Skyscraper City Forum banner
1 - 5 of 5 Posts

·
JpnMed
Joined
·
1,055 Posts
Discussion Starter · #1 ·
A Valec – Engenharia, Construções e Ferrovia S.A., em parceria com o governo do Tocantins, lança, nesta quinta-feira, 19, às 11h, no Distrito de Luzimangues, Porto Nacional, as obras do maior pátio de transbordo de cargas da FNS - Ferrovia Norte-Sul: a Plataforma Multimodal de Palmas, que será a maior entre as que estão sendo construídas no Tocantins e a maior de toda a ferrovia. O evento será prestigiado pelo governador Marcelo Miranda, pelo presidente da Valec, José Francisco das Neves (Juquinha), além de outras autoridades.

A obra terá um custo de R$ 30 milhões, recursos do PAC – Programa de Aceleração do Crescimento, do governo federal, e vai gerar mais de 2 mil empregos, diretos e indiretos. A previsão é que o Pátio entre em operação até o primeiro semestre de 2010, quando a Ferrovia deve passar pela capital. “Trata-se de uma obra de primeiro mundo e esta possuirá os quatro modais de transporte: o ferroviário, o hidroviário, o aeroviário e o rodoviário. Nossas máquinas estarão dando início as obras nesta quinta-feira”, reforçou o presidente da Valec.

“A Plataforma é para atender principalmente Palmas, apesar de estar no município de Porto Nacional, mas vai atender todas as cidades circunvizinhas porque esta é uma plataforma de Capital”, esclarece Juquinha. No Estado são seis pátios multimodais ao longo da ferrovia. Os de Aguiarnópolis e Araguaína já estão concluídos. O de Colinas (em processo licitado para execução), o de Guaraí e Porto Nacional (em fase de implantação) e Gurupi, a ser implantado.

Segundo a Valec, a Ferrovia Norte-Sul estará concluída até o final de 2009 e entrará em operação comercial em 2010, no trecho de Açailândia (MA) a Anápolis (GO), passando por todo o território tocantinense. Atualmente, os trilhos estão próximos a Nova Olinda em seu quilômetro 397, mas os trabalhos de terraplanagem que são feitos por lotes já estão adiantados até Colinas (TO), sendo que mais 20 quilômetros estão sendo trabalhados no lote 09 de Miracema. Até Araguaína a ferrovia já está pronta e as obras estão em andamento até Porto Nacional.

Além do lançamento das obras do Pátio Multimodal, será assinada a Ordem de Serviço para o trecho da FNS entre a TO-080 e o Córrego Jabuti, em Fátima (TO), com uma extensão de 99,2 km. Também está prevista a assinatura da Ordem de Serviço para construção de um viaduto sobre a TO-080 com extensão de 100 metros.

O secretário da Habitação e Desenvolvimento Urbano, Aleandro Lacerda, apresentou o projeto de macrozoneamento na região de Luzimangues, que vai sediar a maior das plataformas multimodais da ferrovia. Os estudos contemplam os loteamentos já existentes, a estrutura atual e a projetada com a expansão exigida pelo pátio da ferrovia. A área zoneada é de 26 milhões de metros quadrados, com potencial de ocupação de 150 mil pessoas num prazo de 10 anos na região prioritária de ocupação.
 
1 - 5 of 5 Posts
Top