SkyscraperCity banner
1 - 2 of 2 Posts

·
Expansão São Paulo
Joined
·
636 Posts
Discussion Starter · #1 ·
A ponte sobre o Ribeirão dos Meninos, que liga os municípios de São Paulo e São Caetano do Sul, próximo à Avenida Guido Aliberti, será liberada ao tráfego até o fim de maio. As obras começaram em janeiro deste ano, durante vistoria do governador Geraldo Alckmin no local. Para cerca de 60 mil moradores destas cidades, a reabertura da passagem representa o fim de muitos problemas. Hoje, eles precisam percorrer mais de um quilômetro para fazer a ligação, ficando isolados de empresas, supermercados e pronto-socorro. Com a ponte, serão apenas 25 metros de separação intermunicipal.

A moradora Wilma Maria Felpoldi, 46 anos, vive no bairro paulistano de São João Clímaco, localizado na divisa com São Caetano. Segundo ela, o tempo do percurso ficou até 40 minutos maior sem a ponte. “Agora, vão devolver a qualidade de vida para a nossa região”, relatou. A obra é esperada há mais de dois anos pela população. Em outubro de 2002, um forte temporal destruiu a antiga construção.

O superintendente do Departamento de Águas e Energia Elétric (DAEE), Ricardo Borsari, informou que toda a estrutura de sustentação da ponte do lado de São Caetano já está implantada. “Estamos concluindo a parte de São Paulo para refazer essa importante ligação”, destacou. O investimento na obra é de R$ 772 mil, dividido entre Governo do Estado, prefeituras de São Paulo e de São Caetano.

A nova ponte contará com uma faixa de veículo para cada sentido e acesso de pedestres em ambos os lados. Atualmente, a circulação das pessoas é feita por uma passarela improvisada. Wilma Maria conta que muitos moradores vivem em um município e trabalham no outro. “Está complicado. Tem gente que já perdeu o emprego, porque não estava mais conseguindo chegar no horário. Também está difícil fazer compra e, principalmente, chegar no pronto-socorro, o que é um grande risco”, lamentou.

Líder comunitária do seu bairro, Wilma lembra que desde a ocorrência do temporal o Governo do Estado se prontificou a reconstruir a ponte. “Mas ali começou a nossa luta, pois essa é uma obra que também dependia das prefeituras de São Caetano e São Paulo. São Caetano também quis colaborar, mas em São Paulo não conseguimos o acordo até o fim de 2004”, lembrou.

Piscinões na região

Os escombros da antiga ponte chegaram a impedir o escoamento do Ribeirão dos Meninos e facilitaram a ocorrência de enchentes na região. Borsari ressaltou que o Estado está fazendo um grande esforço para combater as inundações no ABC. Ele informou que o objetivo é inaugurar o piscinão Cerâmica São Caetano também até o fim de maio. “Com este reservatório, serão 15 em operação na região. E há ainda mais um em licitação em São Bernardo do Campo”, disse.
 
1 - 2 of 2 Posts
Top