SkyscraperCity banner
1 - 18 of 18 Posts

·
Registered
Joined
·
20,282 Posts
Discussion Starter · #1 ·
Coloco aqui esta notícia que gostaria que me confirmassem...

EM DEFESA DO PATRIMÓNIO CULTURAL FERROVIÁRIO DO NORTE

Sabe que querem levar da estação de Nine (V. N. De Famalicão) o tesouro ferroviário que ali se guarda?
Este património ferroviário é único na europa!
Este património cultural ferroviário faz parte da nossa identidade!
Este património é uma base imprescindível para valorizar e fazer crescer a economia!
Este património é parte integrante da cultura e identidade do Minho, do Porto, do Douro e de Trás-os-Montes.
Impeça que o retirem do Minho!
Não permita que outros se aproveitem do seu valor!
Este património é seu há 140 anos!

Os signatários
http://www.porto.taf.net/dp/node/8511
 

·
Registered
Joined
·
20,282 Posts
Discussion Starter · #3 ·
De retirar do depósito de Nine de locomotivas e carruagens históricas que ali estavam guardadas formando um núcleo museológico.
 

·
Pexito na Alma
Joined
·
4,239 Posts
qual o porquê? E para levar para onde?
 

·
Registered
Joined
·
909 Posts
O material ferroviário museológico de Nine estava nas colcheiras da antiga estação de Braga (visitável, fui lá algumas vezes). Ora como é tipico do estado lisboeta para com Braga, desvia-se para o lado, deixa-se estar mais um bocadinho, e depois pimba, ou vai para o Porto ou Lisboa (que neste caso deve ser o Entroncamento).
 

·
Registered user
Joined
·
10,692 Posts
O material ferroviário museológico de Nine estava nas colcheiras da antiga estação de Braga (visitável, fui lá algumas vezes). Ora como é tipico do estado lisboeta para com Braga, desvia-se para o lado, deixa-se estar mais um bocadinho, e depois pimba, ou vai para o Porto ou Lisboa (que neste caso deve ser o Entroncamento).
Porto-Braga 45km
Porto-Coimbra 110km
Lisboa-Entroncamento 110km

Vai la dizer aos de Coimbra que são do Porto/Norte se tiveres coragem!
 

·
Registered
Joined
·
909 Posts
Mas em Nine não há nada?
Como assim? Estás a perguntar se existe núcleo museológico? Não. Nas cocheiras, se ainda não foi despachado para o Entroncamento, tinha lá as locomotivas do antigo núcleo ferroviário de Braga (as primeiras a andar na linha do Minho).
O que não se percebe é com a renovação da linha em 2003, criou-se o núcleo museológico de Lousado mas só puseram lá o material da linha estreita. Podiam ter posto também as da linha larga que estavam em Braga, em vez de as encostar.
 

·
Moderator
Joined
·
182,111 Posts
Núcleo Museológico de Lousado


O Museu Nacional Ferroviário – Núcleo de Lousado situa-se na freguesia de Lousado, Concelho de Vila Nova de Famalicão, junto à estação de caminhos-de-ferro, no entroncamento entre a Linha do Minho e a Linha de Guimarães. O Museu está sobre tutela da Fundação Museu Nacional Ferroviário, sendo gerido em parceria com a Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão. O edifício ocupa a totalidade do antigo complexo oficinal da Companhia de Caminhos-de-Ferro de Guimarães, com uma área aproximada de 1400 m2.

O Núcleo de Lousado é um projeto alternativo à antiga Secção Museológica, aberta ao público no ano de 1979 do século XX, por iniciativa de Armando Ginestal Machado, grande impulsionado da museologia ferroviária em Portugal – que foi demolida por força das obras de modernização e eletrificação das Linhas do Minho e de Guimarães.

Em termos de arquitetura, foram respeitadas as tipologias, funções e materiais construtivos dos edifícios. A implementação do Museu desenvolveu-se com base nas boas práticas da museologia contemporânea, contemplando áreas de acesso público e privado, espaços de acolhimento ao público, loja, visitas guiadas e garanta de mobilidade de todos os visitantes.

Considerado como um dos pólos de maior relevância no contexto ferroviário português, o acervo é constituído por material circulante, na sua maioria de via estreita, bem como acervo ferroviário de variadas tipologias, destacando-se os equipamentos de via e obra, bilhética, oficina e serviços educativos.

Relativamente ao material circulante exposto, o mesmo está organizado cronologicamente e tem como objetivo principal mostrar diversas locomotivas e carruagens. Este material foi construído entre 1875 e 1965, é originário de oito companhias, tendo sido adquirido a seis países e quinze construtores.
 
1 - 18 of 18 Posts
Top