SkyscraperCity banner

1 - 20 of 4161 Posts

·
President and CEO
Joined
·
17,597 Posts
Discussion Starter · #1 ·
O GO!SHOPPING PAREDES é um espaço multiusos integrado, com uma excelente localização e com acessos e estacionamento fáceis. Tudo isto inserido num espaço acolhedor, arquitectonicamente desenvolvido para ser agradável e funcional. A abertura do GO!SHOPPING PAREDES - que conta com uma ABC de 96.120,00 m2 e uma ABL de 30.350,70 m2 - será no 3º Trimestre de 2010 e será um importante espaço de dinamização da zona.

* Localização. Paredes
* ABC. 96.120,00 m2 m2
* ABL. 30.350,70 m2 m2
* Data prevista de abertura. 3º trimestre de 2010
* Fase do Projecto. Licença Comercial – Dez / 2007






 

·
I Love You... Soraia
Joined
·
27,947 Posts
eh giro! so nao percebo komo eh k duma area total de quase 100mil m2, a ABL será apenas de 30mil. mas pronto. good for walls! :D:D:D:D
 

·
President and CEO
Joined
·
17,597 Posts
Discussion Starter · #4 ·
Aproveitei e coloquei aqui os projectos!
 

·
a revolta da francesinha
Joined
·
10,646 Posts
de repente depois de sei lá quantos novos shoppigs po porto aparecem noticias de mais 4(!) shoppings para porto e arredores....

epa, a este ritmo são dois ou 3 shoppings novos/ano....

e contando com o gigante da Ikea.... o porto plaza que abriu recentemente... tantos....

pelo menos são mais pequenos.... agora os bigalhaços andam a aparecer em viseu e braga....
 

·
I Love You... Soraia
Joined
·
27,947 Posts
por acaso convem que nao apareçam shoppings bigalhaços no porto agora.


o maior espero msm k seja o ikea/matosinhos plaza com 103.500m2. eh k sao MUITOS ja.
 

·
Registered
Joined
·
10,763 Posts
Gosto do Design! Este shopping entende-se mto melhor q os outros dois para Gaia e Gondomar...
 

·
a revolta da francesinha
Joined
·
10,646 Posts
Paredes não é AMP mas se calhar está mais próximo do Porto que a Póvoa.....

E por acaso este até é bonitinho! de todos os GO! será até o mais interessante...
 

·
a revolta da francesinha
Joined
·
10,646 Posts
Fiquei curioso e foi ver no google earth....

o centro de paredes tá a 23km da zona da baixa do porto.... 20 km da zona de campanhã, por exemplo....

Como é possível Paredes não estar na AMP????

se o porto anexar algumas freguesias urbanas de gondomar, fica a uns 10/15km da cidade....
 

·
Banned
Joined
·
5,852 Posts
Paredes não é AMP mas se calhar está mais próximo do Porto que a Póvoa.....

E por acaso este até é bonitinho! de todos os GO! será até o mais interessante...
Quasl o tempo viajando de carro sabes?

Ora prontos-je, ficava Paredes-je na AMP e sai a Póvoa, até porque-eje tem Arouca para fazere-eje companhia... eje

tirando o aspecto, é preciso saber bem que ancoras estes go! vão ter.
 

·
a revolta da francesinha
Joined
·
10,646 Posts
ficavam as duas, loool....

creio que paredes tem ligação por AE ao porto... e a CREP deve passar bem perto de paredes ( nem sei se não cruzará parte de Paredes...)...

tem é a serra como obstáculo.....
 

·
Registered
Joined
·
875 Posts
Fiquei curioso e foi ver no google earth....

o centro de paredes tá a 23km da zona da baixa do porto.... 20 km da zona de campanhã, por exemplo....

Como é possível Paredes não estar na AMP????

se o porto anexar algumas freguesias urbanas de gondomar, fica a uns 10/15km da cidade....
Já há muitas vozes no concelho a defender a integração na AMP. Mas também se calhar é melhor ser o líder do Vale do Sousa, do que mais um na AMP.
 

·
Registered
Joined
·
875 Posts
Quasl o tempo viajando de carro sabes?

Ora prontos-je, ficava Paredes-je na AMP e sai a Póvoa, até porque-eje tem Arouca para fazere-eje companhia... eje

tirando o aspecto, é preciso saber bem que ancoras estes go! vão ter.
De carro 15 minutos chegam para estar no São João.
Se comboio demora 40 minutos até São Bento.
E não queiras comparar Arouca com Paredes. Paredes é o concelho com mais cidades(4) e tem também 5 vilas.
Quanto a âncoras, acho que as mais importantes irão lá estar(o concelho está quase nos 90 000, e tem Penafiel a dois quilometros), portanto clientes não deve faltar.

ficavam as duas, loool....

creio que paredes tem ligação por AE ao porto... e a CREP deve passar bem perto de paredes ( nem sei se não cruzará parte de Paredes...)...

tem é a serra como obstáculo.....
Claro que tem, a A4 passa junto à cidade, com nó a ligar ao centro.
A CREP é que vai ficar um pouco longe do centro de Paredes. Vai passar por Aguiar de Sousa e os acessos para essa zona, junto à Serra de VAlongo, são feitos por estradas muito sinuosas, aumentando bastante a duração da viagem. O mais perto para chegar a Paredes, vindo por exemplo da Póvoa, é utilizar o futro nó da CREP com a A4 na zona de Campo.
 

·
Jogos Olímpicos Porto2020
Joined
·
1,842 Posts
Paredes Não é AMP mas a verdade é que Oliveira de Azeméis e Vale de Cambra vão a curto prazo transferir-se para a AMP e penso que Penafiel, Paredes e talvez Passos de Ferreira façam o mesmo pois localizam-se todos a menos de 30/35 minutos do Porto, e seria uma mais valia para eles... quanto ao shopping penso que está muito bom e o facto de ter um pavilhão desportivo atraírá ainda mais gente ao local... Viva Norte xD...

PS: Tudo isto está no distrito do Porto...
 

·
I Love You... Soraia
Joined
·
27,947 Posts
Atenção: isto não tem só a ver com o Vinci GT. Leiam o artigo! Grande cena para a zona!




A Câmara Municipal de Paredes está ponderar apoiar a criação de um cluster para o sector automóvel, que poderá possibilitar a construção de uma pista de alta velocidade.
Ao contrário do que chegou a ser anunciado pelo Semanário Económico, Paredes não vai receber uma pista para treinos de Fórmula 1. O circuito não está garantido mas se for construido será mais modesto que o anunciado.
O projecto está a ser desenvolvido pela autarquia e surge na sequência da negociação da instalação da unidade do Auto Museu da Maia que produzirá o Vinci GT, um automóvel de luxo inteiramente desenvolvido em Portugal (ver caixa).
Desde Novembro que a autarquia mantém contacto com a Auto Museu da Maia para a instalação da fábrica que desenvolverá um dos carros mais exclusivos do mundo.
Na sequência das reuniões com a empresa e com o Centro para a Excelência e Inovação na Indústria Automóvel (CEIIA), a autarquia decidiu avançar para um projecto mais largo que prevê a instalação de um parque de empresas do sector automóvel e a possível construção de uma pista de alta velocidade. Ambos os projectos ocuparão cerca de um milhão de metros quadrados.
A unidade que produzirá o Vinci GT ocupará cerca de 50 mil metros quadrados e deverá ser só o ponto de partida para um pólo mais complexo, em ligação estreita com o cluster automóvel de Vigo.
A pedido da empresa a autarquia indicou duas localizações possíveis, “aliás as únicas no concelho com capacidade para albergar este projecto”, garantiu o presidente da Câmara Municipal de Paredes, Celso Ferreira.
“Queremos que o processo de definição do local de instalação da unidade esteja resolvido dentro de 5 a 6 semanas”, garantiu o responsável pela empresa, Miguel Rodrigues.
Celso Ferreira manifestou alguma reserva em falar do projecto, “até porque ainda não há qualquer tipo de memorando ou contrato assinado. Contamos nos próximos dias, caso o projecto avance, poder assinar um protocolo entre a autarquia e a empresa investidora”.
O memorando deverá estabelecer um volume de investimento na criação do cluster, que numa primeira fase poderá ascender a cinco milhões de euros. A autarquia comprometer-se-á a apoiar no processo de aquisição dos terrenos, para mais tarde deverá ficar a definição da participação da Câmara Municipal no cluster.
Esta participação é um dos elementos fundamentais do processo e poderá ter sido um dos factores que mais pesou na escolha do concelho de Paredes.
“A nossa posição face ao cluster automóvel de Vigo e as nossas excelentes acessibilidades foram determinantes na escolha”, sustenta o autarca.
Ao que tudo indica os investidores mostraram interesse em investir no Grande Porto, mas os valores competitivos de Paredes e a falta de locais com as dimensões exigidas, nomeadamente no concelho do Porto, terão determinado a decisão.
A jóia da coroa deste investimento poderá ser uma pista de alta velocidade.
“Nós veríamos com bons olhos a construção de uma pista que viabilizasse, mais do que testes, cursos de condução super-desportiva. O Vinci é um carro retro concept bastante potente e que exige que o seu proprietário tenha algumas noções de condução desportiva. Se o pudermos fazer nas imediações da unidade tanto melhor. Não iremos avançar para construir uma pista, mas se a autarquia encontrar os parceiros para a desenvolver nós ficaremos bastante satisfeitos”, sublinha Miguel Rodrigues.
A pista em estudo terá 4,5 quilómetros e estará exclusivamente vocacionada para treinos, não existindo qualquer intenção de a equipar para receber competições.
A topografia do terreno não será a mais indicada para instalar uma pista com capacidade para treinos de Fórmula 1 e a adaptação do terreno para esse efeito poderá ser bastante dispendiosa. Se a autarquia conseguir ultrapassar as dificuldades do terreno poderão ser efectuados contactos no sentido de seduzir os construtores a escolher Paredes para testar os seus carros. Nessa altura falará mais alto a capacidade competitiva dos preços praticados em Paredes, por comparação com os três circuitos espanhóis e o autódromo do Estoril.
Certa é a construção de uma pista para testar novos modelos automóveis, directamente ligada à unidade de produção do Vinci GT. A pista reproduzirá diferentes cenários de condução, de forma a avaliar o desempenho dos modelos.
“Neste momento iremos avançar com este modelo, mas estamos a estudar o lançamento de outros projectos no futuro”, adiantou Miguel Rodrigues.
A unidade de produção automóvel deverá começar a laborar dentro de dois anos, entretanto operará num espaço provisório na Maia.

O Vinci descodificado

O Vinci GT é um coupé desportivo inspirado nos carros de corrida dos anos 60 e 70.
Totalmente desenvolvido em Portugal, o Vinci aparecerá com um motor V6 que poderá debitar 400 cavalos de potência, gentilmente envolvidos numa bonita carapaça de fibra de carbono.
Este carro de elevada potência terá uma edição limitada a 100 unidades. O carro só poderá ser adquirido em projecto.
Os interessados poderão ter de desembolsar qualquer coisa como 300 mil euros para adquirir este bólide. O primeiro deverá sair da fábrica dentro de dois anos.
 

·
Banned
Joined
·
8,524 Posts
So cum um motor V6 400 cavalos nao acho que e muito para mim e vai custar 300 mil euros... entao prefiro um BMW cum V8 500 cavalos so ia me custar 110 mil dollars!
 
1 - 20 of 4161 Posts
Top