Skyscraper City Forum banner
1 - 10 of 10 Posts

·
Registered
Joined
·
40,884 Posts
Discussion Starter · #1 ·














A mediateca, pela variedade de ofertas que contém, não tem um público específico. No entanto será a classe estudantil que melhor proveito irá retirar deste equipamento agora proposto. Portanto, será este o principal público alvo da mesma. Não só pelo complemento académico que esta unidade proporciona, como também pelo acesso à internet, e por consequência a utilização das redes sociais tão presentes na vida quotidiana de qualquer jovem.



São notórios e evidentes os esforços feitos pelo Estado Angolano no sentido da requalificação e aumento do parque escolar. Estas novas mediatecas surgem no seguimento desse esforço incrementando-lhe agora uma quota de qualidade de dimensão e de globalidade a todo este processo.



Imprensa escrita, televisão, biblioteca tradicional, e-books, internet, ludoteca, jogos virtuais, música, cinema, espaços de estudo, espaços de trabalho, salas de reuniões, videoteca, audioteca, sala de conferencias, espaços de exposições e de lazer são algumas das valências deste espaço. Todas estas actividades podem ser desenvolvidas com o acompanhamento especializado de funcionários da instituição.

Informação Adicional


* Área (m2): 2100
* Número de Salas: 23
* Sala de Informática: Sim
* Ligação à internet: Satélite
* Localização: Huambo
 

·
skxawng by tsu'tey
Joined
·
6,544 Posts
tem de ser aprovado imediatamente :applause: mas uma vez o Huambo encostou Luanda no seu divido lugar...se isso não for aprovado é caso dizer FDX
 

·
Registered
Joined
·
40,884 Posts
Discussion Starter · #5 ·
and also u/c now


12-05-2011 11:23

Huambo
Vice-ministro lança pedra para construção da Mediateca


Luanda - O vice-ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, Pedro Sebastião Teta, deslocou-se hoje quinta-feira à província do Huambo, onde vai fazer o lançamento da pedra para a construção da mediateca.



Falando à Angop no Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, o vice- ministro, coordenador executivo da Rede Mediateca de Angola Rema), disse que o projecto vai terminar a sua primeira fase com o lançamento da pedra na província do Huambo.



Segundo o vice ministro, o programa, iniciado em Novembro último na capital do país, foi já lançado nas províncias de Benguela, Zaire, Lunda Sul, Zaire, e Huíla.



Explicou que as mediatecas estão a ser construídas ao abrigo do despacho presidencial 28/2010 de 21 de Junho, cujo objectivo é materializar o programa de construção de infra-estruturas dotadas de uma vasta gama de informações, serviços culturais e científicos ao cidadão.



"O programa vai facilitar o acesso aos conteúdos e tecnologias na província do Huambo”, disse.



As mediatecas são definidas como bibliotecas informatizadas e multimédia, com o objectivo fundamental de proporcionar, a todos os possíveis interessados, a consulta a uma vasta gama de serviços e suportes de informação, quer de carácter técnico especializado, quer de carácter geral e cultural.




Facilita o acesso à informação e ao conhecimento necessário ao desenvolvimento socioeconómico e contribui para a formação e aperfeiçoamento do capital humano, ao mesmo tempo que alarga o acesso à cultura e à sua fruição pelos utilizadores, geralmente de
uma forma gratuita.
 

·
Registered
Joined
·
40,884 Posts
Discussion Starter · #9 ·
26-07-2013 16:33

Tecnologias de Informação
Mediateca do Huambo será inaugurada em Dezembro



Secretário de Estado para as Tecnologias de Informação, Pedro Sebastião Teta
Secretário de Estado para as Tecnologias de Informação, Pedro Sebastião Teta
Huambo - A Mediateca da província do Huambo, cujas obras de construção iniciaram em 2011, será inaugurada no próximo mês de Dezembro, garantiu hoje, sexta-feira, o secretário de Estado para as Tecnologias de Informação do Ministério da Tecnologia e Informação, Pedro Sebastião Teta.

Falando à imprensa no termo da visita de algumas horas a província, Pedro Sebastião Teta mostrou-se satisfeito com o grau de execução da empreitada, tendo salientado que a infraestrutura está já em fase de acabamentos.

Fez saber que o modelo do empreendimento que os das províncias de Luanda Benguela e Huíla, comportando áreas de revistas, de leituras, infanto-juvenil, cafetarias, sala de recepção, entres outros compartimentos que vão servir melhor
em termo de acesso aos conteúdos de tecnologias aos cidadãos na província do Huambo.

Pedro Sebastião Teta disse que a construção do imóvel está avaliado em seis bilhões de kwanzas e albergará ainda equipamentos para pesquisa de documentos, livros, programas informáticos integrados, registos de vídeo, áudio e fotografias.

Explicou que a Mediateca do Huambo só não foi inaugurada em 2013 devido a incapacidade da empresa contratada inicialmente.

Anunciou que o Ministério da Tecnologia e Informação pretende construir em todo o país, até 2017, 25 mediatecas públicas.
http://www.portalangop.co.ao/motix/...bro,d88edfe5-3b39-4671-bcc9-329c13712d60.html

It will be complted by Dec this year...the minister announced that 25 more public libraries will be built across Angola.
 

·
Registered
Joined
·
40,884 Posts
Discussion Starter · #10 ·
Mediateca do Huambo torna-se ponto de referência da comunidade estudantil

Artigos Cultura

17 de Fevereiro de 2014

São mais de 600 pessoas as que nos seus primeiros cinco dias visitaram a Mediateca do Huambo. Entre professores e alunos de todos os ciclos do ensino, a instituição – inaugurada há menos de duas semanas – é já um ponto de referência na cidade para quem quer ler, pesquisar e aprender sobre os mais variados assuntos.

O Governo angolano compactua com a afirmação de que uma das maiores riquezas das sociedades actuais é a informação, decidindo assim apoiar a criação de uma rede de mediatecas que se pretende estender a todos os territórios do país. “Queremos espalhar mediatecas e mediatecas de proximidade, que serão dirigidas aos municípios”, explicou a Ana Alexandre Robalo, directora da Mediateca do Huambo, ao VerAngola.

Decorre neste momento uma acção de sensibilização que afecta escolas, instituições públicas e privadas e a restante população para que os cidadãos compreendam a importância deste tipo de instituições e usufruam dos seus serviços. Na mediateca da cidade do Huambo é possível desfrutar de “uma sala infanto-juvenil, sala de leitura, jogos didáticos e sala de audiovisuais”, bem como de áreas de lazer e pesquisa. A instituição conta ainda com uma “biblioteca cívica”, e com uma cinemateca que a directora considera “inovadora”, onde em parceria com escolas, universidades e centros educativos é possível a visualização de filmes e documentários didáticos. O edifício, que ocupa uma área de aproximadamente 200 metros quadrados, engloba também uma sala de conferências e de formação.

Os principais objectivos são “promover o conhecimento” e o “acesso à informação”, explica Ana Robalo. Pretende-se ainda o alargamento da cultura e da utilização de novas tecnologias a um maior número da população angolana. “É um projecto muito bem feito, e está a ter uma aceitação enorme por parte da população”, explica a directora, justificando as 600 visitas nos primeiros cinco dias de funcionamento e os mais de 400 utilizadores cadastrados no sistema, para além das 30 oportunidades de emprego geradas para jovens. A garantia dada pela instituição de existirem condições humanas e materiais capazes de responder às necessidades da comunidade estudantil dos domínios da investigação e da pesquisa é um dos maiores atractivos deste novo espaço.
http://www.verangola.net/Artigos/Cu...de-referencia-da-comunidade-estudantil=003220



Completed in Huambo...hope to get more pics






 
1 - 10 of 10 Posts
Top