SkyscraperCity banner
1 - 15 of 15 Posts

·
Registered
Joined
·
12,827 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Subsídio verde
Lei faz crescer jardins suspensos em Nova York. São Paulo tem projeto, e Rio estuda medida

Luciana Calaza

Dez por cento de casas e edifícios construídos em Nova York neste último ano têm telhados verdes.
Esse é o primeiro resultado — e, segundo especialistas, muito bom — da lei aprovada há um ano, dando desconto no imposto predial a quem plantar jardins na cobertura. A medida é válida para o Rio? Segundo o secretário de Meio Ambiente e vice-prefeito do Rio, Carlos Alberto Muniz, apesar dos efeitos da crise econômica sobre a arrecadação, o assunto está em estudo. São Paulo, por sua vez, já tem um projeto de lei neste sentido.
Graças à nova lei, Nova York ganhou, em um ano, pedidos de licenciamento para 87,7 mil metros quadrados em coberturas verdes — quase 11 Maracanãs.
Os responsáveis por essas obras terão descontos no pagamento de impostos até o valor de US$ 100 mil por ano. No projeto de lei de São Paulo (115/2009), fica determinado que os novos condomínios com mais de três unidades agrupadas verticalmente deverão implantar um telhado verde. Mas não há incentivo financeiro.
Os paulistanos, no entanto, têm um bom exemplo: no Edifício Matarazzo, sede da prefeitura, está o maior telhado verde da cidade. São 300 metros quadrados de várias espécies da nossa flora, inclusive pau-brasil. É verdade que o projeto do jardim suspenso é muito anterior à instalação da administração municipal. Foi criado há 50 anos por Walter Galera, administrador do edifício, quando ele era propriedade da família Matarazzo.
No Rio, é difícil achar telhados verdes. O primeiro, provavelmente, foi o da Ecohouse — casa sustentável na Urca, idealizada pela arquiteta Alexandra Lichtenberg em 2003.

Em setembro passado, a Lanchonete Panorâmica, quiosque de lanches na Central do Brasil, adotou a solução para atenuar o calor do local. O projeto é de Matias Baumann, e a instalação, da Ecotelhado, empresa gaúcha especializada na montagem desses telhados. Além disso, a construtora Ecoesfera está erguendo três prédios com o sistema (um no Recreio e dois em Jacarepaguá).

— O telhado verde é mais conhecido em países da Europa, como na Alemanha, onde foi instalado em cerca de 15% das residências e edifícios — diz o engenheiro agrônomo João Manuel Feijó, sócio da Ecotelhado e presidente da Associação Telhados Verdes Brasil (ATV Brasil).
A primeira vantagem dos telhados verdes, continua Feijó, é que eles funcionam como isolantes térmicos, reduzindo em até 20% o custo de resfriar os imóveis abaixo. Além disso, a vegetação regula o escoamento da água da chuva: — Com o telhado verde, a água da chuva fica, em parte, retida nas próprias plantas.

A Ecotelhado é, ainda, a fornecedora do sistema que será instalado num projeto-piloto no Morro Dona Marta, em Botafogo.

A Fundação Parques e Jardins (FPJ), da Secretaria de Meio Ambiente do município do Rio, contratou a empresa para plantar telhados verdes, a princípio, numa capela e em duas residências. Amanhã, inclusive, haverá uma apresentação interna do projeto.

Metro quadrado a partir de R$ 77

— Estamos procurando trazer esse assunto para que a sociedade discuta. Depois, adotaremos telhados verdes em obras do PAC nos morros da Mangueira e Babilônia. Essa é só uma parte de um conjunto de soluções em discussão para que tenhamos uma legislação de uma cidade sustentável. No programa “Minha casa, minha vida”, por exemplo, resolução conjunta das secretarias de Meio ambiente, Urbanismo e Habitação determina que os empreendimentos adotem energia solar e hidrômetro individual — diz o secretário municipal.
Os especialistas dizem ainda que a alternativa sustentável, hoje, não sai mais tão cara quanto há alguns anos: — O preço de implantação do sistema varia, hoje, entre R$ 77 e R$ 150, o metro quadrado, de acordo com as espécies de plantas escolhidas.
Esses são valores aproximados ao de um telhado de fibrocimento, que é instalado sobre a laje para impermeabilizar e garantir conforto térmico — conclui Feijó, da Ecotelhado.


Campanha recomenda cor branca nos telhados
Coberturas e calçamentos pintados reduziriam temperatura do planeta
SUBSÍDIO VERDE
Continuação da página 1

Apesar de a Ecoesfera ter incluído, no ano passado, o telhado verde em alguns de seus projetos — inclusive em três no Rio — o presidente da construtora, Luiz Fernando Lucho do Valle, diz que uma outra solução vem sendo estudada: as coberturas pintadas de branco.
Ele diz que, embora o telhado verde tenha vantagens, como auxiliar no microclima das cidades — atraindo pássaros, por exemplo — no caso de prédios, ele não é prático: No telhado, há edículas e antenas, o que dificulta a criação de jardins. A pintura branca, que reflete a luz do sol, também reduz o aquecimento.
E, para que o telhado verde deslanche, é preciso ter incentivos governamentais. Como isso não acontece, há poucas empresas que adotam o sistema.
Nosso fornecedor é do Sul.
Além de o gasto ser alto, a queima de combustível da viagem é um contrassenso.
Segundo pesquisadores da Universidade de Berkeley (EUA), se 30% a 40% dos telhados ou calçamentos do mundo forem pintados com a cor branca, a temperatura do planeta poderá baixar até 1° C. Os números expressivos motivaram a campanha One degree less (Um grau a menos), promovida no mundo todo — no Brasil, é encabeçada pelo escritório da ONG Green Building Council.
A alternativa é mais simples.
Mas a arquiteta Alexandra Lichtenberg, da Ecohouse, ainda defende os telhados verdes: — Se o investidor fizer os cálculos, vai ver que compensa — diz ela, que está, agora, plantando bananeiras na sua laje.

O GLOBO
 

·
Registered
Joined
·
582 Posts
Bem eu nao sou muito chegado à plantinhas e vasinhos em tudo que terraco ou varanda, uma que cria mosquito nas águas paradas, outra que as raízes dessas plantas geralmente cria uma infiltracao desgracada nos telhados. Vem aranha e tudo que é de inseto. Precisa ter uma impermeabilizacao muito boa que evite mofo nas paredes e pinturas no teto descascadas. Agora quando muito bem bolado acho até interessante.
Na Alemanha eles as vezes exageram, fica um matagal violento. Gosto de poucas plantas muito bem escolhidas, como palmeiras ou bromélias em cascalhos brancos mas é só. Aqui tem uma mania de no interior dos escritórios enfiarem plantas para tudo quanto é lado, acho péssimo, que fica os galhos atrapalhando. Detesto isso de vasinhos em janela, geralmente coisa de velha. Um que outro vai lá.. Detesto os jardins de floresta amazônica...E quando fica abandonado e mal cuidado entao... nem se fale. Mas quando se tem planta demais atravancando a passagem me irrita, gosto de lugares cleans, no maximo assim:


 

·
Registered
Joined
·
582 Posts
E digo outra, acho terrível essas paredes e muros com trepadeiras acumulando bichos e evitando a limpeza, além de deixar tudo úmido demais, dificultando a pintura e clareza dos ambientes.
Coisas assim acho péssimas:
 

·
Registered
Joined
·
12,827 Posts
Discussion Starter · #6 ·
Acho que é bom para o aspecto da cidade, e para o clima, já que reduz as ilhas de calor.

Infiltrações e coisas do gênero ocorrem em qualquer laje. É só tratar direito o projeto, pô.

No mais, felizmente hoje em dia se pensa mais em verde e menos em concreto.
 

·
Riopretense
Joined
·
5,771 Posts
Concordo! Este tipo de lei eu aprovo. Conceder incentivos, e não obrigar, como alguns ambientalistas sugerem, e inclusive foi feito aqui em São José há 3 anos, quando uma Lei municipal OBRIGAVA que para cada criança nascida, fosse plantada uma árvore. :down:
 

·
Registered
Joined
·
12,827 Posts
Discussion Starter · #8 ·
^^ :rofl: Mentira!

A melhor definição pra isso é: "esdrúxulo". Como era feita a fiscalização? :nuts:
 

·
Banned
Joined
·
1,872 Posts
Basta plantar hera (Partenocissus tricuspidata) nos muros e paredes dos predios. Vai ficar tudo verde. Eu sugiro fazer isso nas favelas, iriam ficar camufladas :lol:
 

·
Riopretense
Joined
·
5,771 Posts
^^ :rofl: Mentira!

A melhor definição pra isso é: "esdrúxulo". Como era feita a fiscalização? :nuts:
Possivelmente era mínima. Entretanto, quem desse o azar de não plantar árvore, e por acaso ser descoberto por uma fiscal velha, chata e mal-comida, tava no corgo.:lol:
 

·
22°52'S 47°03'W
Joined
·
20,646 Posts
Trocar as telhas romanas/francesas/etc. por tégula branca seria uma excelente medida. Telhados verdes podem até funcionar, mas não devem ser a regra, principalmente ao saber das condições de impermeabilização de muitas construções por aí...:|
 

·
Registered
Joined
·
2,057 Posts
Ótima iniciativa. Espero que os projetos estudados no Rio vão para frente. Além do impacto ambiental, fica esteticamente muito bonito.

Outro dia mostraram aqui uma foto de Copacabana, com seus prédios densamente agrupados e justapostos, vistos do topo do antigo Méridien. Não precisa dizer que a coisa é horrível. Imaginem aquilo tudo coberto de verde!

Sou completamente a favor de tornar prédios verdes, em qualquer proporção. Querem colocar todo o teto ou cobrir 20 andares de árvores dependuradas nas paredes, tranquilo. Pode não ser bonito, mas vale pelo cuidado com a natureza e pelo pitoresco.

Concordo! Este tipo de lei eu aprovo. Conceder incentivos, e não obrigar, como alguns ambientalistas sugerem, e inclusive foi feito aqui em São José há 3 anos, quando uma Lei municipal OBRIGAVA que para cada criança nascida, fosse plantada uma árvore. :down:
Só faltou obrigar escrever um livro. E aí todos, por lei, teriam a vida completa.

Basta plantar hera (Partenocissus tricuspidata) nos muros e paredes dos predios. Vai ficar tudo verde. Eu sugiro fazer isso nas favelas, iriam ficar camufladas :lol:
Eu posso jurar que traficantes já fazem isso para camuflar suas "instalações".

Mas uma parte disso é verdade. Eu acho que as favelas podem ser aproveitadas muito para essas "experiências". Não só o verde no teto, claro, mas por diversas outras propostas! Sou a favor da remoção do máximo de favelas, mas não pode-se negar que muitas delas são verdadeiros outdoors para essas ideias.
 

·
Que que eu escrevo aqui?
Joined
·
2,288 Posts
E digo outra, acho terrível essas paredes e muros com trepadeiras acumulando bichos e evitando a limpeza, além de deixar tudo úmido demais, dificultando a pintura e clareza dos ambientes.
Coisas assim acho péssimas:
Não entendi qual é o problema do último, é coberto por hera, mas não atravanca nada, é até do seu estilo "clean".
 

·
Riopretense
Joined
·
5,771 Posts
:rofl: Verdade!

Será que eles fazem distinção entre um xaxim e um eucalipto? Ou vale qualquer espécie? :nuts:
Parece que a prefeitura concedia a semente ao morador...da forma que anunciavam, a impressão que dava é que falavam disto como se fosse "a maior generosidade do mundo".:nuts:

Foda foi ver o JH fazer reportagem elogiando esta atitude.:bash:
 
1 - 15 of 15 Posts
Top