SkyscraperCity banner

21 - 31 of 31 Posts

·
Registered
Joined
·
22,812 Posts
^^Puts, o prefeito se atravessou no meio de um projeto que estava se encaminhando bem.
Pediu ao presidente que interferisse e passasse a responsabilidade pra ele. Aí depois fica fácil falar que o governo do estado não faz nada pela cidade...
Agora vamos ver se ele cumpre com o compromisso," já que pegou na rodilha que carregue o pote."
 

·
Leonardo Almeida
Joined
·
399 Posts
Romero vai se ferrar bonito nessa questão do VLT, ele tá metendo os pés pelas mãos. VLT não é coisa fácil de se fazer, ainda mais sem apoio do Governo Federal. O pior é que ele ainda vai arrumar briga com os empresários do setor de transporte da cidade, já que a Campina enfrenta a quase falência do sistema de ônibus, e o VLT só deve agravar isso. E o governador, que não é nada besta, já disse que não vai disputar a obra...
 

·
Treze FC | Maior da PB
Joined
·
2,933 Posts
Você discorreu em mais detalhes exatamente o que eu falei inicialmente. Em nenhum momento falei que era medíocre, disse que era mediana, mas muito aquém do que poderia ser, são coisas bem distintas Vitor.

A gestão do cabeludo foi terrível em diversos aspectos e foi por isso que eu falei que Romero tem que se atentar pra não terminar o mandato igual a Veneziano.

Não há como negar que o AC é o grande trunfo dessa gestão, é um projeto arrojado e pouquíssimas prefeituras teriam coragem de peitar algo dessa magnitude (claro, não vamos esquecer da ajuda de outras peças que, sem elas, não teria saído nem da terraplanagem).

Mas, isso não pode maquiar o que existe de negativo na gestão: atrasos salarias constantes, diversas dessas ruas que você falou estão inacabadas, assim como outras obras ao redor da cidade (Parque da Liberdade, Alça Leste que foi atrofiada e mesmo assim ainda não foi concluída etc), dívidas com fornecedores, postos de saúde faltando insumos básicos e até médicos etc. É nesse sentido que afirmo que a gestão de Romero deixa muito a desejar, não é tão difícil assim de entender.

Me permita discordar um pouco Rodenbusch do seu posicionamento.

Particularmente, não acho medíocre a gestão de Romero, pelo contrário, gosto muito da forma dele governar a cidade, bem melhor do que os oito anos da gestão cabeluda.

Ah, ele poderia ter feito mais, poderia. Mas, como vc mesmo falou, apoio zero do governo estadual, o que dificulta muito as coisas. Você vê notícia e mais notícia do governo anterior e atual vendendo as potencialidades da Paraíba. Você jâ viu alguma mensão à CG nessas potencialidades? E nosso potencial tecnológico, estrutura de vias, saneamento, posição geográfica? Nada disso parece ser algo a ser oferecido como potencialidades para investidores pelo governo do estado.

Nessa gestão Romero, acredito que o grande calo dele diz respeito à saúde, e embora tenha incorporado hospitais como o Pedro I, o do Zepa, que esqueci o nome, a AACD, e agora lançado o novo hospital da Criança e Adolescente, as unidades básicas de saúde pecam na estrutura, falta de medicamentos e salários dos profissionais com atraso.

Mas, não podemos esquecer os avanços alcançados: O Complexo Aluízio Campos o maior deles, sem dúvida, embora acho que falta à ptefeitura uma equipe aguerrida para vender esse projeto a empresas de todo país para atrair novos investimentos.
O Maior São João do Mundo, com a ppp, se repaginou e hoje é o maior e melhor do país, incontestavelmente, pela estrutura, organização, atrações. Conheci esse ano o de Caruaru e não tem nem o que comparar mais: Estamos anos luz à frente.
A quantidade de ruas asfaltadas e calçadas é enorme. Nunca vimos isso antes. Ainda tem mta rua para ser feita, temos sim, mas aqui em JP, Capital, maior e mais rica, a situação ainda é pior do que aí.
O programa de plantio de árvores, o melhor do país, bem como o de só permitir novas construções na cidade mediante o plantio de árvotes, mostrou uma responsabilidade ambiental que nunca foi prioridade em CG.
A Alça Leste, embora mto lenta, também um avanço e quando pronta, teremos uma nova fronteira aberta em Campina.
O Museu Digital, fantástico, reconhecido internacionalmente.

Enfim, não vou me alongar mais, mas tivemos muitos avanços sim. Queríamos mais, como todo campinense, claro, mas te digo: Prefiro mais oito anos como esses que tivemos do que quatro governados pela poste esposa do Cabeludo.

Que o VLT saia, de um jeito ou de outro, assim como o polo de modas, o hospital da criança e a colocação de 100% de luzes led na cidade, e as 500 ruas asfaltadas e calçadas. Já terá valido à pena!!!!

 

·
Treze FC | Maior da PB
Joined
·
2,933 Posts
Se a guerrinha for benéfica pra população, é até salutar. Vide o que acontece na BA especialmente em Salvador, com prefeitura e estado disputando até implantação de meio fio.
No fim nao interessa quem executa, o que interessa é obra pronta e funcionando.
Concordo! Mas nesse caso específico do VLT em Campina eu sou um pouco mais cético. Até agora só vi muita disputa política e quase zero de informações técnicas e sobretudo sobre a viabilidade do sistema. De nada adianta termos composições de VTL rodando na linha férrea de CG se o sistema não se pagar e o Poder Público precisar subsidiar a grande maioria do valor da passagem, não faz nenhum sentido. Temos que lembrar que no caminho existente da linha férrea existem somente duas estações "prontas", mas que precisam de reformas significativas, todas as outras terão que ser construídas do zero. Sem contar com as desapropriações da faixa de domínio e todo reparo que precisa ser feito na linha propriamente dita. Não é algo simples, demanda muito estudo e sobretudo $$$.

Que essa disputa sirva pra agilizar a obra. Campina é privilegiada por ter uma linha férrea cruzando a cidade. Se integrar o VLT com o sistema de ônibus, a cidade vai ficar muito bem servida de transporte público.
Verdade, sem essa integração o sistema perderia boa parte de sua importância. Até porque apesar de cruzar a cidade como vc bem falou, em nenhuma parte a linha passa no Centro propriamente dito.

^^Puts, o prefeito se atravessou no meio de um projeto que estava se encaminhando bem.
Pediu ao presidente que interferisse e passasse a responsabilidade pra ele. Aí depois fica fácil falar que o governo do estado não faz nada pela cidade...
Agora vamos ver se ele cumpre com o compromisso," já que pegou na rodilha que carregue o pote."
Não, não atravessou. Pra ser justo, Romero já havia solicitado a cessão da linha férrea há alguns anos atrás (acho que uns 3). Aqui nesse link tem um pequeno resumo de toda a história, que não vem de agora, e sim da gestão passada do então prefeito Veneziano, que teve também seus 8 anos de mandato, prometeu e não fez.

Sinceramente acho que o Prefeito deveria focar nas suas ações já em andamento e reconhecer que não tem condições de tocar esse projeto. Caso exista mesmo viabilidade, o correto seria o Governador executar e aproveitarmos a milagrosa boa vontade do Governo do Estado que pouco (ou nada) tem feito na cidade, desde que não seja feito como o Amigão e o Parque Bodocongó, que foi prometido algo mas executado bem menos (30% e 10%) respectivamente.
 

·
Fear the Walking Dead
Joined
·
267 Posts
A questão é: Campina precisa mesmo de um VLT? E outra, como é pra Campina, a obra será postergada até o período de eleições, onde o PSB, via poste da vez, tentará mostrar que é o "pai" da obra.
 

·
Registered
Joined
·
1,919 Posts
Paraíba poderá ter cobrança de pedágio nas BRs 230 e 101


A Paraíba poderá ter até o fim do ano a implantação de concessionárias para administrar trechos das rodovias 230 e 101, que cortam o Estado. Se isso, realmente, ocorrer a população paraibana e os turistas vão pagar pedágio para terem acesso às regiões e os municípios.

Um decreto publicado na edição do Diário Oficial da União desta quinta-feira (15) mostra que o trecho da BR-230, entre João Pessoa e Campina Grande, está na relação das rodovias citadas, que poderão passar por um possível estudo de viabilidade de desestatizar.

O presidente Jair Bolsonaro determina no DO que sejam realizados estudos pelo Ministério da Infraestrutura sobre a viabilidade de destatizar vários trechos de rodovias federais em todo país. Na BR-101, existe outro trecho relacionado, que vai da Bahia até o Rio Grande do Norte (RN). Nesse caso, a BR-101, entre a Capital paraibana e Recife e João Pessoa e Natal também figuram na lista.

De acordo com o Diário Oficial, 7.213 km de rodovias federais em todo o país estão divididas em quinze lotes que atravessam treze estados.

http://paraiba.com.br/2019/08/15/pb-podera-ter-cobranca-de-pedagio-nas-brs-230-e-101/
 

·
Leonardo Almeida
Joined
·
399 Posts
Edvaldo Rosas não é mais presidente do PSB na Paraíba

O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, anunciou no início da noite desta sexta-feira (16) que a Executiva Nacional decidiu dissolver o diretório estadual da legenda na Paraíba. Com isso, o secretário de Estado do Governo, Edvaldo Rosas, não é mais presidente da sigla. Uma comissão provisória será nomeada nas próximas horas.

Siqueira disse não se tratar de uma intervenção, mas alguma coisa precisava ser feita diante da renúncia da maioria de seus membros. “Isto não se confunde com intervenção. É um situação política criada no âmbito da Paraíba”, destacou.

De acordo com Carlos Siqueira, a notícia da dissolução já foi comunicada ao governador João Azevêdo. “Já conversei com o governador e hoje à noite vou conversar com Coutinho (Ricardo Coutinho). Penso que teremos que encontrar uma solução política de unidade, via diálogo tudo se resolve. Imagino que ninguém deseja o impasse”, afirmou.

https://portalcorreio.com.br/edvaldo-rosas-nao-e-mais-presidente-do-psb-na-paraiba/
 

·
Leonardo Almeida
Joined
·
399 Posts
Trazendo do Parahyba Notícias:
Após quase dois meses sem partido, João Azevêdo decide se filiar ao Cidadania​

Após quase dois meses sem partido, o governador João Azevêdo anunciou, nesta sexta-feira (31), que irá se filiar ao partido Cidadania. Ele deixou o PSB em 3 de dezembro de 2019.

O governador recebeu vários convites, se reuniu e ouviu diversas lideranças estaduais, antigos membros do PSB que o acompanharam em sua desfiliação, além de integrantes do Governo e dos movimentos sociais, João Azevêdo disse que estava entrando no Cidadania por se identificar com os princípios do partido e pelo diálogo que manteve com a direção nacional da legenda.

"Agradeço a todos os partidos e lideranças nacionais e estaduais que me convidaram para ingressar em suas legendas. Mas decidimos optar pelo Cidadania, depois de muita reflexão e reuniões que apontaram este caminho. Também ressalto a 'Carta de Princípios' do partido publicada em 24 de março de 2019, onde nos sentimos representados; como também o diálogo franco e aberto que tivemos com o presidente Roberto Freire, apontando para o fortalecimento da legenda em nosso Estado", afirmou o governador paraibano.

Entre os princípios citados por João Azevêdo na Carta do Cidadania, destacam-se, entre outros, "o combate à pobreza e às desigualdades sociais; a responsabilidade fiscal em respeito aos impostos que são fruto do trabalho dos cidadãos; pluralidade como prioridade na construção dos debates e processos de deliberação do partido; acesso à educação como principal vetor de cidadania; e a defesa do fortalecimento das instituições democráticas".

O governador informou que, a partir de agora, o momento será de ampliação do partido que é dirigido por Ronaldo Guerra, na Paraíba. "Vamos inserir as novas lideranças, os representantes dos movimentos sociais e cívicos, os pré-candidatos em 2020, os prefeitos e vereadores. Tudo isso sem atropelar as instâncias e o calendário dos congressos definidos pela direção nacional, sempre com a concepção de agregar e qualificar cada vez mais o debate político e cidadão em nosso estado e no país", afirmou João Azevêdo.

Confira abaixo a íntegra da “Carta de Princípios” do Cidadania publicada em 23 de março de 2019.

"CARTA DE PRINCÍPIOS

Brasília, 23 de março de 2019

Nós, delegados do Partido Popular Socialista e de diversos movimentos sociais, reunidos em Brasília, deliberamos pela criação de uma nova formação partidária, nomeada Cidadania, que trata com a mesma importância as questões econômicas e sociais, e que:

– se constrói em oposição à polarização política e a favor do diálogo e da convergência;

– se compromete com o combate à pobreza e o combate às desigualdades sociais;

– defende a responsabilidade fiscal em respeito aos impostos que são fruto do trabalho dos cidadãos;

– apoia a sustentabilidade nas suas dimensões ambiental, política e econômica;

– acredita na liberdade como um direito inalienável;

– combate as diferentes formas de preconceito e discriminação;

– se compromete em construir uma cultura de solidariedade e paz;

– se dedica a promover igualdade de oportunidades para todos os que residem no Brasil, brasileiros ou não;

– tenha pluralidade como prioridade na construção dos debates e processos de deliberação do partido;

– combate o populismo e discute os problemas complexos do Brasil e do mundo com a seriedade que eles merecem;

– acredita no acesso à educação como principal vetor da cidadania;

– defende o fortalecimento das instituições democráticas;

– defende a transparência como mecanismo de controle social;

– se compromete com a redução das fronteiras físicas e políticas entre as pessoas;

– reafirma o seu compromisso em construir uma política na qual a participação cidadã inclua diferentes segmentos da sociedade, que são hoje minoritários em representação, como mulheres, negros, indígenas, LGBTI+, pessoas com deficiência e jovens.

Conclamamos todos os cidadãos, cidadãs e movimentos da sociedade civil organizada, que compartilham desses valores, a participar conosco da construção dessa nova formação partidária."

https://www.clickpb.com.br/politica/joao-azevedo-anuncia-filiacao-ao-cidadania-277015.html
 
21 - 31 of 31 Posts
Top