SkyscraperCity banner
1 - 16 of 16 Posts

·
Christopher
Joined
·
17,520 Posts
Discussion Starter · #1 · (Edited)
A comissão do projeto Veículo Elétrico de Itaipu esteve ontem em Cascavel, na fábrica da Mascarello, com a diretoria da empresa para discutir sobre uma das linhas de pesquisa para o desenvolvimento de um ônibus elétrico – que, em uma segunda fase, será movido a hidrogênio. O projeto envolve o PTI, a Unicamp e empresas como Weg e Iveco e prevê a montagem de um protótipo, no ano que vem, para verificar a viabilidade do projeto. A Mascarello fornecerá a carroceria do ônibus para a montagem.

A previsão é de que em outubro de 2008 o primeiro ônibus elétrico já esteja circulando dentro da usina. Em seguida, deve se iniciar a transformação do motor, com a implantação de uma célula de combustível, para que possa ser movido a hidrogênio. O ônibus a hidrogênio deverá circular já em 2009. De acordo com o responsável pelo projeto do Veículo Elétrico, Celso Novais, a idéia é, no futuro, utilizar apenas ônibus elétricos (ou a hidrogênio) para atender o pessoal de Itaipu. "É uma forma de colaborar com o meio ambiente e de desenvolver tecnologia", diz Novais.



Itaipu é uma das pioneiras no projeto do Veículo Elétrico no Brasil, com o apoio de diversas empresas do setor elétrico.

Mascarello fornecerá as carrocerias



Fábrica em Cascavel

 

·
Scooter/motorbike lover
Joined
·
65,802 Posts
E a Mascarello é a montadora de ônibus mais nova do Brasil, com apenas cinco anos de existência; mas, ela já é uma das principais empresas do setor. Para quem não conhece um modelo dela, aí vai a foto abaixo:

 

·
Christopher
Joined
·
17,520 Posts
Discussion Starter · #3 ·
^^ Sim da minha cidade.
Seu mercado principal é o Brasil, e nesse cinco anos ja exportou pra uma boa parte de América Latina, e África. Recentemente lançou projeto de fábrica de acessórios para ônibus (bancos, poltronas, janelas e etc)..

Sobre o ônibus a hidrogênio, eh uma boa nova, frente a alto dos combustíveis.. E Itaipu já lançou junto a Fiat o carro elétrico.
 

·
Registered
Joined
·
12,615 Posts
Esse ônibus é híbrido, ou é movido a baterias??

Eu queria ver mais ônibus híbridos circulando por aí, até porque eles dão mais lucro aos empresários do setor, são mais caros, mas duram mais, consomem menos e reduzem a poluição do ar.
 

·
Banned
Joined
·
7,747 Posts
No Rio já há um número considerável de empresas que compraram recentemente carrocerias Mascarello; pelo que parece, são modelos mais em conta e com prazo de entrega menor - por isso que vêm tendo um número crescente de compradores - mas eu não sei se ainda existem ressalvas em relação à fragilidade dos ônibus (dizem que melhoraram muito também no quesito resistência).

Abraços!
 

·
Scooter/motorbike lover
Joined
·
65,802 Posts
E melhoraram, Lorram. Os primeiros Mascarello eram terríveis e bem despojados por dentro. Hoje, eles já melhoraram uns 200% na qualidade da carroceria.
 

·
Registered
Joined
·
1,029 Posts
No Rio já há um número considerável de empresas que compraram recentemente carrocerias Mascarello; pelo que parece, são modelos mais em conta e com prazo de entrega menor - por isso que vêm tendo um número crescente de compradores - mas eu não sei se ainda existem ressalvas em relação à fragilidade dos ônibus (dizem que melhoraram muito também no quesito resistência).

Abraços!
então é essa praga q algumas empresas estão comprando, ele é todo simples, nem letreiro eletrônico tem e parece menor q os outros também.
 

·
Inconsciente Coletivo
Joined
·
6,114 Posts
^^

Porque esses projetos não vão para frente? Brasil tem empresas de veículos elétricos há mais de 20 anos, imagina se elas tivessem sobrevivido?
 

·
Christopher
Joined
·
17,520 Posts
Discussion Starter · #11 · (Edited)
então é essa praga q algumas empresas estão comprando, ele é todo simples, nem letreiro eletrônico tem e parece menor q os outros também.
Acredito que o modelo simples como vc descreveu deve ser pelos opcionais que a empresa de onibus de sua cidade encomendou.. não da montadora. Ela faz conforme o que o cliente pede..
Os onibus Mascarello em minha opnião são mto bons, com um design interno e externo unico.
 

·
Moderator
Joined
·
38,495 Posts
Que ótima notícia! São iniciativas assim que fazem esses projetos irem para a frente. Sobre a qualidade da Mascarello, aqui em Rio Preto vários dos ônibus novos têm a carroceria Mascarello. Eles são bem mais largos que os ônibus mais antigos, possuem um layout interno bem interessante (os bancos são de plástico, mas são anatômicos e isso os torna surpreendentemente confortáveis), e têm sistema de letreiro eletrônico.

Uma foto:
 

·
Scooter/motorbike lover
Joined
·
65,802 Posts
Aproveitando este projeto, sugeria para a indústria nacional desenvolver um miniônibus totalmente elétrico para rodar somente em linhas curtas e de baixa demanda, como linhas centrais, terminais de aeroporto, estacionamentos de grandes shoppings, transporte interno dentro de indústrias.

A empresa Tecnobus, da Itália, produz um modelo bem interessante de miniônibus elétrico chamado Gulliver. Eis o site da empresa: http://www.tecnobus.it/home/en

Em Portugal, duas cidades já operam este modelo da Tecnobus: Coimbra e Funchal (Ilha da Madeira). Eles operam em linnhas centrais no meio de ruas medievais, onde não seria possível a operação de ônibus normais. No nosso caso, este tipo de veículo poderia operar também em calçadões, em centros de cidades históricas (como Ouro Preto ou Salvador) e em linhas curtas de integração entre os modais de transporte (ex.: a Ponte ORCA na cidade de São Paulo).

Abaixo, a foto do miniônibus elétrico de Coimbra, batizados de Pantufinhas:

 

·
Registered
Joined
·
2,783 Posts
^^ Bonitinho pra caramba. O nome me lembra os Tribus da Itapemirim (carroceria Tecnobus, certo busólogos?)

O que mata de o porque não ter veículos elétricos no Brasil é tanto pelo cartel de combustíveis comuns, quanto pelo fato de que haveria uma maior demanda de necessidade de energia elétrica. Como nossa infra-estrutura de energia elétrica ainda não é a das melhores...

Outra: as cidades no Brasil são distantes, e a bateria ainda não evoluiu de tal forma que dê um raio de alcance alto para veículos elétricos.

Seria interessante a vinda de veículos hibridos pra cá, mas aí volta a história do cartel, e ainda soma-se o fato de que o brasileiro teria muitos problemas devido a tecnologia mais avançada ainda.
 

·
Scooter/motorbike lover
Joined
·
65,802 Posts
Exatamente, Ligeirinho. A encarroçadora da Itapemirim se chama Tecnobus, mas esta é a Tecnobus italiana, que não tem nada a ver. Este Gulliver poderia ser usado em linhas centrais de estâncias turísticas, mas ele teria que ser adaptado à nossa realidade, com rodas maiores e, dependendo da região, um espaço para a roleta.

Por isso, digo que o Brasil pode desenvolver um "Gulliver" nacional, mais adequado às nossas ruas, mas tem cidade onde este miniônibus pode rodar sem problemas. Vou mandar um e-mail para a ABVE (Associação Brasileiria do Veículo Elétrico) para iniciar estudos para desenvolver um miniônibus elétrico nacional ou mesmo importar alguns miniônibus Gulliver para o Brasil. Já imagino estes miniônibus operando inicialmente como teste em duas estâncias turísticas do Brasil: São Roque (SP), cidade onde nasci, e Bento Gonçalves (RS), cidade onde passei minhas férias e que amo de coração; nas duas cidades, os miniônibus elétricos operariam uma rota curta circular, saindo da rodoviária e trafegando pelas ruas centrais, sendo que o usuário poderia pegar o ônibus em qualquer lugar (ou seja, fora dos pontos).
 
1 - 16 of 16 Posts
Top