Skyscraper City Forum banner
1 - 4 of 4 Posts

·
Banned
Joined
·
27,387 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Mudanças estão em discussão

Governo e Câmara Legislativa voltam a debater propostas que prevêem a definição da poligonal e a revitalização da área



A revitalização do Parque da Cidade voltou à pauta do Governo do Distrito Federal (GDF). O plano de uso e ocupação do local, que tramita na Comissão de Meio Ambiente da Câmara Legislativa desde 2004, está sendo discutido entre os dois poderes. O objetivo é definir propostas para reestruturação da área. Para que os projetos saiam do papel, o principal ponto que precisa de consenso é sobre a poligonal do parque.

A emenda visa especificar a real área de extensão do parque. A delimitação é necessária para que seja possível aplicar outras leis e melhorias no local. Segundo o secretário-adjunto da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Seduma), Luís Antônio Reis, enquanto não houver um registro da área definido o GDF não pode atuar. "Fizemos a nossa parte. Tudo está suspenso porque existe uma área cercada, mas não há nada registrado", explicou. Como não existe nada certo, a única garantia dada pela Seduma é um plano de ações para o local, que será definido até agosto, e que os custos serão divididos com a iniciativa privada.

Integração
O projeto que tramita na Câmara também traz propostas para propiciar maior integração entre a comunidade e o parque. A criação de novas áreas de lazer como cinema, museu e teatro estão entre as emendas. Outro tópico prevê a construção de novas entradas para desafogar o trânsito do Sudoeste, por exemplo, além da construção de uma faixa exclusiva para pedestre paralela aquela existente, para evitar o congestionamento entre ciclistas e pedestres.

As propostas já causam divergência de opiniões. A construção de novas edificações, por exemplo, são reprovadas pelo administrador do Parque da Cidade, João Paixão. "A criação de novos lugares comerciais vai denegrir a imagem do parque e destruir o meio ambiente. Tem que preservar a área verde", disse. No entanto, o secretário-adjunto defende que o que está sendo discutido são propostas já estabelecidas pelo paisagista Burle Marx, no projeto de 1978, ano de inauguração do Parque da Cidade. "Só estamos fazendo melhorias e readequando a situação atual, mas os projetos já existiam", afirmou.

Alterações
A bancada do PT na Câmara apresentou dois documentos com algumas alterações ao projeto e o pedido de realização de audiência pública. Em um deles, os petistas destacam: "antes de votar a matéria, é preciso discuti-la melhor com a comunidade. Nem os freqüentadores do parque muito menos a população em geral conhecem a proposta do governo". A previsão é que a audiência ocorra em agosto.

Existe ainda uma outra discussão relacionada ao parque. O administrador João Paixão defende o fechamento do lugar entre meia-noite e 6h. "Não adianta revitalizar o parque se ele continuar sem segurança como está. O vandalismo é grande. Banheiros são destruídos, cabos furtados, há prostituição, consumo de drogas e rachas entre os motoristas", afirmou.

O Parque da Cidade é um dos espaços públicos mais visitados do Distrito Federal. Está no coração de Brasília. Criado com o nome Pithon Farias passou a se chamar, muitos anos depois de sua criação, Sarah Kubitschek, em homenagem à ex-primeira-dama da capital do País.


Espaços serão recuperados

Enquanto as ações estão sendo discutidas, os usuários convivem com o abandono de alguns espaços, como as 75 churrasqueiras. Mesmo descaso aplicado às 41 quadras, aos 8 campos de futebol, 5 playgrounds e às 16 instalações sanitárias. Também falta segurança, já que apenas 16 vigias fazem a ronda de toda a área (são 320 hectares, que equivalem a 320 campos de futebol). Com as mudanças, todos os espaços serão ampliados. O número de equipamentos de alimentos aumentaria de 6 para 11. Os esportivos, de 47 para 53, enquanto os recreativos subirão de 6 para 11.

Entre as áreas abandonadas está a piscina de ondas, que já foi grande atrativo do parque e hoje serve como depósito de sujeira. O espaço fico aberto e representa um perigo aos usuários. A placa com os dizeres Colabore, obrigado é o único resquício de preocupação com a área. O que se vê é apenas o mato que brota entre os azulejos, grades arrebentadas, bases de ferro enferrujadas e um trampolim sem a base de impulso.

O espaço foi fechado, há oito anos, junto com os pedalinhos, com o trem elétrico e com o aluguel das bicicletas. Segundo o secretário-adjunto da Seduma, a restauração e a reabertura dessas áreas também estão entre as propostas de revitalização. "Queremos organizar o parque e reforçar o uso dessa parte recreativa e de lazer. Os locais estão bastante degradados e necessitam de revitalização", admitiu.

Segundo o servidor público Reinaldo Dias, 35 anos, que freqüenta o parque há 20, o descaso é comprovado no dia-a-dia. "Está tudo cada vez mais abandonado. Falta infra-estrutura, planejamento, limpeza e segurança. Deveria retornar ao modelo inicial, quando famílias inteiras vinham desfrutar das inúmeras atividades oferecidas", disse.

Para o analista de sistemas Cláudio Aguiar, 36 anos, que vai ao parque todo dia, apenas as três pistas de corrida estão em boas condições. "Não existe mais aquela infra-estrutura para trazer a família e passar o dia se divertindo. Os programas estão restritos. Deveriam retomar as atividades antigas. O espaço poderia ser melhor aproveitado", opinou.

Fonte: Jornal de Brasília
 

·
Banned
Joined
·
27,387 Posts
Discussion Starter · #2 ·
Agora vamos ver se de fato saia, no caso da praça das fontes, eles querem construir uma estrutura metalica e com vidros igual ao Jardim Botanico de Curitiba.
 

·
Ubique patria memor
Joined
·
1,086 Posts
Tomara que saia... quando eu visitei o Parque da Cidade me pareceu um lugar bem agradavel mas bem desleixado mesmo... assim como muitos dos jardins e gramados de Brasilia, infelizmente... tomara que consigam revitalizar o lugar. A localização é muito privilegiada, entre dois dos melhores bairros de Brasilia (Asa Sul e Sudoeste), não pode continuar assim.

Pesquisador, o Parque da Agua Mineral tb esta no mesmo mau estado de conservação? La tb tem piscinas, elas funcionam? E o parque Olhos d'Agua?
 

·
SP BSB
Joined
·
2,139 Posts
O Parque da Cidade será sempre um bom lugar, mas se essa reforma sair pode se tornar ainda melhor, eu adoro ir lá, é muito bom.
O Parque Água Mineral estava fechado por esses dias em função da greve do IBAMA, faz muito tempo que não vou lá, mas dizem que não está muito conservado, fora que costuma lotar muito na época do calor. Estou precisando voltar lá...
O Parque Olhos d'água eu não conheço, mas ele é muito elogiado e bem cuidado pela vizinhança, não tem muitas atrações, mas é intensamente utilizado para caminhadas, fora que é menos depredado já que fecha durante a noite. A mata dele é muito bonita, preciso tomar vergonha e conhecer o parque qualquer dia desses.
 
1 - 4 of 4 Posts
Top