SkyscraperCity banner
1 - 1 of 1 Posts

·
...
Joined
·
44,068 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Apoio

Cidade da Itália pode ajudar a capital paraense em vários projetos e programas

A capital paraense e a cidade italiana de Pontassieve, na região da Toscana, poderão firmar acordos de cooperação nas áres de abastecimento de água, financiamento e capacitação em restauro, esporte e lazer e geração de emprego e renda. O assunto foi tema de uma audiência ontem, entre os prefeitos Marco Mairaghi, de Pontassieve, e Duciomar Costa, de Belém, no Palácio Antônio Lemos. Hoje, Mairaghi se reúne com o governo do Estado para tratar de projetos de cooperação na área do artesanato.

Acompanhado do seu secretário de Cultura e Relações Internacionais, Alessandro Sarti, Mairaghi propôs-se a incentivar a implantação de uma filial em Belém da Fundação Instituto Ítalo-brasileiro (Ibra), cujo foco será a capacitação e a qualificação de profissionais da área de restauro, com vistas à preservação, revitalização e manutenção do patrimônio histórico local e a geração de mão-de-obra qualificada.

Duciomar apresentou aos visitantes dados e resultados sobre o projeto Águas Negras I - que contou com apoio da Prefeitura de Pontassieve -, sobre o 'Novas Fachadas', que a Fundação Cultural do Município de Belém (Fumbel) elaborou com o objetivo de restaurar as fachadas de 20 prédios históricos localizados no Boulevard Castilhos França, além do projeto Farmácia Nativa, entre outros.

'No que diz respeito a expansão da rede de abastecimento de água, Belém tem avançado e, para tanto, foi inegável a colaboração da Prefeitura de Pontassieve. Neste momento, a nossa intenção é estender essa ampliação para a região insular da nossa cidade, especialmente para a Ilha de Cotijuba', disse o prefeito convidando a representação italiana para uma visita à ilha.

Ele também falou do interesse de Belém em um contrato de cooperação tendo como foco a ampliação do projeto 'Farmácia Nativa', e na área de arquitetura e restauro, com Belém recebendo técnicos da região da Toscana. O prefeito de Pontassieve destacou ainda a realização do Fórum Social Mundial em janeiro de 2009 em Belém, quando novos acordos e parcerias poderão ser sacramentados com a cidade de Belém.

Antes do encerramento da audiência, uma casal de dançarinos se apresentou para os visitantes e membros do programa 'Jovens em Ação', o ProJovem, em parceria com governo federal, entregaram objetos e produtos fabricados por eles durante no projeto.


ARTESANATO


Com o governo do Pará, o prefeito Marco Mairaghi vai discutir projetos de cooperação na área do artesanato marajoara. O objetivo do projeto é melhorar a técnica de produção para exportar itens da cerâmicas tapajônica e marajoara. Pontassieve fica próximo a Montelupo Fiorentino, município da região Toscana, onde anualmente é realizada a Festa Internacional da Cerâmica, um dos maiores eventos ceramistas do mundo, daí o interesse no incentivo à produção da cerâmica marajoara.

O Pará também também ser beneficiado pelo projeto italiano URB-AL, que apoiará quatro representações de pequenos agricultores e artesãos paraenses. Ontem foi realizada, em Milão, uma reunião entre a 'Távolo dell’Amazzonia' (rede de instituições italianas que trabalha com a Amazônia) e a União Européia, financiadora do projeto. O URB-AL também terá atuações no Equador e na Venezuela. As Províncias de Milão, Nápoles e a região de Abruzzo também fazem parte da 'Távolo dell’Amazzonia'.

Fonte: Portal ORM
 
1 - 1 of 1 Posts
Top