SkyscraperCity Forum banner
1 - 20 of 33 Posts

·
Banned
Joined
·
27,387 Posts
Discussion Starter · #1 ·
O nome Shundi Kobayashi pode soar estranho aos brasilienses (pelo menos àqueles não muito ligados em comida japonesa), afinal, ele não é daqui. Mas faz sucesso em São Paulo, como um dos melhores sushimen dessa cidade.

Quem o conhece sabe que ele não abre mão de bons ingredientes, especialmente, dos inusitados. E depois de cerca de 30 anos oferecendo sua experiência e talento a casas de prestígio, decidiu ter a própria, na badalada rua Dr. Mário Ferraz, em São Paulo. Ela se chama Original Shundi (o nome talvez seja uma provocação à antiga sociedade, o restaurante Shundi & Tomodachi, que mesmo depois de sua saída, continuou usando seu sobrenome) e tem um ano de funcionamento.

A segunda etapa do sonho do sushiman vem agora. Dia 28, ele inaugura na «esquina inferior» da 408 Sul sua primeira casa em Brasília, homônima da de Sampa, com projeto do arquiteto Ruy Ohtake e construção do engenheiro Vitor Odisio. São três ambientes inferiores (bar, salão interno e externo) e mais cinco salas reservadas no piso superior. Toda a construção conta com tecnologia avançada, necessária para projetar imagens em locais inusitados, como o teto do banheiro, e outras mordomias para os clientes.

Se a ambientação segue a linha moderna (tem até peças Philippe Starck), a comida dialoga com o tradicional e o contemporâneo. O menu é o mesmo praticado em São Paulo e diferente de tudo o que se faz em Brasília, principalmente em relação aos ingredientes. Afinal, alguém já viu nos menus locais iguarias como ovas de peixe voador, água-viva, mini-polvos, alevinos de enguia, barbatanas de tubarão, centolla (caranguejo chileno) e yellow tail (peixe produzido no Japão e nos EUA)? Em forma de calendário, que o cliente leva pra casa, divide-se entre entradas, como o carpaccio de polvo (todas a R$ 28,00); combinados (entre R$ 120,00 e R$ 180,00, para duas pessoas); pratos nobres, a exemplo da salada de iguarias do mar, que leva parte dos ingredientes citados acima (R$ 52,00); sushi, sashimi; robata; teppan-yaki; temaki e massas japonesas.

Há ainda a opção de menus-degustação, com preços que vão de R$ 95,00 a R$ 450,00, por pessoa, dependendo das iguarias e do número de pratos. Para o almoço, a casa tem como alternativa a chamada degustação executiva, formada por sugestões de pratos à escolha do cliente, em torno de R$ 60,00.
A carta de bebidas sugere cerca de 40 rótulos de vinho, mais 15 de saquês nacionais e importados, vodka, whisky e bebidas não-alcoólicas.

Para amenizar a loucura da quadra, que conta com vários empreendimentos gastronômicos e poucas vagas de estacionamento, a casa tem serviço de Valet Park e um terreno alugado na L2 Sul para abrigar os carros dos freqüentadores.

Serviço:
Restaurante Original Shundi
CLS 408, bloco A. Telefone: 3244-5101
Funciona diariamente, para almoço e jantar

Fonte: Jornal Hoje em Dia - Caderno Brasília - edição 25/05/2008
 

·
Eu mesmo!
Joined
·
3,976 Posts
O nome Shundi Kobayashi pode soar estranho aos brasilienses (pelo menos àqueles não muito ligados em comida japonesa), afinal, ele não é daqui. Mas faz sucesso em São Paulo, como um dos melhores sushimen dessa cidade.

Quem o conhece sabe que ele não abre mão de bons ingredientes, especialmente, dos inusitados. E depois de cerca de 30 anos oferecendo sua experiência e talento a casas de prestígio, decidiu ter a própria, na badalada rua Dr. Mário Ferraz, em São Paulo. Ela se chama Original Shundi (o nome talvez seja uma provocação à antiga sociedade, o restaurante Shundi & Tomodachi, que mesmo depois de sua saída, continuou usando seu sobrenome) e tem um ano de funcionamento.

A segunda etapa do sonho do sushiman vem agora. Dia 28, ele inaugura na «esquina inferior» da 408 Sul sua primeira casa em Brasília, homônima da de Sampa, com projeto do arquiteto Ruy Ohtake e construção do engenheiro Vitor Odisio. São três ambientes inferiores (bar, salão interno e externo) e mais cinco salas reservadas no piso superior. Toda a construção conta com tecnologia avançada, necessária para projetar imagens em locais inusitados, como o teto do banheiro, e outras mordomias para os clientes.

Se a ambientação segue a linha moderna (tem até peças Philippe Starck), a comida dialoga com o tradicional e o contemporâneo. O menu é o mesmo praticado em São Paulo e diferente de tudo o que se faz em Brasília, principalmente em relação aos ingredientes. Afinal, alguém já viu nos menus locais iguarias como ovas de peixe voador, água-viva, mini-polvos, alevinos de enguia, barbatanas de tubarão, centolla (caranguejo chileno) e yellow tail (peixe produzido no Japão e nos EUA)? Em forma de calendário, que o cliente leva pra casa, divide-se entre entradas, como o carpaccio de polvo (todas a R$ 28,00); combinados (entre R$ 120,00 e R$ 180,00, para duas pessoas); pratos nobres, a exemplo da salada de iguarias do mar, que leva parte dos ingredientes citados acima (R$ 52,00); sushi, sashimi; robata; teppan-yaki; temaki e massas japonesas.

Há ainda a opção de menus-degustação, com preços que vão de R$ 95,00 a R$ 450,00, por pessoa, dependendo das iguarias e do número de pratos. Para o almoço, a casa tem como alternativa a chamada degustação executiva, formada por sugestões de pratos à escolha do cliente, em torno de R$ 60,00.
A carta de bebidas sugere cerca de 40 rótulos de vinho, mais 15 de saquês nacionais e importados, vodka, whisky e bebidas não-alcoólicas.

Para amenizar a loucura da quadra, que conta com vários empreendimentos gastronômicos e poucas vagas de estacionamento, a casa tem serviço de Valet Park e um terreno alugado na L2 Sul para abrigar os carros dos freqüentadores.

Serviço:
Restaurante Original Shundi
CLS 408, bloco A. Telefone: 3244-5101
Funciona diariamente, para almoço e jantar

Fonte: Jornal Hoje em Dia - Caderno Brasília - edição 25/05/2008
Ja é!


bom demais...com certeza irei lá!
já conheci o de são paulo....nem imaginava que viria pra cá.....bom demais! Ótima notícia!
:banana::banana::banana:
 

·
Eu mesmo!
Joined
·
3,976 Posts
^^ Mas prepare o cheque ou cartão de crédito. Mas o Sale não gosta muito desses restô japa. Os grandes restaurantes do eixo Rio-Sampa estão vindo em peso para cidade.
pois é....o salen não sabe o que está perdendo....:bash:

imagino mesmo...."preparar o cheque ou o cartão de credito"....to sabendo...:eek:hno: Mas vai valer muito a pena...rsrsr:lol:

pois é....as comidinhas gostosas dos paulistas e cariocas tão vindo mesmo pra cá......mas o bom é os daqui irem pra lá tbm...afinal de contas tem muita coisa boa daqui que ia ser ótimo lá tbm!...

Um outro japones que ia ser otimo aqui em brasilia era o SOHO....ia ser perfeito! já viu o SOho de salvador....muito bom!
 

·
Registered
Joined
·
6,051 Posts
Eu vi esse noticiário do Capital... não curto muito comida japa mesmo não! Já a chinesa eu curto..... mas vou nesse Shundi algum dia, ver qualé! :)
 

·
Banned
Joined
·
27,387 Posts
Discussion Starter · #9 ·
Com certeza não chegou ao ideal, mas está de bom tamanho a vinda dessas novas casas, agora em termos gastronômicos não devemos nada a perder aos grandes centros urbanos mundiais.

Agora em termos de lazer, aí sim, estamos na época das cavernas.
 

·
Registered
Joined
·
6,051 Posts
Por isso que você Pesquisa, e o Ezioboston estão gorden! :cheers:

Vocês dois comem feito porco véi! :lol: :lol: :lol:
 
1 - 20 of 33 Posts
This is an older thread, you may not receive a response, and could be reviving an old thread. Please consider creating a new thread.
Top