

·
Banned
Joined
·
9,270 Posts
achei bastante interessante....como alguns falaram aqui.....com copia e olimpíadas batendo a nossa porta perdemos a chance de mostrar pro mundo tecnologias brasileiras pra resolver nossos gargalos como esse projeto e o do maglev brasileiro por ex.
 

·
How about a magic trick?
Joined
·
4,798 Posts
O que tem de "onibus" nesse monotrilho?

Vou inventar um garfo com 6 hastes e vou cobrar royalties.
 
1 - 20 of 48 Posts
Top