SkyscraperCity banner

2241 - 2260 of 2285 Posts

·
instagram: t.l.rekarte
Joined
·
49,873 Posts
Olá galera da terra onde há lagoas!
Vocês saberiam me dizer se agora durante o carnaval é um bom momento para visitar o estado? as praias ainda estão com as águas claras da época do verão ou a estação chuvosa já chegou no estado?
Tbm saberiam me informar se tem como conseguir passeio pelos cânions do São Francisco saindo de Maceió?

:)
 

·
Alagoas Estrela Radiosa
Joined
·
483 Posts
Olá galera da terra onde há lagoas!
Vocês saberiam me dizer se agora durante o carnaval é um bom momento para visitar o estado? as praias ainda estão com as águas claras da época do verão ou a estação chuvosa já chegou no estado?
Tbm saberiam me informar se tem como conseguir passeio pelos cânions do São Francisco saindo de Maceió?

:)
Opa, possibilidade bem remota de chuva, Maceió durante o carnaval é um sossego, águas claras e mornas, e tem sim passeio pros cânions partindo daqui. Espero ter ajudado :)
 

·
Paris, France.
Joined
·
15,360 Posts
Maceió recebe o maior cruzeiro da história nesta alta temporada

Agência Alagoas | 18/02/20 - 14h33 - Atualizado em 18/02/20 - 18h52



Divulgação

O turismo em Alagoas segue crescendo em todos os segmentos. Dessa vez, Maceió recebe o maior cruzeiro em tamanho e capacidade de sua história nesta temporada 2020. O MSC Fantasia, com capacidade para 3900 passageiros e 1300 tripulantes, tem 333 metros de comprimento e atraca no Porto maceioense no próximo dia 13 de março.

Vindo da Espanha, o navio Fantasia atraca em Maceió pela primeira vez na história e é um dos mais novos e luxuosos da companhia MSC, que também anunciou, recentemente, a vinda de mais um navio para a capital alagoana, o MSC Sinfonia. Juntos, somente nestes dois cruzeiros, cerca de 8.500 turistas chegam ao Estado, vindo de várias partes do mundo.


A expansão do turismo de Cruzeiros em Maceió é fruto de uma relação próxima do Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), com entidades representativas e empresas do segmento.

“Nós buscamos ao longo dos últimos anos estreitar a relação com as principais companhias cruzeiristas do mundo, e com isso conquistamos esse fato inédito de trazer o maior navio da história para Alagoas. Este segmento é essencial para o nosso turismo porque fomenta a vinda de ainda mais turistas do mundo todo para o Estado, na medida em que a pessoa passa algumas horas aqui, conhece Maceió e as cidades mais próximas e instiga a voltar para um período maior. Além disso, a passagem dos navios impacta ainda mais a nossa economia, movimentando milhões de reais, consolidando renda e oportunidade para centenas de alagoanos que vivem da cadeia do turismo”, enfatiza o secretário Rafael Brito.

Maceió volta a ter embarque de passageiros no Porto

Outro marco que o turismo do Estado alcança nesta alta temporada é a volta do embarque de passageiros cruzeiristas no Porto de Maceió, depois de cerca de dez anos sem esta atividade. Isto acontecerá com o navio Soberano, da companhia Royal Caribean que fará duas passagens pela capital alagoana, nos dias 03 e 07 de março deste ano.

Com capacidade de 2800 passageiros e 900 tripulantes, a expectativa é que cerca de 200 pessoas embarquem no Porto de Maceió em cada passagem do navio Soberano. As vendas com saída pela capital alagoana já estão acontecendo nas plataformas online da companhia.

Ao todo, a alta temporada de cruzeiros terá doze navios, trazendo aproximadamente 48 mil turistas para Maceió e região metropolitana, gerando um impacto de cerca de R$ 28 milhões na economia do Estado. O indicativo é feito tendo como base os indicadores da Clia Brasil que considera o valor médio de R$ 581,35 gasto por cada cruzeirista, considerando o tempo de permanência estimado em sete horas de passeio no destino.

https://www.tnh1.com.br/noticia/nid/maceio-recebe-o-maior-cruzeiro-da-historia-nesta-alta-temporada/
 

·
Paris, France.
Joined
·
15,360 Posts
Parque aquático do Pratagy Beach Resort será inaugurado em julho

19/02/2020 18:50 | Juliana Monaco


Localizado em Maceió, o Pratagy Beach All Inclusive Resort - Wyndham anuncia a inauguração de seu parque aquático para 1º de julho, após dois anos em construção. O Pratagy Acqua Park, que recebeu um investimento de R$ 35 milhões, será aberto tanto para hóspedes quanto para visitantes. Construída em uma área de aproximadamente 15 mil metros quadrados, a atração espera receber mais de 200 mil visitantes ao ano e tem capacidade para acomodar até 600 pessoas por dia.

O parque oferecerá ambientação com a temática fundo do mar, um brinquedo interativo de toboáguas com 16 atrações, um rio lento com 300 metros de extensão, uma piscina com 1,10 metro de profundidade, espaço kids, guarda volumes, loja de souvenires e serviço de locação de toalhas. Além disso, a atração conta com um dos mais modernos sistemas de tratamento de água e é adaptado para os portadores de necessidades especiais ou pessoas com mobilidade reduzida.

Ao contrário do resort, a alimentação será paga à parte e não será permitida a entrada de alimentos e bebidas nas dependências do empreendimento. Os visitantes terão à disposição uma lanchonete Bob's, dois quiosques de alimentos e bebidas e um bar molhado. As despesas serão pagas por meio de pulseiras com tecnologia NFC, que dispensa o uso de cartões de crédito e débito durante a estada no parque.


https://www.panrotas.com.br/hotelaria/investimentos/2020/02/parque-aquatico-do-pratagy-beach-resort-sera-inaugurado-em-julho_171296.html
 

·
Registered
Joined
·
2,588 Posts
Parque aquático do Pratagy Beach Resort será inaugurado em julho

19/02/2020 18:50 | Juliana Monaco


Localizado em Maceió, o Pratagy Beach All Inclusive Resort - Wyndham anuncia a inauguração de seu parque aquático para 1º de julho, após dois anos em construção. O Pratagy Acqua Park, que recebeu um investimento de R$ 35 milhões, será aberto tanto para hóspedes quanto para visitantes. Construída em uma área de aproximadamente 15 mil metros quadrados, a atração espera receber mais de 200 mil visitantes ao ano e tem capacidade para acomodar até 600 pessoas por dia.

O parque oferecerá ambientação com a temática fundo do mar, um brinquedo interativo de toboáguas com 16 atrações, um rio lento com 300 metros de extensão, uma piscina com 1,10 metro de profundidade, espaço kids, guarda volumes, loja de souvenires e serviço de locação de toalhas. Além disso, a atração conta com um dos mais modernos sistemas de tratamento de água e é adaptado para os portadores de necessidades especiais ou pessoas com mobilidade reduzida.

Ao contrário do resort, a alimentação será paga à parte e não será permitida a entrada de alimentos e bebidas nas dependências do empreendimento. Os visitantes terão à disposição uma lanchonete Bob's, dois quiosques de alimentos e bebidas e um bar molhado. As despesas serão pagas por meio de pulseiras com tecnologia NFC, que dispensa o uso de cartões de crédito e débito durante a estada no parque.


https://www.panrotas.com.br/hotelaria/investimentos/2020/02/parque-aquatico-do-pratagy-beach-resort-sera-inaugurado-em-julho_171296.html
^^
Ótima notícia!!!:cheers::cheers:
 

·
Paris, France.
Joined
·
15,360 Posts
E agora vem outro maior ainda! :)

Alta temporada: Maceió recebe o maior cruzeiro que já aportou no Brasil

MSC Seaview atraca no Porto de Maceió no dia 23 de março; capital alagoana deve contabilizar mais de 46,7 mil cruzeiristas até abril de 2020

Por Paula Berle* | Portal Gazetaweb.com 20/02/2020 20h30 - Atualizada às 20/02/2020 21h56
FACEBOOKComunicar erro

Maceió recebe maior cruzeiro que já aportou no Brasil


FOTO: DIVULGAÇÃO MSC
MATÉRIAS RELACIONADAS


A temporada de cruzeiros 2019/2020 segue em alta em Maceió.Em março, a capital alagoana receberá o maior navio da temporada de cruzeiros no Brasil, o MSC Seaview.

Considerado o maior da história do País, a embarcação possui capacidade para 6744 ( entre passageiros e tripulantes), 1.444 pessoas a mais que o segundo maior navio desta alta temporada, o MSC Fantasia. Com 88 metros de altura e 20 andares, este "gigante dos mares" atraca no Porto de Maceió no dia 23 de março e pode movimentar sozinho até R$ 4 milhões na economia municipal.

Somados aos dois navios extras anunciados na pela MSC Cruzeiros na última semana, o MSC Fantasia e o MSC Sinfonia, o destino, que integra o circuito de grandes portos do Brasil, deve contabilizar mais de 46,7 mil cruzeiristas até abril de 2020, que, juntos, devem gerar até R$ 27 milhões na economia municipal. Estes números representam um incremento de até R$ 9 milhões em relação à expectativa inicial, que inicialmente apontava para R$ 18 milhões. O cálculo do impacto econômico é feito com base nos indicadores da Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (CLIA Brasil), que leva em consideração o gasto médio de R$ 581,35 por cruzeirista.

De acordo com o gestor da Secretaria Municipal de Turismo, Esporte e Lazer (Semtel), Jair Galvão, o incremento extra na frota desta temporada é resultado de um trabalho em conjunto. Ele ressalta, também, a importância do segmento para a economia local. "Esta será uma temporada histórica. Os navios extras reforçam ainda mais o potencial do nosso destino, que já integra o circuito de grandes portos do Brasil e tem oferecido um trabalho de recepção diferenciado, coordenado pela Semtel. Os cruzeiros são importantíssimos para a divulgação dos nossos atrativos, principalmente no mercado internacional, que é de onde vem a maior parte dos passageiros. Além de movimentar a economia, também geram emprego e renda para população. Este crescimento é resultado de um trabalho estratégico que envolve vários parceiros", avaliou o gestor.

A temporada de cruzeiros é coordenada pela Semtel, em parceria com a administração do Porto de Maceió, empresa Irmãos Britto, Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), Superintendência Municipal de Iluminação Pública (Sima), governo estadual, Luck Receptivo, JR Turismo, Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros por Fretamento e Turismo de Alagoas (Sinfetur), Sindicato dos Taxistas do Estado de Alagoas, Sindicato dos Guias de Turismo do Estado de Alagoas (Singtur), Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran), Polícia Militar, Oplit, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, Exército Brasileiro e Procon Maceió.

*Com informações da Ascom Semtel
https://gazetaweb.globo.com/portal/noticia/2020/02/maceio-recebe-maior-cruzeiro-que-ja-aportou-no-brasil-_97958.php
 

·
MCZ
Joined
·
2,819 Posts
Prefeitura oferta incentivos fiscais para empresas se instalarem em Jaraguá



O projeto de incentivo à ocupação do bairro Jaraguá, desenvolvido pela Prefeitura de Maceió, conta com a participação direta da Secretaria Municipal de Economia (Semec) na fase normativa e na aplicação dos benefícios tributários. A intenção é de que áreas da cidade possam ser melhoradas e reocupadas, permitindo valorização do patrimônio histórico do bairro, bem como a revitalização do potencial econômico da região, compreendendo o chamado*‘Polígono do Jaraguá’, beneficiando além do bairro, parte da Pajuçara, Ponta da Terra e Poço.
A Lei de Incentivo à Ocupação no Jaraguá*traz benefícios tributários e urbanísticos destinados ao uso residencial e ao exercício de atividades econômicas ligadas à pesca, educação, alojamento e alimentação, informação e comunicação, artes, cultura, esporte e recreação, além de atividades profissionais, científicas e tecnológicas.
“Reconhecemos esta área como espaços na cidade que já têm infraestrutura instalada, mas a densidade populacional tem sido baixa, porém com grande potencial de dinamização. Para que a população volte a estar lá e para que se tenha mais atividades econômicas no local, a Semec tem criado estímulos, incentivando o empreendedorismo na região, por meio dos incentivos fiscais”, destacou o secretário municipal de Economia, Fellipe Mamede.
Através da Lei de Incentivos Fiscais, quem optar por residir ou ter uma empresa no polígono tem uma série de benefícios válidos por cinco anos, como o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) reduzido em 30% e a isenção da Taxa de Funcionamento de empresas, que é paga anualmente pelas empresas instaladas no município. E para aqueles que são prestadores de serviço nessa área, também haverá uma redução de 50% na base de cálculo*do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS).
De acordo com o auditor fiscal da Semec, Gilberto Meister, o objetivo é que seja mais barato morar ou trabalhar no Jaraguá. “O que estamos propondo para empresas que venham se instalar nessa área, é que haja uma redução pela metade no valor da base de cálculo para o cálculo do imposto, só que limitado ao mínimo legal que podemos cobrar do ISS, por exemplo. Então, o objetivo é fazer que seja mais barato ter uma atividade econômica nessa parte da cidade, assim como morar. Esperamos ter menos imóveis fechados, mais movimento no bairro, dinamização da economia e apropriação deste patrimônio cultural e histórico”, explica Gilberto.
Para Gilberto, os eventos que tem acontecido no Jaraguá também são uma forma de reavivar e fazer com que a população perceba que o bairro deve fazer parte de um roteiro cultural e econômico. “É mostrar que esse bairro tem espaço para crescer por ser um bairro histórico e pelo aspecto cultural que ele traz. É fazer as pessoas conhecerem mais o potencial do bairro. O Código Tributário está também começando a prever que ações culturais não tenham tributação, de modo que sejam levadas mais ações para aquela a região do Jaraguá”, completa o auditor.
Desde que a lei foi sancionada, no ano passado, já foram abertos novos negócios no Jaraguá como – café, livraria, restaurantes e escritórios.* Além disso, eventos estão sendo realizado constantemente na região, a exemplo da Bienal do Livro, que movimentou as ruas e prédios com cultura, conhecimento, entretenimento e lazer, o São João, o Carnaval e eventos de empreendedorismo realizados por parceiros como o Serviço de Apoio Às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/AL).
 

·
Paris, France.
Joined
·
15,360 Posts
Prefeitura oferta incentivos fiscais para empresas se instalarem em Jaraguá



O projeto de incentivo à ocupação do bairro Jaraguá, desenvolvido pela Prefeitura de Maceió, conta com a participação direta da Secretaria Municipal de Economia (Semec) na fase normativa e na aplicação dos benefícios tributários. A intenção é de que áreas da cidade possam ser melhoradas e reocupadas, permitindo valorização do patrimônio histórico do bairro, bem como a revitalização do potencial econômico da região, compreendendo o chamado*‘Polígono do Jaraguá’, beneficiando além do bairro, parte da Pajuçara, Ponta da Terra e Poço.
A Lei de Incentivo à Ocupação no Jaraguá*traz benefícios tributários e urbanísticos destinados ao uso residencial e ao exercício de atividades econômicas ligadas à pesca, educação, alojamento e alimentação, informação e comunicação, artes, cultura, esporte e recreação, além de atividades profissionais, científicas e tecnológicas.
“Reconhecemos esta área como espaços na cidade que já têm infraestrutura instalada, mas a densidade populacional tem sido baixa, porém com grande potencial de dinamização. Para que a população volte a estar lá e para que se tenha mais atividades econômicas no local, a Semec tem criado estímulos, incentivando o empreendedorismo na região, por meio dos incentivos fiscais”, destacou o secretário municipal de Economia, Fellipe Mamede.
Através da Lei de Incentivos Fiscais, quem optar por residir ou ter uma empresa no polígono tem uma série de benefícios válidos por cinco anos, como o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) reduzido em 30% e a isenção da Taxa de Funcionamento de empresas, que é paga anualmente pelas empresas instaladas no município. E para aqueles que são prestadores de serviço nessa área, também haverá uma redução de 50% na base de cálculo*do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS).
De acordo com o auditor fiscal da Semec, Gilberto Meister, o objetivo é que seja mais barato morar ou trabalhar no Jaraguá. “O que estamos propondo para empresas que venham se instalar nessa área, é que haja uma redução pela metade no valor da base de cálculo para o cálculo do imposto, só que limitado ao mínimo legal que podemos cobrar do ISS, por exemplo. Então, o objetivo é fazer que seja mais barato ter uma atividade econômica nessa parte da cidade, assim como morar. Esperamos ter menos imóveis fechados, mais movimento no bairro, dinamização da economia e apropriação deste patrimônio cultural e histórico”, explica Gilberto.
Para Gilberto, os eventos que tem acontecido no Jaraguá também são uma forma de reavivar e fazer com que a população perceba que o bairro deve fazer parte de um roteiro cultural e econômico. “É mostrar que esse bairro tem espaço para crescer por ser um bairro histórico e pelo aspecto cultural que ele traz. É fazer as pessoas conhecerem mais o potencial do bairro. O Código Tributário está também começando a prever que ações culturais não tenham tributação, de modo que sejam levadas mais ações para aquela a região do Jaraguá”, completa o auditor.
Desde que a lei foi sancionada, no ano passado, já foram abertos novos negócios no Jaraguá como – café, livraria, restaurantes e escritórios.* Além disso, eventos estão sendo realizado constantemente na região, a exemplo da Bienal do Livro, que movimentou as ruas e prédios com cultura, conhecimento, entretenimento e lazer, o São João, o Carnaval e eventos de empreendedorismo realizados por parceiros como o Serviço de Apoio Às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/AL).
Excelente iniciativa! Jaraguá é um bairro lindo e merece estar cada vez mais vivo e dinâmico.
 

·
MCZ
Joined
·
2,819 Posts
Com investimento de R$ 25 mi, indústria incentivada pelo Estado criará 250 empregos

Macarrão Pajuçara expande operação para o Pilar; concessão do terreno foi entregue na terça-feira (18) aos empresários

O trabalho de atração e expansão de novos empreendimentos é uma das premissas estratégicas da área do desenvolvimento econômico de Alagoas. Com sede em Maceió há mais de 45 anos, a tradicional indústria alimentícia de massas e biscoitos Macarrão Pajuçara aumenta suas operações e anuncia a implantação de uma nova unidade, como também a transferência das operações para o município de Pilar. Para o novo negócio, a empresa irá investir R$25 milhões com geração de 250 empregos diretos.

Depois de ser contemplada com incentivos fiscais pelo Governo do Estado em 2019, por meio do Programa de Desenvolvimento Integrado de Alagoas (Prodesin), a indústria recebeu a cessão oficial da prefeitura de Pilar do terreno para construção da sua nova unidade na região. A previsão é que as obras sejam iniciadas no segundo semestre deste ano.
(...)

A expectativa é que, com o início das atividades em Pilar, a empresa aumente, no mínimo, em duas vezes a sua capacidade produtiva e passe a incluir novas linhas de produtos no seu portfólio. Contemplada com incentivos fiscais e locacionais dos órgãos estadual e municipal, a empresa deverá iniciar suas operações ainda em 2021.
(...)
 

·
por HUGO TORRES
Joined
·
2,820 Posts
Foi o Nilton Hang, diretor de expansão da Havan. O vídeo é real, ele esteve em Maceió hoje e confirmou o local que será construída a loja...

Realmente o local da HAVAN será naqueles antigos armazéns do grupo JL na Av. Durval de Goes Monteiro, na entrada do acesso ao Aldebaran. Segue o vídeo:

 

·
Paris, France.
Joined
·
15,360 Posts
Petrobras inicia testes de produção de petróleo e gás em águas ultraprofundas em Alagoas


Por Daniel Paulino* 28/02/2020 às 06:28 Economia


A Petrobras iniciou nesta quarta-feira, dia 27, a primeira fase de Teste de Longa Duração (TDL), de Farfan, de produção de petróleo e gás, localizado a aproximadamente 70 quilômetros da costa, em águas ultraprofundas, na bacia que fica entre os estados de Alagoas e Sergipe.

O teste que deve durar cerca de 180 dias tem por finalidade avaliar o comportamento do reservatório em produção e as características do seu petróleo, mas deve ser desmobilizado no 2º semestre de 2020.


A produção média prevista durante a realização do teste será de aproximadamente 7.000 barris de óleo por dia e 500.000 m3 por dia de gás associado, sendo uma parcela consumida como combustível na própria embarcação navio-plataforma Cidade de São Vicente.

De acordo com a Petrobras, as informações técnicas coletadas durante a fase de testes darão suporte para definir os próximos passos do projeto Sergipe Águas Profundas – Módulo 1 (SEAP 1), do qual Farfan faz parte.

A estatal destacou ainda que nesta fase, a produção é iniciada em caráter de teste, totalmente sem fins comerciais. O poço está localizado em lâmina d’água de aproximadamente 2.500m, sendo o mais profundo que a Petrobras já colocou para produzir no Brasil.

A empresa destacou ainda que os testes são importantes para comprovar a qualidade do reservatório e definir os futuros projetos de desenvolvimento da produção. Durante o Plano de Avaliação da Descoberta (PAD), foram realizadas atividades de perfuração e sísmica que confirmaram a presença de óleo de excelente qualidade na região da Bacia.

A Petrobras informou ainda que o navio-plataforma possui uma planta de processamento que permite a separação entre as fases óleo, água e gás, bem como o tratamento e estabilização do óleo.

https://www.cadaminuto.com.br/noticia/354828/2020/02/28/petrobras-inicia-testes-de-producao-de-petroleo-e-gas-em-aguas-ultraprofundas-em-alagoas
 

·
Registered
Joined
·
341 Posts
Saudade de quando havia mais interação e notícias por aqui! Houve uma época que era comum saber notícias do estado antes de serem divulgadas na mídia, como novas obras, investimentos. Está se concentrando tudo no grupo do Whatsapp? Repassem aqui também, meu povo!

Vamos levantar então um assunto que sempre gera interesse / comentários:
- Alguma novidade sobre o possível novo Shopping de Maceió?
- Será que muito em breve anunciam a expansão do Maceió Shopping?
- E o Parque também tem projeto a médio prazo de expansão?
 

·
Registered
Joined
·
341 Posts
Natura em Alagoas? Governo e gigante de cosméticos negociam implantação de megacentro no Estado

Oficialmente, nem Governo de Alagoas, nem Natura, confirmam a informação. Mas, de acordo com fontes do mercado ouvidas por AGENDA A em Alagoas e São Paulo, a empresa brasileira que se tornou uma potência mundial de cosméticos (incorporando ano passado a marca Avon) se prepara para anunciar, em coordenação com o governo local, seus planos de instalação de um megacentro de logística da empresa no Estado. A instalação do centro de logística seguiria os planos de aceleração do crescimento da Natura na região Nordeste, e o Estado de Alagoas teria sido escolhido essencialmente por duas razões: o programa de incentivos fiscais (Prodesin) e a localização estratégica entre os maiores Estados da região, como Bahia e Pernambuco.

Leia mais em: Agenda A
 

·
Registered
Joined
·
341 Posts
De olho no mercado internacional de turismo grupo alagoano contrata ex executivo da CVC

A expansão de grandes grupos hoteleiros alagoanos começa a demandar executivos de peso com experiência internacional no setor.
Esse é o caso de Aguinaldo Gonçalves Junior, ex-gerente de produtos da CVC, que se mudou de Buenos Aires para assumir, em Maceió, a gerência comercial do Maceió Mar Empreendimentos (MME Hotéis), grupo responsável pela gestão do Maceió Mar Hotel, Acqua Suítes e, em breve, dos Maceió Mar All Inclusive Resort e Maragogi Mar Resort, ambos em fase de construção no Litoral Norte de Alagoas. “Alagoas é um dos trechos do Brasil com maior poder de internacionalização e os novos produtos do grupo elevam a oferta turística do país, que ainda tem um número de resorts muito aquém da capacidade”.
Quando os novos resorts do grupo em Ipioca e Maragogi forem inaugurados até 2023 (o de Ipioca deve ser inaugurado em 2022), o grupo terá um acréscimo de 597 apartamentos (277 do Maceió Mar All Inclusive Resort em Ipioca e 320 do Maragogi Mar Resort), somando 962 unidades.

Leia mais em: Agenda A
 

·
Registered
Joined
·
341 Posts
Praia do Francês ganhará Beach Club com mais de 2000 metros quadrados

O movimento de “renascimento” da Praia do Francês continua. Após a praia ter passado por um ordenamento urbano com atração de novos hotéis, pousadas, restaurantes e bares, será sede agora do maior Beach Club da região em terreno de mais de 2000 metros quadrados de frente ao mar (logo na entrada da praia, onde ficava um estacionamento). Trata-se do Kanoa Beach Club, projeto dos empresários à frente da barraca de praia Kanoa que pretende não apenas atrair alagoanos e turistas, como eventos e até pequenos shows para o local.
De acordo com os sócios, as obras do novo Beach Club devem começar em fevereiro e a expectativa de inauguração é para o início do segundo semestre do ano.

Leia mais em: Agenda A
 

·
MCZ
Joined
·
2,819 Posts
Praia do Francês ganhará Beach Club com mais de 2000 metros quadrados

O movimento de “renascimento” da Praia do Francês continua. Após a praia ter passado por um ordenamento urbano com atração de novos hotéis, pousadas, restaurantes e bares, será sede agora do maior Beach Club da região em terreno de mais de 2000 metros quadrados de frente ao mar (logo na entrada da praia, onde ficava um estacionamento). Trata-se do Kanoa Beach Club, projeto dos empresários à frente da barraca de praia Kanoa que pretende não apenas atrair alagoanos e turistas, como eventos e até pequenos shows para o local.
De acordo com os sócios, as obras do novo Beach Club devem começar em fevereiro e a expectativa de inauguração é para o início do segundo semestre do ano.

Leia mais em: Agenda A
E pelas imagens, vai ficar show de bola, bem a cara do Francês! :banana:
 
2241 - 2260 of 2285 Posts
Top