SkyscraperCity banner

1 - 20 of 2966 Posts

·
Registered
Joined
·
9,549 Posts
Discussion Starter #1
A dinâmica de construção de projectos habitacionais novos em 2003 na cidade de Lisboa reflecte uma situação de equilíbrio, conclui um estudo divulgado ontem pelos escritórios de Lisboa da Jones Lang LaSalle. O Parque das Nações apresenta-se, no mesmo estudo, como a principal zona de expansão urbana da cidade, liderando em termos de oferta e em número de unidades vendidas.

A pesquisa do líder global de prestação de serviços imobiliários considerou uma amostra de 72 empreendimentos novos em venda inicial, que representam um total de 5.459 apartamentos disponíveis na cidade de Lisboa em 2003. Destes, registou-se uma absorção na ordem dos 66 por cento, correspondente a 3.583 apartamentos vendidos.

"A taxa de absorção revela um mercado imobiliário equilibrado", explica Margarida Alves, da Jones Lang LaSalle. "Em 2000, tínhamos uma taxa de oferta disponível na ordem dos 26 por cento, que revelava escassez na oferta; dois anos depois, em 2002, a taxa disparou para 41 por cento, revelando abundância. Durante o ano passado, tivemos um mercado equilibrado", sustenta a mesma responsável.

Neste estudo, a consultora considerou, com vista à homogeneização para comparação, apenas quatro zonas da cidade: o Parque das Nações e as zonas Centro (Avenidas Novas), Oeste e Norte (considerando-se Telheiras, Benfica e Alvalade) da capital.

O Parque das Nações é a principal zona de expansão urbana, representando 59 por cento da actividade edificadora, liderando em termos de oferta e em número de unidades vendidas. Com um total de 29 novos empreendimentos, lançou no mercado, em 2003, 3.220 apartamentos. Em relação ao número de apartamentos vendidos, a amostra da consultora imobiliária revela que no Parque das Nações foram vendidas 1.978 unidades.

Se, por um lado, a zona do Parque das Nações apresentou o maior número de apartamentos em venda inicial, a zona Norte da capital registou o maior número de promoções novas, com o lançamento, em 2003, de 36 novos empreendimentos, num total de 2.066 fogos. A construção nova lançada nesta zona da cidade, durante o ano passado, reflectiu um aumento de 65 por cento relativamente a 2002, ano em que a construção nova se cifrou nos 19 empreendimentos. A zona Norte assumiu também uma forte dinâmica, segundo o estudo, vendendo o ano passado 1.555 apartamentos.

Lisboetas querem três assoalhadas

A oferta estudada pela consultora é dominada pelas tipologias T2 (33 por cento) e T3 (31 por cento). As tipologias com maior procura satisfeita são as tipologias T2 (três assoalhadas).

Em termos de preços médios por metro quadrado e por zona, a zona Oeste, por registar apenas um empreendimento e de elevada qualidade, em Belém, apresenta os valores mais elevados da cidade (3.350 euros por metro quadrado). Na zona Centro, o crescimento dos preços cifrou-se nos 23 por cento, com a habitação nova a apresentar valores de venda médios na ordem dos 2.885 euros por metro quadrado.

O Parque das Nações foi a área menos atingida pelo aumento dos preços médios, devido ao excesso de oferta, admite Margarida Alves, com crescimento de apenas dois por cento e com o preço por metro quadrado em cerca de 2.425 euros. Já no Centro da cidade, a habitação nova é vendida, em média, a 2.248 euros por metro quadrado, mais cinco por cento do que em 2002.

O estudo conclui, assim, que o mercado de habitação nova em Lisboa continua a registar uma variação positiva. Os preços médios cresceram seis por cento em relação ao ano anterior.

fonte:Publico
 

·
Αλέξανδρ&#
Joined
·
52,566 Posts
O edificio Riverplace ja tem a sua coroa, não é do agrado de mta gente mas eu acho-o fantastico e unico aqui vai algumas fotos dele!!

projecto final:


a 5 meses atraz:


actualmente:
 

·
Uma dúzia de anos disto..
Joined
·
30,722 Posts
Ah, aquilo era mesmo para existir??! Pensava que quem tinha feito o render tinha 10 minutos livre e tinha acrescentado aquilo ali para ficar mais bonito!!! :lol: :lol: Palavra que nunca julguei que aquilo fosse sair do papel...

Anyway, não gosto do Riverplace...Gosto da estrutura, mas digam lá se aquilo em vidro não ficava bem melhor...;)
 

·
braaaap all day!
Joined
·
4,696 Posts
Parece e é! O artísta fez um interpretação da esfera armilar. É um simbolo português por excelência de história com glória, feitos e honra; julgo que o artísta quis transmitir a ideia de algo de inacabado, ou seja, ainda há muita história para se fazer, glorificar e honrar!Quase que arriscaria a dizer que a escultura é um chamamento a todos para continuar a fazer história com esses mesmos valores, daí a localização no topo, para que seja vista à distância e logo por mais pessoas.
 

·
Registered
Joined
·
319 Posts
Arghhhhhhhhhhhhhhhh.....Não gosto dessa coisa feia em cima desse monstro feio tb!!!!Juro por Deus que se eu fosse bombista, o 1.º edifício a rebentar seria este Riverplace...mas que coisa medonha. E para o tornarem ainda + feio do que já é, coroaram-o com aquela meia bola de aço...ARQUITECTOS DE VERDADE PRECISAM-SE URGENTEMENTE!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
 

·
Αλέξανδρ&#
Joined
·
52,566 Posts
Odivelense saio já o novo A308 podes aproveitar e fazer cmá alkaeda :D
 

·
Uma dúzia de anos disto..
Joined
·
30,722 Posts
Ih, que megalómano, Arpels!!! Aquilo não é assim taaaao alto quanto isso: até com 1 daqueles avioezinhos da Portugalia ia abaixo...:lol:
Guarda o A380 para qualquer coisa que valha a pena!!!:D
 

·
Les cites obscures
Joined
·
10,786 Posts
A revista "Engenharia e Vida" traz na capa a torre Vasco da Gama, e tem um artigo dedicado a ela. Eu não comprei a revista, mas ao folhear li uma parte o mínimo estranha, era qq assim:

a ideia inicial era fazerem a torre com 150m, mas ao consultarem as entidades aeronauticas, concluiram que tinha de ser mais baixa (pelo que percebi isso influenciava no tráfego dos aviões) então ficaram-se pelos 145m (?)

as minhas dúvidas são:

- como é que uma torre com 150m naquele sítio pode ser "perigosa" para os aviões se aquilo não coincide com a rota deles?

- Porque razão pode ter 140m e não 150m?

- Se os pilares da ponte ali ao lado tem 148m, porque razão os pilares não influem em nada e a torre influi? (LOL, os 2 m a mais seriam fatais? :D)
 

·
Uma dúzia de anos disto..
Joined
·
30,722 Posts
:eek:
Isso parece-me desculpa de mau pagador!!! :rant:

Eu dou 2 possiveis hipoteses:
1 - Os pilares da ponte têm 148... Se por qualquer motivo algum avião passar por ali por engano, a 147 metros de altura, e a sua rota coincidir com a da ponte, chegando-se para o lado faz uma razia sobre os 145 da Torre... (ou seja, comprova-se que os 150 metros seriam fatais...) :eek:hno:
2 - (e esta parece-me ser a mais crível!!) O PDM de Lisboa restringe a altura a 75 metros. Os velhos do restelo caiam para o lado se o vissem a ser ultrapassado 2 vezes!!! :nuts: (assim 145m anda perto do dobro...mas só mesmo perto! :D)

:angel:
 

·
Αλέξανδρ&#
Joined
·
52,566 Posts
eu até já houvi dizer que era pa ter bastante mais k 150 metros Marco, mas que parece desculpa de mau pagador parece, ela afinal tem 140 metros ou 145 metros?
 
1 - 20 of 2966 Posts
Top