Skyscraper City Forum banner
21 - 30 of 30 Posts

·
Registered
Joined
·
363 Posts
É simplesmente brilhante essa inspiração de integrar amplamente os vários cantos desta cidade!
Confesso que também já me debrucei várias vezes sobre o Google Earth com essa mesma intenção e reconheço o quão difícil é tracejar rotas ideais para novas linhas de metrô, de VLT ou mesmo de trem urbano.
Difícil porque esta cidade não se desenvolveu com o propósito de ser integrada (pode ter sido concebida com tal propósito), daí o contorcionismo necessário ao se remediar com novas vias/linhas tal mazela.
Ainda irei compartilhar aqui a malha que tracei, e adianto que é parecida em vários aspectos à proposta pelo atmBrasil, mas só que mais radial.
 

·
Registered
Joined
·
67 Posts
Muito interessante, antigamente tinha um projeto de interligar as RAs de Santa Maria e Gama até Ceilândia, passando pelo Recanto, Riacho II, Samambaia e Taguatinga.

O nome da linha ia ser Inter-Satélite.

Pena que abandonaram a ideia.
 

·
Registered
Joined
·
299 Posts
Acho importante que a Esplanada/Praça dos Três Poderes e os setores de Autarquias e Tribunais tivessem acesso a transporte sobre trilhos para levar a classe média brasiliense a deixar mais seus carros em casa.
Pensando nas regiões onde esse povo mora. Os que moram nos Lagos Norte e Sul acho muito difícil integrar ao sistema, afinal são bairros de baixíssima densidade. Mas a Asa Norte e o Sudoeste/Cruzeiro poderiam ser contemplados.
 

·
Registered
Joined
·
1,652 Posts
Minha humilde colaboração (não sou morador, mas como Brasília é planejada é muito fácil compreender a dinâmica da cidade).



São 4 linhas de metrô com alguns ramais e bifurcações e mais 3 linhas de VLT de subúrbio:
Linha 1A - verde - Ceilândia (EPCL) x Sobradinho
Linha 1B - laranja - Samambaia (125) x Planaltina (Vale do Amanhecer)
Linha 2 - vermelha - Ceilândia (Sol Nascente) x São Sebastião (Bela Vista)
- variante via EPIG
- variante via Cruzeiro
Linha 3A - lilás - Taguatinga Norte x Aeroporto
Linha 3B - lilás - Taguatinga Norte x Terminal Asa Sul
Linha 4A - amarela - Luziânia (shopping) x Ceilândia (EPCL) (via Gama)
Linha 4B - amarela - Luziânia (shopping) x Riacho Fundo I (EPNB) (via Santa Maria)
VLT A - verde claro - Ceilândia (EPCL) x Águas Lindas de Goiás (Jardim América)
VLT B - laranja claro - Samambaia (125) x Santo Antônio do Descoberto (Rua 59)
VLT C - ocre - Planaltina (GO) x Formosa (GO) via Planaltina (DF) - ficou de fora do mapa pela distância.
 

·
Registered
Joined
·
1 Posts
Tbm envio a minha contribuição.

O planejamento das linhas de metrô devem ser igualmente acompanhadas com a mudança de prédios, hospitais, universidades e escolas para que a distância, e consequentemente, o tempo médio de deslocamento seja menor.

Ou seja, distribuir melhor até os prédios governamentais como autarquias ou sedes de Empresas Públicas migrassem do Plano Piloto para áreas mais afastadas.

Sei que a primeira reação é que isso seja inconcebível, mas é oq é aplicado em paises como Alemanha.

Cada microunidade habitacional deve ser cercada por uma unidade de vida em comunidade autosustentável.

Outra idéia é que nem todo o metrô precisaria ser subterrâneo, pelo alto custo de investimento. Desde que a bitola entre o metrô subterraneo e o de superficie fosse o mesmo como acontece com o metrô de NY.

Por fim, que tbm fosse acompanhada com incentivo em uma formação de empresa ferroviária semelhante ao que acontece com a Embraer...Não adianta ter um super trem, se não tivermos os recursos de material e humano para suprir esse trem. Ou mesmo incentivar um trem sustentável como a Tata na India está fazendo, um trem com painel solar para não ser apenas item de mobilidade mas tbm ser formento de tecnologia e sustentabilidade.
 

·
Registered
Joined
·
1,774 Posts
Minha humilde colaboração (não sou morador, mas como Brasília é planejada é muito fácil compreender a dinâmica da cidade).



São 4 linhas de metrô com alguns ramais e bifurcações e mais 3 linhas de VLT de subúrbio:
Linha 1A - verde - Ceilândia (EPCL) x Sobradinho
Linha 1B - laranja - Samambaia (125) x Planaltina (Vale do Amanhecer)
Linha 2 - vermelha - Ceilândia (Sol Nascente) x São Sebastião (Bela Vista)
- variante via EPIG
- variante via Cruzeiro
Linha 3A - lilás - Taguatinga Norte x Aeroporto
Linha 3B - lilás - Taguatinga Norte x Terminal Asa Sul
Linha 4A - amarela - Luziânia (shopping) x Ceilândia (EPCL) (via Gama)
Linha 4B - amarela - Luziânia (shopping) x Riacho Fundo I (EPNB) (via Santa Maria)
VLT A - verde claro - Ceilândia (EPCL) x Águas Lindas de Goiás (Jardim América)
VLT B - laranja claro - Samambaia (125) x Santo Antônio do Descoberto (Rua 59)
VLT C - ocre - Planaltina (GO) x Formosa (GO) via Planaltina (DF) - ficou de fora do mapa pela distância.

600 mil Habitantes são planejados, o resto é enrolação, e o que não é enrolação é muito preocupante!
 

·
Registered
Joined
·
7,537 Posts
A questão com o custo nas áreas vazias poderia ser resolvida se não pensarem em metrô subterrâneo de alta frequência, mas trens maiores de média frequência. Uma enorme vantagem de Brasília é ter espaço para encaixar linhas de trem. Podem fazê-lo em trincheiras, cobrindo-as nas áreas mais densas.
Padronizando as bitolas, permite-se o trafego entre diferentes linhas e, com o tempo, se necessário, o aumento da frequência.

Poderiam usar trens como os da AnsaldoBreda - os do metrô de Fortaleza - que chegam a bons 160 km/h. Distâncias razoáveis poderiam ser percorridas em poucos minutos sem congestionamentos. Nos horários de vale, reduzirem os tamanhos das composições e a frequência.
Demandaria estações um pouco maiores, mas nada que não seja possível na cidade dos parques e gramados vazios.
 

·
mineirinho..
Joined
·
5,728 Posts
A questão com o custo nas áreas vazias poderia ser resolvida se não pensarem em metrô subterrâneo de alta frequência, mas trens maiores de média frequência. Uma enorme vantagem de Brasília é ter espaço para encaixar linhas de trem. Podem fazê-lo em trincheiras, cobrindo-as nas áreas mais densas.
Padronizando as bitolas, permite-se o trafego entre diferentes linhas e, com o tempo, se necessário, o aumento da frequência.

Poderiam usar trens como os da AnsaldoBreda - os do metrô de Fortaleza - que chegam a bons 160 km/h. Distâncias razoáveis poderiam ser percorridas em poucos minutos sem congestionamentos. Nos horários de vale, reduzirem os tamanhos das composições e a frequência.
Demandaria estações um pouco maiores, mas nada que não seja possível na cidade dos parques e gramados vazios.
Isso é tudo bem simples, e é justamente por isso que nunca será feito.
 

·
Registered
Joined
·
1,652 Posts
Sua sugestão Kaique é muito interessante, de se fazer ligações diretas em trens de média velocidade e aí sim complementar com a malha local, pode ser uma solução até mais rápida de sair do papel, e também pra integrar as cidades do entorno. A tal ligação Goiânia x Brasília já podia responder por algumas dessas estações internas e ser a "linha 1" desse sistema.
 
21 - 30 of 30 Posts
Top