SkyscraperCity banner
Status
Not open for further replies.
1 - 1 of 1 Posts

·
.
Joined
·
13,730 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Desde 2006, R$ 1 bilhão já foi investido na recuperação, manutenção, ampliação e implantação de estradas e rodovias goianas. Para este ano, ainda vão ser aplicados outros R$ 500 milhões para o mesmo fim, além da construção de pontes. Os dados são da Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop) que atualmente está com frentes de trabalho por todo o Estado de Goiás.

Investir na estrutura da malha rodoviária, que é o principal meio que o País utiliza para transportar mercadorias, significa também retorno. “Para cada R$ 1 investido, o retorno é de R$ 10”, explica o presidente da Agetop, José Américo. “As rodovias bem conservadas garantem segurança e economia de combustível, barateando assim, o frete”.

Um dos exemplos desse trabalho é a duplicação da rodovia Goiânia/Goianira, já concluída, e Goianira/Inhumas. A duplicação da GO-070 (Goiânia/Inhumas) terá 42 Km e vai custar R$ 25 milhões dos cofres públicos. Outra frente de trabalho é na GO-040 (Goiânia/Aragoiânia), onde equipes estão recuperando mais de 15 quilômetros de pista. O investimento nessa pista supera R$ 4,1 milhões.

Integração com a Norte-Sul
A GO-325, que liga Santa Helena a Arantina, no Sudoeste do Estado está sendo pavimentada. Segundo José Américo, 17 dos 55 quilômetros da GO-325, a partir de Santa Helena, já estão prontos para receber a capa asfáltica. A rodovia - que deverá ser entregue em 2010 - leva em conta o traçado da Ferrovia Norte-Sul, o que vai permitir uma integração entre as modalidades de transporte e seus consequentes benefícios. O traçado inclui São Simão e prossegue até Edeia, trechos em que os trabalhos também correm em ritmo acelerado.

http://www.folhadenoticias.com.br/cimahora/index.php?noticia_id=3579
 
1 - 1 of 1 Posts
Status
Not open for further replies.
Top