SkyscraperCity Forum banner
Status
Not open for further replies.
1 - 20 of 857 Posts

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
Rede de supermercados Wal-Mart anuncia novos investimentos em Alagoas

Agência Alagoas

Nesta quinta-feira (23), o governador Teotonio Vilela recebe o vice-presidente do Wal-Mart Brasil, José Rafael Vasquez, para conhecer os novos negócios que a rede de supermercado irá fazer no Estado.

A reunião acontece às 15h, no Palácio República dos Palmares. Na ocasião, Vasquez vai apresentar um balanço dos investimentos a serem realizados em Alagoas até o final do ano. Além das três lojas já inauguradas em 2009, o vice-presidente do Wal-Mart vai anunciar a abertura de outras unidades.

Nos primeiros meses deste ano, o Wal-Mart inaugurou em Alagoas as suas primeiras unidades do Todo Dia, um novo formato de loja voltado para as classes C, D e E. O Todo Dia é um supermercado de vizinhança, com lojas entre 600 e 1000 m², e sortimento de cerca de 3 mil itens, entre mercearia, hortifruti, higiene e limpeza, eletroeletrônicos, utensílios domésticos e confecção, entre outros.

Até agora, três lojas Todo Dia, sendo duas em Maceió (Clima Bom e Cleto Marques) e uma em Arapiraca, no Interior, foram inauguradas no Estado, o que representou um investimento de R$ 15 milhões e geração cerca de 150 empregos diretos.

Todo Dia — O formato Todo Dia trabalha com o conceito de oferecer ao mesmo tempo sortimento de produtos e serviços para as comunidades. Por tudo isso, a loja é desenvolvida — desde a localização da unidade à formação do mix de produtos e serviços - para oferecer preços baixos.

O abastecimento acontece conforme a demanda de vendas. Não há depósito na loja. A estocagem é feita em racks, na parte superior das gôndolas, o que agiliza a reposição imediata dos itens. Dessa maneira, tal procedimento ajuda a reduzir os custos e permite oferecer produtos com preços baixos aos clientes.

Fonte: http://www.alemtemporeal.com.br/?pag=negocios&cod=4045
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
Contos de cordel estreia no Quarta no Arena, no dia 29

Assessoria

O próximo espetáculo do projeto Quarta no Arena, o sétimo da temporada, será “Contos de cordel” um espetáculo inspirado nos cordelistas que narravam seus versos em feiras públicas do nordeste brasileiro. A cultura popular é a nossa identidade, é a alma de um povo. Diante desse fato, faremos uma viagem imaginária para o mundo dos contos populares. “Contos de cordel” é um espetáculo narrativo da Cia Cia. Fulanos e Sicranos, com caráter representativo e regionalista, intercalado de músicas de cunho popular, e traz textos de grandes cordelistas brasileiros como: Jessier Quirino, Patativa do Assaré e Chico Pedrosa. O espetáculo conduz em seu enredo usos e costumes tipicamente nordestinos, nos cordéis trabalham-se as diversas
formas de expressão do sentimento humano, encenados de tal forma a buscar uma aproximação entre o contemporâneo e a cultura popular, tudo isso vem a somar com um repertório de musicas ao vivo, com letras de Luiz Gonzaga, e Cocos alagoanos de domínio público.

“Contos de cordel” será apresentado nas duas próximas quartas-feiras, no Teatro de Arena Sérgio Cardoso, a partir das 19:30h, com ingressos a R$ 6,00 e R$ 3,00.

Ficha Técnica:

Texto:

Adaptações por: Fran Oliveira e Arthur Martins

Direção:

Fran Oliveira e Arthur Martins

Figurino e Adereços: Fran Oliveira, Helena Oliveira e Arthur Martins

Elenco:

Fran Oliveira

Arthur Martins

Músicos convidados

Serviço:

Quarta no Arena 2009 – “Contos de cordel”

Local: Teatro de Arena Sérgio Cardoso

Ingressos: R$ 6,00 (inteira) e R$ 3,00 (Meia)

Quarta – Dias 29 julho e 05 agosto

Horário: 19:30h

Informações: (82) 3315-5665 / 5656

www.teatrodeodoro.al.gov.br

Fonte: http://www.alemtemporeal.com.br/?pag=cultura&cod=2061
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
Maceió ganhará sete novos hotéis

Assessoria

Os novos investimentos em infraestrutura na capital alagoana, como a reurbanização da orla, estão atraindo empreendimentos hoteleiros de grande porte para Maceió. Segundo o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-AL), Carlos Gatto, até 2012, a cidade ganhará sete hotéis: Expresso R1, Meridiano, Holiday Inn, Hotel Beiriz, Ritz Suítes, Mercure Pajuçara e Radisson Maceió, totalizando novos 1.368 apartamentos.

As obras do Hotel Beiriz, localizado na praia de Pajuçara já foram iniciadas. O equipamento levará 18 meses para ficar pronto. Trata-se de um quatro estrelas com 153 apartamentos. Na mesma praia, o Radisson Maceió é fruto de um investimento de cerca de R$ 40 milhões e deverá gerar 100 empregos diretos. O empreendimento vem para se tornar referência em hospedagem de luxo em Alagoas, com equipamentos de lazer completos, 195 apartamentos e espaço para eventos com capacidade para 800 pessoas. A inauguração está marcada para o final de setembro.

Para a secretária de Promoção e Turismo de Maceió, Cláudia Pessoa, a chegada de novos equipamentos hoteleiros mostra a confiança dos empresários nos investimentos realizados em infraestrutura na cidade. “O turismo está mais fortalecido porque a cidade está mais planejada e ordenada. Além disso, a promoção da capital alagoana no Brasil, deixa a hotelaria com ótimas taxas de ocupação durante todo o ano”, comemora.

Fonte: http://www.alagoas24horas.com.br/conteudo/index.asp?vEditoria=Turismo&vCod=69379
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
Pessoal, agora que temos nosso espaço alagoano no SSC, acho que devemos concentrar todas as notícias do estado aqui no "Guerreiro das Alagoas".

Não há muito sentido manter paralelamente o tópico "Novidades do Turismo de Alagoas".

Vamos prestigiar nosso novo espaço!! Aqui podemos debater todas as notícias dos mais diversos assuntos: turismo, política, investimentos, indústria, comércio....etc...
Isso mesmo, Hugo! Quando postei a informação de que Maceió receberá 7 novos hotéis, hesitei em pôr aqui, mas como é tudo sobre o nosso estado, coloquei assim mesmo.
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
Delmiro Gouveia sedia lançamento do Mais Cultura


Assessoria

Delmiro Gouveia sedia nesta sexta-feira (24) o lançamento do Edital Microprojetos Mais Cultura no Estado de Alagoas, que destinará R$ 784,5 mil para financiar projetos culturais nos 72 municípios alagoanos. A ação do Programa Mais Cultura, do Ministério da Cultura (MinC), será desenvolvida em parceria com a Fundação Nacional de Artes (Funarte), Banco do Nordeste (BNB), por meio do Instituto Nordeste Cidadania (Inec) e da Secretaria de Estado de Cultura de Alagoas (Secult).

O evento acontece às 9h, no Espaço Clube Vicente Lacerda de Menezes, com a presença do diretor de Programas Integrados da Secretaria de Articulação Institucional do MinC, Vinicius Palmeira; do secretário de Estado da Cultura, Osvaldo Viégas; do superintendente de Projetos Culturais da Secretaria de Estado de Cultura, Cleonilson Alves; do secretário de Cultura, Esporte e Turismo do município de Delmiro Gouveia, Wilma Rogers; do representante da Regional Nordeste do MinC, Jorge Clésio, e demais autoridades locais. No período da tarde haverá oficina de capacitação para o edital.

Ao todo, o Microprojetos Mais Cultura vai investir R$ 13,5 milhões nos 11 estados que integram a região do semiárido — Paraíba, Alagoas, Ceará, Piauí, Bahia, Rio Grande do Norte, Sergipe, Maranhão, Pernambuco, Minas Gerais e Espírito Santo. O objetivo é promover a diversidade cultural por meio do fomento e incentivo aos artistas, grupos artísticos independentes e pequenos produtores culturais. As iniciativas a serem contempladas deverão beneficiar jovens de 17 a 29 anos residentes na região.

“Este é o primeiro edital do Ministério da Cultura específico para o semiárido, região de grande riqueza cultural, mas historicamente sem acesso a financiamento para pequenas produções”, destaca a secretária Silvana Meireles. “Com essa ação, por meio de parceria com governos estaduais e o Banco do Nordeste, estamos democratizando não só o acesso a crédito para apoiar múltiplas expressões culturais do semiárido, como promovendo acesso dos jovens e da população a bens e serviços culturais”, ressalta Silvana.

Seis segmentos serão atendidos pelo Microprojetos Mais Cultura: artes visuais, artes cênicas, música, literatura, audiovisual e artes integradas. Cada iniciativa receberá de um a 30 salários mínimos. Os projetos deverão ser realizados e concluídos em um ano, a partir da data de assinatura do contrato entre os contemplados e o BNB.

Poderão participar pessoas físicas com idade igual ou superior a 18 anos e que residam há pelo menos dois anos nos municípios onde pretendem realizar seus projetos; e pessoas jurídicas, sem fins lucrativos, que desenvolvam projetos socioculturais há pelo menos um ano e que tenham sua sede no município onde pretendem realizar suas ações.

Inscrições — Os interessados podem se inscrever de 24 de julho a 6 de setembro, mediante entrega da proposta na Secretaria de Estado da Cultura de Alagoas/Banco do Nordeste — Superintendência Estadual de Alagoas (Rua da Alegria, 407 / 2º andar — Centro — Maceió/AL. CEP 57020-320). A partir de sexta-feira (24/7), o edital poderá ser acessado no site do Ministério da Cultura, no link Editais e Premiações, e nas páginas eletrônicas mais.cultura.gov.br e www.cultura.al.gov.br.

Fonte: http://www.alagoas24horas.com.br/conteudo/?vEditoria=Cultura&vCod=69459
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
^^
Por falar em supermercados...alguém sabe dizer de qual bandeira é a obra de um grande supermercado que está sendo construído na av.Durval de G.Monteiro, em frente à entrada do Santa Lúcia??? Será um Hiper Bompreço ou um G.Barbosa???
Já ouvi comentários de que é um Hiper Bompreço, mas nada de concreto.
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
Parte da Feira do Passarinho será relocada para que VLT seja implantado

(23/07/2009 10:40)

A Prefeitura de Maceió continua se reunindo com os comerciantes da Feira do Passarinho, localizada na Levada, para discutir a implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) na região. Para que o projeto seja viabilizado, os comerciantes e feirantes precisam ser transferidos para outro local, longe da linha férrea que corta o bairro.

Segundo o secretário de Abastecimento do município, Carlos Ronalsa, os diálogos têm avançado e, em breve, a Prefeitura poderá dar início à transferência dos feirantes para a área da antiga Ceasa.

“O trabalho tem que ser feito com habilidade. Para isso, a Prefeitura está contando com a Superintendência de Transportes e Trânsito (SMTT), Guarda Municipal, Secretaria de Assistência Social (Semas) e outros órgãos ligados ao projeto”, revela.

No início de julho, a Semab criou uma comissão especial para acompanhar a transferência dos feirantes e comerciantes para a área da antiga Ceasa. Devem ser transferidos, prioritariamente, os comerciantes que trabalham nas regiões compreendidas pelo Parque Rio Branco, Feira do Passarinho e proximidades do Mercado da Produção.

A adoção desse novo sistema de transporte em Maceió vinha sendo negociada desde o ano passado entre a Prefeitura, o Ministério das Cidades e a CBTU. Com a aprovação do projeto, Maceió será a primeira entre as capitais do Nordeste onde a CBTU vai implantar o sistema, previsto para ser adotado também em Natal e João Pessoa.

As três capitais têm situações idênticas, sendo que o percurso do VLT de Natal será o maior, com 56 quilômetros em dois ramais. O percurso de João Pessoa é de 30 quilômetros, e o de Maceió, de 32 quilômetros.

O VLT – também conhecido por Trem Padrão – é um veículo moderno, eficiente, confortável e de melhor desempenho que as locomotivas comuns. Os modelos devem ter tração a diesel, locomotiva de “duas frentes”, bitola métrica, climatização, carros de aço inoxidável, níveis controlados de poluição, sinalização, sonorização e radiocomunicação, vigilância automática e devem atingir velocidade máxima de 80 km/h.

Fonte: http://www.primeiraedicao.com.br/?pag=maceio&cod=6488
Isso ainda vai demorar muito. A Prefeitura é lerda demais!
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
^^

Eu só acredito qdo esse VLT estiver circulando pela cidade.

Depois da demora do eixo-viário, já fiquei vacinado com essas promessas políticas.

Interessante é que o Dep.Benedito de Lira teve a cara de pau de espalhar vários out-doors pela cidade com os dizeres: "Maceió já tem VLT". Com o verbo TER no presente do indicativo, pode um negócio desses? :lol:
Outdoor? Onde? Não cheguei a ver.
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
TJ e IZP discutem parceria para novo programa de TV

TJ-AL

A presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), desembargadora Elisabeth Carvalho Nascimento, recebeu na tarde desta quinta-feira (23), diretores do Instituto Zumbi dos Palmares (IZP). Na oportunidade, foi discutida uma parceria entre os órgãos para a veiculação de um programa na TV Educativa com informações sobre o Poder Judiciário alagoano.

O programa, que será produzido pela Diretoria de Comunicação Social (Dicom) do TJ/AL, será veiculado semanalmente aos sábados, e trará informações sobre eventos e decisões importantes tomadas pelo Judiciário com repercussão no meio social. “Entendemos que esse parceria será muito interessante para a nossa grade de programação, pois o objetivo principal do nosso Instituto é a difusão de informações importantes e prestação de serviços para a comunidade em vários aspectos”, enfatizou Marcelo Sandes, presidente do IZP.

Para a desembargadora-presidente do TJ/AL, Elisabeth Carvalho Nascimento, a TV Educativa é o canal ideal para a transmissão do programa do Poder Judiciário, por ter um caráter mais cultural e uma programação diferenciada das demais emissoras de TV locais. “É uma programação que não está preocupada apenas com a audiência, mas principalmente com a qualidade do conteúdo levado à população alagoana”, destacou.

Participaram da reunião o secretário especial da presidência do TJ/AL, Ernesto Freire, o diretor de Comunicação Social, Vladimir Calheiros, o diretor-adjunto de Comunicação, Tarcísio Tenório e a diretora do IZP, Clarissa Veiga.

Fonte: http://www.primeiraedicao.com.br/?pag=alagoas&cod=9498
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
Mercado de áudio profissional em AL tem potencial de expansão

Divulgação

O estado do Alagoas é a aposta da Staner, empresa líder no setor nacional de áudio profissional, responsável por shows de bandas como U2, Pink Floyd e Iron Maiden, que acaba de firmar parceria com a companhia norte-americana Clair Brothers, detentora da marca de maior credibilidade do segmento de áudio do mundo. Com a aliança, a companhia brasileira será a representante oficial dos equipamentos da Clair Brothers em Alagoas e Brasil, o que deve contribuir diretamente para o avanço de 25% previsto para a região Nordeste.

Já os estados do Piauí, Maranhão, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Sergipe e Alagoas detêm 7% dos números que totalizam R$ 20 milhões de faturamento em 2008.

De acordo com a ABEMÚSICA - Associação Brasileira da Música, o segmento de áudio profissional que movimenta R$ 600 milhões no país. A região Nordeste é responsável por 16% do faturamento da Staner, que registrou R$ 20 milhões em 2008. Desse total, 9% se referem aos estados da Bahia e do Ceará. “Para valorizar a força da região, prevemos a abertura de, pelo menos, três lojas no estilo show room com nossa linha de produtos até o fim de 2009”, afirma Renato Silva, presidente da Staner.

Para a Staner, a projeção de crescimento, por meio da parceria internacional, é de 25% em todo o país em 2009, mas a experiência e qualidade de ambas empresas devem fortalecer não só a Staner, mas o mercado brasileiro como um todo. “Este é um passo importantíssimo que ajuda o País a acompanhar potências mundiais no mercado de áudio profissional”, conclui Renato Silva.

Sobre a Staner: há 35 anos no mercado de áudio e líder no segmento profissional, a empresa foi a primeira no Brasil a disponibilizar uma completa linha de caixas acústicas no conceito Line Array (coluna única de caixas), caixas acústicas com amplificadores e estruturadas em plástico. Seu parque industrial de 7.200 m² está localizado em Presidente Prudente (SP) e possui 16 representantes distribuídos pelo território nacional, 250 colaboradores e uma central de distribuição de seus produtos para 30 países das Américas localizada em Miami (EUA). Atualmente, a companhia conta com mais de 100 itens em seu portfólio, entre amplificadores multiuso, para instrumentos e de potência, consoles e mixers, caixas acústicas, periféricos, microfones e acessórios.

A empresa é a responsável pelos equipamentos utilizados nos projetos das sonorizações do Maracanãzinho, conhecido ginásio de esportes do Rio de Janeiro, do Parque do Ibirapuera (SP), do Memorial da América Latina (SP), da Arena do Memorial Beto Carrero, no Beto Carrero World (SC), entre outros locais. Além disso, a Staner levou mais som para a diversão dos foliões do Carnaval do Rio de Janeiro (2000, 2001 e 2002) e de São Paulo em 2003 e também nos últimos três anos, sonorizou ainda a Fórmula 1 em Interlagos e as duas edições do Spirit of London (evento de música eletrônica), e muito mais.

Fonte: http://www.primeiraedicao.com.br/?pag=negocios&cod=3954
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
Dados apontam redução de quase 15% no índice de criminalidade em Alagoas​

Redação • 24 de julho de 2009

“Estamos fazendo uma gestão de resultados de forma transparente e seguindo os padrões internacionais; e graças ao trabalho que vem sendo desenvolvido na área de segurança pública temos a expectativa de reduzir cada vez mais o índice de homicídios no Estado”, afirmou o diretor Geral de Políticas da Secretaria de Estado da Defesa Social, Romildo Albuquerque, durante reunião ocorrida nesta quinta-feira (23) com o ex-prefeito de Bogotá (Colômbia), Antanas Mockus. Na ocasião, foi feita uma apresentação dos dados estatísticos da violência em Alagoas referente ao primeiro semestre deste ano, que apontou uma redução geral de quase 15% no índice de criminalidade em Alagoas. De acordo com as estatísticas da Secretaria de Estado da Defesa Social (Seds), nos seis primeiros meses deste ano houve uma redução de 14,7%, com o registro de 956 homicídios contra 1.121 do ano passado. Quando os números são destrinchados por região, Maceió se destaca pela maior redução: de janeiro a junho deste ano aconteceram 414 homicídios, enquanto no ano passado esse número foi de 585, representando uma queda de 29,2%.

Na região metropolitana, também houve uma queda de 8,5%, com o registro de 97 homicídios este ano contra 106 do ano passado. No interior do Estado, os números se mantiveram estáveis; de janeiro a junho deste ano, houve um pequeno acréscimo de 3,5%. No ano passado, no primeiro semestre, foram registrados 69 homicídios; neste ano já foram contabilizados 72.

Com relação aos homícídios envolvendo crianças e adolescentes, o diretor Geral de Políticas confirmou que houve, no primeiro semestre, uma redução no índice de vítimas na faixa etária de 0 a 11 anos e de 12 a 17 anos. Em 2008, foram registradas 6 mortes na faixa até 11 anos e 83 casos até 12 anos. No total do ano passado, foram 10 (até 11 anos) e 176 homicídios (até 17 anos). Nos primeiros seis meses deste ano, os números foram de 4 e 79 mortes, respectivamente.

“Apesar do avanço do tráfico de drogas, que é o causador de 80% dos homicídios praticados contra jovens - principalmente do sexo masculino -, as estatísticas mostram que, até agora, também houve uma redução no número de homicídios envolvendo crianças e adolescentes”, afirmou Romildo Albuquerque, acrescentando que o atual governo reconhece que a violência não deve ser combatida apenas com ação policial repressiva, mas também com políticas públicas.”, disse.

No encontro, Antanas Mockus - que trabalha na disseminação de uma Cultura Cidadã - reafirmou a sua tese de valorização da vida humana, a partir de uma conscientização da sociedade, que “quer ver a redução da impunidade social a fim de amenizar a violência. Segundo o ex-prefeito de Bogotá, a impunidade nos seus mais variados tipos alimenta a criminalidade, principalmente, o narcotráfico.

Mosael Henrique - Agência Alagoas
http://revistamunicipal-al.com.br/?p=7432
Pra mim ainda não são números significativos, tem muito, mas muito a ser feito.
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
Alunas de Engenharia e Meteorologia representam a Ufal na China

por UFAL

O grupo brasileiro, composto por 40 alunos e 10 professores, viajou na quinta-feira, 23 de julho, e volta no dia 15 de agosto. As estudantes selecionadas pela Ufal, Elisa e Flávia, tomaram conhecimento do Programa através do portal da Universidade (www.ufal.edu.br) e quando viram que preenchiam os pré-requisitos, apostaram na oportunidade única de estar do outro lado do mundo.


Durante a seleção, além da análise curricular e dos pré-requisitos, foi feita uma entrevista em inglês para testar o conhecimento e desenvoltura dos candidatos. “Eu acho que o que mais pesou foi a entrevista; a equipe queria ter certeza que poderíamos nos comunicar com tranquilidade”, explica Maria Elisa Costa.


Elisa e Flávia são muito envolvidas no âmbito acadêmico e acreditam que isso tem as feito crescer enquanto alunas e profissionais. Flávia já foi monitora e atualmente é aluna pesquisadora do CNPq; já Elisa faz parte do Programa de Educação Tutorial (PET). Fazer um intercâmbio sempre foi algo com que sonharam, no entanto se preocupavam com a duração, que normalmente é de seis meses a um ano. Dessa forma, o interesse pela China foi imediato: fariam um intercâmbio em um país muito rico em tecnologia e cultura e por apenas três semanas.


As alunas estão animadas com o curso de Meio Ambiente e Alterações Climáticas e com as aulas de mandarim, além das visitas que farão aos principais pontos turísticos do país. “As expectativas são muitas. Primeiro de conhecer uma cultura totalmente diferente da nossa. Eu nunca fui para o exterior antes, então eu acredito que vou ganhar uma visão mais ampla do que é o mundo, da diversidade linguística e de conhecimento. Sobre o curso, sei que vou aprender muito”, ressalta Flávia Rabelo.


O curso é muito relevante para as áreas de Engenharia e Meteorologia e certamente incrementará o currículo das estudantes. “Uma das áreas da Engenharia Civil é a parte de Águas e Recursos Hídricos e eu tenho muita afinidade com ela. Acredito que vai ser uma troca muito interessante porque eles têm muito em tecnologia na área de esgoto e saneamento e o Brasil tem muita demanda nesse sentido”, explica Elisa.


De acordo com o edital do Programa Top China, os alunos precisam fazer um relatório quando voltarem. As alunas acreditam que isso não será difícil porque, certamente, terão muita coisa para contar e mostrar. “Quando voltar, formal ou informalmente, sei que vou ter muito para falar e quero repassar todo o conhecimento adquirido lá para os alunos do meu curso”, comenta Flávia. Elisa também já está acostumada com esse processo de transmissão de experiências porque já trabalhou, através do PET, com a promoção de palestras com dois alunos que foram a Portugal, também em um intercâmbio do Santander Universidades. “Creio que farão o mesmo comigo”, acrescenta.


Felizes e ainda meio sem conseguir expressar seus sentimentos, as alunas só têm a agradecer à Universidade e ao Santander por proporcionarem uma experiência desse porte em suas vidas. “Espero que essa parceria continue e promova vários outros Programas, a fim de que outros alunos tenham acesso a experiências como essa que vamos ter”, diz Flávia. Para Elisa, o sentimento é de orgulho e satisfação. “Eu me sinto privilegiada por estar no lugar certo, na hora certa e com os requisitos necessários. E fico muito satisfeita em ver a competência da Ufal, afinal ela é a única do Nordeste a participar desse Programa, juntamente com outras universidades super renomadas do país. Esperamos retribuir toda a confiança que tem sido depositada em nós”, conclui a estudante de Engenharia Civil.


Sobre o Programa
O Programa Top China Santander Universidades foi criado mediante a assinatura de convênio entre universidades brasileiras e o Grupo Santander, com o objetivo de potencializar, entre Brasil e China, a realização de projetos acadêmicos e culturais que sejam voltados eminentemente ao aprimoramento da formação de professores, alunos e funcionários das Instituições de Ensino Superior. As instituições brasileiras participantes do programa são: USP, Unesp, Unicamp, FGV, Unisinos, Ufal, UNB, Mackenzie, Anhembi Morumbi e UNIP, que também são parceiras do Santander Universidades em outros convênios acadêmicos.

Fonte: http://www.alemtemporeal.com.br/?pag=educacao&cod=2294
 

· 12.12.2012
Joined
·
3,087 Posts
Sima moderniza sistema de iluminação em Cruz das Almas

Secom/Maceió

A Prefeitura de Maceió, por meio da Superintendência Municipal de Energia e Iluminação Pública (Sima), vem realizando obras para melhorar o potencial de iluminação no bairro de Cruz das Almas. Os trabalhos estão sendo realizados desde a semana passada, com as equipes do órgão instalando novos equipamentos que melhoram a qualidade da iluminação e propiciam mais segurança aos moradores da região.


As equipes da Sima concentram os trabalhos na Avenida Brigadeiro Eduardo Gomes, onde irão retirar 14 postes com 23 metros de altura. Novos equipamentos já estão instalados no local e, além de aumentarem o potencial de iluminação, são mais econômicos e resistentes.


Segundo o superintendente da Sima, Max Trindade, essa ação em Cruz das Almas é uma das prioridades no órgão. Assim como vem acontecendo em outras regiões da capital, o bairro já conta com novas lâmpadas e luminárias que vão melhorar a qualidade de vida dos moradores, pois geram mais comodidade e segurança.


O bairro de Cruz das Almas já conta com um sistema de iluminação dotado de luminárias fechadas completas. Além disso, também foram instaladas lâmpadas de vapor sódio com 400 watts de potência. Os trabalhos para melhorar o potencial de iluminação em Cruz das Almas prosseguirão durante todo o mês.


DISK LUZ


A Sima vem orientando a população para que, em caso de sugestão ou informação sobre o sistema de iluminação pública da capital, entre em contato com o órgão por meio do Disk Luz, pelo telefone 0800-727-7173. A eficiência no atendimento e a rápida solução das solicitações feitas têm sido importantes para que a confiança da população no serviço aumente ainda mais.


Por meio dele, o maceioense pode efetuar, de forma gratuita, sua solicitação referente ao parque de iluminação da capital. O Disk Luz registra, desde ligações referentes a postes com defeitos, até informações de danos cometidos contra equipamentos da rede de iluminação (lâmpadas, pétalas, cabos, entre outros).

Fonte: http://www.alemtemporeal.com.br/?pag=cidade&cod=8797
 
1 - 20 of 857 Posts
Status
Not open for further replies.
Top