SkyscraperCity banner
1 - 11 of 11 Posts

·
Registered
Joined
·
21,083 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Marcas lentas previstas para todo o país ao final da tarde de hoje (2a, dia 9)

Crise/Combustíveis: Brigada de Trânsito da GNR atenta para evitar incidentes caso haja marchas lentas de camiões
rtp.pt
Combustíveis: Marcha lenta de camiões no Porto aberta a todos os automobilistas

O protesto está aberto à participação de veículos ligeiros e motas, adiantou um dos organizadores da marcha, programada para o final da tarde de hoje, no Porto. Cerca de 400 camiões vão à estrada.
aeiou.pt
«Não existe outra alternativa a não ser a paralisação». Foi à porta das instalações da Associação Nacional de Transportes Públicos Rodoviários de Mercadorias em Coimbra que um grupo de empresários do Norte e Centro do país reafirmou ontem a paralisação nacional do sector por tempo indeterminado. A Comissão Mediadora dos Transportes – criada no dia anterior, para criar o consenso entre a direcção nacional da ANTRAM e a maioria das cerca de mil empresas transportadoras reunidas na Batalha – mostrou que o entendimento ainda não surgiu, e afirmou a manutenção da paralisação, mesmo sem a concordância da associação.

Jorge Lemos leu um comunicado em nome da Comissão, explicando que foi proibido o acesso do grupo às instalações da ANTRAM, por esta «não estar solidária com os seus associados no direito ao protesto». Para os transportadores, as negociações entre a direcção nacional e o Governo têm decorrido sem sucesso, impondo-se a paralisação.
Sem conseguir ainda prever como iria ser o dia de hoje, António Sousa, outro elemento da Comissão Mediadora, admitiu que «algumas frotas vão ficar nos parques, outras andarão em marcha lenta e algumas – poucas – irão trabalhar, até porque os membros da direcção nacional têm também as suas empresas». Todavia, «a união dos transportadores é inédita», o que faz adivinhar uma adesão assinalável à paralisação.
Os transportadores apelaram à compreensão de todos os descontentes, para que não se verifiquem incidentes, «não é isso que se pretende com esta manifestação, mas que o Governo não faça ouvidos moucos, estando em causa milhares de postos de trabalho».
dc.pt
 

·
Registered
Joined
·
52,552 Posts
mto bem :yes: só todos juntos pais fora podem fazer algo, os pescadores provaram isso, o mesmo para as portagens k com acções individuais localizadas não leva a nada, o gasoleo destes senhores é um meio para trabalhar e não uma forma de andar a passear ministros e edilidades locais, em vários paises da Europa existem apoios a quem usa o gasoleo para trabalhar porque tem de ser diferente em Portugal?
 

·
Scooter/motorbike lover
Joined
·
65,802 Posts
E aqui no Brasil, os caminhoneiros estão pensando em parar por falta do preço do óleo Diesel (gasóleo); houve uma greve em 1999, que conseguiu parar todo o país. E além de Portugal, os caminhoneiros ingleses também estão protestando contra o preço do combustível. E, infelizmente, com o preço do petróleo a aumentar, a situação tende a piorar para os motoristas e empresas
 

·
Registered
Joined
·
7,088 Posts
mto bem :yes: só todos juntos pais fora podem fazer algo, os pescadores provaram isso, o mesmo para as portagens k com acções individuais localizadas não leva a nada, o gasoleo destes senhores é um meio para trabalhar e não uma forma de andar a passear ministros e edilidades locais, em vários paises da Europa existem apoios a quem usa o gasoleo para trabalhar porque tem de ser diferente em Portugal?
Eu também concordo, mas não é agredindo e apedrejando aqueles que não querem (e estão no direito de não fazerem) greve a fazê-la, nem é obrigando todos a parar que se leva á frente um protesto destes. Acabam por perder a razão...:sleepy:

Quem quisesse parar parava, quem não quisesse seguia. Acredito que uma elevada percentagem pararia e a greve decorreria normalmente sem estes problemas que a ensombram. ;)
 

·
President and CEO
Joined
·
17,578 Posts
Crise/Combustíveis: Cerca de meia dúzia de postos da BP na região de Lisboa estão "secos"

Lisboa, 10 Jun (Lusa) - Cerca de meia dúzia de postos de abastecimento da BP na zona da grande Lisboa estão sem gasolina e gasóleo, informou hoje a empresa, que prevê que a situação se agrave agravar-se ao longo da tarde.

"O posto de Carnaxide está seco de gasóleo e gasolina sem chumbo 95, bem como mais três ou quatro da região de Lisboa", disse à agência Lusa Vasco Jorge, da BP.

Acrescentou que durante a tarde o número de postos a ficarem sem produto aumentará, com especial incidência nas regiões de Lisboa e a sul do Tejo.

O abastecimento de gasóleo e gasolina aos postos portugueses está a ser afectado pela paralisação das empresas de transportes em protesto pelo aumento do preço dos combustíveis.

A BP tem a segunda maior rede de postos de abastecimento em Portugal a seguir à Galp.

Anteriormente, o presidente da Associação Nacional de Revendedores de Combustíveis (ANAREC) tinha dito à Lusa que pelos menos dois postos de abastecimento, um nos arredores de Lisboa e outro na região Centro, deverão ficar sem gasolina e gasóleo nas próximas horas.

"Estão por um fio. Dentro de algumas horas deverão ficar sem gasolina sem chumbo 95 e gasóleo, restando-lhe depois os combustíveis especiais [mais caros]", disse Augusto Cymbrom

A paralisação dos camionistas, que arrancou às 00:00 de segunda-feira, contra o aumento do preço dos combustíveis, prossegue, apesar de, durante a madrugada ter havido uma decisão de suspender o protesto, que foi depois anulada.

No entanto, cerca das 04:30, os camionistas da região centro decidiram levantar a paralisação, segundo Sousa Gomes, empresário de Pombal, que se identificou como um dos elementos da comissão negociadora.

Esta decisão abrange os camionistas concentrados em Coimbra, Penacova, Pombal, Batalha, Figueira da Foz e Condeixa-a-Nova.

© 2008 LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.
2008-06-10 12:00:01

http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?article=350134&visual=26
 

·
Bending Realities...
Joined
·
1,905 Posts

·
Registered
Joined
·
52,552 Posts
Eu também concordo, mas não é agredindo e apedrejando aqueles que não querem (e estão no direito de não fazerem) greve a fazê-la, nem é obrigando todos a parar que se leva á frente um protesto destes. Acabam por perder a razão...:sleepy:

Quem quisesse parar parava, quem não quisesse seguia. Acredito que uma elevada percentagem pararia e a greve decorreria normalmente sem estes problemas que a ensombram. ;)
isso é indiscutivel, o Portugues deve-se também unir mais nas lutas, desde a decadas k uma greve neste pais tem sempre só meia duzia de gatos pingados quanco comparadas com as greves em outros paises da EU, dai k não se consiga nada e a vida esteja cada vez pior por cá.
 

·
Bending Realities...
Joined
·
1,905 Posts
E as greves cá já não se podem fazer como à 15 anos atrás...
 

·
Registered
Joined
·
52,552 Posts
creio k a ultima k teve uma aderencia razoável, direi bem razoável, foi no tempo do Cavaco com o celebre pacote laboral, dai para cá nada funciona em grande...
 
1 - 11 of 11 Posts
Top