SkyscraperCity banner
1 - 3 of 3 Posts

·
Banned
Joined
·
27,387 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Dentro de 60 dias a Iveco, fábrica de caminhões do Grupo Fiat, vai selecionar as 14 indústrias de autopeças, especializadas em diferentes tecnologias para atender a praticamente todas as necessidades de fornecimento externo da sua única planta industrial brasileira, localizada em Sete Lagoas, a 70 quilômetros a leste da capital mineira.

A indústria passa pela segunda expansão em menos de 36 meses e foi visitada ontem pelo presidente mundial da empresa, o italiano Paolo Monferino para comandar a inauguração do centro de desenvolvimento do produto, um departamento de engenharia e design com capacidade de projetar e desenvolver caminhões completos.

Segundo o dirigente, desta vez o grupo investirá R$175 milhões, além dos R$ 325 milhões anunciados em 20 de novembro do ano passado pelo presidente mundial do Grupo Fiat, Sergio Marchionne, em sua viagem ao Brasil. Com a expansão, a fábrica aumentará a produção de caminhões pesados de 30 para 60 unidades diárias, além das quase 200 unidades de modelos Daily e da Ducato.

"A demanda cresceu muito acima do previsto", declarou. Dentro de 15 dias, cerca de uma centena de importantes indústrias de autopeças serão convidadas para comparecer à planta industrial de Sete Lagoas e tomar conhecimento do projeto do distrito industrial de fornecedores. Dentre elas, apenas 14 serão escolhidas para assumir o fornecimento de todos os componentes ligados às suas atividades, incluindo os de subcontratados.

Assim, o fabricante de rodas fornecerá também o pneu já montado e calibrado. Os fornecedores de painéis terão a obrigação de apresentar o conjunto montado, já incluindo o odômetro e demais equipamentos de controle e a fiação, devidamente testados.

Os contratos serão assinados em 60 dias e os escolhidos terão acesso a financiamento total dos investimentos para a construção de suas respectivas unidades industriais, com recursos oferecidos pelo Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais, que é uma instituição de fomento de propriedade do governo de Minas. Os terrenos e infra-estrutura serão fornecidos pela Iveco e pela prefeitura de Sete Lagoas.

Segundo o presidente mundial da Iveco, o centro de desenvolvimento de produto atenderá também a pedidos de adaptação nos caminhões solicitados pelos principais clientes, com objetivo de atender suas necessidades específicas.

A unidade incorporou um centro de desenvolvimento que operava em Córdoba, na Argentina, e vai congregar o trabalho de cem engenheiros brasileiros e argentinos e será completado com uma pista de provas especiais Segundo Marco Mazzu, que preside a companhia na América Latina, este será o sétimo centro de desenvolvimento da empresa no mundo e o primeiro fora da Europa.

Também ontem a Iveco lançou no Brasil o caminhão semi-leve Daily 70C16, que já seria fruto do trabalho da nova engenharia de produto da empresa. Trata-se de uma versão de sete toneladas, inexistente na gama européia do modelo, que teve de ser especialmente desenvolvido para o Brasil. Atualmente, a Iveco dispõe de cerca de cem fornecedores, dos quais 40 estão localizados em Minas Gerais. A solenidade de inauguração do centro de desenvolvimento de produto foi presidida pelo governador Aécio Neves.
(Gazeta Mercantil/Caderno C - Pág. 6)(Durval Guimarães)

Fonte: http://www.gazeta.com.br/integraNoticia.aspx?Param=604,0,1883570,UIOU
 
1 - 3 of 3 Posts
Top