SkyscraperCity banner
1 - 20 of 26 Posts

·
4° Marquês de Caravelas
Joined
·
663 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Revolução Acreana













http://www.ac.gov.br/centenario/index2.html

Nova investida boliviana aconteceu logo no início do ano seguinte. Em 02 de janeiro de 1899 chegou ao Acre, por via fluvial vindo de Manaus, com a concordância do governo brasileiro, o ministro Plenipotenciário Boliviano Dom José Paravicini que efetivamente instalou uma aduana e um povoado denominado Puerto Alonso, homenagem ao então Presidente da Bolívia Severo Fernandez Alonso, em terras do Seringal Caquetá, pouco acima da famosa Linha Cunha Gomes. Paravicini exerceu sua autoridade de forma rígida e baixou sucessivos decretos, dentre os quais, o polêmico ato de abertura dos rios amazônicos ao comércio internacional, que feria profundamente a soberania brasileira. Alem disso, passou a arrecadar grandes somas com os impostos sobre a borracha, a exigir a imediata demarcação dos seringais e a consequente regularização das propriedades, até então registradas no Estado do Amazonas, causando temor aos habitantes dos altos rios acreanos.
A revolta começava a tomar corpo entre seringalistas e seringueiros brasileiros que não se conformavam em ter que obedecer à autoridades estrangeiras, enquanto multiplicavam-se as denuncias de violências cometidas contra brasileiros que se sentiam cada vez mais ameaçados em seus direitos. Com a partida do ministro boliviano para Belém, depois dos chamados “Cem dias de Paravicini”, os acreanos decidiram se unir para lutar contra a dominação boliviana.

Diante dos fracassos anteriores e da indecisão do governo federal, os seringalistas insatisfeitos com a dominação boliviana e temerosos das consequências do Bolivian Syndicate articularam uma nova revolta, novamente com financiamento do governo do Amazonas, para cujo comando foi convidado um homem com experiência militar.
Plácido de Castro, ao assumir a revolução preparou um exercito de seringueiros (embora os oficiais fossem todos seringalistas) e começou a luta em 6 de agosto de 1902, em Xapuri.
A guerra entre o exército acreano e as forças regulares bolivianas foi dura e passou por momentos sangrentos, durando até 24 de Janeiro de 1903, quando foi tomada Puerto Alonso, transformada então em Porto Acre. Mais uma vez foi declarado o Estado Independente do Acre, embora o objetivo final dos acreanos continuasse sendo obter a anexação do Acre ao Brasil.

Plácido de Castro

 

·
From Siará
Joined
·
2,734 Posts
Rapaz...espera só os bolivianos verem esse mapa
:)

Vai ter briga viu
 

·
DAVI
Joined
·
3,338 Posts
O estado do Acre surgiu devido a ocupação de brasileiros na área q até então pertencia a bolívia, essa região era rica em seringueiras por isso atraiu as pessoas para além da fronteira brasileira. As autoridades bolivianas ao saberem q tinham brasileiros explorando suas "tierra no descubiertas" (assim q era conhecida essa localidade) resolveram taxar impostos oq gerou grande instasifação, e resumindo a história, o gaúcho Plácido de Castro montou um exército de brasileiros para lutar contra os bolivianos e fazer essa parte pertencer ao Brasil e foi aí q ocorrou a revolução acreana

Ah a próxima minissérie da globo será sobre a história do Acre
 

·
**16º ano**
**17º ano**
Joined
·
25,738 Posts
Bah, não tem nada demais, é só um mapa com o território do Brasil se estendendo até a Bolívia, só brincadeira, claro. Do jeito que vc falou achei que era algo bem pior, hehehe
 
1 - 20 of 26 Posts
Top