SkyscraperCity banner

41 - 60 of 2485 Posts

·
Manaus, Amazonas, Brasil
Joined
·
10,881 Posts
Creio que será muito complicado o acesso de Macapá ao restante do Brasil pelas Guianas e Suriname. Imaginem ter de atravessar uma grande extensão rodoviária até Oiapoque, atravessar todo o departamento francês da Guiana Francesa (que inclusive exige visto de brasileiros e onde não se fala português nem espanhol), depois atravessar mais dois outros países que adotam mão inglesa de direção (Suriname e Guiana e que também não falam português nem espanhol) e ainda ter de enfrentar mais de 400 quilômetros sem asfalto (na Guiana) para chegar ao estado de Roraima. E da fronteira Brasil/Guiana (em Roraima) ainda são mais de 800 quilômetros até Manaus. Acredito que a importância da Transguianense se dá pela ligação do Brasil com as Guianas, mas não para tirar Macapá do isolamento terrestre com o restante do Brasil. Seria muito demorado e antieconômico o acesso de caminhões e de ônibus para Manaus, Porto Velho, Cuiabá, São Paulo... Acho que o bom de uma estrada internacional será a aventura e a possibilidade de conhecer culturas diferentes. O ideal para Macapá quanto à uma futura ligação com outros estados do Brasil seria um acesso rodoviário mais direto, por dentro do próprio território brasileiro. Ou, enquanto isso não acontece, poderiam fazer a hidrovia do Marajó, criando um canal para encurtar a distância até Belém.
 
  • Like
Reactions: Rondon

·
Registered
Joined
·
22,585 Posts
Discussion Starter #42
Em termos de acesso sim, seria o mais anti econômico. Porém em termos de estrutura existente, é o mais prático, creio, pois o caminho já está sacramentado.

De qualquer forma, mesmo q não chegue ao país, será importante ter essa troca com países estrangeiros.
 

·
ca RIO ca
Joined
·
27,022 Posts
Guiana Francesa precisa de visto
^^

Como assim? Quando fui à Paris em 2013 não precisei de visto, porque então precisaria para adentrar na Guiana Francesa? Égua... :nuts:
 

·
Azulino com orgulho
Joined
·
16,004 Posts
não sei. Mas precisa

"França Metropolitana, Departamentos, Regiões, Coletividades e Territórios Ultramarinos: Guadalupe, Martinica, Reunião, Saint-Martin, Saint-Barthélemy, Saint-Pierre-et-Miquelon, Nova Caledônia, Polinésia Francesa, Wallis et Futuna e Mayotte) exceto para a Guiana Francesa. Ou seja, o visto para a Guiana Francesa é obrigatório para cidadãos brasileiros."
 

·
ca RIO ca
Joined
·
27,022 Posts
^^

Nossa, que estranho! Será que esse visto é brecar uma possível invasão brasileira em território francês? Seria um artifício para evitar o que hoje acontece aos montes quanto a imigração na Europa?! Até imaginei o contrário acontecendo com os EUA, para o seu território em si precisando do visto, mas para o Alaska e Hawai não sendo preciso por serem territórios além do "corpo" americano. Claro, que isso não ocorre!
 

·
Manaus, Amazonas, Brasil
Joined
·
10,881 Posts
^^



Como assim? Quando fui à Paris em 2013 não precisei de visto, porque então precisaria para adentrar na Guiana Francesa? Égua... :nuts:

É uma exigência exclusiva para brasileiros entrarem em território do Departamento da Guiana Francesa. Talvez seja para coibir imigração ilegal. Na França continental (Europa), o visto é concedido ou negado na chegada ao aeroporto, durante os procedimentos de Imigração.
 
  • Like
Reactions: Rondon

·
ca RIO ca
Joined
·
27,022 Posts
^^

Imaginei que fosse para brecar mesmo uma possível invasão de brasileiros no território. Quanto ao visto na França continental como você disse, bom, quando estive lá em 2013 não concederam nenhum visto, apenas carimbaram o passaporte na entrada e na saída, assim como aqui no Brasil também, tanto que no meu passaporte ao lado dos carimbos dos países que fui sempre tem um carimbo da nossa PF junto!

Enfim...
 

·
Manaus, Amazonas, Brasil
Joined
·
10,881 Posts
^^

Imaginei que fosse para brecar mesmo uma possível invasão de brasileiros no território. Quanto ao visto na França continental como você disse, bom, quando estive lá em 2013 não concederam nenhum visto, apenas carimbaram o passaporte na entrada e na saída, assim como aqui no Brasil também, tanto que no meu passaporte ao lado dos carimbos dos países que fui sempre tem um carimbo da nossa PF junto!

Enfim...

Jovem, o simples carimbo com a data de sua entrada em algum dos países que assinam o Tratado Schengen (Comunidade Europeia) já é, por só só, o documento que atesta o seu Visto de Entrada como turista. A partir da data do carimbo de visto de entrada (de turista), tu só podes permanecer no respectivo bloco de países assinantes do Schengen por 90 dias. Para brasileiros não existe entrada em país algum que não exija visto. Mesmo nos países que assinam o Tratado do Mercosul, se tu entrares com o mero documento de Identidade (RG), na Imigração do aeroporto ou de alguma rodovia, entregarão a ti um papel onde consta a data de entrada (Visto de entrada), que deverá ser apresentado novamente quando de sua saída do respectivo país (Argentina, Paraguai, Uruguai etc).
 

·
ca RIO ca
Joined
·
27,022 Posts
Entendido, porém, para mim o visto mesmo é esse:



O carimbo é apenas uma mera confirmação da autoridade da imigração de sua entrada e saída de um país que não requer visto, se fosse o visto propriamente dito as autoridades imigratórias dos Estados Unidos não precisariam carimbar passaporte dos brasileiros, já que todos que vão para lá tem o visto e estariam isentos do ato. Além do visto ainda recebi o carimbo!
 

·
ca RIO ca
Joined
·
27,022 Posts
Alguém sabe da situação atual da BR-317 no trecho do AM?

BR-317







Achei interessante essa ilustração da BR-317 se estendendo até a BR-230 (Lábrea), que por sua vez se entronca mais a frente com a BR-319. Seria uma ligação de Manaus à Rio Branco se passar por RO.
 

·
Manaus, Amazonas, Brasil
Joined
·
10,881 Posts
Manauaras, não confunda visto prévio para entrada com visto de entrada. Os Estados Unidos, por exemplo, exigem dos brasileiros tanto o visto prévio de entrada (que tem de ser requerido e obtido junto a um dos consulados americanos no Brasil), como o visto de entrada (que é concedido ou negado quando os brasileiros chegam a um dos aeroportos, portos ou aduanas de entrada ferroviária daquela país). Ou seja, mesmo com visto prévio de entrada, o visto de entrada propriamente dito pode ser negado, pois a concessão da entrada em determinado país é sempre um ato de Soberania. Mas, entenda como quiser. Só quis explicar que, tecnicamente, um simples carimbo em seu passaporte é, juridicamente, um visto de entrada. Quanto à BR-317, é, sim, uma possibilidade de ligação de Rio Branco com Manaus sem passar por Porto Velho, mas precisaria ser concluída até Lábrea.
 

·
Registered
Joined
·
23,039 Posts
^^
^^ Até Boca do Acre só faltam 22,5 Km que cruzam duas terras indígenas pra ser concluída, desde 2010 está paralisada devido uma ação do MPF/AM.


Por esse mapa dá pra ver as terras indígenas, a floresta intacta entre os traços vermelhos.


 

·
ca RIO ca
Joined
·
27,022 Posts
^^

São impressionantes esses entraves burocráticos quando se refere às estradas no Amazonas, das duas, uma: ou o MPE/F no AM atua no rigor da lei ou nos outros estados a atuação é desleixada; não é possível que ações desse tipo continuem a impedir a recuperação de uma estrada que assim como a BR-319 já existe. E o que acho mais contraditório nisso tudo é o governo do estado abrir uma estrada entre Carauari e Codajás (região central do AM) com 70 quilômetros de extensão e supostamente não precisar de tantos estudos ambientais, projetos de sustentabilidade e/ou mesmo de assentamento de terras para evitar invasões nas margens da nova estrada.
 

·
Manaus, Amazonas, Brasil
Joined
·
10,881 Posts
De Boca do Acre (AM) a Lábrea (AM), existe alguma rodovia, ainda que não-asfaltada?
 
  • Like
Reactions: Manauaras

·
ca RIO ca
Joined
·
27,022 Posts
Também fiquei curioso em saber! No desenho não tem legenda.
 

·
Registered
Joined
·
9,426 Posts
Outro projeto muito discutido no Tocantins é a construção da Transbananal (TO-500). Ela interligaria os municípios de São Félix do Araguaia (MT) e Formoso do Araguaia (TO). Existe uma força tarefa muito grande entre os dois estados para que essa rodovia saia do papel, porém, os entraves ambiental são muito grandes pois o traçado passa por dentro da Ilha do Bananal.

Caso essa rodovia seja construída, e contando que o trecho Palmas-Anápolis da FNS comece de fato a operar, iria ajudar muito no escoamento da produção do MT através do Pátio Multimodal de Gurupi ou mesmo de Palmas.
 
41 - 60 of 2485 Posts
Top