Skyscraper City Forum banner
1 - 20 of 32 Posts

·
Banned
Joined
·
4,510 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Bem, este thread surge com a necessidade e o desejo, de reposição de varias das especies que fizeram parte dos jardins Lisboetas romanticos e que foram sendo substituidas por outras de menor interesse ornamental e paisagistico, quer por causas como pragas e tratamentos desadequados, quer por negligência e questoes financeiras.

Refiro me a entre muitas outras: a estrelicias, cycas, yucas, suculentas, auracárias, nespreiras, dragoeiros, fetos e claro, palmeiras (opção pelas resistentes ao escaravelho).

Jardins como o da praça D. Luis, S. Pedro de Alcantara, principe real, D. Carlos... Campo martires da patria... ou qualquer cerca conventual,eram verdadeiros botanicos, expressando o gosto e o culto dos portugueses pelo exotismo, verdadeiros expositores vivos da historia ultramarina nacional.

Esta ideia, pretende aqui angariar seguidores e apoios, nomeadamente para a comunicaçao com privados e a camara, de forma a permitir o plantio de exemplares, sendo que alguns destes estão desde já assegurados. Doadores e dispostos a por maos à obra também serao bem vindos!

Um bem haja!
 

·
10anos neste manicómio xD
Joined
·
13,250 Posts
Uma exótica que eu gosto muito é a paineira (Ceiba speciosa). Dessa lista que sugeriste a que eu gosto menos é o dragoeiro.

Só a palmeira das canárias é que é afectada pelo escaravelho?
 

·
Banned
Joined
·
4,510 Posts
Discussion Starter · #7 ·
Uma exótica que eu gosto muito é a paineira (Ceiba speciosa). Dessa lista que sugeriste a que eu gosto menos é o dragoeiro.

Só a palmeira das canárias é que é afectada pelo escaravelho?
Eu referi apenas arbustivas ou de pequeno porte, portanto, as que sao faceis de angarias e plantar, mas a lista é imensa!

A das canarias é a mais afectada, ha mais uns exemplares susceptiveis. As imunes sao muitas!
 

·
10anos neste manicómio xD
Joined
·
13,250 Posts
Excepto as palmeiras das canárias, gosto das outras espécies.

Gosto do exotismo, mas em dose q.b. :D. Observando essa foto antiga do Jardim do Campo Grande parece quase uma selva :lol:, e disso não gosto. Tudo bem que o clima ameno de Lisboa favorece o crescimento de árvores e plantas nativas de zonas mais quentes, mas não sou apologista quanto à ideia de "tropicalizar" os jardins lisboetas.
 

·
Registered
Joined
·
10,423 Posts
Oh Luis ..podias abrir um por exemplo " Para quando a retirada dos fios nas fachadas e entre predios em Lisboa " ou " Mais alternativas para a limpeza urbana de Lisboa " mas não ...que merda sem interesse...
 

·
Registered
Joined
·
14,620 Posts
Mas quem é que gosta de palmeiras afinal? Oferecem zero sombra e raios está-se na Europa não nas Caraíbas
Isso só revela o quão ignorante és.. :eek:hno:
Não existem palmeiras só nas Caraibas
Para ti só existiam Oliveiras, Carvalhos e Pinheiros?

Para além disso estas espécies exóticas são uma grande marca de Lisboa e de grande significado histórico que revelam e simbolizam todos os descobrimentos portugueses, as trocas culturais e comerciais e o intercâmbio de culturas. Muito provavelmente parte destas espécies foram trazidas desses países.

As palmeiras ficam lindamente em Lisboa, não é qualquer cidade europeia..!
Grande iniciativa! :cheers:
 

·
10anos neste manicómio xD
Joined
·
13,250 Posts
Gorky, admito que existem outras prioridades, mas é uma ideia interessante desde que não andem a "tropicalizar" a torto e a direito os jardins por causa do gosto do exotismo e da evocação de memórias do nosso passado ultramarino.

As espécies da zona temperada são bonitas e estão constante mudança seguindo o ritmo das estações do ano conferindo grande dinâmica aos jardins que ornamentam. Eu gosto de observar essa dinâmica na natureza.
As exóticas são bonitas, mas transparecem um estado de imutabilidade ao longo do ano por causa de conservarem a sua folhagem, sobressaindo mais na época de floração, ou no inverno (se partilharem o espaço com caducifólias) por precisamente manterem as folhas.
 
1 - 20 of 32 Posts
Top