SkyscraperCity banner
1 - 13 of 13 Posts

·
is this it
Joined
·
609 Posts
Discussion Starter · #1 ·
DANIEL BERGAMASCO
DA REPORTAGEM LOCAL

Os lojistas da região da Oscar Freire (zona oeste de São Paulo) lançaram uma campanha para que seus clientes não distribuam mais esmolas.
A ação propõe que, em vez de dar dinheiro, a clientela tire do bolso cupons chamados de "Vale Valor", que orientam os pedintes a procurarem a casa Restaura-me, no Brás (região central), onde poderão receber gratuitamente comida, abrigo e participar de projetos sociais.
Nos últimos anos, dizem lojistas, o número de mendigos vem crescendo na região da rua Oscar Freire, o que gera reclamações de clientes.
"A ideia é resolver dois problemas: primeiro, o deles [pedintes], que podem encontrar apoio na casa Restaura-me. E, segundo, o das pessoas que são confrontadas todos os dias com a situação de ter gente pedindo, que é a nossa realidade", diz Rosangela Lyra, diretora da grife Dior e presidente da Associação dos Lojistas da Oscar Freire.
A associação distribuiu as suas 110 lojas associadas um cofrinho de papelão no qual os clientes podem depositar seus trocados, em vez de entregá-los na rua.
Esse dinheiro recolhido deverá ser revertido à ONG católica Aliança da Misericórdia, que mantém a Restaura-me e tem projetos em 35 cidades -nas quais atende, segundo informa, a cerca de 7.000 pessoas todos os meses.
Mesmo que não comprem nada na loja ou não contribuam com a engorda do cofrinho da ONG, os clientes podem apanhar alguns cupons para distribuir na rua.
"Eu já dei esmola várias vezes, mas na prática esse dinheiro não tira a pessoa daquela situação. Mesmo que o cliente se sinta culpado de pagar tanto num almoço e depois ser abordado por uma criança, é melhor fazer algo mais concreto por ela. Esmola não resolve", avalia a presidente da associação.
Católica praticante, ela diz que o grupo estuda ampliar a parceria da ONG cristã com as lojas da região, auxiliando, por exemplo, na qualificação profissional de jovens carentes, que poderão ser treinados para trabalhar nas empresas da área como estoquistas e auxiliares administrativos, entre outras funções.

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/cotidian/ff0307200922.htm
 

·
Registered
Joined
·
2,627 Posts
Eu concordo plenamente.
Quando damos esmola, não passa de R$ 5,00, R$ 10,00 no extremo! Isso nunca vai tirar a pessoa da rua, sem contar que gera o grave problema do costume de continuar a fazer isso, pedir, nunca se resolvendo o problema da mesma.
Muitos podem dizer que isso é uma discriminação social dos "grandes da Oscar Freire", mas eu acho que é uma ação correta, eles pelo menos estão mostrando um local onde essas pessoas podem receber um bom atendimento social.
 

·
Registered
Joined
·
2,733 Posts
Também concordo com este tipo de medida, acho muito mais eficiente do que simplesmente dar esmolas.
 

·
Registered
Joined
·
5,072 Posts
Esses mendigos são espertos viu, acredito que muitos veem uma reportagem na tv ou ficam sabendo onde estão os endinheirados e correm pra mendigar em tal lugar, na avenida paulista que fazia um tempo que eu não ia, vi um mendigo a cada querteirão, tá feia a situação dessa cidade.
 

·
Banned
Joined
·
657 Posts
O modelo em sí é um bom exemplo de como tratar o "comodismo" que a doação de esmola gera, mas, não tenho a mínima ilusão de que os lojistas da Oscar Freire foram movidos pela preocupação com o social, quiseram jogar a bola lá pro Brás e aí os mendingos sacaram logo a jogada (deu meio que na cara né)!
 

·
Registered
Joined
·
462 Posts
Eu não dou esmola, aliás não suporto essa situação cada vez mais constrangedora de ser abordada a todo o momento por pedintes (a maioria são drogados e vagabundos)...
e ficamos a mercê da boa vontade deles de não nos assaltarmos ou nos agredir...
Juro, que em determinadas situações tenho medo de parar o carro, principalmente quando estou sozinha...
 

·
Registered
Joined
·
5,072 Posts
Eu não dou esmola, aliás não suporto essa situação cada vez mais constrangedora de ser abordada a todo o momento por pedintes (a maioria são drogados e vagabundos)...
e ficamos a mercê da boa vontade deles de não nos assaltarmos ou nos agredir...
Juro, que em determinadas situações tenho medo de parar o carro, principalmente quando estou sozinha...
Eu também estou cansado de ver gente enchendo o saco por esmola, até em casa não se tem paz e tem gente enchendo o saco.
 

·
Registered
Joined
·
500 Posts
Minha mãe mora perto da Oscar Freire. Ela já viu várias vezes pela manhã uma kombi bem velha cheia de mendigos. Ela despeja alguns na esquina e vai para a frente certamente para despejar outros mais adiante. A iniciativa pode não dar certo, mas é muito benvinda! Esmola não resolve nenhum problema social, tanto mais que muitos desses mendigos são "profissionais" ou são drogados ou alcoolatras.
 

·
Annoying ex-moderator
Joined
·
17,643 Posts
Depois nao sabem porque os shoppings proliferam pela cidade.

Eu tambem ja presenciei vans/kombis trazendo mendigos para areas especificas, é revoltante ver essa estruturação da "classe".
 
1 - 13 of 13 Posts
Top