SkyscraperCity banner
1 - 20 of 28 Posts

·
Banned
Joined
·
2,140 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Como isto anda fraco em novos projectos aqui vai um para animar os animos.


27 hectares da Tertir vão acolher empresas e serviços


O enorme terreno da Tertir em Perafita, Matosinhos, recheado de contentores, vai mudar de aspecto. O espaço de 27 hectares, a Norte do Ikea, vai acolher comércio, serviços, indústrias, equipamentos e alguma habitação. O projecto criará novos acessos na zona.

O projecto tem sido discutido com os serviços técnicos municipais da Câmara de Matosinhos e hoje, terça-feira, será apreciado na reunião do Executivo um Pedido de Informação Prévia (PIP) de uma operação de loteamento para comércio e serviços, indústrias, equipamentos e habitação.

Guilherme Pinto garantiu ao JN que este será "o maior investimento a concretizar neste momento de crise" na Área Metropolitana. Não soube precisar os valores em causa, mas adiantou que as receitas para o Município relativas a taxas e licenças andam na ordem dos 2,7 milhões de euros.

O presidente da Câmara de Matosinhos também não quis adiantar quem está por detrás do investimento. Revelou apenas que o proprietário do terreno é o grupo Mota-Engil, a quem pertencia a Tertir (Terminais de Portugal).

Sobre o que lá vai nascer, o autarca avançou um pouco mais: empresas e serviços ligadas à área da Saúde e novas tecnologias. A pretensão é, de acordo com o PIP, construir uma série de edifícios que terão no máximo oito pisos acima do solo e quatro subterrâneos. O projecto demorará cerca de uma década a estar concluído, mas "as expectativas para a ocupação do espaço são muito fortes", realçou o autarca.

Segundo Guilherme Pinto, já está acordada a cedência de um espaço para a construção do pavilhão desportivo do Freixieiro e de uma Unidade de Saúde Familiar para servir as freguesias de Santa Cruz do Bispo e de Perafita.

Além da expectativa do desenvolvimento do "coração económico da área metropolitana", o projecto vai permitir ordenar o território. Será prolongada a Avenida Fernando Távora para Norte até à EN107 (antiga estrada para o aeroporto) , atravessando os terrenos da Tertir. "Embora não esteja prevista a chegada do Metro para aquela zona, estão salvaguardados espaços para os canais e os atravessamentos", referiu Guilherme Pinto.

Serão ainda criadas vias que melhorarão a acessibilidade das zonas habitacionais de Santa Cruz do Bispo que confrontam os terrenos da Tertir.

Ainda na esfera das ideias, está um plano para desnivelar a A28, na zona do nó do Freixieiro. A ambição, revelou Guilherme Pinto, é ligar as zonas industriais e de comércio a nascente da auto-estrada (entre as quais a Petrogal) com as zonas comerciais a poente através de uma grande rotunda à superfície, com a A28 a passar por baixo.
 

·
Banned
Joined
·
2,140 Posts
Discussion Starter · #2 ·
"Guilherme Pinto garantiu ao JN que este será "o maior investimento a concretizar neste momento de crise" na Área Metropolitana. Não soube precisar os valores em causa, mas adiantou que as receitas para o Município relativas a taxas e licenças andam na ordem dos 2,7 milhões de euros."

Este senhor de certeza que ainda nao deve ter ouvido a expressao "Planit Valley" para vir dizer que este ser o maior projecto da area metropolitana, mas ser sempre bom termos um projecto destes aqui no Norte, pelo que li e pelas empresas a instalarem-se neste futuro parque , penso que iremos ter aqui no Porto algo do genero do TagusPark.
 

·
não sei. não sabe ninguém
Joined
·
2,064 Posts
onde e a tertir exatamente?? nos terrenos atras da Jomar?? ou mais a norte entr freixieiro e perafita?
 

·
Registered
Joined
·
1,299 Posts
Começa nesses terrenos atrás da Jomar e prolonga-se pelo terreno em frente à decathlon/jomar até lá em cima ao horto municipal... é um terreno grandito...
 

·
Registered
Joined
·
16,147 Posts
in "Jornal de Notícias"


Projecto para Tertir aprovado


O pedido de informação prévia do projecto para os terrenos da actual Tertir foi aprovado pela Câmara de Matosinhos.


Do que o JN noticiou sobre o projecto para a zona onde está a Tertir, em Matosinhos, falta perceber como reagirá o mercado. Aprovado ontem, terça-feira, pela Câmara, o Pedido de Informação Prévia revela apenas intenções cuja validade só o futuro demonstrará.


Com o presidente da Câmara a repetir, grosso modo, as explicações que já haviam sido veiculadas pelo JN, na edição de ontem, ficam as opiniões mais ou menos críticas da oposição matosinhense.


Narciso Miranda, por exemplo, diz que não está em causa a bondade das intenções, mas a forma como o mercado reagirá a esta solução ainda "embrionária", num momento em que, "infelizmente para Portugal e para Matosinhos", está "tudo a bater no fundo".


Para o antigo presidente do município, hoje vereador, é essencialmente do Governo a culpa pela incerteza, e pouco mais suscitará o projecto em causa.
Assim não é para a concelhia do PSD, que, em comunicado, apresentou críticas de natureza técnica ao projecto, considerando deficitários, em relação ao que a lei estipula, os lugares de estacionamento previstos e os terrenos cedidos para zonas verdes.


Para o presidente do Executivo, Guilherme Pinto, essas são falsas questões. No que respeita ao estacionamento, considera que competirá às empresas que ali se instalarem criar lugares à medida das necessidades dos negócios e dos clientes, o que fará com que se perspective que sejam largamente ultrapassados os 1600 lugares que o PDM prevê para aquela área.
Quanto à mancha verde nos 27 hectares em questão, há apenas a destacar a grande e larga alameda que rasgará o espaço longitudinalmente, no enfiamento do futuro pavilhão desportivo.



Diz o autarca que se considerou ser espaço suficiente para a natureza da ocupação dos terrenos (escritórios, comércio, indústria...). Se houvesse terrenos para habitação, a filosofia seria outra, mas esse destino será dado apenas a uma pequena parcela do terreno, para articular com as novas vias o edificado de génese ilegal do lado de Santa Cruz do Bispo.


Da sessão de Câmara, o presidente destacou medidas de poupança (talvez para refutar o despesismo de que a oposição o vai acusando), como a redução em 50% do investimento em luzes natalícias, o que não impede que sejam gastos 185 mil euros.
 

·
Registered
Joined
·
875 Posts
Já agora, em que ponto está a rede nacional de plataformas logísticas.
Estava previsto uma em Leixões perto. Já foi construída?
 

·
Registered
Joined
·
10,853 Posts
Será um projecto interessante no caso de já existirem investidores e empresas dispostas a ir para lá...
 

·
não sei. não sabe ninguém
Joined
·
2,064 Posts
a unica coisa que se vai fazer em leixoes e um novo cais de embarque para cruzeiros. de resto nao sei mais nada!

e uma questao intressante: nao saber se este investimento sera produtivo qd esta tudo a bater no fundo neste pais.. sera mais uma aposta falhada??? nao queria ser pessimista mas acho bem que sim... so se daqui a 10 anos quando estiverem concluidas as obras houver investidores e as coisas estiverem melhores por ca...

mas nao deixa de ser uma ideia para aquela zona abandonada
 

·
Registered
Joined
·
2,358 Posts
a unica coisa que se vai fazer em leixoes e um novo cais de embarque para cruzeiros. de resto nao sei mais nada!

e uma questao intressante: nao saber se este investimento sera produtivo qd esta tudo a bater no fundo neste pais.. sera mais uma aposta falhada??? nao queria ser pessimista mas acho bem que sim... so se daqui a 10 anos quando estiverem concluidas as obras houver investidores e as coisas estiverem melhores por ca...

mas nao deixa de ser uma ideia para aquela zona abandonada
Isto é apenas um plano, um loteamento, uma declaração de intenções. Agora cabe aos investidores avaliar o seu risco, comprar terrenos, e avançar quando acharem bem.. E cada caso é um caso não se pode falar como um todo..
 

·
Registered
Joined
·
605 Posts
Vai ser do genero do mega investimento que iria ser a futura-ex-futura-Exponor?

O guilherme Pinto é muito forte a inventar investimentos gigantes... deve ser primo do Socrates!
 

·
Registered
Joined
·
2,358 Posts
Vai ser do genero do mega investimento que iria ser a futura-ex-futura-Exponor?

O guilherme Pinto é muito forte a inventar investimentos gigantes... deve ser primo do Socrates!
Não, o investimento da futura-ex-exponor era da parte de um promotor por isso era mega, isto é apenas um loteamente é assim tão dificil de entender!
 

·
Banned
Joined
·
2,140 Posts
Discussion Starter · #15 ·
Já agora, em que ponto está a rede nacional de plataformas logísticas.
Estava previsto uma em Leixões perto. Já foi construída?
A Plataforma Logistica da Guarda ja esta construida e cheia de ervas daninhas... Amanha vou la passar e se possivel tiro fotos.
 

·
Registered
Joined
·
2,737 Posts
in "Jornal de Notícias"


Projecto para Tertir aprovado


Para o presidente do Executivo, Guilherme Pinto, essas são falsas questões. No que respeita ao estacionamento, considera que competirá às empresas que ali se instalarem criar lugares à medida das necessidades dos negócios e dos clientes, o que fará com que se perspective que sejam largamente ultrapassados os 1600 lugares que o PDM prevê para aquela área.
Quanto à mancha verde nos 27 hectares em questão, há apenas a destacar a grande e larga alameda que rasgará o espaço longitudinalmente, no enfiamento do futuro pavilhão desportivo.[/B]



De Matosinhos ha um plano pormenor para S.Mamede de Infesta onde inclui um pavilhão deportivo.. junto da A4! Aqui esta:


O que os dois teem em comum? estar longe do centro de Matosinhos.. lol

Offtopic:
Para a final da VRI preve-se espaço para densa habitação:


Bem melhor a zona de implantaçao na Quinta de Sto Antonio tb em S.Mamede :p
 

·
não sei. não sabe ninguém
Joined
·
2,064 Posts
este ultimo mapa e na fonte do cuco certo??? acho bem que se desenvolva aquela bocado ali!!! o projecto e para quando?? e o primeiro mapa e perto da casa museu abel salazar certo?
 

·
Registered
Joined
·
605 Posts
Não, o investimento da futura-ex-exponor era da parte de um promotor por isso era mega, isto é apenas um loteamente é assim tão dificil de entender!
Mais uma razao. Isto pode resultar em zero investimento, sendo apenas um mero loteamento. Se ninguem quiser pegar naquilo, ficará ao abandono. Quem fala em enorme investimento é ele... nao sou eu!

Parece que tu entendes e eu tambem, ele é que nao...
 

·
Nobre. Leal. Invicto.
Joined
·
1,539 Posts
Aqueles terrenos, que pertencem ao Grupo Mota-Engil, destina-se a criar alguns Serviços de saúde e lazer (o novo Centro de Saúde, que servirá as freguesias de Perafita e a vizinha Santa Cruz do Bispo, e um Pavilhão Gimnodesportivo, que acolherá a equipa de futsal A.R.Freixieiro.). Para além disso, terá a continuação de uma avenida, com a possibilidade de, no futuro, receber o Metro do Porto, em direcção ao Aeroporto. Irá ter alguns edifícios de habitação e bastantes escritórios.

É um projecto com alguns anos (falou-se disto, mal o IKEA se instalou nas redondezas) e, falou-se, na altura, que a SONAE estaria interessada em criar algumas suas infraestruturas no local (tal como a J.P.Sá Couto). A ver vamos se não morre à nascença, como o vizinho Centro de Negócios de Freixieiro, criado na década de '90. :|
 

·
a revolta da francesinha
Joined
·
10,689 Posts
De Matosinhos ha um plano pormenor para S.Mamede de Infesta onde inclui um pavilhão deportivo.. junto da A4! Aqui esta:


O que os dois teem em comum? estar longe do centro de Matosinhos.. lol

Offtopic:
Para a final da VRI preve-se espaço para densa habitação:


Bem melhor a zona de implantaçao na Quinta de Sto Antonio tb em S.Mamede :p
Parece-me muito bem. A parte da fonte do cuco, é o pedaço que falta urbanizar até à A4. O segundo não sei tão bem... S.Mamede tem mais espaço por urbanizar, mas se até à circunvalação existe plano, e depois existe essa até à A4, e o futuro metro, tudo promete que se consolide S.Mamede.

São planos numa boa linha na minha opinião.
 
1 - 20 of 28 Posts
Top