SkyscraperCity banner
1 - 11 of 11 Posts

·
Viagem Interna
Joined
·
5,476 Posts
Discussion Starter · #1 ·
48 são detidos após invasão a prédio da Unifesp



Quarenta e oito estudantes foram detidos e levados para o 16º Distrito Policial da Vila Clementino após invadirem o prédio da reitoria da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), na Vila Clementino, no início da madrugada deste sábado.

Segundo a assessoria da Unifesp, os alunos não chegaram a invadir a reitoria, pois foram contidos antes pela segurança do prédio que chamou a polícia. Todos os invasores foram detidos.

A invasão, cujo propósito foi protestar contra o reitor Ulysses Fagundes Neto, se estendeu por toda a madrugada. Com a confusão, foram quebradas portas de vidro, janelas, mesas e cadeiras.

Segundo Mateus Ferreira Veloso Lima, diretor do DCE (Diretório Central dos Estudantes) da Unifesp, os estudantes foram liberados por volta das 6h. O caso será investigado pela Polícia Federal, porque o prédio pertence a uma instituição federal.





A resposta da UNIFESP


Unifesp lamenta depredação de seu prédio por estudantes
A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) repudia a invasão e depredação de seu prédio administrativo, à rua Botucatu, 740, na Vila Clementino, por um grupo de estudantes do campus de Guarulhos, na madrugada deste sábado (14/06). Encapuzados e armados com barras de ferro, chaves de fenda e marretas, os estudantes ergueram barricadas, agrediram quatro seguranças, quebraram móveis, vidros, portas e telefones, conseguindo alcançar o terceiro andar do edifício. Alguns entraram pela porta principal do prédio e outros pelo pronto-socorro, à rua Pedro de Toledo, 720, causando pânico no local. Não chegaram à reitoria porque houve intervenção da Polícia Militar, chamada pelos seguranças.


A invasão ocorreu por volta da 1h15, numa ação não aprovada pelo Diretório Central dos Estudantes (DCE) e também repudiada por alunos do campus da Vila Clementino, que chegaram ao local já na manhã deste sábado, para participar de atividades acadêmicas rotineiras. Os invasores foram levados ao 16º Distrito Policial da Capital, onde prestaram depoimento ao delegado de plantão, sendo liberados por volta das 6 horas. Agentes da Polícia Federal, pois o prédio pertence à União, encarregaram-se de fazer perícia, para instrumentalizar inquérito sobre a ocorrência.

Para a Unifesp, nada justifica ato de vandalismo de tamanha violência. Também não se sustenta o argumento dos alunos para a invasão, motivada por matéria jornalística que noticia questionamentos da Controladoria Geral da União (CGU) à prestação de contas da Universidade, relativa aos anos de 2005 e 2006. Tais questionamentos, que não são conclusivos, serão devidamente esclarecidos pela universidade, por meio de documentação referente à lisura dos procedimentos. Ou seja, os estudantes fizeram julgamento sumário e precipitado para a prática de um ato absolutamente ilegal.

A ação dos alunos, que agiram à revelia de qualquer assembléia e de decisão democrática do DCE contra a ocupação da reitoria, extrapola ao direito de manifestação. A Unifesp, em decisão colegiada, adotará as medidas administrativas cabíveis.

:eek:hno::eek:hno::eek:hno::eek:hno::eek:hno::eek:hno::eek:hno::eek:hno::eek:hno::eek:hno:


Alguns elementos que se dizem "estudantes" de cursos do Campus Guarulhos estão só causando tumultos. Fazer greve, protestar pois o Campus foi entregue com a falta de muitos recursos e equipamentos, tudo bem, é válido, mesmo que a polícia invada o campus para contornar a situação. O que acho lamentável é o ataque infundado ao bem público, com a desculpa de atingir o reitor....
Enquanto o reitor dormia calmamente em sua casa, 40 marginais encapuzados ( membros do corpo discente dos cursos de Humanas da Unifesp Guarulhos?) e com barras invadiram o prédio da reitoria da UNIFESP pela sua entrada principal e também pelo Pronto Socorro do Hospital São Paulo, causando tumulto e pânico , pois a entrada que utilizaram é o hall da sala de espera para atendimento.... Quebraram, destruiram, depredaram, agrediram funcionários publicos que faziam sua função para qual intuito??? Atingir a quem???

Agora é bem feito, pois o prejuízo que deram e a repercussão do caso vai fazer a reitoria repensar muito bem sobre o tipo de estudante que a UNIFESP Guarulhos mantém em seus cursos. Por culpa de pseudo-intelectuloides marxistas, trotskistas, Chavistas, o raio que os partam todo um campus está sendo malvisto dentro do contexto da universidade.
 

·
Inconsciente Coletivo
Joined
·
6,114 Posts
Não dá para expulsar esses alunos? Aqui se você colar na prova e professor pegar e levar ao coordenador de curso você pode ser expulso, como que uma coisa dessas passa batida?

Expulsar e prender esses marginais.
 

·
Viagem Interna
Joined
·
5,476 Posts
Discussion Starter · #3 ·
Não dá para expulsar esses alunos? Aqui se você colar na prova e professor pegar e levar ao coordenador de curso você pode ser expulso, como que uma coisa dessas passa batida?

Expulsar e prender esses marginais.
O mal-estar que isto causou aqui na UNIFESP provavelmente vai levar a expulsão como punição. O surreal foi a invasão via PS do Hospital, é lamentável para um estudante de terceiro grau colocar em risco pessoas que estão necessitando de atendimento para um ato politico ( pois é assim que se classifica a ação..)


Desde 1998 o regimento do corpo discente proibiu uma antiga tradição que os alunos do sexto ano de medicina tinha que era o chamado " banho do 6 ano": Molha-se todos os alunos e comemora-se na Atlética, com batuque, cerveja. So que em 1998 deram banho no Reitor e ai já viu....
Meu medo é que começem a surgir rixas e brigas entre os alunos dos diferentes campi após esse episódio ( Guarulhos, com 1 a e pouco, fica falando que tudo vai para Vila Clementino, etc... tipo de coisa infundada mas que já começa a semear o mal...)
 

·
Registered
Joined
·
28,201 Posts
hehe, esse tipo de ação se aproxima daquela promovida em algumas cidades pequenas onde há uma agitação guiada do tipo "vamu lá, vamu agí, vamu bagunça com eles" que geralmente consiste em incendiar toda a prefeitura, a câmara, a delegacia ou o fórum (com a pronta ajuda de interessados em ver documentos sumirem).

Atitudes perfeitamente racionais e que geram sempre resultados posítivos! :|
 
1 - 11 of 11 Posts
Top